Venter e os caçadores do DNA perdido

Sempre sonhamos com a vida em Marte. Só para vocês terem uma ideia de como Marte é presente em nosso imaginário, até a exibição do filme E.T. – O Extraterrestre, a maioria das formas de vida alienígena era chamada de "marciano" (a única exceção que eu conheço é o National Kid, que criou o termo "Inca", que é um termo totalmente sem sentido no Japão, mas os tradutores preferiram colocar Inca Venuziano por causa do conhecido Império Inca. Hoje em dia, podiam chamar de Inca, Maia, Asteca etc. que 90% nunca ouviu falar). Uma das missões da Curiosity é buscar algum indício de vida, de encontrar marcianos, mesmo sem ser idiota o bastante para esperar ver algum homenzinho verde.

Afinal, o que se precisa para encontrar DNA alienígena?

Craig Venter não é um idiota. Ninguém que chefia uma equipe e é conhecido por mapear o genoma humano é um mané. Não satisfeito, sua equipe criou (ou quase) o primeiro ser vivo com DNA totalmente sintético. Como ambição não falta em Venter, ele declarou que pretende enviar um sequenciador de DNA para o planeta vermelho, afim de sequenciar qualquer coisa que estiver por lá.

Obviamente, numa empreitada como essa há poucas informações e Venter já começou a fazer ânus com leite condensado; se bem que o que Venter anuncia nem é tão novo, pois a busca por vida em Marte começou com as sondas Viking 1 e 2, e agora mais modernamente com a Curiosity, que anda fazendo análises do solo marciano. Ele "apenas" (e eu sei que isso não é pouco) deu um passo além, onde mandará um laboratório para caçar e sequenciar logo de uma vez qualquer DNA que estiver lá, mesmo que bem simples, e é bem óbvio que se tiver algum, será simples.

Encontrando algum trecho de DNA, surgir[a outro debate: aquele DNA se desenvolveu em Marte ou veio de carona em algum meteoro que caiu lá? Isso seria o reforço da teoria da panspermia, oque dará indícios que a vida aqui também veio do Espaço? Bem, em Ciência nunca se tem a resposta definitiva, e quando ela aparece faz com que outras perguntas surjam. Então, o que se pode esperar da empreitada de Venter? A tecnologia avança, a Ciência evolui. Claro que há possibilidade disso, só não se garante se irão encontrar algo lá; e mesmo que não encontrem, não deixa de ser uma resposta para "Há vida em Marte?". A resposta seria "nâo"… por enquanto. Até que outras experiências, outras visitas, outros ensaios sejam realizados.

O lançamento da missão não tem data definida ainda, mas com certeza haveria espaço para ela no próximo rover que a NASA mandar pro Vermelhão, mas com uma versão mais evoluída das antigas ferramentas de um geólogo: um martelo e muita vontade de descobrir algo novo.


Fonte: New Scientist

6 comentários em “Venter e os caçadores do DNA perdido

  1. Nada impede que a própria Curiosity (ou outras sondas) tenham levado DNA alienígena (da Terra) para Marte e esse venha a ser descoberto.

    Se em Marte houver alguma possibilidade insignificante de sustentar vida (mesmo que por pouco tempo), pode já haver um micro-ecossistema de descendência terráquea no planeta vermelho.

    P.S.: (off-topic) Por mim a gente começava a bombardear o planeta com meteoros da zona de asteróides e começava uma terra-formação.

  2. Mas vida alienígena necessita estar baseada em DNA?
    Só porque a vida na Terra é baseada em DNA, não quer dizer que a vida em Marte ou Titã tenha DNA.
    Pelo menos iria ser muito interessante que a vida alienígena não fosse baseada em DNA, abrindo todo um novo campo de estudos…………..

      1. @André,
        Sequências de silicatos?
        (o André vai me matar depois dessa :mrgreen: )
        Estou parecendo roteirista de história em quadrinhos………..

        1. Apesar de haver silanos (macromoléculas semelhantes aos hidrocarbonetos) eles não são tão estáveis quanto compostos de carbono e não se conseguiu uma macromolécula baseada em silício tão grande quanto temos com o carbono.

Deixe uma resposta para Magno Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s