Category Archives: Engenharia

Enzima boladona detona plásticos, trucida, aniquila, devora e se empanturra. Ok, não é nada disso

Você sabe que, hoje, a enorme quantidade de plásticos joganos no ambiente é algo absurdo, principalmente as garrafas PET. Há muito tempo busca-se meios para conter esta poluição toda.

Você também deve ter lido, ouvido ou visto sobre uma enzima com poderes mágicos de comer plástico. Bem, esqueça. Não é nada disso. a começar que enzimas não comem nada, pois, sequer são seres vivos. O máximo que a respectiva enzima faz é catalisar (e enzimas são muito boas nisso) a degradação do plástico em substâncias mais simples. Só que pessoal confundiu com o termo “digestão química”, que é quando uma substância atua sobre a outra, degradando esta segunda substância. Aí, os jornaleiros que traduziram com o Google translator, meteram essa de enzimas comedoras de plástico. Mas como é isso?

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Pesquisa brasileira mostra como melhorar eficiência no cultivo de soja

Por muito tempo, o Brasil liderou a produção e exportação mundial de soja, mas nossa incompetência endêmica nos fez perder o posto de maior exportador de soja do mundo para os Estados Unidos. Da produção mundial de pouco mais de 351 milhões de toneladas de soja, com uma área cultivada e aproximadamente 121 milhões de hectares, os EUA produzem 117,2 milhões de toneladas do referido grão em uma área de 33,48 milhões de hectares. Já o Brasil produz 113,92 milhões de toneladas de soja em uma área de 33,89 milhões de hectares, tendo uma eficiência de plantio inferior ao dos EUA, que não parece muito, mas quando jogamos na tabela em termos de milhares de hectares (1 hectare é um hectômetro quadrado ou 10 mil m2). Fonte

A soja é importantíssima e estratégica, já que é um alimento rico em proteínas, podendo ser usada para consumo humano e de animais. O problema é proteínas são moléculas que precisam de boas quantidades de nitrogênio para que sejam estabelecidas ligações peptídicas; isso acarreta que seu cultivo demanda alta concentração de nitrogênio no solo. Como podemos melhorar a eficiência no cultivo? Ora, tendo mais nitrogênio no solo, é claro. Fácil, não? Como fixaremos mais nitrogênio?

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Impressoras imprimindo estetoscópios causam boa impressão

Impressoras 3D estão como bluetooth: tudo fica melhor com elas. Seu barateamento acaba sendo a chance de termos em larga escala uma série de produtos, desde várias estatuetinhas do Yoda até algo importante e nem sempre muito barato (mesmo para padrões lá fora. Aqui no Brasil tudo é caro, mesmo, de qualquer forma).

Agora, pesquisadores estão produzindo aparelhos médicos usando apenas impressoras 3D, e ao que parece os resultados são muito bons.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Ejeções de Massa Coronal de uma forma como você nunca viu… EM 3D!!!

O Sol parece tranquilinho (apesar dos muitos milhares e milhões de graus de temperatura, e uma gravidade altíssima em seu interior, oque faz criar novos elementos). Essa aparência é só isso: aparência. O Sol está sempre em atividade, às vezes mais intensa, à vezes, menos intensa. Uma dessas atividades hardcore é a ejeção de massa coronal, que são erupções de plasma hiperaquecido (mesmo para os padrões de um plasma, que é gás ionizado a alta temperatura) de forma abrupta e são cuspidas para fora da coroa solar. Estas ejeções são levadas pelo Espaço, e ajudam a formar o Vento Solar (mas não exclusivamente), e isso pode ser muito legal de se observar, ou muito ruim pois pode afetar nossos satélites, podendo até dar o azar de fritar alguns milhões de dólares em equipamento em órbita.

