Stephen Hawking tem medinho da Inteligência Artificial malvada

Eu tenho muitas opiniões. Às vezes eu mudo, mas algumas não tem como. Eu sustentarei até a morte. Uma delas é que o Stephen Hawking já morreu, sua cadeira adquiriu consciência e fica arrastando o cadáver de um lado pro outro enquanto fala com todo mundo, enganando os manés fazendo-os pensar que estão falando com o próprio Stephen.

Agora a cadeira, digo, o Hawking soltou mais uma das suas ao pedir aos líderes mundiais que mantenham a tecnologia sob controle antes que ela possa destruir a humanidade. Tenho certeza que um modo do Skynet desviar as atenções.

Continuar lendo “Stephen Hawking tem medinho da Inteligência Artificial malvada”

Stephen Hawking diz que o Universo não precisou de Deus para ser criado

cartao-vermelho.jpgSempre circula por emails, ou em comunidades, fóruns ou em blogs a mesma ladainha de sempre, trazendo um monte de personalidades famosas com frases dúbias que “provam” que Deus existe. Tudo na linha do “Newton acreditava em Deus, logo Deus existe”. Isto chega às raias do absurdo ao declararem que Einstein acreditava em Deus (quase) e que era cristão (completa mentira). De fato, Einstein chegou a acreditar em Deus, só que ele era JUDEU na mocidade, até ficar totalmente cético quanto à existência do Hippie Galileu. Assim, como não poderia deixar de ser, as criaturinhas de notocordas atiçadas vivem pregando aos 4 ventos que Stephen Hawking “provou” que Deus existe. O problema é que nosso amigo físico deu um banho de água gelada e ainda jogou cubos de gelo em cima da crentalhada ao afirmar em seu mais recente livro que o Universo não precisou de Deus para ser criado. Ô Glória!

Continuar lendo “Stephen Hawking diz que o Universo não precisou de Deus para ser criado”

A canção de Carl Sagan

Indiscutivelmente, Carl Sagan foi um dos maiores– senão o mais famoso – divulgador científico da Era Contemporânea. Sua inesquecível série Cosmos (disponível na sua rede P2P favorita) foi responsável por muitos jovens quererem seguir a carreira científica, como este que vos escreve. Sua frase mais emblemática talvez tenha sido “Para se fazer uma torta de maçã, é necessário que se crie o Universo”, seguido de “Estamos na praia do Oceano Cósmico(…) e a água parece convidativa”.

Stephen Hawking é uma das maiores mentes em termos de Física Teórica da atualidade. Nem mesmo a doença degenerativa ELA (esclerose lateral amiotrófica) foi capaz de parar sua mente, desvendando mistérios do início do Universo.

Estes dois juntos formam a síntese do moderno cientista, que não se esconde mais em porões de castelos, mas que quer que toda a humanidade descubra as maravilhas da Natureza. Agora, podemos transformar dois dos maiores astros (trocadilho mais que adequado) da Ciência em música? Sim, podemos e foi isso que foi feito. Continuar lendo “A canção de Carl Sagan”

Para Hawking, LHC não ameaça a Terra

Os alarmistas de plantão estão com seus orifícios bem fechadinhos. Cristãos estão esperando o arrebatamento! Mórmons estão pregando que Jesus vem pela 3ª vez. O mundo está pronto pra ir pro ralo! Um buraco afro-brasileiro negro se abrirá e milhares de demônios sairão e tomarão conta do mundo. Preparai-vos, ó pecadores. MUAAAHAHAHAHA

Infelizmente, para este bando de toscos, não há nenhum perigo quando o LHC entrar em funcionamento. Se não acreditam em mim, acreditem em Stephen Hawking. Eu creio que ele entende disso um pouquinho; mesmo porque, Oxford Cambridge não daria a cadeira que pertenceu a Isaac Newton a um camarada, só por causa de uma cadeira de rodas estilosa e mais avançada que muito laboratório de informática de faculdade. Continuar lendo “Para Hawking, LHC não ameaça a Terra”