USP é autuada por produção ilegal de fosfoetanolamina

DISCLAIMER 1) Este blog está no bolso das indústrias farmacêuticas, e queremos mais que vocês se ferrem e gastem dinheiro com medicamento que não funciona

DISCLAIMER 2) Você é um retardado se realmente acredita nisso.

FINALMENTE, alguém tomou uma atitude de macho e não se deixou se levar por besteiras surgidas das profundezas anais do Facebook. O Conselho Regional de Farmácia de São Paulo autuou a USP por produção indevida da fosfoetanolamina. Claro, os illuminatis da Big Pharma subornaram os fiscais para que eles não fizessem vista grossa sobre a produção feita nas coxas, graças a liminares retardadas dadas por juízes imbecis, pleiteadas por advogados canalhas.

Como era de se esperar, o processo de fabricação não segue nenhuma das normas de controle de qualidade, estipuladas pela ANVISA. Eu sei, caro retardado, que você vai reclamar até não poder mais. AZAR O SEU! Não se pode produzir remédios de qualquer jeito. E eu realmente preciso voltar a explicar que é preciso ter testes clínicos antes? Sim, preciso, porque a massa ignorante facebookiana quer porque quer que um medicamento que DIZEM curar todos os mais de 100 tipos de doenças conhecidas como "câncer"

Metam uma coisa na cabeça: Sim, é preciso fazer testes clínicos. E como começa? Com testes em ratos, depois coelhos, depois cães (oi, Instituto Royal! Você por aqui?), depois em macacos e só depois em seres humanos, que serão acompanhado não por dias ou semanas, mas por ANOS. Mesmos os medicamentos da Big Pharma passam por estes testes e, claro, tem os efeitos colaterais.

Mimimi quimioterapia fode com a pessoa.

Ninguém aqui é idiota de dizer que quimioterapia é um passeio no parquinho. Mas ela passou por inúmeros testes. Sim, ferra com a pessoa, mas os efeitos colaterais compensam quando vemos que se descoberto a tempo a taxa de cura é de cerca de 80%.

Meh, mas isso se descoberto a tempo.

Não tenho culpa se brasileiro odeia ciência e dá mais importância a tia rezadeira do que ir em médico.

A USP, mesmo sem ter condições de uma produção em massa – já que não é uma indústria – foi obrigada a produzir e distribuir essa bosta de remédio que não é remédio, que será distribuída às pessoas sem sequer receitar, já que não podem receitar porque aquilo não é certificado pela ANVISA que também acionou a USP a respeito. Nenhum médico vai ser maluco de receitar um remédio que não é remédio e ter o fiofó digerido pelo Conselho Regional de Medicina. Em outras palavras, ninguém sabe a dosagem certa. Dados do próprio irresponsável que quer porque quer que esta merda seja distribuída de qualquer jeito indica que 9mg a mais foi o suficiente para todas as cobaias (que estavam sendo testadas com câncer de mama Erlich, que acomete APENAS ratos e camundongos) morrerem. Todas, sem exceção. E se você vier com blábláblá que o nosso próprio corpo produz fosfoetanolamina e, por isso, ela é inofensiva, deixe-me lembrá-lo que um dos constituintes do suco gástrico é ácido clorídrico. Pega um copo de 200mL, encha com ácido clorídrico (comercialmente conhecido como ácido muriático) e beba tudinho.

Nisso, a Academia Brasileira de Ciências (sim, nós temos uma) publicou um documento que explica como se dá o processo de aprovação de um medicamento, que explica bem direitinho (e não será compreendido por 90% da população, já que larga maioria é analfabeta funcional e o restante é estúpida, mesmo) todo o processo de desenvolvimento e de registro de um novo medicamento, e que pode demandar até 12 anos, reiterando que a fosfoetalonamina não passou por todas as etapas.

É a verdade e a verdade tem que ser dita. Então, parem de frescura. Esta bosta não cura câncer nenhum, e se você acha que depoimentos servem de algo, deixe-me relatar alguns depoimentos:

Depoimentos podem ser qualquer coisa, até que o governo atual está lindo e maravilhoso; mas mostrar as provas que é bom…


Fontes:

30 comentários em “USP é autuada por produção ilegal de fosfoetanolamina

  1. Finalmente alguém teve colhões para barrar essa pouca vergonha! Ainda não consigo acreditar que juízes permitiram essa afronta a todo processo cientifico por trás de um medicamento.

    Quero ver esse tal “Dr.” se ajoelhando e implorando para o Conselho Regional de Farmácia de São Paulo não autuar, hahaha!

  2. Isso me lembrou da “medicina” alternativa, que receita chá de folhas de cajueiro pra curar esfaqueamentos, e transar com uma virgem pra curar a aids… Quem nunca né.

  3. Eita, que agora é que a bosta vai bater no ventilador com toda a força!

    Hora de fazer mais inimigos nas redes sociais! MUAHAHAHAHA!

  4. O Conselho de Farmácia não deveria ter autuado os juízes cabeça-de-bagre que obrigaram a USP a produzir medicamento de mentira?
    Estou com a impressão qeu a USP dessa vez tá apanhando que nem cachorro magro, sem nem poder ganir de dor.
    De um lado um bando de manés forçando a fazer um trabalho que não é dela, e de doutro lado um bando de doutores impedindo-a de fazer o trabalho que os manés a obrigaram.
    Parece algumas empresas onde trabalhei

  5. E você acha que isso é um elemento que comprova não existirem interesses escusos da indústria farmacêutica? Cético pra caramba, você, viu. Parabéns.

    Prove seu postulado.

