Geraldo Alckmin contrata Fundação Cacique Cobra Coral para fazer chover (atualizado)

Todos vocês sabem o amor que eu tenho para com a Fundação Cacique Cobra Coral, em que o indiozão baixa na Adelaide, a anã médium paraguaia. O ilustríssimo governador de Sum Paulo contatou nesta semana o grupinho que alega controlar o tempo, e que jornaleiros amam de paixão. O que poderia dar errado?

Segundo a Óia, a "parceria" conseguiria promover mudanças em relação a raios, trovões e tempestades (não ria!). Assim, se o contrato for firmado (e eles juram de pés juntinhos que não rola grana nisso), o tio Alckmin só precisa fazer certas coisinhas para que comece a chover na Cantareira, cujos níveis estão tão baixos que, mesmo com a choradeira do pessoal, não conseguiram elevar o nível (e baixo nível é o que não faltou nesta eleição).

Eu não vou acusar a Veja por trazer esta notícia. Culpados são o próprio governador que se rendeu à pseudociência (e que eu posso falar pouco, já que Rio de Janeiro tem telhado de vidro nesta) e a população tosca que dá ideia nesta merda. Jornais só veiculam o que o populacho adora, e é por isso que todo jornal tem uma seção de astrologia, enquanto que as seções de Ciência são uma merda, já que ninguém lê aquilo, e quem gosta de ler se desespera com aquelas porcarias tão mal escritas!

Somos o Brasil da pseudociência que tem cursos universitários de Homeopatia, cursos de extensão em Reike e dissertações de mestrado e teses de doutora em todo tipo de lixo pseudocientífico, consumindo verbas públicas em larga escala. A população AMA este lixo.

Se isso vai resolver o problema de São Paulo? Er… vai, pois falarão para a galera "Viu só? Estamos trabalhando!" e todo mundo fará joinha! É pra isso que vocês, paulistas, votam? Reclamaram com seus deputados da Assembleia Legislativa? Farão manifestação exigindo o cancelamento desta bosta? Não, no máximo farão mimimi em redes sociais (e depois irão consultar seus signos).

A verdade é a reiteração que brasileiro médio odeia Ciência. Ninguém ouviu pesquisadores e cientistas, porque no Brasil dos espertões, intelectuais e sabidos em geral, Meteorologia serve apenas para aparecer no jornal e dizer se amanhã você poderá esfregar sua imensa bunda na praia. Exploração espacial não serve pra nada, Química não serve pra nada e nada mais que viole o sensozinho comum deste bando de apedeutas é visto como algo errado e pesquisadores como o Miguel Nicholelis são arrogantes. Prefiro um cientista arrogante que humildes enganadores filhos da puta!

Brasil não segue a receita pão e circo. Não entregam o pão e faz o povo agir como palhaços no picadeiro. Parabéns a todos os envolvidos.


PS. Tomara que o pessoal da FCCC tenha diarreia ao comer cachorro quente com purê!


ATUALIZAÇÃO

Pelo visto, o pessoal da Veja SP marcou bobeira, e a notícia pode não ser tão verdadeira assim. Se você clicou no link acima, viu que está indo parar numa página inexistente. Interessante. Mandei pro Cache do Google e apareceu isto:


Clica aí que cresce!

O G1 informa que o porta-voz do Cacique MInhocão disse que conversou com assessores do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin. Uma nova conversa estaria prevista para a próxima semana. O assunto principal, claro, é a crise hídrica que afeta o estado. Alguém andou fazendo merda aí E o queridíssimo Osmarzinho deu uma volta nos jornaleiros da Veja. Espero sinceramente que o governo de São Paulo não seja tão estúpido quanto certos prefeitos. Né, não, Eduardo?

3 comentários em “Geraldo Alckmin contrata Fundação Cacique Cobra Coral para fazer chover (atualizado)

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s