ENEM 2017: Já sabe que vem vergonha alheia, né?

E saiu o que todos estávamos esperando: os resultados do ENEM. Aquela maravilha que mostra a quantas andam a nossa Educação de forma mascarada (mas ainda caótica), pois na real mesmo vem o PISA e mostra que é bem pior do que estávamos pensando. Ainda assim, vale sempre dar uma olhadinha nas insânias do ENEM.

PÉRA! Eu falei insânia? Sim, senhoras e senhores, pois esta é a temporada 2018 da sua SEXTA INSANA!

Vamos aos números. De todos os alunos que prestaram a prova, apenas 53 alunos tiraram nota mil na redação do ENEM em 2017. Em 2016, a imensa marca de 77 notas máximas foi atingida. Isso deve significar algo; ainda mais que em 2014 o total de notas máximas foi de 250.

Mas calma! Se você acha que isso é ruim, ficarei feliz em te dar notícias ainda piores: Das mais de 4 milhões de redações, 309.157 tiveram notas zero.

Sim, zero! O miserável fez tudo errado. Não escreveu de forma coerente, não respeitou norma cuilta, fugiu do tema, escreveu um monte de bobagens… ou seja, escreveram como estão acostumados a escrever no WhatsApp e no Facebook. Em 2016, apenas 0,78% dos alunos fizeram bobagem na redação. Em 2017, o número subiu para cerca de 5%. Deve ser porque o tema “Desafios para a formação educacional de surdos no Brasil” foi respondido com gente sugerindo construir rampas de acesso para facilitar a locomoção.

Eu gostei da ideia, o problema é que esses surdos não dão ouvidos a ninguém!

Aí, essas criaturas que conseguiram zerar no ENEM são os que aparecerão no meu site e canal do YouTube para dizer que eu estou errado, que a Terra é plana, o Homem não foi à Lua, vacinas causam autismo e Evolução não existe. E dada a grande quantidade desses idiotas, eles serão ouvidos, pois eles mesmos têm as suas plataformas de comunicação e com muito mais seguidores e assinantes que eu, numa grande bola de neve feita de merda!

De qualquer forma, os alunos estão melhorando. Se antes a média das notas foi de 541,9 pontos, no ENEM 2017 a média subiu para 558, o que seria o equivalente com nota 5,6 numa prova de zero a dez. O problema é que normalmente, as médias nos colégios para passar de ano é 6 (e não são 4 décimos de diferença. Você tem que somar todas as provas e trabalhos e multiplicar por 0,4 e ver a enormidade de nota que o vagabundo deixou de tirar). Assim, com a média do ENEM, fatalmente os alunos estariam reprovados, acabando por passar pelo conselho de classe, em que o diretor manda aprovar e o professor tem que rebolar para resolver isso. Só que ENEM não tem segunda chamada e nem diretor pressionando professor, mas HEY, estamos melhorando.

Para finalizar, lembrem-se: sabem estes que zeraram e escreveram um monte de besteiras? O voto para presidente deles vale tanto quanto o seu. Talvez mais porque estão em maior número que você. Um excelente fim-de-semana a todos!


Fonte: G1

10 comentários em “ENEM 2017: Já sabe que vem vergonha alheia, né?

  1. Pessoal do trampo comentando as notas de quem fez o enem2017 e achando que a nota mínima de 400 e máxima de 520 que o pessoal tirou estava excelente.
    Aí chego na sala, perguntam se fiz enem, digo que não, mas informo que a pior nota que tirei em todos os enem foi 680 e o pessoal achou que eu estava mentindo…

      1. Saiu 80 reais para fazer a prova de 2017.
        Acho que até vale a pena se inscrever e fazer de tempo em tempo, pois vai forçar a gente a sempre se manter atualizado.

      2. Também andei pensando em fazer o ENEM esse ano só por fazer, Sempre tem um curso de pedagogia pra aumentar a pontuação e conseguir um bom cargo público.

  2. Nesse ano o Enem não valeu certificado de conclusão do ensino médio, então, todas as notas zero foram de pessoas que estavam tentando uma vaga em universidade, ou seja, pessoas com ensino médio completo…
    Além disso, em 2016, o número de participantes foi maior (mais de 6 milhões) em relação a 2017(mais de 4,7 milhões) e, mesmo assim, a quantidade de gente tirando zero aumentou. Tá foda msm.

  3. Como eu disse para ti no e-mail que te mandei, começou o festival da schadenfreude.

    Mas o melhor mesmo foi a presidente do Inep dizer que, apesar da quantidade de redações zeradas ter sextuplicado, isso foi algo que “não aumentou tanto” e que o resultado foi “absolutamente normal”.

  4. “O voto para presidente deles vale tanto quanto o seu. Talvez mais porque estão em maior número que você.Um excelente fim-de-semana a todos!”

    Quer fazer a gente chorar, Dr.André ? E pensar em todos estas pessoas que querem votar no Bolsonaro, já dá vontade de sair correndo mesmo. E pior que esse ano não é só voto para presidente e mais uma vez vamos ver a palhaçada acontecendo. Como aqui em SP que já está acontecendo com o “grande e bom” prefeito Dorias.

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s