    Aliás, a página deixa claro que você é tão cético e um amante tão compulsivo do método científico que as postagens que não concordarem com o seu ponto de vista vão ser sumariamente excluídas.

    Não me lembro de tr apagado. Veja você, por exemplo, está postando. (merda, mas está postando)

    Olha… é um ceticismo que só encontra paralelo na inquisição. Sei que o post vai ser excluído (ou nem vai ser liberado). Mas não tem problema. Ajuda a mostrar pro seu público o caráter do seu “ceticismo”.

    BUÁÁÁÁÁÁÁ, NÃO TENHO COMO CONTRARARGUMENTAR OU PROVAR AS MBESTEIRAS QUE MEU RETARDO MENTAL DEFECOU, ENTÃO VOU ATACAR O DONO DO SITRE. ME AMEM! BUÁÁÁÁÁÁÁ

    Acho também interessante como você diz que “não tem dosagem”, “não tem bula”, “não tem nada”, mas mesmo assim acha que tem elementos pra dizer que a produção “era feita nas coxas”.

    A PESQUISA, seu idiota, é feita nas coxas.

    Como você sabe, se não tem nenhum elemento pra dizer qual seria a forma de produção correta?

    Você sabe que eu posso comprar toneladas desse composto com 99,999999% de pureza, né?

    Ah, sim, você não sabe. Está desqualificando com base em especulação.

    Pelo menos, não sou analfabeto funcional.

    “o processo de fabricação não segue nenhuma das normas de controle de qualidade, estipuladas pela ANVISA” — Sim, nós sabemos. É por isso que ela não tem registro da Anvisa. Descobriu isso hoje? Tava em coma?

    Nope. Eu falei isso no meu vídeo e em artigos anteriores. Você é novo aqui, isso eu já notei. Também tem problemas, isso eu também notei.

    Não é bem assim que funciona. A Dilma Rousseff se curou de um linfoma em 2009 usando um medicamento que a Anvisa só liberou para nós, meros mortais, em 2014.

    Não, péra! Já se curava c^}ancer antes da fosfoetanolamina? E essa sua proposição é embasada mediante…?

    O Brasil é signatário de uma resolução da OMS que afirma ser um direito do paciente utilizar-se de tratamentos experimentais para prolongar a vida, obter a cura ou maior qualidade de vida.

    Depois de todo o processo de testes, que devem ser feitos em cobaias primeiro, e não só em ratos sendo testados com câncer de ratos, meu caro desinformado.

    A Anvisa, via de regra, só libera um medicamento quando o resto do mundo já liberou e não faz mais sentido segurar.

    Depois de diversos testes em cobaias e testes clínicos.

    Foi o caso do rituximabe que a Dilma usou. Foi o caso do cabidiol, que só foi liberado aqui depois que meio mundo já tinha autorizado.

    Obrigado. Você acabou de confirmar que ANVISA só libera medicamentos que passaram por tudo um mundo de testes em cobaias e tesdtes clínicos. Adoro quando os imbecis se refutam.

    E, por outro lado, há medicamentos que a Anvisa libera e que são terminantemente proibidos em outros países.

    Mas que passaram por testes clínicos ainda assim.

    Acho que você precisa desenvolver um pouco mais de ceticismo em relação à natureza de uma organização como a Anvisa.

    E eu acho que vc deveria ser menors ignorante no tocante à pesquisa científica.

    O que você chama de “teoria da conspiração”, os demais ramos de negócios que não a indústria farmacêutica chamam de “reserva de mercado”.

    (bocejo)

    Provas?

    Sim, medicamentos são atrasados para que se obtenha maior margem de lucro.

    Mas que passaram por testes clínicos, né?

    Isso é fato, conhecido, notório, documentado, no mundo inteiro.

    Publicações indexadas registrando isso, please.

    Achar que isso é “teoria da conspiração” é ser muito crente na boa vontade dos laboratórios.

    Tá, mas estamos falando dos testes clínicos. Por que seus queridos pesquisadores não os fizeram? Será que a Big Pharma os subornou também? Uma boa teoria, se eu pegar a sua como base. Daí, o olho desses pesquisadores cresceu, pediram mais dinheiro, as indústrias farmacêuticas se recusaram e eles de raiva resolveram soltar o “remedinho” só para sacaneá-los. Que tal? Uma teoria tão boa quanto a sua. Você prova a sua, eu provo a minha.

    A indústria farmacêutica é uma indústria. Como toda indústria, seu objetivo primordial é GANHAR DINHEIRO.

    Com a patente do ÚNICO remédio que cura todos os cânceres. Imagino que tendo isso, essas empresas iriam à falência.

    Se o paciente vai se curar ou não vai se curar, é um aspecto absolutamente secundário. Ponto.

    Desvio do assunto. E os testes clínicos?

    Se você tivesse lido ao menos UMA das pesquisas saberia que o fato de existirem mais de 100 tipos de câncer em nada afeta o funcionamento alegado da substância.

    Eu li que ela é bem eficaz contra câncer que só acomete os ratos.

    Sim, existem mais de 100 tipos de câncer. E todos eles têm algo em comum: suas células são anaeróbicas.

    E?

    Como o câncer afeta as funções das mitocôndrias, as células afetadas não “respiram” ar e, consequentemente, não entram em apoptose.

    E?

    É justamente aí que age a fosfoetanolamina, reativando parcialmente as funções das mitocondrias, ela sinaliza a existência de células doentes e o próprio sistema imunológico do paciente passa a combater a doença.

    E?

    Veja bem – COMBATER A DOENÇA. Não “curá-la”. Os únicos que disseram que a fosfo “cura” todos os tipos de câncer foram vocês, detratores.

