A canção de Carl Sagan

Indiscutivelmente, Carl Sagan foi um dos maiores– senão o mais famoso – divulgador científico da Era Contemporânea. Sua inesquecível série Cosmos (disponível na sua rede P2P favorita) foi responsável por muitos jovens quererem seguir a carreira científica, como este que vos escreve. Sua frase mais emblemática talvez tenha sido “Para se fazer uma torta de maçã, é necessário que se crie o Universo”, seguido de “Estamos na praia do Oceano Cósmico(…) e a água parece convidativa”.

Stephen Hawking é uma das maiores mentes em termos de Física Teórica da atualidade. Nem mesmo a doença degenerativa ELA (esclerose lateral amiotrófica) foi capaz de parar sua mente, desvendando mistérios do início do Universo.

Estes dois juntos formam a síntese do moderno cientista, que não se esconde mais em porões de castelos, mas que quer que toda a humanidade descubra as maravilhas da Natureza. Agora, podemos transformar dois dos maiores astros (trocadilho mais que adequado) da Ciência em música? Sim, podemos e foi isso que foi feito.

A música e o vídeo abaixo foram editados e mixados por John Boswell, e vocês podem baixar tanto o arquivo de vídeo quanto a música em seu site. A letra está embaixo do vídeo.

A Glorious Dawn

If you wish to make an apple pie from scratch
You must first invent the universe

Space is filled with a network of wormholes
You might emerge somewhere else in space
Some when-else in time

The sky calls to us
If we do not destroy ourselves
We will one day venture to the stars

A still more glorious dawn awaits
Not a sunrise, but a galaxy rise
A morning filled with 400 billion suns
The rising of the milky way

The Cosmos is full beyond measure of elegant truths
Of exquisite interrelationships
Of the awesome machinery of nature

I believe our future depends powerfully
On how well we understand this cosmos
In which we float like a mote of dust
In the morning sky

But the brain does much more than just recollect
It inter-compares, it synthesizes, it analyzes
it generates abstractions

The simplest thought like the concept of the number one
Has an elaborate logical underpinning
The brain has it’s own language
For testing the structure and consistency of the world

A still more glorious dawn awaits
Not a sunrise, but a galaxy rise
A morning filled with 400 billion suns
The rising of the milky way

The sky calls to us
If we do not destroy ourselves
We will one day venture to the stars

[Hawking]
For thousands of years
People have wondered about the universe
Did it stretch out forever
Or was there a limit

From the big bang to black holes
From dark matter to a possible big crunch
Our image of the universe today
Is full of strange sounding ideas

[Sagan]
How lucky we are to live in this time
The first moment in human history
When we are in fact visiting other worlds

A still more glorious dawn awaits
Not a sunrise, but a galaxy rise
A morning filled with 400 billion suns
The rising of the milky way

A still more glorious dawn awaits
Not a sunrise, but a galaxy rise
A morning filled with 400 billion suns
The rising of the milky way

The surface of the earth is the shore of the cosmic ocean
Recently we’ve waded a little way out
And the water seems inviting

Realmente somos sortudos por termos tido homens e mulheres, os quais se preocuparam – e ainda se preocupam – em ajudar a desenvolver o intelecto da humanidade, privando-nos de ficarmos apenas com crendices tolas, e nos preparar para a grande viagem pelo conhecimento, pela Sonoridade do Universo.

“O Céu nos chama! Se nós não nos destruirmos, um dia estaremos nos aventurando até as estrelas”
– Carl Sagan


Depois de ter visto isso, que tal assistir ao RAP do LHC que publicamos no ano passado?

13 comentários em “A canção de Carl Sagan

  1. Bom demais… Isso é a prova que há beleza e um grande desafio na ciência….
    A beleza de tentar compreender os mistérios do Universo com muito trabalho e humildade.
    Parabéns pelo site.

  2. Cara que trabalho legal! Confesso que não sou muito ligado em música como um todo, mas essa me agradou não só pelo tema pelo qual sou um grande admirador mas também por quem emprestas as vozes para serem sintetizadas. Sagan foi um cientistas com uma sensibilidade rara para traduzir a realidade geralmente formatada da pesquisa para uma linguagem poética. Alguns trechinhos que não precisaram ser modulados pois já se encontravam no tom correto da música revelam a voz do Sagan e imediatamente me lembro do documentário Cosmos.

    Tem gente que tem que viver em um ambiente impregnado de música e lirismo , talvez imergir em livros e mais livros de poesia ou gigas e gigas de música para experimentar a criação de coisas como “The surface of the earth is the shore of the cosmic ocean” que sempre foi uma de minhas frases favoritas. Carl precisou apenas de uma profunda admiração, contemplação e amor pelo desconhecido e pelo prazer de encaixar uma pequena peça de quebra-cabeça de um jogo infinito sem caixa para guiar a montagem.

  3. A série cosmos também fez minha cabeça,na época eu ainda era crente por livre e espontânea pressão mas resolvi então largar aquela babaquice em definitivo e o pior era minha mãe que sempre assistia o tal Jimmy Swaggart(aquele das putas) bem na hora do cosmos,mas os tempos mudaram,felizmente :wink:

  4. A música é muito massa, curti valendo :grin:

    Seria excelente se John Boswell fizesse um álbum inteiro com canções assim.
    Sci-synthpop rules!!! :grin:

    E pensar que aqui as letras mais cantadas são de Falso Forró e de swingueira! :mad:

  5. Apesar da boa vontade do autor do clipe/música, eu não achei um masterpiece.

    Mas se uma coisa é fato, é a paixão que Sagan conduz suas frases, alguns momentos da serie Cosmos são de estremecer.

  6. Fico imaginando com seria “viajar” pela mente de Stephen Hawking e conseguir vislumbrar o que se passa naquele universo. Nossa!!!

Deixe uma resposta para Beth Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s