Brasileiro Honesto: Blasfêmia é crime pior que corrupção, mas espancar pessoas é OK

Eu ainda sustento que brasileiro odeia ciência, abomina conhecimento, tem um pézinho em uma ditadura e seria capaz de denunciar qualquer vizinho a um sistema autocrático se isso lhe desse vantagens (exemplo de vantagem: se livrar do vizinho com o qual não foi com a cara, mesmo sem motivo).

Pesquisa indica que brasileiro não vê nada demais com relação à corrupção, mas defende penas severas para com blasfêmias. Afinal, teocracia está logo ali, na esquina.

Um estudo da empresa Flyfrogs (Sapos Voadores???) intitulado Moral e Ética: Quais os Valores que Norteiam os Brasileiros, mostrou o óbvio: somos bem chegados a uma teocracia, sem nenhum pudor em aceitar como certo atitudes como subornar para se conseguir as coisas. Ou seja, uma espécie de Lei de São Gérson. Na verdade, o resultado final foi que o brasileiro se mostra mais pautado por questões morais do que éticas. Agem de acordo como que foram adestrados. Condenam o aborto apenas por causa do apelo religioso, já que outras blasfêmias são condenadas também, mas qualquer questão que envolve o desrespeito ao cidadão estão no final da lista de prioridades, mostrando que o brasileiro médio não passa de um sociopata.

Querem um exemplo? Primeiro, começou essa histeria com a bosta da fosfoetanolamina. Pessoal faz seus clamores desesperados (e totalmente imbecis) para liberar esta merda, sem nenhum teste comprovado até agora, tendo uma pesquisa sendo levada a toque de caixa. Talidomida riu dessa história.

Bem, a USP foi obrigada a fabricar esta bosta porque… porque sim! Tecnicamente, isso violou determinações da ANVISA, mas são apenas coisa para os outros. Brasileiro quer ter direitos, independente se isso viola leis, ou não. Já deveres não entram na equação. Assim, na Unidade de São Carlos, os Uruk-Hai chegaram como nos tempos das invasões bárbaras e atacaram os funcionários. A procuradora do referido campus foi agredida por pacientes (engraçado como estavam sãos para tal ato), familiares e até mesmo os advogados, mas estes últimos nós bem entendemos o motivo.

Esse bando de visigodos agem como se fossem um bando de desesperados, e se der mole, nem tem gente ali doente, dado que já tem caso de vagabundos vendendo fosfoetanolamina, mesmo que seja falsa. Como certa vez eu li no Finance Buff

Isso me fez pensar. Por que as pessoas compram óleo de cobra? Eu posso entender por que as pessoas vendem óleo de cobra, mas por que as pessoas o compram? A resposta imediata seria falta de educação. Obviamente, se as pessoas soubessem que é óleo de cobra, que não iria comprá-lo. Mas eu continuo pensando que tem que ser mais do que isso. Depois de testemunhar uma tal compra em primeira-mão, eu desenvolvi uma hipótese: as pessoas compram óleo de cobra, porque eles esperam MAGIA.

O brasileiro é um povo apocalipsista messiânico. Sua falta de responsabilidade, de querer pessoalmente os seus próprios problemas, faz com que arrumem salvadores, desde Jesus até fosfoetanolamina. Saber mais, estudar mais, aprender mais está fora de cogitação. Você tenta ensinar, tenta explicar e te acusam de várias coisas, inclusive de insensível. Esses santos são muito preocupados com o bem estar dos outros, mas trocam de calçada se virem um mendigo. Eles não querem ajudar, não querem conhecimento. Querem magia, um herói mágico, uma poção que resolva todos os problemas, pois a preguiça inerente ao brasileiro, o povo mais mal-educado do mundo, impede que tentem raciocinar 5 minutos. Fosfoetanolamina cura câncer. EBAAAAAAAAA, vamos meter a porrada em todo mundo, não queremos pensar.

We don’t need no Education!

Clamam em prol dos professores, mas esses psicóticos são os primeiros a atacarem professores se estes derem nota baixo no filhotinho deles. É esta a sociedade brasileira, que desculpa um político corrupto (no máximo, lamentando por não ter ganho nada com ele, mas ainda vivendo na promessa de alguma benesse), mas não qualquer um que ofenda sua mitologia preferida, que chamam de “religião”. Deve ser por causa disso que tem tanta gente me xingando no artigo do Dilúvio. O mundinho mágico deles desmorona, e isso é blasfêmia. Não pode xingar, Jesus não gosta. Atacar funcionários de um,a Universidade? Claro que vamos baixar a porrada. Como? Mateus capítulo 5? Meh! Não se preocupem, tem coisa melhor para vocês se preocuparem. Esta gente elege seus governantes, pensem nisso.


Fonte: G1 ; Estadão

13 comentários em “Brasileiro Honesto: Blasfêmia é crime pior que corrupção, mas espancar pessoas é OK

  1. Isso me lembrou que hoje mesmo eu vi um vídeo de animação zoando Jesus, a crentelhação foi tanta que o dono do canal perdeu alguns milhares de inscritos e tirou o vídeo do ar, mas o que impressionou foi um inseto que ficou ameaçando o dono do canal que se encontrasse ele na rua, quebraria na porrada e ainda falou uma coisa do tipo “não me critiquem, sou cristão ortodoxo, ortodoxo pode”. Sabe, do jeito que esse povo é, eu não duvido que o Brasil corre risco de virar uma ditadura teocrática com terroristas cristãos.

    1. O seu humano já é incoerente por natureza, soma se isso à ideologia religiosa seguida cegamente e emocionalmente e em breve seremos realmente uma teocracia!

      Aliás, teve até projeto de lei defendendo que o poder emana de Deus e não do povo!

    2. Depois do piti da hóstia mofada, em que os papas se excomungaram e dividiram a cristandade oficialmente e a briga de lavadeiras começou, não duvido de mais nada.

      Dawkins tava certo em dizer que essa imunidade encantada da religião à crítica é uma praga.

    3. Seria o Goku vs Jesus?! O que teve de crente psicopata ameaçando o cara no youtube não tava fácil…

      1. Esse mesmo! Os comentários nesse vídeo me fizeram perceber no quanto os cristãos (ao menos a maioria, porque eu vi poucos religiosos que levaram na boa) não passam de uns maníacos que só não saem matando os blasfemos porque a nossa política ainda não é totalmente teocrática igual aos países islâmicos.

    4. Concordo com vc, Johnny.
      Sou muito pessimista com relação ao futuro desse país.

      Estamos caminhando para o “Estado Evangélico do Brasil do Senhor Jesus”!

  2. Xingar a religião nem é um crime tão grave quanto o seu pecado de ter estudado a ciência (se é que pode ser chamada assim) por trás dos contos bíblicos.
    Porque se você xinga, eles xingam de volta. Está no patamar deles, então tá beleza.
    Agora, mostrar que é cientificamente improvável que um dilúvio tenha acontecido, aí é heresia, e hereges têm que queimar na fogueira.

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s