    Nope. Foi o próprio pseudopesquisador quem disse.

    O que os pesquisadores sempre disseram é que ela tem potencial de tratamento anti-tumoral amplo, genérico.

    Coisa que todo mundo sabe desde a década de 19509, mas por causa de reportagem de jornal, começou-se a veicular que ela cura o câncer. Ora, numa placa de petri até água sanitária mata célula cancerígena.

    E tem, de fato, a se julgar pela explicação do funcionamento. Bastaria ler pra você saber. É bem legal ser cético, mas sem conhecer o assunto primeiro você não vai a lugar algum, desculpe a sinceridade.

    Que ótimo. Claro que vc vai me dar todos os links de testes feitos em seres humanos comprovando essa ação. POrque, não raro, o mecanismo é muito lindinho na plaquinha de petri, até a hora que é mandado para dentro da pessoa. Vide a talidomida, por exemplo.

    Hum. E daí?

    Daí que não fdizeram. Simples assim. As pessoas tomaram essa bosta que nem bala, ninguém sabe qual dosagem tomaram e se realmente foi a fosfoetanolamina que “curou” essas pessoas (tem a parte que paciente morto não pode dar depoimento).

    Alguém falou que não precisa? Que não é pra fazer? Não.

    Tanto falaram, meu caro ignorante, que entraram na justiça obrigando a USP a produzir e entregar às pessoas sem um teste feito.

    Os próprios pesquisadores só estão pedindo isso. Testes clínicos.

    Ora, merda. Eles não têm que pedir. Eles têm que fazer. Mas não fizeram. POr que/; POrque estão de estrelismo gravando merda de vídeo no youtube mandando liberar a fosfoetanolamina. Ué? se eles sabem que precisam fazer todos os testes antes, por que não fizeram? POr que estão mandando liberar sem esses testes?

    O que os pacientes querem é ter o direito de utilizar a substância experimentalmente enquanto os testes ocorrem.

    Sim, mas não podem. Não foi feito testes em cobaias. Simples assim.

    Qual é o problema? Por que te incomoda tanto um paciente de câncer desenganado tentar um tratamento alternativo?

    Para você, como os demais ignorantes que odeiam ciência, sim. Que tal vc não tomar remédio e usar método alternativo quanto estiver com dor de cabeça? Tipo, dizem que beber agua de privada é muito bom. Vc pode experimentar.

    No que isso afeta a sua vida? Em nada. O que te falta é um mínimo de empatia, de capacidade de imaginar o que é ser um paciente terminal de câncer.

    Argumentum ad frescura. Começou o chororô.

    “POr que isso lhe incomoda? BUAÁÁÁÁÁAÁÁÁÁ”

    É fácil falar bobagens quando o problema é dos outros, não? “Nos dos outros sempre é refresco”.

    Tanto é fácil escrever bobagens que vc deu um perfeito exemplo.

    Uma hora você fala que “não existe cura pro câncer” porque são várias doenças. Depois você pega a taxa de cura de UM TIPO de quimioterapia (a de mama) e aplica essa taxa mágica de 80% como se valesse pra todas as quimioterapias.

    Dados do INCa. Discuta com eles. Ah, não. O INCa é financiado pela Big Pharma.

    Não vale. O índice de cura de quimioterapia para vários tipos de sarcomas de partes moles não chega a 2%.

    Deve ser por isso que temos outros tratamentos. èrcentual de eficácia da fosfoetanolamina? “Bem, testamos numa placa de petri…”

    Vários tipos de tumores sequer são tratados por quimioterapia porque NÃO EXISTE TRATAMENTO.

    Pois é, os outros 20%. Shit happens. Mas a fosfoetanolamina salvará a todos nós, certo?

    Você acha então que as pessoas que morrem de câncer morrem porque não se cuidam? Obviamente você nunca foi numa maternidade de um hospital do câncer para ver bebezinhos recém-nascidos com a doença morrendo duas semanas depois.

    Olha, se o INCa diz que se descobertos a tempo, 80% dos casos de câncer são curáveis, então, sim, as pessoas não gostam de ir em mmédico. Citar caso de bebezinho é apelo ao chororô. Não cola comigo.

    Há tipos extremamente agressivos de câncer, que podem se espalhar pelo seu corpo em questão de duas semanas. E aí você vem me dizer que a pessoa “só não se curou porque não ia no médico”? Como você chegou a essa conclusão, “sr. cético”? Usando a metodologia científica ou chavão barato e senso comum sem nenhuma base?

    Lendo periódicos científicos. Vocês leem periódicos de facebook. Desculpe, não me deixo levar por depoimento BUÁÁÁÁÁÁ

    A decisão do tratamento alternativo não cabe ao médico. Cabe ao paciente.

    Se medicina alternativa funcionasse, seria chamada “Medicina”

    É a vida do paciente que está em risco. Não a do médico.

    Receitando remédio que não é aprovado pela ANVISA? Vc acha que, sei lá, algum médico vai receitar radiestesia, esfregar bosta de vaca na barriga ou tomar fosfoetranolamina? That’s not gonna happen.

    De toda forma, você obviamente ignora o assunto. Recomendo entrar nos grupos sobre a fosfo no Facebook e verificar a quantidade de médicos que está prescrevendo o medicamento.

    FACEBOOK? HAHAHHHAHAHAHA Tinha que ter vindo daquela escória. Nope, eu leio The Lancet, New Englando Journal of Medicine, Science etc. Pegue seus grupos do facebook e enfie no rabo.

    Na verdade, quase todas as liminares apresentadas tinham por base uma prescrição médica.

    Praticamente, tráfico de drogas. Mesma coisa que médico receitar racumin pro paciente.

