Mais uma prova que homeopatia não passa de besteira, mas você já sabia disso

Prefeito decreta jejum para combater dengue. Darwin fez joinha
Católicos tem ataque de pelanca por causa de Nossa Senhora estilo Batman. Eu compraria!

Se você acompanha Ceticismo.net, seja aqui, nas redes sociais ou no canal do YouTube (os links estão nos botões no topo) sabe o amor que temos por Homeopatia e besteiras similares. Se você nos segue e continua acreditando nesta bosta, você só pode ser masoquista. Se nos acompanha tentando achar algum furo para vir com seus dejetos mentais como “AHÁ!”, só digo uma coisa: “that’s not gonna happen”.

Agora, o que estão chamando de “análise mais detalhada sobre os efeitos da Homeopatia” conclui o que já dissemos há muito, muito tempo: este besteirol não serve nem pra regar planta.

A grande máfia da indústria farmacêutica quer esconder de você que as grandes indústrias homeopáticas (com remédios custando beeeeeeem caro) estão certas. O problema é uma coisinha chamada “Realidade”. Realidade essa que esquecem de dizer que a indústria de placebos do mal, digo, remédios homeopáticos movimentam uma indústria bilionária [1] [2] [3] (perceberam que eu coloquei até site natureba e que defende homeopatia? Não é ataque gratuito da Big Pharma, então). Não, Homeopatia não é coisa de pobrinhos. Prestem atenção nisso, ok?

O dr. Paul Glasziou é professor da faculdade de Medicina e Ciências da Saúde da Universidade Bond, na Austrália. Acho melhor ninguém se meter com ele ou o cara soltará seus cangurus marombados e ornitorrincos ninjas. Glasziou tem até um blog no site do British Medical Journal, um dos mais renomados periódicos científicos voltado para Medicina. Sabem quando eu falo “Show Me The Paper?” Pois, é. O BMJ é um deles; uma pena que ninguém da turminha conspiracionista nunca encontra nada lá. Não sei por quê.

De acordo com Glasziou, Homeopatia não cura nenhuma das doenças que ele avaliou, entre alergia, asma, fibromialgia, diarreia e até condições mais específicas, como afasia de Broca. Não é possível que ela cure.. sei lá. Mal estar, “ziquizira”, “coisa”, “num tô bem” entre outros diagnósticos populares que pode abranger desde unha encravada até câncer.

Não, câncer, não. Câncer se cuida com fosfoetanolamina, que não é muito diferente de remédio homeopático, a começar pela ausência de papers.

Glasziou disponibilizou um documento em PDF com todas as pesquisas. Adivinhe quantas delas comprovam os efeitos da Homeopatia. Não satisfeito, saiu um trabalho publicado no Conselho de Pesquisa Médica e Saúde Pública australiano. O resumo do trabalho?

Foram avaliados 176 ensaios clínicos individuais, focados em 68 condições diferentes, e teve duas conclusões:

1) Não há nenhuma evidência de que a homeopatia funciona melhor do que placebo (com a diferença que placebo é honesto e não fica inventando poderes mágicos para “tentar” explicar como funciona)

2) Os pacientes podem prejudicar-se se usarem a homeopatia em vez de terapias eficazes, isto é, se medicina alternativa funcionasse, seria chamado de “Medicina”

Acho que o mais divertido disso é ver que a notícia saiu na Super (Des)interessante, que volta e meia traz assunto de Homeopatia e o pessoal ama de paixão, citando até como fonte. mas, milagrosamente, a Abril passou a ser vilã e está no bolso das grandes indústrias farmacêuticas. Leiam os comentários e riam.

Ou não leiam. Vai que eles lhe deem câncer? Daí você teria que se encher de remédio homeopático. Antes de fazerem isso, por gentileza, não esqueçam de passar os seus bens pro meu nome. Obrigado, falow, valew!


