Milagres Cristãos: Pai de Santo muda de religião depois de ganhar cargo de assessor na prefeitura do Rio

Pesquisa procura melhorar desempenho de exoesqueletos
Ceticismo.net atualiza sua política de privacidade

Eu, como servo de Nosso Senhor, fico regozijado na paz de Cristo Jesus ao presenciar milagres. Quando almas perdidas se encontram e vão para o seio do Senhor Deus, Nosso Pai. Quando vidas se transformam, decisões são tomadas e aqueles que antes seguiam por um caminho, mudam radicalmente, apenas pelo que lhes toca o coração, amém, irmãos, graças a Deus.

Um exemplo de alma renovada é o pai-de-santo Roberval Batista Uzêda, que depois que assumiu o cargo de assessor da coordenadoria de Diversidade Religiosa da Secretaria municipal de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos da prefeitura do Rio de Janeiro, milagrosamente (HOSANA!) se converteu à fé cristã evangélica. Eu ouvi um amém?

Roberval Taylor Uzêda ficou conhecido por dar uns passes no presidente Temer durante uma convenção do PMDB. Como o inimigo do meu amigo pode virar um aliado… não. Como o aliado do meu amigo pode virar um inimigo… não, também não. Como … Ah, qualquer um que vá para a minha igreja é um bom negócio! Foi o que aconteceu com Uzêda. Ganhou um cargozinho na faixa e, bem, não custa nada fazer um agradinho ao chefe, né? Não, péra. Ao sobrinho do chefe, no caso.

Segundo Uzêda, que parece nome de ditador de republiqueta fictícia de algum filme B, ele quer “ser chamado de ‘Irmão Uzêda’. E quem sabe no futuro, Bispo Uzêda. Quero estudar a fundo os ensinamentos de Cristo”. Eu fiquei tocado. Amém, Jesus! Mais uma alma para o seu reino celestial!

Tudo bem que o agora pastor Roberval (tem nome de pastor de igrejinha evangélica em alguma cidade pequena) meio que esqueceu de trocar as fotos em sua página no Facebook, jogando búzios, fumando charutos e devidamente paramentado como babalorixá.

Os repórteres procuraram a assessoria do prefeito Marcelo Crivella, mas ninguém se manifestou sobre o motivo de irmão Uzêda foi escolhido. Na certa, Jesus apareceu numa nuvem dourada, em vestes muito brancas e disse pro Crivella: “meu filho, traga aquele pai de santo para nosso rebanho” ou alguma bobagem neste sentido.

Eu fiquei realmente emocionado por escolherem um assessor para o cargo numa coordenadoria de diversidade religiosa e ele mudar de religião só para ficar igual à do chefe, digo, do sobrinho do chefe. Será que tem algo por detrás disso? eu acho que não. Por que teria?


Fonte: O Globo

Pesquisa procura melhorar desempenho de exoesqueletos
Ceticismo.net atualiza sua política de privacidade

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Quer opinar? Ótimo! Mas leia primeiro a nossa Polí­tica de Comentários, para não reclamar depois. Todos os comentários necessitam aprovação para aparecerem. Não gostou? Só lamento!