Astronautas ficam 4 meses no Big Brother Marte

Sim, eu sei que isso seria m ais o caso de treinar para ir a Vênus, o planeta de TPM, mas não, a notícia é essa mesma. Seis astronautas passaram quatro meses nos cantos isolados próximos ao Mauna Loa, um dos vários vulcões do arquipélago do Havaí. O objetivo é treiná-los para um ambiente meio que similar a Marte. E sim, estavam com aquelas rouponas, mesmo (nem todo o tempo, claro), e bem próximos de um vulcão. E você ainda reclama do seu emprego!

Geoquimicamente, Marte e vulcões  são tudo a mesma coisa, tirando o fato que um pode ir pelos ares e o outro no máximo pode ser invadidos pelo Arnold Schwarzenegger. Para a drª Kim Binsted, professora da Universidade do Havaí, você pode olhar para as imagens da sonda Curiosity e do sítio onde os astronautas estavam treinando e são quase indistinguíveis, exceto que nós temos massa para segurar a atmosfera, mas o mesmo não aconteceu com Marte.

Uma missão tripulada a Marte envolve sérios problemas. Não para chegar lá; basta pegar uns jagunços,colocar num tanque de metal e mandar os caboclos para lá. O problema principal é logístico: ok, o cara chegou. Vai comer o quê? Beber o quê? Dormir onde? Tem wi-fi incluído na diária?

A pesquisa foi feita para comparar dois sistemas alimentares. Um era de itens pré-preparados e individuais. Uma espécie de lasanha congelada sem a lasanha nesta casa, não pronunciamos palavrões e nem o nome-daquele-que não-mencionamos. Também não falamos sobre aquilo que começa com Mi, termina com O e rima com "nojo"). Também foi incluído algo pronto para ir pra panela, de forma que pudessem entender como era o gasto de energia durante o processo.

Os testes envolveram, sobretudo, um dos piores problemas para o ser humano: confinamento. Não é uma questão de eles irem para outro problema, mas quando a comunicação daqui pra lá e de lá pra cá demora vários minutos, pois Einstein não dorme no ponto, fica difícil ter que ficar olhando para as mesmas caras dia após dia. E isso não é bem brincar de casinha. Se eu fosse encerrado com alguns de meus colegas de trabalho, no final do 3º dia eu não teria mais problemas em dividir comida.

A viagem tripulada a Marte faz sentido, mas não é para agora. Nem pro ano que vem. Eu creio que nem pros próximos 5 anos, mas não importa. Algo assim tem que ser pensado nos mínimos detalhes e não na base do "vâmu vê". E quanto antes planejarem e testarem, melhor.

Enquanto isso, as criancinhas na África… Bem, estão tendo consultas oftalmológicas, com aparelhos que surgiram graças à pesquisa espacial. Só digo uma coisa: Chupa!


Fonte: The Guardian

2 comentários em “Astronautas ficam 4 meses no Big Brother Marte

  1. As pessoas deveriam pensar duas vezes antes de quererem brincar de astronautas -coisa que eu acho difícil-, deve se passar por toda uma infraestrutura primeiro. Mas passar pela experiência que essa turma passam vale a pena, mesmo sabendo que seus olhos podem saltar de seu rosto, ou sua cabeça vier a explodir…

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s