Papa sem algo melhor para falar diz que Inteligência Artificial deve servir à humanidade

O Papa, no uso de suas atribuições (e quando não está sendo explicado que ele não representa os católicos e lhe mandam ler a Bíblia), adora palpitar sobre tudo. Acho enfadonho, mas vá lá. Hoje estamos num Slow News Day. A questão agora é que ele disse que a Inteligência Artificial deveria servir à Humanidade. Continuar lendo “Papa sem algo melhor para falar diz que Inteligência Artificial deve servir à humanidade”

Papa reclama das queimadas mas Jesus não dá nenhuma ajuda

Eu nem entendo mais as religiões. Antigamente, Jesus fazia e acontecia. Não só ele, mas todos os outros deuses de todas as outras religiões. Então, seus seguidores, portadores da mensagem de seus deuses, eram investidos desse poder, capaz de evocar poderes supranaturais. Hoje, só fazem dar palpite.

Um exemplo disso é o Papa Chicão, the First. Ontem, domingão, ele demonstrou preocupação com os incêndios florestais na América do Sul e nos Estados Unidos. Tipo, sei lá. Ele poderia ter resolvido, não?

Continuar lendo “Papa reclama das queimadas mas Jesus não dá nenhuma ajuda”

Lei obriga supermercados a terem uma nutricionista impedindo pessoas de comprarem coisas que o supermercado vende

Existem ideias burras, ideias estrupidas, ideias retardadas e ideias estupidamente ridículas. Claro, tudo isso é fichinha perto do que políticos podem idealizar; e como a onda agora é alimentação saudável, o que seria mais natural do que promover uma reeducação alimentar do que fazer uma lei visando isso. Como? Ora, colocando uma nutricionista no supermercado para auxiliar nas compras, ué.

Quando um batom ajudou nossas avós a vencer a Guerra

Uma guerra (as de verdade, não arranca-rabo temporário) causam sérios problemas nos países envolvidos. Não, não estou falando de democracia caindo no seu quengo. Estou falando a população depender de recursos básicos, como comida, por exemplo. Os governos tentam (ou deveriam tentar) garantir que sua população tenham o mínimo do mínimo possível. Mas esse mínimo pode dar uma resvalada, quando é por um bem maior.

Num momento que tudo começa a ser racionado, alguns itens de primeira necessidade são indispensáveis e escapam ao racionamento; isso inclui pães, remédios e… batons.

Continuar lendo “Quando um batom ajudou nossas avós a vencer a Guerra”

Inácio de Antióquia: A questionável história de um mártir

Um dos perfeitos exemplos de devoção, amor a uma causa e estabelecimento da profissão de fé são os mártires. Eles se entregaram ao flagelo, ao sofrimento e à morte para mostrar o quanto seu amor a Jesus Cristo era maior e mais importante que tudo na vida, inclusive a própria vida. Um  dos mais conhecidos e venerados mártires cristãos é Inácio de Antióquia, que mesmo preso e sendo levado ao seu destino em Roma, onde seria jogado aos leões, manteve-se sereno e resignado, professando sua fé e exortando as pessoas a seguirem o Salvador, Jesus Cristo, o verbo feito carne.  Mas quem é esse Inácio de Antióquia que desperta tanta veneração? O que a História sabe sobre ele? Vamos buscar a verdade, pois ela nos libertará.

Continue lendo aqui

Rinha de Parasitas: jogue já!

Nenhum de vocês é melhor do que ninguém, o que já configura que está a um pequeno passo da psicopatia. O máximo que vai diferir é mediante qual parasita ocupando cargo político vocês adoram passar pano, além de gente como eu, que queria passar pano em volta do pescoço deles num nó e apertar com força. De qualquer forma, o sonho de todos nós é vermos políticos saindo na porrada (o que pode mudar é a intenção). Já pensaram se vocês pudessem ajudar um político a meter a porrada no outro? SEUS PROBLEMAS ACABARAM!!

Continuar lendo “Rinha de Parasitas: jogue já!”