Tokyo aqui, cara!

Eu sempre posto timelapses de ambientes naturais, mostrando as maravilhas da Natureza. De vez em quando, entretanto, é bom mostrar cenas do que a Humanidade fez, alterando o ambiente e construindo cidades e países. Sim, eu sei, impacto ecológico etc e tal, mas mesmo assim é mágico ver as luzes da cidade brilhando contra o a paisagem noturna, com o ir e vir de pessoas, alheias a que estará agora, neste momento, vendo cenas de Tóquio, capital do Japão.

Continuar lendo “Tokyo aqui, cara!”

A montanha do belo vale externa sua raiva avassaladora

Surtr se move do sul
com ramos ardentes.
lá, com o brilha em sua espada
o sol dos Deuses dos Mortos

Surtr, o negro,  é retratado no poema épico Edda como sendo uma figura importante durante os eventos de Ragnarök, o ocaso dos deuses nórdicos, em que Odin é morto pelo lobo Fenrir e  guerreiros trilham o caminho de Hel, quando os céus se fendem. A lava é cuspida dos montes e o horror e desolação tomarão conta de tudo.

Continuar lendo “A montanha do belo vale externa sua raiva avassaladora”

A beleza desolada dos Fiordes

O Oeste da Noruega é, particularmente, um destino popular nos meses de verão, mas nos dias mais frios e sombrios do final do inverno em março, é um lugar abandonado; e na desolação gélida dos fiordes, o reflexo do Sol incide sobre áreas brancas. Um lugar calmo e ótimo para fazer filmagens e – por que não dizer? – timelapses. Bem, foi o que dois amigos fizeram e as imagens você confere a seguir.

Continuar lendo “A beleza desolada dos Fiordes”

A volta ao mundo em um hyperlapse

Ben Mikha é um aventureiro. Natural da terra dos Hobbits, ele saiu para dar um rolé, e por três anos tem viajado ao redor do mundo, audaciosamente indo em vários lugares, registrando timelapses e hyperlapses. O hyperlapse diferencia do timelapse, porque o timelapse você simplesmente coloca o tripé com a câmera e registra o movimento de tudo à volta. Quando muito, usa uma montagem equatorial para compensar o movimento da terra e das estrelas. O hyperlapse é registrado com a câmera em movimento.

Continuar lendo “A volta ao mundo em um hyperlapse”

Uma fantástica tempestade no deserto

O deserto costuma ser pensado como um lugar vazio, mas ele não é. Ele é repleto do fascinante poder da Natureza. Um poder arrebatador, incrível, magnífico, terrível e belo. Que o diga Mike Olbinski, que numa viagem até o Arizona resolveu núcleo de granizo cair na deslumbrante paisagem. Então, ele resolveu registrar mais.

E registrou. Continuar lendo “Uma fantástica tempestade no deserto”

A maravilhosa estrada celeste de leite

A Via Láctea é tema carne de vaca em termos de fotografia e timelapse. Mas que diabos! Ela é linda mesmo assim! Adrien Mauduit também acha e resolveu fazer um meda vídeo em lapso de tempo com 16 minutos de duração, mostrando suas melhores fotos da Via Láctea em grandes e close-ups, mas também perto de regiões que raramente são mostradas.

Continuar lendo “A maravilhosa estrada celeste de leite”

Navegar é preciso. Registrar em vídeo mais ainda

Imagine-se viajando por longo tempo pelo mar, indo de porto em porto. Bem, esta é a vida de uma tripulação de navios de carga. O mar aberto, cruzando vários oceanos, diferentes portos, enfrentando climas muito diferentes, tempestades, noites enluaradas, tempestades elétricas, diversos nascer e pôr do Sol, a lua cheia iluminando tudo. Um quê de aventura, de magia, de solidão, de mistério, de excitamento, de tédio. Um pouco do que nossos antepassados passaram ao desbravar rotas nunca antes imaginadas. Continuar lendo “Navegar é preciso. Registrar em vídeo mais ainda”