Uma eulogia

Eu me lembro quando te vi pela primeira vez. Você era brincalhão como toda criança. Gritava alto, mordeu os meus sapatos e arrancou as minhas meias. Isso faz mais de doze anos, e me lembro como se fosse hoje. Eu vi quem vive era é você viu quem eu era. A diferença é que você não se importou com o tipo de pessoa que eu era, mas eu percebi o tipo de cãozinho que você era.

Continuar lendo “Uma eulogia”

A Verdadeira História da Idade Média

Você pensa que sabe algo sobre a Idade Média. O caos sem sentido, os belos castelos, a imundície, os garbosos cavaleiros, a ignorância exacerbada, as Cruzadas, as iluminuras, as pestes devastadoras, os monastérios, a influência da religião, a Queda de Roma, a ascensão do Islã, o período do retrocesso, a tão-chamada Idade das Trevas. De início posso dizer: você apenas tem fragmentos, mas História não é feita de fragmentos. Fragmentos de informações são como pedras; você pode construir conhecimento com eles, como um castelo é feito de pedras. Mas um amontoado de fragmentos não são a História propriamente dita como um amontoado de pedras não é um castelo. Continuar lendo “A Verdadeira História da Idade Média”

Jornaleirismo raiz transforma gente porca em notícia

Eu não sei oque há com o mundo. Acho que uma francelização ou algo do gênero. Isso não está só afetando idiotas, mas a imprensa parece achar que isso é uma excelente ideia. Convenhamos, a meta dela está sendo atingida, já que postar gente porca que acha que tomar banho é overhated dá retorno.

Continuar lendo “Jornaleirismo raiz transforma gente porca em notícia”

Melhores artigos de 2022 parte 5

E este é o último post trazendo os melhores artigos de 2022. Era para ter apenas 11 artigos como os demais, mas aí eu me lembrei de alguns de última hora e adicionei. Foi um bom ano com muitos bons artigos e teremos outros artigos ótimos neste ano que se iniciou dia primeiro, mas pro Ceticismo.net começa agora.

Continuar lendo “Melhores artigos de 2022 parte 5”

Melhores artigos de 2022 parte 3

Teve muita coisa este ano, né? Ainda mais que eu parei de dar notícia de pesquisas científicas, pude trazer artigos melhores. Pude e tive que me esforçar mais, e eu não reclamo. Devia ter feito antes, mas agora é tarde, blogs são mortos, mas sempre tem meia dúzia querendo ler o que e tenho para escrever. Vamos a terceira parte.

Continuar lendo “Melhores artigos de 2022 parte 3”