Pesquisa procura melhorar desempenho de exoesqueletos

Onde Deus anda se escondendo? Ciência tem a resposta
Pesquisa estuda como corais são extintos e voltam a vida

Os modernos exoesqueletos modernos são algo que há 20 anos seria considerado ficção científica. Seus circuitos eletrônicos de ponta e mecânica avançada chegam a impressionar, mas, ainda assim, ainda são difíceis de serem usados. Não só fisicamente, mas na parte cognitiva também. E nem estou me referindo às pesquisas de retroalimentação, quando o exoesqueleto retorna informação sensorial à pessoa.

Pesquisadores da Draper testaram como diferentes fatores podem afetar a usabilidade de exoesqueletos. Eles identificaram parâmetros que precisam ser avaliados e otimizados.

A Draper é, segundo sua própria definição, uma empresa de pesquisa e desenvolvimento sem fins lucrativos que se concentra no design, desenvolvimento e implementação de soluções tecnológicas avançadas para os problemas mais desafiadores e importantes do mundo.

O dr. Kevin Duda é engenheiro em integração de sistemas humanos na Draper, além de ser homônimo de um ator meia boca. Ele pesquisa uma melhoria no design de adequação física e cognitiva. Assim, Duda e seus colaboradores analisaram 12 militares em uma tarefa de patrulha simulada em três modos: usando um exoesqueleto de baixo corpo energizado, vestindo o exoesqueleto sem motor e sem usar o exoesqueleto. Dos 12 indivíduos, oito tiveram um tempo de reação maior em uma tarefa de reação visual quando usavam o exoesqueleto motorizado em comparação com o exoesqueleto.

Estas conclusões sustentam a ideia de que a atenção pode ser afetada ao usar um exoesqueleto e destaca a necessidade de entender melhor o processo cognitivo de domínio de uso do exoesqueleto, de forma a melhorar os projetos, tornando-os melhores e mais eficientes.

A diferença de Exatas para Humanas, é que pessoal de Humanas se preocupa com o ser humano, a ponto de achar que próteses e exoesqueletos são eugenia, e se posicionam veementemente contra. Exatas realmente melhoram as condições de vida dos seres humanos

A pesquisa foi publicada no periódico IEEE Systems Journal. Tá com acesso aberto. Divirtam-se!

Onde Deus anda se escondendo? Ciência tem a resposta
Pesquisa estuda como corais são extintos e voltam a vida

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Quer opinar? Ótimo! Mas leia primeiro a nossa Polí­tica de Comentários, para não reclamar depois. Todos os comentários necessitam aprovação para aparecerem. Não gostou? Só lamento!