    E aí fica comparando paciente terminal de câncer com buscadores de glórias na mídia falando que pariram caveiras de plástico.

    Você diz que eram terminais. Não sei, não vi. Paciente “terminal” dizendo que foi curado por pastor é que não falta nas igrejas.

    Essas pessoas têm exames mostrando necrose tumoral, diminuição da taxa de marcação tumoral, redução dos tumores, etc.

    Nesse ponto vc vai me chamar de “sr. Cético” e eu responderei “obrigado pelo elogio, sr. Crédulo”. Vc dve ser daqueles que acredita até no JUcelino da Luz, já que ele apresenta “documentos”

    Você pode querer desqualificá-las por preconceito ou com base em nada. Um cético de verdade buscaria saber quais relatos se sustentam ou não.

    Nope. Um cético de verdade quer os testes clínicos. Gentinha como vc que acredita em qualquer bobagem que lhe contam. Quer comprar uns terrenos na Lua? Vendo baratinho.

    Enfim. Se o seu conhecimento sobre o assunto fosse 1% proporcional à sua arrogância, você não teria escrito esse lixo de texto.

    Bem, eu estou cagando pro que vc pensa de mim. Volta lá pra escumalha d Facebook e continue falando mal de mim. Dê o link para melhorar mais ainda a minha visualização e mais pessoas virem aqui ler e entender quanta merda você escreveu.

    Chora, nega. Vai espernear até amanhã

    1. É, vejo que fiz muito bem em parar de usar o Facebook, ainda bem que nunca gostei daquilo.
      Mas só por curiosidade, dei uma olhada em uma das páginas que tratam disso. Se me permite, André, aí estão alguns comentários que descobri (Darwin esfrega as mãos):

      “Não consegui convencer meu pai a não iniciar a quimioterapia que está marcada para dia 21 e assumir apenas o tratamento com a fosfoetanolamina pois ele tem medo que não funcione..
      Ele está com um glioblastoma grau 4 no cérebro e tem (com quimio) 1 ano de vida.
      Não vou conseguir entrar com uma liminar e conseguir o medicamento antes do dia da quimio..
      Espero que se meu pai começar a tomar a fosfoetanolamina ANTES de começar a quimio, talvez ele aceite trocar.”

      Sobre a reportagem do Dr. Drauzio:

      “esse ae e mais um serviçal da indurtria famarceudica e esse jornlaeco tb nao é confiavel ja que mostrou só um lado da discussão”.
      “Falta de respeito com os doentes Que sofrem e está claro que está curando. O que passa nessa gente sem coração?”.
      “Eles não estão sequer considerando os testes. E todo mundo sabe porque”.

    2. “A PESQUISA, seu idiota, é feita nas coxas.”

      Eu confio muito mais em pesquisadores da melhor universidade da América Latina que ao contrário de você foram pra uma faculdade, leram e pesquisaram sobre o assunto. Você leu fontes como G1, um vídeo de um biólogo e quadro do Fantástico. E acha que está em condições de desqualificar pesquisador com centenas de artigos publicados, elogiados em periódicos como o British Journal of Cancer. Quer pagar de fodão? Faz o seguinte: publica no British Journal of Cancer. Sintetiza um composto orgânico presente nas membranas plasmáticas dos mamíferos. Aí as suas baboseiros talvez tenham algum impacto na minha opinião e na dos demais pacientes. Até lá, você pode xingar, babar, espumar, ter piti, ter ataque de pelanca e continuar agindo como uma guria retardada fã do Justin Bieber o quanto você quiser. Não vai convencer ninguém além dos cinco virjão babaca que ainda acessam o seu site.

      “Você sabe que eu posso comprar toneladas desse composto com 99,999999% de pureza, né?”

      Não, Zé Roela, não pode. Se essa substância fosse desenvolvida em qualquer outro lugar, os pesquisadores não seriam detentores da patente. Se fosse possível comprar toneladas desse composto, os pacientes de câncer não precisariam entrar na justiça pra obtê-lo via liminar. Você não sabe nem de qual substância está falando. Tá confundindo fosfoetanolamina sintética com aditivo de xampu. Comece do zero.

      “Pelo menos, não sou analfabeto funcional.”

      Quem disse? Sua vovó? Ela mentiu.

      “Não, péra! Já se curava câncer antes da fosfoetanolamina? E essa sua proposição é embasada mediante…?”

      Óbvio que sim. O meu argumento é relativo ao fato de que Dilma Rousseff foi curada de um câncer usando um medicamento que só foi liberado cinco anos depois pela Anvisa. Só que como você não sabia como responder ao argumento escreveu essa babaquice sem sentido sobre “não existir do cura do câncer antes da fosfo”. A fosfo é apenas mais um medicamento que será liberado, ao lado de outras centenas que já existem, para combater o câncer. Só isso. Porque isso te incomoda eu já não sei, é caso pra sua psicóloga verificar.

      “Depois de todo o processo de testes, que devem ser feitos em cobaias primeiro, e não só em ratos sendo testados com câncer de ratos, meu caro desinformado.”

      DÃÃÃÃ. Não, tonho, a liberação em caráter experimental é justamente para que os pacientes de câncer não aguardem o processo lento e burocrático de validação de substâncias. Como eu já te disse, a própria presidente do país utilizou desse expediente para tratar o câncer em 2009 com uma droga que só obteve registro cinco anos depois. Te falta muita leitura sobre o assunto.

      “Obrigado. Você acabou de confirmar que ANVISA só libera medicamentos que passaram por tudo um mundo de testes em cobaias e testes clínicos. Adoro quando os imbecis se refutam.”

