Artigos da Semana 134

Esta semana foi de emoções, com o Brasil indo, indo, indo e não acabou “fondo”, com o Tite conseguindo fazer mais besteiras que o Neymar. Não tem escapatória, todo mundo no trabalho normal na próxima terça-feira. O que se pode fazer? Acho que aproveitar o dia de hoje para ler o que foi postado na semana.

Procurador do Irã disse que acabou a polícia moral. Só tenho uma coisa a dizer

Confia, irmão. Vai confiando, mesmo.


Wetterstein e a maravilha estupenda de suas montanhas

Um fabuloso timelapse de uma região magnífica entre a Alemanha e a Áustria.


Grandes Nomes da Ciência: o Homem Velho de Croghan

Para mim, mesmo múmias (naturais ou feitas pelo Homem) são grandes receptáculos de conhecimento, e por que não dizer? Agentes científicos. Aqui uma história de alguém muito poderoso que não teve final feliz.


Como remédios e tratamentos eram receitados de boca em boca

Todo mundo tem uma receitinha ótima para algum remédio. Antigamente era mais pronunciado, já que médicos eram caros. Aqui eu conto um pouco sobre isso, com um festival de informações que eu duvido que você conhecia.


Funcionário sério em empresa engraçadinha não dá final feliz

Uma empresa pode fazer muito pouco para seu funcionário se sentir bem, mas facilmente pode fazer muito para acabar com a auto-estima dos outros, ainda mais quando banca a empresa engraçadona. Um pobre funcionário do tipo caladinho se cansou das maluquices good vibes da empresa em que trabalhava e foi demitido e meteu no pau.


Divirta-se causando uma catástrofe

Todo mundo gosta de bancar a criança malvada e sair destruindo tudo. Bem, com este site você poderá jogar pedregulhões espaciais onde você quiser. Não é maneiro?

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s