Manuscritos sobre Teologia de Isaac Newton estão disponíveis online

Isaac Newton dispensa apresentações. Além do fundador de uma nova era no estudo dos astros, o inglês temperamental se aventurou na matemática, mesmo que isso acabasse em brigas homéricas com Leibnitz, apesar deste ser ferrenho admirador de Newton, mas ninguém fica feliz em levar bola nas costas (ops). Hooke era outro que não guardava boas lembranças de Newton e Huygens teve incríveis e acaloradas discussões sobre a natureza da Luz. Newton dizia que ela era composta por partículas e Huyggens achava que Newton devia ser débil mental por não ver claramente que ela era composta de ondas (curiosamente, os dois estavam igualmente certos).

O que pouca gente sabe é que Newton era apaixonado por teologia, além de estudar astrologia e alquimia. Quanto à astrologia, ele percebeu logo o besteirol daquilo e se dirigiu para o estudo das substâncias e sobre textos religiosos antigos. Agora, podemos ter acesso aos seus estudos teológicos.

Newton sabia que o melhor modo de estudar escritos antigos é no seu idioma original. Sendo assim, ele estudou hebraico e grego, os principais idiomas dos originais da Bíblia. Infelizmente, ninguém tem os manuscritos originais, originais. Só cópias dos originais e quanto mais velho, melhor. Newton estudou com o que dispunha e fez observações interessantes sobre a doutrina da Santíssima Trindade (que para ele era besteira, também).

Alguns débeis mentais com certeza diminuirão todo o trabalho de Isaac Newton. Vocês sabem, né? Ele era cristão (protestante) e não devia ter mente racional. Todos nós sabemos que só depois que foi lançado "Deus, um delírio" é que apareceu gente que pensa muito e tem excelentes ideias (como um talzinho que conheci num fórum, e que defendeu que "Stalin foi um bom presidente pois era ateu" sic). Newton era um bundão invejoso e a despeito de todas as suas obras, nada daquilo tem validade, pois cristãos não possuem capacidade de pensamento racional. (agora, algum retardadinho analfabeto vai dizer que eu estou atacando cristãos)

O homem da razão dentro de Newton (ops 2) escreveu uma série de tratados teológicos; e hoje podemos ter acesso a tudo que ele escreveu, de forma digitalizada, no site da Biblioteca Nacional de Israel. Neles, muitas vezes, podemos ver uma escrita quase ilegível, feita de modo fervoroso e intenso, característico do inglês em eterna paranoia, feita de modo febril, como só Newton era capaz de fazer.

Agora, pare de ver vídeo do Pat Condell e vá ler coisa que preste, independente de você concordar ou não. Busque a droga do conhecimento, ou o Bilu vai te mandar de volta pro colégio.

20 comentários em “Manuscritos sobre Teologia de Isaac Newton estão disponíveis online

  1. Muito legal esse atitude da Universidade de Israel (e de todas as outras que andam colocando manuscritos originais de grandes cientistas).

    O pior é que esses que ficarem dizendo que nada de que Newton falou tem mais validade, por causa de ele ser religioso e tudo mais, são capazes de citar que com Einstein toda a teoria de Newton caiu por terra (mesmo sem conhecer nada da Teoria da Relatividade e sem saber que as leis de Newton só não são válidas em casos muito restritos) só porque Einstein não acreditava num deus pessoal e blá blá blá.

  2. Pior que já vi muita gente rebaixando Newton até lá embaixo pelo fato dele ser cristão. Inclusive o editor principal da Chaleira Maluca.

    É um conjunto de trabalhos interessantes certamente e estou precisando melhorar o meu inglês para não depender do Google. :( Newton, pela sua excelência, certamente muito a nos ensinar.

      1. É um grupo extremista dos mujahedins. Eles estão entre nós e pretendem dominar o planeta, mas somos fortes. Eu, por exemplo, sou feliz por ser um beta e não ter as altas incumbências dos alfas.

        1. @Nihil Lemos, Muito obrigado pela dica, já estava a um tempo tentando adivinhar o nome mas agora que consegui. Não li quase nada para ter uma opinião, só sei que esse site não é muito “popular” por lá. Bom, mas isso não importa. E André, me desculpe por estar desviando do assunto, mas não sabia onde mais poderia perguntar sobre o site.

  3. Excelente dica. A caligrafia não é tão ruim, achei bastante legível. Curioso o garrancho que ele usava para a palavra “the”.
    Muitos criacionistas idolatram Isaac Newton por ser o exemplo do “cientista cristão”. Em um site criacionista já vi umas tirinhas intituladas “Isaac & Charles”, onde Darwin representando o vilão, a ciência materialista, sempre perde as discussões.

        1. Caso cinquentinha no chão como ele daria um banho em matemática em Einstein, já que este não criou a Relatividade do nada, tb. Ele só tinha mais IBOPE.

          1. @André, ele daria um banho em qualquer cientista moderno. Na sua época não existiam as parafernálias que os cientistas atuais tinham (se bem que o Einstein também não…).

            Fico imaginando esse cara trabalhando na Nasa, por exemplo, ou Cern. Talvez saberíamos de mais coisas ainda graças a ele.

          2. @André, Falando em Einstein, tu já deve ter ouvido falar de que o físico brasileiro César Lattes falava que Einstein era uma farsa (caso não tenha ouvido falar, tem aqui http://www.alfredo-braga.pro.br/discussoes/cesarlattes.html ).

            Eu não acreditei muito nesta história, até tentei procurar mais pessoas sobre isso e a única informação que consegui veio do meu professor de física da faculdade que foi aluno do Lattes na UNICAMP, que apenas disse que Lattes era um cara de opiniões fortes.

            Por acaso vocês sabem de alguma coisa sobre isso?

          3. Alegações extraordinárias requerem provas extraordinárias. Esta estória do César Lattes é a melhor forma de “eu não ganhei nada, mas estou certo. O mundo tá contra mim”.

            Provar que é bom, nada.

  4. Newton é amostra clara que um dos maiores gênios da História não serve como argumentum ad verecundiam.

    Mesmo um GÊNIO (com todas as letras maiúsculas) não serve como “evidência” de um Deus apenas porque ele acreditava nele.

    E o fato dele ter acreditado num deus, não o faz um ignorante (chamar Newton de ignorante pode causar terremotos e desalinhamento de planetas).

    Só pra quem denigre alguém por ser cristão, um dos principais idealizadores do Big Bang, foi um padre católico: Georges Lemaître.

  5. Tanto que não critico pessoas pelas suas religiões, e sim, as IDEIAS que elas tiram das religiões.

    E critico as religiões por seu caráter segregador.

  6. Mais uma vez, sua honestidade intelectual fala mais alto. Parabéns pelo artigo e obrigado pelo link. Já salvei nos meus favoritos.

  7. Além da variação na pressão da escrita, achei fantástico ler realmente o rascunho do pensamento de Newton (arranhando no latim, porque não sei quase nada). Ver páragrafos anulados, observações pelos quatro cantos das páginas, palavras frases corrigidas, ah, que preciosidade! Obrigada pelo link!

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s