      Você não entendeu. A Anvisa PROTELA a liberação de medicamentos, mesmo que eles já tenham sido testados clinicamente. Você tem sérios problemas de cognição (e de controle da raiva).

      “Mas que passaram por testes clínicos ainda assim.”

      Se passou em teste clínico e foi liberado fazendo mal, significa que ter liberação da Anvisa ou não não quer dizer muita coisa.

      “Com a patente do ÚNICO remédio que cura todos os cânceres. Imagino que tendo isso, essas empresas iriam à falência.”

      Não, não iriam à falência. Mas é óbvio que um medicamento que custa 10 centavos a cápsula é menos rentável do que um tratamento clássico com quimioterapia (60.000 reais por aplicação em média). Isso é matemática básica. Se você não entende matemática básica, vai entender o que de ciência?

      “Desvio do assunto. E os testes clínicos?”

      Eu faço uma afirmação, você desvia do assunto, me pergunta dos testes clínicos e eu que tô “desviando do assunto”? Ahahahahahahahahha

      “E?”

      Eu tô explicando o motivo pelo qual a substância tem potencial para tratamento genérico. Se você nao entendeu, é prova adicional de que precisa voltar ao prezinho antes de se meter a falar de ciência.

      “Nope. Foi o próprio pseudopesquisador quem disse.”

      Então prove. Cola aí o link provando que o pesquisador disse isso.

      “Tanto falaram, meu caro ignorante, que entraram na justiça obrigando a USP a produzir e entregar às pessoas sem um teste feito”

      E o que uma coisa tem a ver com a outra? É direito dos pacientes solicitar o tratamento. Tanto que a maior autoridade da justiça do país autorizou. Tá incomodado? Reclame com o STF, vai lá pagar de jurista agora, já que como cientista sua carreira já foi pro brejo…

      “Sim, mas não podem. Não foi feito testes em cobaias. Simples assim.”

      Claro que podem, rs. Nenhum paciente de câncer vai deixar de lutar por um tratamento só porque um zé roela como você acha que sabe alguma coisa de método científico ou da nossa legislação. Tanto podem, caro idiota, que estão recebendo. Ou você não sabia que o próprio STF autorizou a distribuição?

      “Que tal vc não tomar remédio e usar método alternativo quanto estiver com dor de cabeça?”

      E quem disse que eu não uso? Ahahahahah

      “Citar caso de bebezinho é apelo ao chororô.”

      Não, imbecil. Você não disse que quem não se cura do câncer é porque não procurou um médico a tempo? Então. Explica aí o caso de bebê que acabou de nascer, já vai pro tratamento e mesmo assim morre. Os bebês foram negligentes?

      “Se medicina alternativa funcionasse, seria chamada “Medicina”

      Chavão babaca de desinformado. Gente com o seu tipo de pensamento meio século atrás dizia que pesquisador que quer curar doente mental com arte-terapia é “charlatão” e que só existe cura dentro dos métodos já estabelecidos e consagrados, como choque-elétrico, confinamento e lobotomia.

      “That’s not gonna happen.”

      Você se sente mais chique quando intercala inglês com português? Ahahaha. Quantos anos vc tem guri? 15? Isso é tão coisa de patricinha fútil e babaca frequentadora de shopping. ahahahahahah

      “Dê o link para melhorar mais ainda a minha visualização e mais pessoas virem aqui ler e entender quanta merda você escreveu.”

      Eu deveria realmente, te ajudaria a aumentar essa audiência de 5 pessoas que visualizam os seus artigos. Mas elas não teriam paciência pra lidar com o seu desequilíbrio emocional de adolescente que gosta de xingar os outros para se afirmar.

      E enquanto você continua desqualificando, o Ministério da Saúde prossegue com os testes clínicos sendo efetuados por cinco grupos de pesquisadores distintos, laboratórios já se interessam e até instituições estrangeiras já pedem a criação de acordos para realizar os testes clínicos. Pode latir que a caravana tá passando.

      1. Eu confio muito mais em pesquisadores da melhor universidade da América Latina que ao contrário de você foram pra uma faculdade, leram e pesquisaram sobre o assunto.

        Ok. Me mostre TODOS os experimentos, todas as publicações dos tetes feitos que não foram só em placas de petri.

        Você leu fontes como G1, um vídeo de um biólogo e quadro do Fantástico.

        Tenho doutorado em Quíica e li os papers. Vc leu postagem do Facebook.

        E acha que está em condições de desqualificar pesquisador com centenas de artigos publicados, elogiados em periódicos como o British Journal of Cancer.

        Sim, pois é o que a própria USP e a FIOCRUZ disseram

        http://portal.fiocruz.br/pt-br/content/fiocruz-esclarece-duvidas-sobre-suposto-medicamento-contra-o-cancer

        http://www5.usp.br/99485/usp-divulga-comunicado-sobre-a-substancia-fosfoetanolamina/

        POnto pros biólogos e químicos. Seu facebook e merda é a mesma coisa. :D

        Quer pagar de fodão? Faz o seguinte: publica no British Journal of Cancer.

        Eu li o artigo deles e não vi os testes em laboratório além de pesquisa em plaquinha de petri. Lamento muito, mas seu Argumentum ad verecundiam não rola aqui.

        Sintetiza um composto orgânico presente nas membranas plasmáticas dos mamíferos.

        Por que eu vou sintetizar algo que eu posso comprar às toneladas na Sigma-Aldrich?

        Aí as suas baboseiros talvez tenham algum impacto na minha opinião e na dos demais pacientes.

        Tá nervosinha, hein? REBOLA, NEGA, mas cadê as pesquisas? Cadê os testes em cobaias, pesquisdor de Facebook?

