Macacada antenada. Orangotangos usam iPads e você briga com painel de micro-ondas

Enquanto você está aí, ainda tentando entender como se programa seu vetusto vídeo cassete, tratadores de orangotangos do Zoollógico Nacional Smithsonian trabalham com iPads. Não para que eles tomem anotações ou xinguem no Twitter. Os iPads são para que os orangotangos (e não os macacos pelados), e não é para jogar Angry Birds.

O uso de aplicativos para distrair a macacada nem é nova. Quem começou o projeto foi a ONG Orangutan Outreach. Eles só me decepcionaram na parte da lojinha online, onde eu pensei que podia comprar alguns orangotangos; no máximo, poderei adotar, que se resume a uma espécie de patrocínio. A macacada tem acesso a música, instrumentos musicais, jogos cognitivos, arte, pintura, desenho, fotos e vídeos. Próximo passo: armas de destruição em massa. Para quem tem o amaldiçoado iTunes em seu computador, pode acessar um podcast sobre o aplicativo. Abaixo um videozinho a respeito:

Não, não é nenhum aplicativo voltado exclusivamente para os nossos primos peludões. São aplicativos comuns que você usaria com seu filho, pois se você acha que Angry Birds é a vida, você tem problemas.

O principal foco do uso de iPads é um diferencial na vida dos macacos, de forma que eles possam ficar fazendo algo além de jogar restos de comida nos visitantes. Entretanto, se fosse aplicado aqui, os tratadores iriam dizer que o orangotango comeu o iPad, embolsariam o aparelho para depois venderem na rua Uruguaiana por dez real.

O projeto nos mostra como podemos usar nossas próprias potencialidades, pois se um orangotango tem capacidade de usar aplicativos em tablets, pessoas com deficiências também podem ser estimuladas a isso, usando tablets como ferramenta terapêutica.

Mas quando pessoas como eu sacam do aparelho e o usam para organizar calendários e preparar aulas e as pessoas em volta ficam me olhando com assombro como se eu estivesse fazendo bruxaria (3ª Lei de Clarke), então vemos que orangotangos andam superando seres humanos.


Fonte: Smithsonian Science


Para saber mais: Apps for apes: Orang-utans want iPads for Christmas

6 comentários em “Macacada antenada. Orangotangos usam iPads e você briga com painel de micro-ondas

  1. Os filhotes de orangotangos, passam cerca de 12 anos com as mães, para aprenderem tudo sobre a floresta, plantas venenosas, plantas medicinais, plantas e frutas comestíveis, sobrevivência na floresta, é um longo aprendizado, eles se movimentam por “estradas” nas arvores, que ao longo do tempo são reconhecidas como seguras e que levam aos alimentos por eles preferidos, por isso não é de estranhar essa capacidade cognitiva, uso espacial de um ambiente (um jogo por ex: ) capacidade de tomar decisões complexas, quem vê documentários da BBC, pode ter visto a orangotango fêmea atravessando um curso de água remando uma canoa com as mão, ou usando ferramentas humanas (pás, serrotes, martelo) simplesmente por ter visto os humanos fazendo isso… :mrgreen:

  2. Eu sempre achei “furado” o futuro do filme/série “O planeta dos macacos”. É lógico que se eles evoluíssem para um quadro similar ao nosso, eles teriam acesso a uma tecnologia bem mais avançada…rss

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s