Fonte: Independent e Independent

Prefeito decreta jejum para combater dengue. Darwin fez joinha
Católicos tem ataque de pelanca por causa de Nossa Senhora estilo Batman. Eu compraria!

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Quer opinar? Ótimo! Mas leia primeiro a nossa Polí­tica de Comentários, para não reclamar depois. Todos os comentários necessitam aprovação para aparecerem. Não gostou? Só lamento!

  • O maior prejuízo que a Indústria farmacêutica poderia sofrer é com a parada da venda de homeopatia. Luro garantido com idiotas que nunca acabam de se multiplicar.

  • Craudin El Peludón

    Hoje, ao ler esse terrível texto, que tenta ATACAR minhas crenças, tentei o suicídio homeopático, tomando uma porção de 1/1.000/1.000.000 de beladona. Estou esperando fazer efeito, mas saiba você, André, que TEM A MINHA MORTE NAS COSTAS!

    Craudin El Peludón respondeu:

    Não morri ainda, mas TENTAREI! Dessa vez aumentarei a dosagem para 30ml!!!!!

    Márcio S. respondeu:

    Se continuar a aumentar de pouco em pouco vai passar pelo desconforto ou da hiperglicemia ou da super-hidratação. É melhor se afogar logo no oceano portando um frasquinho desse treco aí! Lembre-se: quanto mais diluído, mais potente o fármaco homeopático! (Só não me pergunte como dinamizar o mar sem ser com tsunamis!);-)

  • Tinha lido isso ontem. Ia postar o respectivo link nesse artigo do Cet.net só a título de complementação. Mas creio que, por efeito colateral de algum remédio alopático que estou tomando, achei que o Arstechnica é que tava atrasado quase um ano, visto me parecer se tratar exatamente do mesmo estudo…

    (Já mandei links de artigos que julguei interessantes pelo Fale Conosco para evitar poluir o espaço de comentários, mas acho que devem ter caído na caixa de spam ou desagradado aos donos do blog, vai saber. :S )

  • Exumador de Crocs

    A crença que funciona esta mais presa que uma craca, o jeito é deixar o teste empírico por conta do povão.

  • Alarico Caiser Soze

    Ajudou minha filha, coisa que médicos alopatas (com várias especializações) e vários remédios alopatas não conseguiram (isso depois de anos). E aí? É besteira? Antes de condenar terapias alternativas, espere até ter algo que a ciência e a medicina moderna não te ajudem, nem aliviem, sofra muito e depois responda.

    Pryderi respondeu:

    “Ajudou minha filha”

    Sua filha é “médica” homeopata, né?

    Lismar Cardoso respondeu:

    Essa imagem possui tanta credibilidade quanto sua evidência anedótica!!

    Alarico Caiser Soze respondeu:

    Acredite no que quiser. Cada um sabe o que passou e onde “aperta o calo”. Ceticismo aberto é bom, absoluto é burrice. Assim como os tratamentos alopatas, a homeopatia não funciona para todos. Eu mesmo já usei remédios alopatas, alguns funcionaram, outros não, o ser humano é muito mais complexo do que acredita a ciência “ortodoxa”. Passei por aqui esperando uma argumentação melhor, mas o cetico absoluto é igual ao crente absoluto. Nada a aprender aqui, até mais.

    Pryderi respondeu:

    Efeito placebo realmente funciona.

    Lismar Cardoso respondeu:

    Estás confundindo ceticismo com negacionismo, rapá! A partir do momento que comproves a eficácia do que estás propondo, através de artigos científicos revisado por pares, seus argumentos serão levados em consideração, mas sabemos que isso não acontecerá, não é?! Pois as evidências vão de encontro a sua crença; e seus argumentos se reduzirão sempre a ” conheço alguém…” “Já funcionou comigo…” Novamente, esse tipo de “prova” é tão crível quanto à imagem postada acima!

  • Eu escuto histórias assim todos os dias. Todo mundo é curado por homeopatia.

    Daí, vão examinar, teve um antibiótico no meio disso tudo…