Agora, pesquisadores da NASA utilizaram a combinação de dados de três satélites para produzir um robusto mapeamento de uma ejeção de massa coronal, modelando em 3D o que está acontecendo lá no Sol.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

ONG “veste” estátuas com próteses pros seus membros amputados

Eu não sou de Humanas, sabe? Eu não consigo ter a evolução mental e filosófica para entender certos vieses neoclássistas e como intelectuais austríacos viam o mundo, refletindo sobre as condições birguesas e o avanço da sociedade eugenista. Eu não consigo, portanto, ver nada de ruim em próteses, apesar de alguns acharem que isso é apenas externar eugenia e preconceito. Próteses são uma forma de fazer pessoas que perderam membros terem uma vida melhor, e viverem melhor consigo mesmas.

Assim, um ONG de caridade chamada Handicap International fez uma campanha para conscientizar pessoas, equipando uma série de estátuas de Paris com próteses para os membros. E ficou muito legal.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Respostas a perguntas sobre o Cinturão de Van Allen

O vídeo sobre o cinturão de Van Allen é muito legal, com informações. Mas o pessoal gosta do mundo mágico conspiracionista. Daí, ficam lá nos comentários me xingando, enquanto mostram que não sabem nem escrever direito, quando mais saber algo de física. Este vídeo e para responder a um questionamentozinho que recebi por email de alguém chamado Cosme (não riam do nome dele, ok? Ele não tem culpa do nome, só de ser burro).

Vamos às respostas?

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

O ranço contra um carro voador e um Homem das Estrelas

Ontem a SpaceX fez algo maravilindo. Mandou um carro para o Espaço. Quer, dizer, não como Brasil fez com seus profissionais na base de lançamento em Alcântara. Ela realmente mandou um Tesla Roadster para a Fronteira Final no num Falcon Heavy, um foguetão modafóca que só perde para o Saturno V, o foguetão ultramegablastermodafóca que levou o Homem à Lua. Foi a vitória da persistência e sagacidade humana. Finalmente pode-se dizer: Em 1980 achávamos que no século XXI teríamos carros voadores. Hoje, nós temos:

Antes de continuar. Dê o play na música:

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

A Ida do Homem à Lua – Resposta aos idiotas

Ontem foi um dia muito legal. Num papo no twitter, resolvemos acabar com estas besteiras de que alegam ser “questionamentos”!, mas que não passa de diarreia mental, criticando a ida do Homem à Lua. Normalmente, aquelas xaropadas de sempre, que estamos cansados de rebater. Não porque realmente queremos explicar a estes retardados, mas para falar com pessoas que buscam informação. Então, o Sérgio do Space Today, o Lito do Aviões e Música, o Cardoso do Contraditorium e o Junior Miranda, do Homem do Espaço resolveram fazer uma live para conversar sobre o assunto.

Ah, sim. Algum psicopata achou que estes cavalheiros precisavam de alguém manso e puro de coração. Como não encontraram, chamaram a mim, que cheguei dizendo que eu ia falar mal dos imbecis. Perdeu a live? Não final, você poderá vê-la agora.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Os melhores artigos de 2017 parte 1

Todo ano eu coloco uma seleção daqueles que eu considero os melhores artigos. Claro, muitos eu tenho que deixar de fora. Gosto de todos eles. A seleção é na base de “hummm, esse, esse não, aquele sim, esse outro…”. É praticamente a minha opinião de como eu me lembro do artigo e como eu o escrevi.

Esta é a parte um desta seleção (serão duas partes, no total). Que tal vocês colocarem a seleção de vocês nos comentários?

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Voyager 1 liga o turbo e vai pra mais longe, mais rápido

A Voyager 1 é uma sonda fantástica. Lançada em 5 de setembro de 1977, está a absurdos 21 bilhões de quilômetros da Terra, ou cerca de 141 vezes a distância entre a Terra e o Sol, viajando a uma velocidade de mais de 60.000 km/h. Alguns dizem que ela já saiu do Sistema Solar e já está no Espaço interestelar, mas isso ainda é discutível. Não se sabe ainda os limites de nossos Sistema. No entanto, ainda podemos comunicar com a Voyager através dessa distância.

Só que os cientistas do projeto fizeram algo um tanto especial (mas muito amado): Eles deram instruções para a Voyager disparar um conjunto de quatro propulsores de trajetória pela primeira vez em 37 anos para determinar sua capacidade de orientação.

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας