Vítima de pseudociência morre de câncer. Mas vai que funcionasse…

A Ciência não existe de sacanagem. Fundamentalmente, a Ciência existe para proteger a Humanidade das merdas que a própria Humanidade faz. Ignorar a Ciência é se candidatar a ter sérios problemas, ou acabar de vez com os seus problemas, mas de uma forma um pouco… como direi… sofredora.

Naima Houder-Mohammed é um exemplo disso. Ela achou que esse negócio de Ciência era coisa de companhias farmacêuticas querendo explorar a população e resolveu se tratar com medicina alternativa. Darwin, o implacável, selecionou-a.

Eu e o Gilmar do e-farsas.com sempre alertamos contra essa insanidade de Medicna Alternativa, que se funcionasse, seria chamada apenas de Medicina. Normalmente nos xingam e ameaçam. Dizem coisas como “Mas vai que dar certo?”, “Vocês falam isso porque não é a família de vocês” ou “Tomara que vocês tenham câncer”, entre utras mostras de como a democracia brasileira se resume a concordar irrestritamente com os outros. Opinar é algo errado, fora com isso!

Bem, Naima não lê Ceticismo.net e nem o E-farsas.com. Quer dizer, atualmente ela não lê mais nada. Em 2010, ela foi diagnosticada com câncer de mama, se tratou e foi considerada curada. Em 2012, foi diagnosticado que seu câncer havia retornado. Ela catou todo tipo de cura alternativa, até chegar no chalartão chamado Robert O. Young.

Este vagabundo defende a ideia retardada que você fica doente porque fica ácido. Daí ele sugere que tratar as pessoas com bicarbonato de sódio é a perfeita arma contra qualquer doença…. inclusive o câncer.

Qualquer um que prestou atenção às aulas de Química sabe o que é uma solução-tampão. Não tem essa de bicarbonato fazer você ficar básico (isso vale pra você que acredita nas lorotas do Lair Ribeiro). O Tampão do sangue controla o pH. Seu sangue vai acidificar por vários motivos, e não vai ser bebendo solução bicarbonato que fará diferença. pode até beber soda cáustica.

Ah, mas ela estava desenganada pelos médicos.

Câncer é uma merda, mas 80% dos casos, quando descobertos a tempo, são curáveis. E não é por medicininha de Facebook. Naima correu atrás de Young que vendeu o seu tratamentozinho mágico. Valor? US$ 3 mil por dia. Sim, POR DIA! Todo mundo se empenhou. Ninguém questionou, pois se você questionar, estará errado e será um manipulado pela bilionária indústria farmacêutica.

Incongruente? Ois é, as pessoas não param para pensar que remédios homeopáticos movimentam uma indústria de bilhões de dólares e muitas das empresas da chamada Big Pharma TAMBÉM produzem remédios homeopáticos.

Foram 77 mil dólares dado de presente àquele vagabundo, que usa a desculpa “mas eu não obriguei ninguém a vir aqui e tenho que pagar massagistas”. Mas não era só alcalinizar o sangue? Mesma desculpinha de qualquer pseudocientistas que inventaram a cura do câncer (estou olhando pra você, Chierice!).  Mas vai que funcionasse, né? Mas nunca funciona.

Naima repousa no colo de Darwin. Não há grandeza numa morte assim. Não há consolo. Só há o desespero de saber que mais pessoas continuarão se tratando com este pulha, enganadas com promessas, desenganadas mediante a triste realidade: Se ao menos tivessem procurado um médico antes, estariam nesta estatística:


Valeu, Cardoso!


Fonte: G1

8 comentários em “Vítima de pseudociência morre de câncer. Mas vai que funcionasse…

  1. Já vi muita gente falando dessa parada de alcalinizar sangue e blá blá blá. Dia desses quando a pessoa veio dizer algo sobre isso eu comentei que ela deveria dar uma olhada em soluções tampão e também sobre alcalose e acidose sanguínea. Em relação à pessoa que veio a falecer de câncer, é lamentável ver as pessoas sendo tão facilmente manipuláveis e por uma fortuna como foi neste caso. Os 77K dólares seriam mais bem aproveitados num tratamento convencional com certeza.

  2. Caro André, se tiver a oportunidade de adquirir esse livro abaixo, fica a dica da leitura do capítulo 3, seção 2: The Vitamin that never was: B17. A semelhança com a fosfo não é pouca, bem como das reações da população e até do meio acadêmico. Se fizer uma busca no Google sobre vitamina B17 verá, como resultados, “Cura de câncer”, “Cura proibida”, “Lobby e cura de câncer” etc. Mais do mesmo: gente acreditando em mentiras.
    O livro é:
    100 Chemical Myths
    http://www.springer.com/us/book/9783319084183

    Bom para os estudantes lerem.

  3. Vi recentemente o caso do Marcelo Rezende, ele largou do tratamento convencional pra dar bola pro Lair e um “retiro espiritual”, o home postou um vídeo dizendo “está se recuperando!!”, nossa, ele parece um zumbi, nem consegue falar direito, esse aí, Darwin tá cuidando com gosto (não levem isso como pessimismo, é realismo puro)…

      1. Eu entendo, é péssimo receber tal diagnostico, meus avós morreram de câncer e não foi fácil pra minha família, mas tenho uma parte minha indignada com a situação dele, eu curto o jeito do Rezendo e gostaria de ver ele ainda na TV, mas é fato, ele tinha a opção dos tratamentos convencionais dos médicos, que ele abriu mão. O foda é que meu pai ta indo nessa onda, também (ele não tem câncer, mas é diabético) e se espelha muito nesses tratamento idiotas, e o do Rezende é mais um. O assunto é complicado, blz, e eu tenho essa preocupação, é que ele sendo uma pessoa influente na mídia, junto aos aumento de tratamento alternativos ineficazes, pode piorar o filme, espeeero estar errado, talvez eu esteja generalizando por conta do que passo em casa.

      2. Eu estava pensando nisso a poucos dias atras.
        Se a religião da pessoa nao interfere no tratamento, deixa a pessoa feliz pelo menos no momento final.

Deixe uma resposta para Jefferson Jr. Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s