        Até lá, você pode xingar, babar, espumar, ter piti, ter ataque de pelanca e continuar agindo como uma guria retardada fã do Justin Bieber o quanto você quiser. Não vai convencer ninguém além dos cinco virjão babaca que ainda acessam o seu site.

        Ela ficou nervosa mesmo. Ad hominem, a falácia dos covardes quando são pegos sem argumentos. Mas, claro, para ter argumento é preciso ter cultura e não ser pesquisador de facebook.

        Não, Zé Roela, não pode. Se essa substância fosse desenvolvida em qualquer outro lugar, os pesquisadores não seriam detentores da patente.

        http://www.sigmaaldrich.com/catalog/product/sigma/42490?lang=pt&region=BR

        A patente é a técnica de síntese, seu inculto. Não se pode patentear substãncias químicas, pobre ignorante.

        Se fosse possível comprar toneladas desse composto, os pacientes de câncer não precisariam entrar na justiça pra obtê-lo via liminar.

        Sim, mas as pessoas burras, que fzem pesquisa de faceook como você não sabem disso.

        Você não sabe nem de qual substância está falando. Tá confundindo fosfoetanolamina sintética com aditivo de xampu. Comece do zero.

        Chola mais. A substância pode sim ser comprada em qualquer lugar. Mas, claro, pesquisador de facebook jamais saberá o que é uma indústria química.

        Óbvio que sim. O meu argumento é relativo ao fato de que Dilma Rousseff foi curada de um câncer usando um medicamento que só foi liberado cinco anos depois pela Anvisa.

        Que passou por testes clínicos.

        I>Só que como você não sabia como responder ao argumento escreveu essa babaquice sem sentido sobre “não existir do cura do câncer antes da fosfo”. A fosfo é apenas mais um medicamento que será liberado, ao lado de outras centenas que já existem, para combater o câncer.

        Daqui a uns 15 anos, quando acabarem os testes clínicos.

        Só isso. Porque isso te incomoda eu já não sei, é caso pra sua psicóloga verificar.

        “Por ue Jesus de incomoda?”

        O argumento dos fanáticos.

        Não, tonho, a liberação em caráter experimental é justamente para que os pacientes de câncer não aguardem o processo lento e burocrático de validação de substâncias.

        Nope. Primeiro os testes com diversos tipos de cobaias para só então fazer os testes em humanos. Facebook não te ensinou isso, né? Como poderia?

        <I.omo eu já te disse, a própria presidente do país utilizou desse expediente para tratar o câncer em 2009 com uma droga que só obteve registro cinco anos depois. Te falta muita leitura sobre o assunto.

        E a princesa pecisa saber todos os processos para que um medicamento possa ter seu registro liberado.

        A Anvisa PROTELA a liberação de medicamentos, mesmo que eles já tenham sido testados clinicamente. Você tem sérios problemas de cognição (e de controle da raiva).

        Hummm, então fizeram os testes clínicos da fosfoetanolamina? Cadê os papaers, então?

        Se passou em teste clínico e foi liberado fazendo mal, significa que ter liberação da Anvisa ou não não quer dizer muita coisa

        Mas tem teste clínico? Porque nem isso a fosfoetanolamina tm. Aceite o fato, pesquisador de facebook.

        é óbvio que um medicamento que custa 10 centavos a cápsula é menos rentável do que um tratamento clássico com quimioterapia (60.000 reais por aplicação em média)

        Se funcionasse.

        Isso é matemática básica. Se você não entende matemática básica, vai entender o que de ciência?

        Que é preciso testes clínicos?

        Eu faço uma afirmação, você desvia do assunto, me pergunta dos testes clínicos e eu que tô “desviando do assunto”?

        Claro. Porque o assunto é CADÊ OS TESTES CLÍNICOS?

        Eu tô explicando o motivo pelo qual a substância tem potencial para tratamento genérico.

        Ter potencial várias substâncias têm. Realmente funcionar é o problema. Ter reaçõe advrsas mais ainda.

        Então prove. Cola aí o link provando que o pesquisador disse isso.

        A audiência dele no senado, as entrevistas e até aquelas babaquices dos vídeos que ele gravou.

        E o que uma coisa tem a ver com a outra? É direito dos pacientes solicitar o tratamento.

        Não com algo que não passou da Fase 1.

        Tanto que a maior autoridade da justiça do país autorizou. Tá incomodado? Reclame com o STF, vai lá pagar de jurista agora, já que como cientista sua carreira já foi pro brejo…

        Simples comoção social. Deu parecer sem uma única prova de eficácia. Jurista não entende de ciência. Eu entendo, vc é apenas um pobre coitado incomodado com a verdade e quer que as coisas sejam como seu mundinho de facebook diz que é. O STF mandou distribuir, o CRF vai autuar devidamente e quero ver o STF falar algo contra.

        Claro que podem, rs. Nenhum paciente de câncer vai deixar de lutar por um tratamento só porque um zé roela como você acha que sabe alguma coisa de método científico ou da nossa legislação

        Se não é mdicamento, CRM, CRF e ANVISA não permitirão. É assim que funciona. Vc querer tomar veneno de rato como tratamento não fará seu médico receitá-lo.

        Tanto podem, caro idiota, que estão recebendo. Ou você não sabia que o próprio STF autorizou a distribuição?Tanto podem, caro idiota, que estão recebendo. Ou você não sabia que o próprio STF autorizou a distribuição?

        Ok, me mostra a receita, prescrevendo quantos miligramas por dia. Vc não tem esse receituário, porque nenhum médico vai perder a licença receitando. Assim, estão tomando de qualquer jeito, sem controle nenhum. Darwin está de olho.

