Relatório mostra que vacinas reduzem custos e mantém pessoas saudáveis. Chorem, anti-vaxxers

Hindus ficam bolados com comercial de carne que mostra seu deus-elefantão
Político idiota quer banimento de algarismos arábicos

Uma mula nos comentários do meu vídeo sobre os retardados anti-vacina acha que tem pouca divulgação. Como ele não lê publicações científicas, ele não acha certo cobrarmos que anti-vaxxers do Inferno suas publicações comprovando os malefícios das vacinas. Poderiam ler, ao menos, o Boletim da Organização Mundial da Saúde publicado recentemente.

O novo boletim anual da Organização Mundial da Saúde traz uma pesquisa apontando que os os esforços de vacinação realizados nos países mais pobres do mundo desde 2001 evitarão 20 milhões de mortes e economizarão 350 bilhões (sim, BILHÕES) de dólares em custos de saúde até 2020. Os cem mil, em mil dólares deve ser economia só com aspirinas.

A drª Sachiko Ozawa é professora adjunta da Faculdade de Farmácia na Universidade da Carolina do Norte. Ela não é médica, é economista, e estudou o impacto econômico da Gavi, a aliança global de vacinas, uma parceria público-privada lançada em 2000 para fornecer vacinas para crianças nos países mais pobres do mundo. Afinal, o que os países ricos querem é acabar com os pobrinhos, certo? Bem, provavelmente é o que o seu professor esquerdista fanático disse via Facebook, postado de um iPhone.

A iniciativa Vingadores da Gavi contribuiu para a imunização de 580 milhões de crianças, e analisou 73 países abrangidos pela análise da equipe, que foi publicada no Boletim da Organização Mundial da Saúde, cujo PDF você poderá ler AQUI.

A doutora japinha (sim, eu sei) e seus colaboradores determinaram o maior valor econômico e social de salvar essas vidas e prevenir deficiências: 820 bilhões de dólares. Ao analisar os custos de curto e longo prazo que poderiam ser salvos prevenindo a doença, incluindo tratamentos médicos que foram evitados, custos de transporte, perdas de produtividade de cuidadores e perdas de produtividade por incapacidade e morte, Ozawa apontou que se economizará 5 milhões de dólares em custos de tratamento por ano apenas como resultado de 10 vacinas.

As vacinas terão prevenido cerca de 20 milhões de mortes, 500 milhões de casos de doença, 9 milhões de casos de invalidez de longa duração e 960 milhões em deficiência até 2020, com uma estimativa linda de 350 bilhões de dólares economizados,que poderão ser direcionados a outros projetos sociais e de desenvolvimento humano e de infra-estrutura, como saneamento básico principalmente, mas não exclusivamente.

Por causa de simples vacinas que os amaldiçoados anti-vaxxers querem acabar, e em muitos lugares estão conseguindo. E sim, tudo isso foi calculado levando dinheiro em conta. Sem dinheiro, sem investimentos em outros setores. O que um país deixar de gastar com coisas que poderiam ter sido evitadas com simples vacinação, poderá investir em outras coisas tão importantes quanto. Se o dinheiro não for direcionado adequadamente. Não será culpa das vacinas. Quem sabe se a população eleger políticos melhores?

Sim, isso vale pro Brasil, também, mas não tenho esperanças, quando taxistas são eleitos deputados com uma plataforma que se resume em dizer que ele é taxista.

Hindus ficam bolados com comercial de carne que mostra seu deus-elefantão
Político idiota quer banimento de algarismos arábicos

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Quer opinar? Ótimo! Mas leia primeiro a nossa Polí­tica de Comentários, para não reclamar depois. Todos os comentários necessitam aprovação para aparecerem. Não gostou? Só lamento!

  • Jefferson Jr.

    Acho que o carinha que comentou lá no canal, quer que as campanhas sejam com carros alegóricos com show do Roberto Carlos e esquadrilha da fumaça!!!…

  • Johnny

    O problema é que não adianta ter esse relatório, os anti-vaxxers sempre usam o arjumento overpower de que “eh tudo manipuladu”.
    Gente estúpida é que nem rato, transmite doença, e com rato a gente não dialoga, a gente mata.