A lenta e microscópica vida nos mares

Há um grande problema em acompanhar o mundo natural. Ou ele é muito rápido, muito grande, muito pequeno ou é muito lento. Ou uma mistura dessas coisas, duas a duas. No caso da vida, é difícil acompanhar o que acontece, já que temos que ver as minúcias, os detalhes e, mais importante, a paciência de acompanhar tudo isso. O problema que muitos detalhes escapam já que há mínimas variações e só juntando tudo e acelerando o processo para termos noção.

O vídeo a seguir mostra a lenta vida dos corais e esponjas, pequenos seres marinhos que parem estar lá, paradões, sem contribuir com nada. Mas suas estruturas são vibrantes e recheadas de vida.

Você está vendo em tela cheia e com volume alto, não é?

A vida é fantástica. O fotógrafo Daniel Stoupin usou um macro daqueles e teve um trabalhão para montar o vídeo, mas o resultado final é magnífico. Os pólipos coloridos dos corais – que larga maioria pensa ser a parte rígida – mostram o seu balé de milhões de anos, capturados por longo espaço de tempo, traduzido em alguns segundos mostram a maravilha que estes seres são.

Um excelente trabalho que mostra que podemos encontrar formas de vida totalmente alienígenas para nós, sem nos preocuparmos com ridículos discos voadores.

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s