Cônsul do Haiti no Brasil coloca a culpa do terremoto em macumba

Eu estava pensando em colocar uma atualização no artigo sobre as aves de rapina do Haiti. Mas não. Isso é tão… sei lá, escapam palavras. Então, vamos partir pra voadora mesmo: o cônsul do Haiti no Brasil achou que o terremoto foi um excelente negócio pra eles, já que isso serve de divulgação. Não satisfeito, o tosco – sem saber que estava sendo filmado pela reportagem do SBT – soltou a pérola da semana ao afirmar que isso é culpa da macumbada que o pessoal faz lá, e ainda completou que africano é um bando de fodidos.

Abalando as estruturas de crentes toscos, esta é sua SEXTA INSANA!

Depois, quando eu ataco débeis mentais que falam besteira, sou intolerante, quero destruir a fé das pessoas, sou mau e não uso desodorante. Já, pobres religiosos possuem Jesus no coração e são exemplo de como um ser digno deve agir.

Em reportagem exibida ontem (14/01) no “SBT Brasil”, o digníssimo cônsul geral do Haiti em São Paulo, George Samuel Antoine, afirmou que a tragédia no Haiti está tendo bons resultados para ele; e eu imagino que esteja mesmo. Quem se importa com o cônsul de um país miserável? Ademais, ele tá indo na onda do Primeiro Molusco e tirando uma de “diplomata”. O problema, é que o “diplomata” deveria voltar para a escola de diplomacia, ou seja lá como chamam o chiqueiro de onde estas coisas brotam que nem fungos. Afinal, ele sabe bem quem foi o causador: A macumba. Sim, irmãos, a macumba! Aquela coisa pavorosa que coloca galinha preta e cachaça na encruzilhada, fazendo a alegria de muito mendigo por aí. Mas esperem! Não acabou. Não satisfeito, Antoine ainda fez a briosa observação que africano é tudo fodido.

Tá, não vamos ser (muito) hipócritas. A África não é o paraíso ademais… Ei! O Haiti fica na África agora? Ah, bom, os descendentes de negros escravos. Ok. A propósito, o cônsul é branco; será que isso é indicativo de alguma coisa?

A verdade é que este sujeito não passa de mais um oportunista, achando que isso alavancará sua carreira diplomática (e com certeza vai alavancar, pois assim é o mundo diplomático). É vergonhoso ver alguém que coloque a culpa em “macumba”, morando e trabalhando num país mais do que macumbado. E olhem que aqui não tem desastres naturais. Embora alguns cínicos, como eu, utilizem daquela antiga piada, onde Deus distribui as desgraças no mundo todo, menos no Brasil. Indagado por Gabriel o porque daquilo, Deus – com um brilhinho maroto e um riso satânico diz: – Espere só para ver o povinho que eu colocarei lá.

Os repórteres do SBesTeira devem ter pulado de alegria, apesar do entrevistador fingir uma cara de velório. Jornalistas adoram um prato suculento feito esse, e nesse ponto quem pode censurá-los? O cara falou merda mesmo!

Abaixo, vocês podem ver o trecho da reportagem (eu adoro o YouTube!)

Aproveitando o ensejo, a crentalhada tá pulando que nem pipoca: Pat Robertson, um babaca muito semelhante ao nosso incrível Silas Malafaia, está berrando pra todo canto que o terremoto é a cobrança de um trato que os haitianos fizeram com o Capeta para que pudessem expulsar os franceses de lá. Ora, se fosse assim, o Demo deveria fazer um terremoto cataclísmico muito maior no Bible Belt. Se bem que a falha de San Andreas (irônico, não?) está aguardando a sua vez.

André tarda, mas não falha.

[ATUALIZAÇÃO]

Depois que a merda bateu no ventilador, o Sr. Cônsul (que não é geladeira, mas foi frio ao fazer sua piadinha idiota) se desculpou alegando uma nova pérola da cara-de-pau:

Falo várias línguas, mas nunca estudei português, eu ainda erro às vezes – disse o cônsul, pedindo desculpas ao povo haitiano, ao mesmo tempo em que garantiu estar com consciência tranquila. – Queria pedir desculpas, é claro que nunca foi minha intenção ofender ninguém.

Tá bom, vou acreditar que alguém que está aqui desde 1975 (35 anos de Brasil, portanto) ainda não aprendeu português. Mas aprendeu o que é a palavra “foda”, ou não? Será que isso é algum dialeto haitiano?

O melhor foi a reportagem do Globo, onde o estagiário de repórter (foi o Sabino?) fez mais uma das suas com o seguinte parágrafo:

– Quem não fala um palavrão na hora do nervoso? Falei assim de dó do povo – afirmou ele, garantindo que não tem preconceito com qualquer tipo de raça. Ele disse que seu avô, negro e nascido na África, foi presidente do Haiti no final do século XIV. Indagado sobre a declaração de que a tragédia poderia ter ocorrido por causa de macumba, Antoine disse que nem sabe ao certo o que significa o ritual.

Não comentarei nada. As considerações ficam a cargo de vocês.


Fonte: Folha Online e O Globo

13 comentários em “Cônsul do Haiti no Brasil coloca a culpa do terremoto em macumba

  1. “André tarda, mas não falha” hahahahhahah
    Seria um ótimo slogan numa pagina de anuncio de serviços “adultos”.
    :roll: :mrgreen: :twisted: :lol:

  2. Sujeito ridículo!péssima escolha para o cargo.Quanto aos crentes nada de novo,é só fazer ouvidos de mercador. :wink:

  3. Chega a ser tão ridículo uma declaração dessas…. o FDP ainda segura um terço e diz que aquilo traz paz e harmonia.. huauhahuauha.
    Se isso é castigo para o Haiti que possui uma prática de religião africana, como explicar o terremoto que assolou a Itália ano passado? ou quem sabe o Japão?
    Otário….

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s