        E quem disse que eu não uso?

        Isso explica sua mente distorcida.

        Explica aí o caso de bebê que acabou de nascer, já vai pro tratamento e mesmo assim morre. Os bebês foram negligentes?

        Exames pré-natais existem pra isso. Ademais, temos os outros 20%…

        Chavão babaca de desinformado. Gente com o seu tipo de pensamento meio século atrás dizia que pesquisador que quer curar doente mental com arte-terapia é “charlatão” e que só existe cura dentro dos métodos já estabelecidos e consagrados, como choque-elétrico, confinamento e lobotomia.

        Arte-terapia cura doença mental? Show me the paper!

        Você se sente mais chique quando intercala inglês com português? Ahahaha. Quantos anos vc tem guri? 15? Isso é tão coisa de patricinha fútil e babaca frequentadora de shopping.

        Mas cadê os papers?

        Eu deveria realmente, te ajudaria a aumentar essa audiência de 5 pessoas que visualizam os seus artigos.

        Se vc acha que são apenas 5. :)

        Procura “ceticismo” no Google e me diga quais são os primeiros links. :)

        Mas elas não teriam paciência pra lidar com o seu desequilíbrio emocional de adolescente que gosta de xingar os outros para se afirmar.

        Disse o pobre coitado que chegou aqui me xingando por não ter nenhum artigo científico a dar.

        E enquanto você continua desqualificando, o Ministério da Saúde prossegue com os testes clínicos sendo efetuados por cinco grupos de pesquisadores distintos

        Ministério da saúde não faz testes clínicos. E seus queridos pesquisadores ainda nem passaram para a Fase 2 que NÃO SÃO testes clínicos.

        laboratórios já se interessam e até instituições estrangeiras já pedem a criação de acordos para realizar os testes clínicos.

        Ué? Vc ão tonha dito que era eficaz e tinha muitas pesquisas? Só agora que vão fazer?

        Pode latir que a caravana tá passando.

        Daqui a 15 anos a gente tem os resultados. Fico contente.

  6. O que significa a equipe de Gilberto ter a posse da patente da síntese?

    Que ninguém pode produzir a substância da forma que eles fizeram, mas pode-se fazewr por outros métodos. Por exemplo. Se eu reagir NaOH com HClm, eu obterei NaCl. Mas se eu reagir Na2SO4 com BaCL2, eu também poderei obter NaCl. Dois processos diferentes fabricando o mesmo produto.

    Tem uma entrevista com o Salvador em que ele diz que a Fiocruz pediu a patente do método de síntese deles:“O e-mail diz que eles viam a potencialidade, mas teríamos que ceder o direito de patente. Não concordamos porque sem isso não teríamos garantia de que chegaria à população, perderíamos a patente e eles poderiam engavetar”.

    Apelo emocional. Sempre o apelo emocional como o Pirulla falou.

    https://www.youtube.com/watch?v=Wmj9Wu_7jh4

    Essa entrevista está disponível

    Muita entrevista, poucos papers. O tempo que eles perderam desfilando e dando entrevista, estivessem fazendo testes laboratoriais, muito mais teria sido descoberto.

    A Fiocruz na vdd não pediu a patente.

    comunicado da Fundação Instituto Oswaldo Cruz

    Sempre achei estranho essa história da patente ser pedida pela Fiocruz

    O link acima mostra que patente e nada, para a FIOCRUZ é a mesma coisa.

    Minha amiga participa de um grupo sobre Fos no face (é, tenso…). Lá, participam os próprios cientistas do projeto, como o Meneguelo e o Marcos Vinicius.

    POr isso que não uso essa rede. Não aguentaria ficar lá vendo blábláblá, pois eu mandaria logo na lata: CADÊ OS TESTES CLÍNICOS?

    Só que os médicos lá dizem que essa substância que é comercializada n tem nada a ver com a deles, pq a deles é a Fosfoetanolamina SINTÉTICA

    SINTÉTICA significa que é produzida por processo em laboratório, e não extraído da naturea. Isso mostra a canalhice desses dois.

    e só eles podem fzr pq só eles detém o método de síntese para fazer a “fosfoetanolamina que cura o câncer”, alegando que outros compostos que chamam de FOS podem até ser prejudiciais.

    Isso cola com quem não sabe, não com alguém que entende de química.

    Só que para mim, pouco importa se é sintética, se a fórmula é a mesma, não tem diferença nenhuma, ou to errado?

    Certíssimo! Cloreto de sódio extraído do mar ou sintetizado em laboratório é a mesmíssima substância.

    Poderia ter alguma diferença entre a fosfo da Sigma e a que é utilizada nas pesquisas do Gilberto, no composto e a forma de agir dele ou são EXATAMENTE a mesma coisa, só muda como são produzidos?

    Mesma substância, mesmas propriedades.

    Há alguma inverdade no que Gilberto diz?

    É uma meia verdade, mas toda meia verdade é uma meia mentira. Há décadas sabe-se da ação da fosfdoetanolamina. A chave da questão é que foi testada em placas de petri, não num organismo complexo. O máximo que foi testado em animais foi em tumor de Erlich, que é um câncer que só atinge ratos. Outra pesquisa em leucemia, e só. Nessa mesma pesquisa está escrito que aumentaram a dosagem em 6mg e TODAS as cobaias morreram. A chave é “como é o efeito em seres humanos?” Ninguém sabe, pois não foram feitos testes clínicos. Para se fazer testes clínicos, antes, tem que fazer testes em diversos tpos de cobaias, como cães e macacos para, só depois, ser feitos em humanos. Isso demora ANOS.

