Dinossauro malvadão trocava de dentes a cada dois meses

Imagine que você é um tubarão, nadando feliz nas águas de Nosso Senhor Sharknado (com ele a Oração e a Paz). Você pensa que é único e especial, mas ai descobre que tinha uma espécie de dinossauro carnívoro que também trocava os dentes da mesma maneira que você. Pronto, aí é caso de ter crises existenciais.

O Majungassauro viveu em Madagascar há cerca de 70 milhões de anos. Ele tinha a capacidade de trocar todos os dentes a cada dois meses. Até então, nunca tinha se descoberto algo assim entre dinossauros, mas depois que analisaram um fóssil, bem… ciência, né? As coisas sempre se atualizam.

O dr. Michael D’Emic é professor-assistente de Biologia na Universidade Adelphi, em Garden City, estado de Nova York. É dele o artigo que descreve como o majungassauro trocava seus dentes por novos por duas ou mesmo treze (!) vezes mais rápido que os de outros dinossauros carnívoros. O majunga (como chamarei daqui por diante. Dane-se a nomenclatura) criava um novo dente em cada cavidade aproximadamente a cada dois meses. Sentiu o seu pré-molar doer? Você está sendo alvo de riso do majunga. Nada pessoal, primata idiota!

Carnívoros não dispensavam nada do que abatiam, inclusive ossos. Sendo ossos uma bela fonte de nutrientes e cálcio, carnívoros malvadões se deleitavam devorando tudo. O problema com isso é que ossos tendem a ser duros e é preciso ter dentes duros, mas isso acabava também resultando em desgaste e quebra, muitas das vezes, diferente de herbívoros, que tinham dentes também duros, mas de outros formatos, sofrendo mais desgaste do que quebra.

Alguns carnívoros apresentam dentes hiperduros para aguentar a mastigação e trituração de ossos, enquanto roedores apresentam dentes que crescem à medida que são desgastados. Tubarões, por outro lado, não eram (e ainda não são) pertencentes a estes dois grupos, tendo vários dentes sendo substituídos ao longo da vida. Até agora, não se sabia de nenhum dino capaz disso, mas eis que chega o Majunga, el Malvadón!


Dentão do majunga

De acordo com o resumo da pesquisa, a taxa de substituição dentária é um importante contribuinte para a ecologia alimentar de animais polifododontes. Os dinossauros exibem uma ampla gama de taxas de substituição dentária, espelhando suas diversas especializações craniofaciais, mas pouco se sabe sobre padrões alométricos ou evolutivos em larga escala dentro do grupo. Na atual amostra ampla, porém esparsa de dinossauros, apenas três taxas de substituição de dentes de terópodes não aviários foram estimadaZZZZZZZZZzzzzzzzzzZzzzzz

O que a equipe do dr. D’Emic fez foi analisar os padrões de desgaste nos dentes do Majunga e comparou-os com os de outros dois dinossauros carnívoros, o alossauro e ceratossauro. Com isso, os pesquisadores descobriram que os dentes relativamente macios do majungassauro tinham anéis de crescimento microscópicos como os de uma árvore, exceto que eles foram depositados diariamente em vez de anualmente. Eles também analisaram a tomografia computadorizada de mandíbulas intactas do majunga para ver dentes não irrompidos e estimar sua taxa de substituição, que acabou sendo um novo dente por soquete a cada dois meses.


(A) Alossauro ; (B) Ceratossauro ; (C) Majungassauro

A conclusão é que estes dentes estavam se desgastando rapidamente, possivelmente porque estavam roendo os ossos. Além disso, há evidências independentes na forma de arranhões que correspondem ao espaçamento e tamanho dos dentes em uma variedade de ossos, e esses anéis de crescimento mostram que os dentes estavam sempre sendo substituídos, pois não apresentavam vestígios que eram dentes antigos desgastados, mas dentes novinhos, evidenciados por anéis de crescimento pequenos.

Você vai querer mais detalhes, certo? Bem, a pesquisa foi publicada na Plos One, de acesso aberto. Divirta-se!

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s