Analisando séries e filmes de super-heróis XXII

A história sem fim de Shang Chi

Shang Chi é um personagem como tantos outros de sua época. Seu filme é um tanto… diferente dos quadrinhos, embora a premissa seja a mesma. Como sempre, o MCU faz uma salada dos diabos, deixando seu universo cinematográfico todo cagado como sempre, mas os fãs não perceberão isso e vai ficar tudo por isso mesmo. Ainda assim eu já posso dizer: e um bom filme de artes marciais estilo chinês, não tanto de super-herói, mas nem os filmes de “super-herói” da Disvel são efetivamente filmes de super-herói, como já falei antes.
Continuar lendo “Analisando séries e filmes de super-heróis XXII”

Analisando séries e filmes de super-heróis XXI

Matrix Resurrections: Um filme feito com a força do ódio

O que é pior que fazer um trabalho merda? É você ser obrigado a fazer um trabalho merda. Sabe quando você se empenha e dá tudo de si e pensa, “agora, sim, está terminado, posso descansar”? Então, vem o seu chefe e diz “olha só, e se fizermos mais, e mais e MAIS?” Então, você se dá conta, claro, que vai fazer porque tem boletos; mas se antes você deu tudo de si, agora vai dar tudo do seu ódio, em que você fará o trabalho obrigado, mas com os dentes cerrados, com sangue nos olhos e um fio de baba escorrendo pelo canto da boca.

Esta é a melhor definição de Matrix Resurrections. Continuar lendo “Analisando séries e filmes de super-heróis XXI”

Analisando séries e filmes de super-heróis XX

Homem-Aranha: Chutado de Casa

Obviamente, eu não poderia deixar de mencionar e analisar o último filme do Miranha. Eu diria que é REALMENTE o último filme do Miranha, mas no MCU. A Disney fez de tudo para tirar o Cabeça-de-Teia da Sony, mas eu já tinha dito como era o um problema negociar com japoneses. Também falei que o Homem-Aranha é o melhor herói do MCU sem ser do MCU, talvez, justamente por isso.

Bem, se preparem par a análise do filme, sobre o qual vocês não sabem do que se trata, mas eu irei explicar. Vai ter spoiler, mas o principal spoiler não é spoiler faz tempo: Peter Parker sempre se fode. Isso é mais do que canônico. Continuar lendo “Analisando séries e filmes de super-heróis XX”

Analisando séries e filmes de super-heróis V

Vilões, o grande problema da Marvel (mas nem deveria ser)

Eu escrevi “Marvel”, no subtítulo, mas deveria ter escrito “Disney”, mesmo. Todos se referenciam à Marvel Studios, mas ela é de propriedade da The Walt Disney Company agora e isso porque a Marvel sempre esteve na pindaíba e faliu umas trocentas vezes. Nos anos 1950, a então Atlas Comics estava passando por maus bocados. Nos anos 1970, começou a haver uma contração do mercado de quadrinhos, mas ainda assim a Marvel conseguia se manter, apesar de seus títulos. Os personagens eram famosos, e o são ainda hoje. Mas curiosamente, isso não refletia nas vendas. Continuar lendo “Analisando séries e filmes de super-heróis V”

Analisando séries e filmes de super-heróis III

A maravilhosa mulher e os verdadeiros vilões


Mulher Maravilha do Perez é a melhor Mulher Maravilha.
Quem discorda está a serviço de Ares

Saiu o Mulher Maravilha 1984, mas antes de falarmos sobre o que é o filme (assunto esse que larga maioria não conseguiu deduzir pelo filme, apesar de ser bem explicado), vamos dar uma repassada na Diana, a Mulher Maravilha. É uma personagem criada por um psicólogo com duas fixações: a verdade e fetichismo.

Continuar lendo “Analisando séries e filmes de super-heróis III”

Jesus Cristo e Super-Homem: A necessidade do herói mítico

Todos os povos primitivos desenharam para si um herói. Alguém que trouxesse todas as virtudes: forte em todos os sentidos, honesto e de grande moral. Servindo como baluarte entre o povo em questão e a completa destruição (tanto física, quanto moral) do referido povo.

A maior expressão folclórica de heróis com superpoderes, numa eterna luta do Bem contra o Mal, está presente sob a forma de Histórias em Quadrinhos (HQ’s); sendo o Super-Homem o primeiro, mais famoso e mais poderoso dentre eles.

AQUI estudaremos as semelhanças entre dois mitos: O Super-Homem e Jesus Cristo.