    Será que, apesar de haver omissões e falsidade de informações no caso da fosfoetanolamina, a divulgação do assunto não estimula outros cientistas a saberem da substância e pesquisarem mais, inclusive internacionalmente?

    E quem falou pra você que ela não é pesquisada por outros cientistas? Basta ir nos sites das publicações cinetíficas e fazer a busca.

    Minha amiga agora tem uma teoria de que na verdade os pesquisadores estão fazendo todo esse estardalhaço pq eles não querem continuar com as pesquisas, mas querem que outros cientistas, de outras instituições, saibam e continuem com a pesquisa.

    Sua amiga parte de uma premissa que ainda estamos no século XVII e um cientista não sabe o que se está fazendo ao redor do mundo. Esta premissa é mais do que errada. Se eu pegar e mandar um email pro Departamento de Geociências da Universidade de Estocolmo, poderei saber o que os cientistas deles estão fazendo com detalhes. Por isso, nos meus artigos de divulgação, sempre coloco o link pra página pessoal do pesquisador dentro da Instituição. Evito colocar de blogs pessoais, pois assim eu dou segurança que não estou inventando um zé qualquer. Aí, quem quer saber mais, é só mandar um email, telefonar etc.

    O duro é que tem gente que acha mesmo que o estudo da fosfo vai ser acelerado se o povo estiver sabendo e “pressionar” a comunidade científica.

    Doar dinheiro para o pesquisador fazer a pesquisa ninguém quer, né?

    Desculpe o tanto de perguntas que estou fazendo e já fiz, mas prefiro me esclarecer do que chegar na agressividade e estar desinformado. Já pesquisei bastante sobre o assunto e oq perguntei aqui é somente oq realmente não consigo achar ou entender

    Eu respondo perguntas na boa. Não tolero são esses babacas me acusando de estar de conluio com empresas farmacêuticas e me xingando direito, falando um monte de bobagens

    1. Apenas queria dar os parabéns ao Gabriel Henrique pelas perguntas e ao André pelas repostas.
      Se todos os comentários fossem assim, provavelmente pessoas desinformadas não ficariam falando besteiras por aqui e outros lugares!

  7. É incrível que todo comentário reclamando e de mimimi tem que conter:
    1 – o Dono do blog é intransigente. (nem sabem escrever, mas é o sentido que importa)
    2 – Ele não terá coragem de publicar as verdades que falarei na cara dele.
    3 – Aulas sobre o que é ser cético.
    4 – o dono do blog é desinformado!

    Bom, aqui nesse blog essas coisas chegam a ser hilárias, mas as vezes preocupantes!

  8. E eu pensando que essa ignorância não iria se arrastar para essas plagas.. até que vejo: http://www.tjrs.jus.br/site/imprensa/noticias/?idNoticia=291611 e ainda http://www.tjrs.jus.br/site/imprensa/noticias/?idNoticia=291636
    Sem me deter no ponto de que nem o nome correto da substância a equipe de assessoria de informações sabe. Ou ainda, qualificada como “remédio” ou “medicação” substância química que até o momento não o é… E fica meu questionamento: E se decorrente do uso sobrevierem problemas ainda mais graves? Quem é responsável? O fornecedor da substância? O Juiz que determinou a entrega? Aposto minha carteira da OAB que será o Estado, ou seja, sobra para o bolso de todo mundo. Esse é apenas um dos problemas do crescente ativismo judicial que a maioria ignora – até que lhe incomode pessoalmente – e que assim continuará já que efetivamente é quase nula a responsabilização do(a) magistrado(a) que faz alguma aberração.

    1. Obrigado por ser a exceção, rapaz. Se você puser o dinheiro de uma causa acima do valor social dela, você não merece o título de advogado. O mesmo vale para mim, engenheiro. E é exatamente isso que está acontecendo nesse caso.

  9. E o circo vai a todo vapor (02/2016): “Ações por ‘pílula do câncer’ travam sistema jurídico da USP” (http://saude.estadao.com.br/noticias/geral,acoes-por-pilula-do-cancer-travam-sistema-juridico-da-usp,10000016211). Linha fina: Desde o início da polêmica nacional sobre a fosfoetanolamina sintética, a instituição já foi citada em mais de 13 mil processos.
    Essa palhaçada parou o sistema jurídico da USP: ” 22 procuradores (de uma equipe de 46) estão trabalhando quase que em tempo integral com a fosfoetanolamina.”. E como a produção (2400 pílulas) não consegue atender a demanda (13000 processos), “alguns pacientes, insatisfeitos por não receber a substância no prazo esperado, obtêm mandados de busca e apreensão das pílulas no IQSC. “Chega um oficial de justiça lá, entra no laboratório e leva tudo que tiver embora”, descreve uma procuradora da universidade.”. Isso sem contar o (já falado neste site) perigo de possíveis contaminações, já que o lab. de química não é indústria farmacêutica.
    Vocação para subdesenvolvimento é isso aí. E como a demagogia e ignorância de quem autorizou a besteira se torna cada vez mais patente, parece que algum arremedo pode ocorrer num futuro incerto: “Para Inca, parecer científico sobre ‘pílula do câncer’ é precipitado” (http://saude.estadao.com.br/noticias/geral,para-inca–parecer-cientifico-sobre-pilula-do-cancer-e-precipitado,10000016210).
    Pela notícia, o Lewandowsky do STJ pediu um parecer ao Inca que repetiu exatamente o que se fala por aqui há muito tempo e que pode servir para finalmente acabar com o besteirol das liminares para a fabricação desta porcaria emitidos por outros juízes demagogos.

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s