Qatar age como o Qatar e todo mundo fica bolado por não ter manguaça disponível

A ingenuidade, burrice e estupidez coroam o modo asinino de pensar das pessoas. Um exemplo são aqueles que veem uma Copa do Mundo sendo realizada num país árabe e pensar “puxa, legal. Poderei ir lá e desfrutar do país, tomando uma cervejinha, vendo umas mulheres peladas e/ou curtir uns bróders sarados”. Então, dão de cara com a Realidade, esta estraga-prazeres, e todo mundo com cara de MAS HEIN???

Numa decisão pra lá de esperada (para pessoas que sabem usar o cérebro), as autoridades do Qatar estão para proibir a venda de bebidas alcoólicas nos estádios durante a Copa do Mundo, deixando a patrocinadora do evento, a Anheuser-Busch InBev NV, de calças na mão, sem poder vender aquele mijo conhecido como Budweiser.

Metendo o pé na jaca bem longe da polícia religiosa, esta é a sua SEXTA INSANA!

Eu já começo não entendendo por que alguém que gosta de bebida alcoólica vai para um país assistir jogos sem poder comprar e beber bebida alcoólica. Você pode dizer “ain, porque europeu vai para tudo que é lugar”. Sim, e o lugar segue a Sharia, a legislação baseada no Alcorão que proíbe a bebida alcoólica (é um pouquinho mais complicado que isso. Tão complicado que os próprios muçulmanos preferem generalizar). É a mesma coisa que gays irem para um país islâmico achando que eles são ótimos e os veem como gente. Algo como:

Quando na verdade é:

O embaixador da Copa do Mundo no Qatar, o ex-jogador Khalid Salman, diz que homossexualidade é “problema mental”, mas muitos gays estão indo pra lá mesmo assim, apesar de muitos terem sido presos e surrados lá. Mas isso são detalhes. Eles não fariam isso durante a Copa, né?

Agora, pessoal daquele troço eu chamam de cerveja com rótulo da Budweiser tá sem saber o que fazer, já que pagaram uma grana preta pra FIFA para serem os patrocinadores e a FIFA vai ficar de boa na lagoa, e todo mundo chupando o dedo.

A ingenuidade desse pessoal me espanta!

E não adianta comprar fora e levar pro estádio. O Qatar proíbe a venda de bebidas alcoólicas em quase todos os restaurantes não associados a hotéis ou resorts sofisticados, sendo que é pra consumir nesses locais, e não fora. A FIFA e a fabricante de Budweiser estão pressionando por mais concessões e vão conseguir muito, nos mesmos moldes que a ONU conseguiu conter a execução de gays por serem gays em países como o Qatar.

Ou vai rolar MUITA grana pros caras deixarem, ou tenho péssimas notícias pra vocês, amiguinhos.


Fonte: Bloomberg

3 comentários em “Qatar age como o Qatar e todo mundo fica bolado por não ter manguaça disponível

  1. Eu ADORO quando as pessoas aplicam a própria visão de mundo como régua pro comportamento de todo o resto do planeta. Eu tô rindo, dando risada desse povo com cara de Pikachu surpreso.

  2. O problema do último parágrafo é: como subornar sheiks árabes, esses sujeitos podres de ricos?

    É, amiguinhos, não vai rolar.

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s