O fantástico sistema de metrô do império romano que nunca existiu

Eu gosto de duas coisas: mapas e o Império Romano. Acho que estaríamos melhores na época dos Césares, mas não dá para voltarmos no tempo. Entretanto, é interessante saber que as estradas romanas cobriam um total de 80 mil km, e o ditado “todos os caminhos levam a Roma” não era uma figura de linguagem.

Sasha Trubetskoy também gosta de mapas. Ele tem bacharelado em Estatística pela Universidade de Chicago e segundo ele mesmo, ele adora Geografia e análise de dados, além de fazer mapas no seu tempo livre. Ele olhou este mapa:

E pensou “já pensaram que maneiro seria se ao invés de estradas isso fossem linhas de metrô? Como seria o mapa das linhas?”. Sasha se baseou no design criado por George Dow, um funcionário da London and North Eastern Railway e da British Railways que criou o que chamamos Transit Maps. Eles não são exatamente precisos em termos de distâncias, mas o design criado por Dow tem por finalidade servir de orientação para os passageiros.

De posse dessa técnica, Sasha criou o sistema abaixo para as linhas de um metrô que nunca existiu, mas seria muito legal se tivesse existido:

O Augusto Imperador Otávio César aprovaria.

3 comentários em “O fantástico sistema de metrô do império romano que nunca existiu

  1. Se esse sistema metro fosse feito no ritmo BR de construção eles teria que começa a obra com Rômulo para terminar hoje hehehe. Maneiro esse mapa

Deixe uma resposta para Gabriel S. Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s