Na Baixada Fluminense, traficante de Jesus ameaça tia da Wicca

Sim, o título é maluco, mas mais maluco ainda e traficante fanático religioso. Se o vagabundo já não prestava por traficar drogas, piora ainda mais quando ele acha que pode espalhar as palavras de amor e carinho de Nosso Senhor Jesus, ameaçando de morte quem segue lá a religiãozinha de adolescente que lê revista Witch.

O caso aconteceu em São João do Meriti, e parece que andou rolando um vídeo ai qualquer (provavelmente naquele pedaço do Inferno chamado WhatsApp) dizendo que um grupo de seguidores da religião wicca estava em busca de criancinhas para fazer magias. Daí alguns desses “bruxos” estão sendo ameaçados de morte. Sim, você riu, mas lembre-se que uma maluquice dessa gerou o caso da Escola Base.

Mas, calma! Calma que piora!

Um grupo de vagabundos criminosos e traficantes exigiram que a sacerdotisa wicca se desfizesse de todos os objetos que fizessem algum tipo de referência à bruxaria. Traficar cocaína pode. Um anel de pentagrama que se compra em camelô não pode. Bem, manda quem pode, obedece quem tem juízo.


Dramática representação que não tem nada a ver com o artigo,
mas não pude abrir mão da piada

Ah, mas bandidos não fariam isso, né?

Não só fazem como já fizeram.

Mas o pessoal da Secretaria de Estado de Direitos Humanos e Políticas para Mulheres e Idosos, através da Coordenadoria de Defesa e Promoção da Liberdade Religiosa, já acompanha de perto as ameaças que os wiccazeiros têm sofrido. Claro, assim como as cartas da ONU, a resposta da marginália vai ser:

Tudo bem que eu acho que wicca nem e religião, mas besteirinha de adolescente metida a gótica. Mas isso não implica que traficante evangélico vá lá evangelizar de forma, digamos, um pouco hardcore demais. Quando Jesus andava com prostitutas, safados e cobradores de impostos (Mateus cap. 9), não era bem essa a intenção dele. Mas meter seus filhos no tóchico pode. O mundo religioso é bem louco às vezes.

Se eu fosse a tia da Wicca arriava um despacho pra eles. Não, péra. Wicca não tem disso. Se nem com macumbona tá afastando bandido, ficar pulando São João fora de época em volta da fogueira não vai adiantar muito.


Fonte: Extra

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s