O fantástico sistema de metrô do império romano que nunca existiu

Eu gosto de duas coisas: mapas e o Império Romano. Acho que estaríamos melhores na época dos Césares, mas não dá para voltarmos no tempo. Entretanto, é interessante saber que as estradas romanas cobriam um total de 80 mil km, e o ditado “todos os caminhos levam a Roma” não era uma figura de linguagem.

Sasha Trubetskoy também gosta de mapas. Ele tem bacharelado em Estatística pela Universidade de Chicago e segundo ele mesmo, ele adora Geografia e análise de dados, além de fazer mapas no seu tempo livre. Ele olhou este mapa:

E pensou “já pensaram que maneiro seria se ao invés de estradas isso fossem linhas de metrô? Como seria o mapa das linhas?”. Sasha se baseou no design criado por George Dow, um funcionário da London and North Eastern Railway e da British Railways que criou o que chamamos Transit Maps. Eles não são exatamente precisos em termos de distâncias, mas o design criado por Dow tem por finalidade servir de orientação para os passageiros.

De posse dessa técnica, Sasha criou o sistema abaixo para as linhas de um metrô que nunca existiu, mas seria muito legal se tivesse existido:

O Augusto Imperador Otávio César aprovaria.

3 comentários em “O fantástico sistema de metrô do império romano que nunca existiu

  1. Se esse sistema metro fosse feito no ritmo BR de construção eles teria que começa a obra com Rômulo para terminar hoje hehehe. Maneiro esse mapa

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s