Descoberto no Reino Unido o calendário lunar mais antigo do mundo

Tão antigo quanto o próprio Homem é a necessidade de medir o tempo. Enquanto éramos caçadores e coletores, até que não fazia muita diferença, mas saber quando chegava o inverno já fazia diferença. Quando passamos a plantar nossos próprios víveres, conhecer a época certo de plantio e colheita era vital. Pensamos que no foi no Crescente Fértil que todas as grandes invenções começaram, mas não é bem assim. Enquanto Egito, Assíria, Babilônia e Hititas estabeleciam uma guerra fria (não, aqueles povecos semíticos não entram nesta lista), na região que os romanos mais tarde chamariam de "Britânia" os povos já mediam e contavam o tempo, construindo megalitos, calendários e megalitos que eram calendários, como Stonehenge. Mas agora, arqueólogos descobriram o que está sendo considerado o calendário lunar mais antigo do mundo.

O dr. Vincent Gaffney, é professor de Arqueologia da Universidade de Birmingham. Ele lidera uma pesquisa nas terras altas da Escócia. Uma série de grandes poços foram cavados por pessoas do Mesolítico para acompanhar o ciclo da lua. Uma série de 12 desses grandes poços foram especialmente moldados seguindo um projeto para imitar as várias fases da lua. Os poços se alinham perfeitamente com o movimento da Lua, de solstício a solstício.

Estes poços, localizados na região de Aberdeenshire, têm cerca de 10 mil anos de idade e marcam o ciclo lunar de maneira tão perfeita que estão sendo considerados o mais antigo "calendário" já descoberto. A pesquisa foi publicada no site Archaeology e sim, temos videozinho feito pelo próprio pessoal da Universidade de Birmingham:

"O que estamos vendo aqui é um passo muito importante na primeira construção formal da humanidade de tempo, até o início da própria história", disse o dr. Gaffney. Ainda segundo ele, todas as fases da Lua estão lá e dispostos em um semicírculo com 50 metros de comprimento de arco. Os poços não são redondinhos, pelo contrário. Eles representam exatamente como a Lua aparece no céu, onde apenas aquele que representa a Lua Cheia é totalmente redondo.

Não duvido que algum maluco irá pensar que isso é coisa de alieeeeeeeeeeeens, mas isso é desdenhar de nossa própria inteligência e criatividade. As pessoas da Antiguidade eram tão criativas como nós, a única diferença é que eles tinham mais tempo para observar tudo ao seu redor, coisa que nós perdemos. Eles eram sofisticados e preocupados em administrar sua sociedade e conhecer o tempo já era primordial, muito mais do que você e seu relógio caro, apesar de chegar sempre atrasado.

Os poços estão lá. São apenas buracos para mentes estreitas, mas um grande marco de nossa engenhosidade, comparando-=se de igual para igual com os mais modernos relógios atômicos.

3 comentários em “Descoberto no Reino Unido o calendário lunar mais antigo do mundo

  1. O homem nunca seria capaz de fazer uma observação dessas…nunca…jamais. Vocês podem consultar o Erich von Däniken e confirmar isso, tolinhos.

  2. Além da engenhosidade destas obras antigas, fico admirado com a quantidade de planejamento e organização necessária para a execução das mesmas. Afinal foi necessário arranjar e instruir escavadores, conseguir ferramentas, comida e abrigo para o pessoal.
    Seja calendários no chão. aquedutos, pirâmides ou moais, o homem antigo nos mostra cada vez mais que ele não era nada bobo, como o populacho costuma pensar

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s