A magnífica beleza de um imenso telescópio

Sim, você adora um espelho, mesmo que negue. Não pode passar por uma porta espelhada que dá uma "verificada" no visual, nem que seja para ajeitar o cabelo ou olhar com censura para alguns quilinhos a mais que só você vê. Mas espelhos são muito mais importantes que a sua vaidade, apesar de ser meu pecado favorito. Desde que Isaac Newton percebeu que lentes causavam uma aberração cromática, espelhos são os mais indicados como forma de ampliar as imagens em um telescópio, chamado por isso de "telescópio refletor".

Em 24 de agosto último, o terceiro espelho para o Gigante Telescópio Magalhães (Giant Magellan Telescope — GMT) foi lançado num forno rotativo do Laboratório Steward, na Universidade de Arizona. Lá é a única instalação no mundo onde os espelhos desse porte estão sendo feitas e suas medidas vão do "absurdo" para "PQP é grande pra cacete!".

O GMT possui 7 espelhos e cada um deles tem a nada insignificante massa de 20 toneladas! Cada espelho tem cerca de 8,4 metros de diâmetro e se você está querendo idealizar isso, dá uma olhadinha na imagem abaixo:


Este aqui dá pra telefonar pra casa!

Claro, não basta fazer este espelho badass, o polimento é essencial, ou ele irá enfeitar penteadeira de moçoilas da Vila Mimosa. O vidro dos espelhos são o mais puro vidro de borossilicato, o que você chama simplesmente de "vidro pyrex" (falando nisso, você já leu nosso artigo sobre O Vidro?), que depois de muito bem pago, foi fundido num forno especial, a uma temperatura de 1170 °C. Sua superfície tem que ser tão lisa e polida para que consiga refletir qualquer coisa de forma uniforme. A montagem final desta boçalidade magnífica em termos de engenharia e óptica será feita no deserto do Atacama, ao norte do Chile, em 2020.

A modelagem de cada espelho foi feita com muito, muito cuidado. Depois de ter sido fundido, o vidro foi acondicionado me moldes hexagonais, que nem um favo de mel. Quando ele nem tinha esfriado direito, o molde foi removido e os cientistas do laboratório usaram uma série de abrasivos cada vez mais finos para polir o espelhão malvadão, regulando com precisão sua espessura e com vários testes ópticos de precisão, para terem certeza que aquela bagaça não seria um imenso desperdício de dinheiro.

E como sempre…. VIDEOZINHO! U-HUUUUUUUUUUUUUUUL!

Esta criança tem uma precisão de um vinte avos do comprimento de onda da luz, isto é, "uma parte em 10 bilhões em termos de fabricação de precisão", de acordo com dr. Patrick McCarthy, diretor do projeto e alvo de toda a minha inveja por estar vendo diariamente esta lindeza sendo construída.

Quando esta maravilha focar pronta, o Hubble será como o tio querido com suas incríveis estórias, inspirando os mais novos. O GMT é o sobrinho que recentemente voltou de viagem e quer compartilhar as coisas com seu tio aventureiro, o qual ouvirá com atenção e um sorriso. Nós somos a plateia em volta e devemos nos calar frente a esses dois e apreciar tudo o que eles viram. Talvez nenhum combate em chamas em Orion ou raios C brilharem na escuridão de Tannhauser. Mas, assim como o Hubble, o GMT terá muitas imagens a serem compartilhadas e suas memórias serão bem guardadas, com lágrimas nos olhos de uma emoção que aperta nosso interior, que jamais serão perdidas, mesmo entre os pingos de chuva.


Fonte: A mãe da Criança

6 comentários em “A magnífica beleza de um imenso telescópio

  1. Tal construção é digna de ser aplaudida em pé. Além de ser algo maravilhoso de ser visto, vai nos maravilhar ainda mais com sua utilização para o saber humano. Viva la Science!
    A montagem final desta boçalidade magnífica em termos de engenharia e óptica será feita no deserto do Atacama, ao norte do Chile, em 2020
    Pelo visto vou poder vê-la, minha viagem à Marte será em 2022

  2. E eu com meu humilde telescópio esperando pacientemente que o tempo melhore aqui em São Paulo para poder ver alguma coisa.

    Seria interessante se houvesse um telescópio desse porte em orbita como o Hubble.

  3. Fico só imaginando o trabalho que dá para polir um espelho desses e fazer as devidas correções.Estou há mais de um ano trabalhando em um espelho de 140mm,para o telescópio que estou construindo no grupo ATM (Amateur Telescope Maker no CEAMIG,aqui em BH.Comecei pelo corte dos blocos(são 2,um servindo como ferramenta e outro como espelho)passando pelas fases de desbaste para conseguir a curvatura correta com abrasivo mais grosso, e as fases posteriores para ajuste com abrasivos cada vez mais finos.Mas o grande desafio é a fase de polimento,onde se corrige os defeitos ópticos do espelho para finalmente poder aluminizá-lo à vácuo.Agora,um espelho de 8 metros de diâmetro é realmente de dar inveja.

  4. Bela reportagem, note que a maquina polidora, faz um pequeno movimento reverso durante o polimento, esse movimento “randômico” imita a mão humana, segundo os especialistas o melhor instrumento polidor que existe, salvo espelhos gigantes como esses, que seria impossivel de se polir com as mãos, parabéns pelo post André! :shock:

    1. @sergiobiju, o já corrigido problema de polir com mecanismos é que seus movimentos são muito regulares, de modo que o espelho/lente ficava cheio de ranhuras circulares ou espirais, assemelhando-se muito mais a um disco de vinil que a um espelho.

      A mão humana (em especial se você tiver Parkinson) tem movimentos mais erráticos, que permitem uma superfície com menos marcas.

      Imagino que aquelas máquinas que a gente viu no vídeo usem geradores de números aleatórios e módulos vibradores para evitar as irregularidades.

      E já imagino o metrologista falando “Sivirino (esse é o nome do robô), passa mais a lixa 2 micrômetros em 7.1415952565634,4.35674864678, que tem um morro ali.” :-)

  5. “Quando esta maravilha focar pronta, o Hubble será como o tio querido com suas incríveis estórias, inspirando os mais novos.”

    Quando o James Webb for ao espaço, o Hubble será visto como o avô querido :) . Esse eu quero muito ver!

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s