Encontrado fóssil de cobra com 4 patas. Satã apronta mais uma

Todo mundo sabe que temos um sério problema com o mundo natural. Ele insiste em não seguir o que queremos que ele siga. O mundo, como sabemos, é fixista, e seres vivos não apresentam nenhum tipo de mudança, mas a droga do mundo insiste em inventar besteiras evolutivas para nos desviar do caminho santo. Os cientistas também não ajudam. Se eles só descobrissem coisas que estão constando nos livros religiosos, tudo seria mais fácil. Mas não! Eles têm que trazer à luz o que realmente acontece.

Aí, o que descobrem? Um fóssil de serpente, o mais astuto dos animais! E com 4 patas. Praticamente, um fóssil daquela desgraçada que fez Eva, a gulosa, comer frutos só porque emagreciam, para depois sair rastejando.

Como aqui estamos trabalhando com ciência e não mitologias idiotas da Idade do Bronze, essa palhaçada de serpentes que não rastejavam é… bem, ok, vou confessar. É verdade. Nem toda cobra andou rastejando por aí no passado. O problema é que isso mais prova a Evolução do que a mitologia do Gênesis. Mal aê, pessoal!

O dr. Dave Martill é pesquisador do Departamento de Ciências da Terra e Meio-Ambiente da Universidade de Portsmouth, Reino Unido. Ele é aficcionado por pterossauros, terópodes, preservação de fósseis e qualquer coisa que seja mais velho que yo momma (ou quase).

Martill chefia uma pesquisa que encontrou um fóssil de uma cobra quadrúpede com cerca de 120 milhões de anos. Este fóssil foi encontrado na Formação Crato, lá pelas bandas da bacia do Araripe, no Ceará. Com 20 centímetros de comprimento, é o primeiro fóssil em que se percebe nitidamente quatro membros que nem eram usados tanto para locomoção, mas para pegar qualquer coisa que desse sopa e pudesse virar banquete.

Claro, tudo isso é mentira, pois sabemos que Evolução não existe. Mandem um whatsapp pra Mãe Natureza avisando disso, ok?

Até agora, não se sabia direito como as cobras evoluíram. Era certo que tinham evoluído de alguns lagartos (desculpem, criacionistas. Esta é a Lei do oeste!), mas achava-se que eram lagartos marinhos, mas esse fóssil conta uma história um tanto quanto diferente. Pelo formato das patas, estão mais para evolução de lagartos escavadores e, claro, todos os nossos amigos insanos que acreditam em cobras falantes dirão que é apenas um lagarto, que não tem uma série de fósseis com perninhas cada vez menores. Bem, não vamos discutir com gente que segue livros que mencionam deuses que dão pão com cocô pros seus profetas comerem, não é mesmo?

O espécime foi batizado de Tetrapodophis amplectus com apenas 20 centímetros da cabeça à cauda. As patas dianteiras são bem pequenas, com aproximadamente 1 cm de comprimento e pernas traseiras ligeiramente mais longas e pés são maiores do que as mãos. O dr. Martill descobriu esse fóssil como parte de uma viagem de campo de rotina com os alunos do Museum Solnhofen, da Alemanha. Este museu é muito bem conhecido por seu prestígio no que diz respeito aos fósseis. Eles estão acostumados a verem bichos mortos. Todo o tempo!

A descoberta foi publicada no periódico Science, mas curiosamente, o único brasileiro envolvido nessa descoberta é… ninguém, pelo visto. Porque todos nós brasileiros sabemos que esse negócio de Ciência não serve para nada.

24 comentários em “Encontrado fóssil de cobra com 4 patas. Satã apronta mais uma

  1. Isso me lembra um caso (que me pareceu fake) ocorrido na China há alguns anos. Uma mulher encontrou uma cobra que parecia ter tido uma má-formação e nela havia duas patas.

  2. Mais um para a coleção de fósseis de transição. E com fotos do fóssil, para nenhum criacionista vir choramingar que “só tem o desenho, mas não tem a foto do fóssil”.
    É, se Darwin tivesse o conhecimento em Paleontologia que a humanidade tem hoje, e ciência não fosse vista por alguns como um cara com problemas mentais com um tubo de ensaio na mão fazendo experiências “malucas”, talvez não houvessem tantos negacionistas da Evolução.
    Agora só falta o Wallace ou alguém de sua trupe vir se auto-refutar aqui, de novo.

    1. Wallace? O sujeito que estava stalkeando meio mundo de comentaristas (eu incluso)?

      Proponentes do Design Intelijumento. Há! “A evolução cairá por falta de evidências! Arrependam-se enquanto Jesus não volta! Dêem o Dízimo!” Capaz de dizerem que a serpente caiu do Éden aqui no Ceará, e que esse lugar é amaldiçoado.

      1. Esse mesmo! Em tudo quanto é site que, de relance, trate de evolução ele ou algum amiguinho (Eskelsen, Marco Túlio, etc.) aparece para deixar seus dejetos mentais.
        Não quero me estender muito para não fugir do tema do artigo, mas não sei o que é mais hilário, o “cabra” se auto-refutar duas vezes (e ainda achar que ganhou) ou pensar que ceticismo = ateísmo. E ainda, os IDiotistas acharem que, CASO a evolução caia, o criacionismo/DI automaticamente será aceito
        Aliás, colega, teria os links para os comentários de quem mais ele correu atrás? Umas risadas sempre são bem vindas.

        1. Não. Quando escorraçamos ele daqui, o perfil dele era aberto, e eu usei isso contra ele. Adivinha o que o corajoso fez?

          Eu só me lembro de estar no Contraditorium, numa situação totalmente avessa a esse tipo de discussão, e de que ele também estava atrás do Ferranti e do Cloverfield.

          Falta de uma rede de cordas para tecer, ou de uma pia de louça suja para lavar.

          1. Ficaria melhor com o “Religion Pidgeon”, mas tá valendo.

            Salva por motivos de razões e circunstâncias (MUAHAHAHAHAH…).

          2. Não deixa de ser irônico um sujeito chamado “Wallace” ser contrário à Teoria da Evolução – além de deixar-me irritado por ser homónimo de meu pai. >:-(

          3. Não estou ligando o nome a pessoa…
            Nem sabia que eu tinha um stalker, com certeza deve se “enveja”!

            No mais esse fóssil me lembra um pouco o caso do archeopterix.

            Quando ele foi descoberto os criacionistas ficaram em polvorosa dizendo que se na época em que ele estava vivo já existia aves então não existia evolução, mas uma análise mais completa mostrou que ele era um fóssil de transição, com características de ave e réptil.

  3. Muito interessante essa descoberta, que apenas reforça o que já sabemos. Não sei se você conhece André, mas na cidade do Crato existe um museu com vários desses fósseis. Recomendo a visita caso seja possível.

      1. Não. O quadrinho ficou amplamente conhecido por ser fiel à Bíblia, e por ter sido boicotado por cristãos que achavam que não era assim que o Gênesis deveria ser retratado (talvez a literalidade ofenda os coitados, vai entender).

        1. É questão de conveniência, quando é conveniente a Bilbia tem que ser interpretada literalmente.
          Quando o texto é incoveniente ou deslocado da realidade, aí a Biblia é metafórica…….
          Compreensível, mas não aceitável.

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s