Criacionista diz que vai provar que Grand Canyon se formou com Dilúvio

UNESP fará exame para saber quem negro de verdade
Como a NASA caça asteroides?

Criacionistas são fofos. Eles realmente acham que o mundo natural tem que se curvar perante à sua crença, quando a realidade mostra o contrário. Ainda assim, eles não desistem, como é o caso de um “cientista” chamado Andrew Snelling. Snelling é PhD em Geologia, mas daí ele resolveu se juntar ao pessoal tosco do Answer in Genesis, o mais divertido movimento criacionista que fica inventando bobagens sem sentido, que só não são completos inúteis, pois até mesmo eles deram esporro no Ron Whyatt e suas bobagens sobre carruagens egípcias no Mar Vermelho.

Snelling arrumou problema com o Serviço de Parques Nacionais porque quer amostras de rochas do Grand Canyon para provar que houve um dilúvio ali. Afinal, se a Bíblia disse que teve, temos que encontrar as evidências!

O único problema, é que a normativa do Serviço de Parques Nacionais concede permissão para coletar algumas amostras de rocha mas apenas para fins de colecionar material; qualquer coisa fora isso, é ilegal, como o caso de Snealling querendo provar que caiu uma chuvarada lá. O fato que estudos bem anteriores já demonstraram que o cânion foi esculpido por milhões de anos através das ações erosivas do rio Colorado não é do interesse de Snealling. O Serviço de Parques Nacionais não deu permissão. Começou o chilique.

Snealling meteu o SPN no pau, alegando perseguição religiosa (claro, né?), só que acabou tirando o processo pois o SPN disse algo como “tá, pega esta merda e não enche a porra do saco!”, o que ele está cacarejando como se fosse uma vitória, pois ele é um incompreendido mártir do Senhor. Aquela bobajada comum em crentes que se acham tão mártires quanto o imbecil do Justino.

Snealling pode agora coletar cerca de 40 amostras de tamanho de punho, desde que ele disponibilize os dados de qualquer análise livremente. Vocês têm alguma ideia de quais serão o resultado? É, pois é. Segundo ele próprio, “Nós já temos evidências que são consistentes com uma grande inundação que varreu o mundo”. E vai dizer que não. Agora, vejam de ovo a imagem de abertura.


Fonte: Ars Technica

UNESP fará exame para saber quem negro de verdade
Como a NASA caça asteroides?

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Quer opinar? Ótimo! Mas leia primeiro a nossa Polí­tica de Comentários, para não reclamar depois. Todos os comentários necessitam aprovação para aparecerem. Não gostou? Só lamento!

  • Julio Cesar Ferranti

    Até imagino os resultados:
    _ Temos evidência de que estas rochas estiveram submerssas um dia!
    _ Sim do rio que escavou e ainda escava o canyon!
    _ As rochas foram retiradas 30 metros acima do rio!
    _ Mas isso é escavar! O rio desce!
    _ Você não pode provar que essa água é do rio e não do Dilúvio!
    _ Mas…
    _ O rio pode ser o resquício das águas do Dilúvio! Aceite!

  • Pirata Espacial

    Já vi esse cara em uma noticia antiga, mas nunca pensei que ele levaria isso a diante, mas vejamos o que esse energúmeno consegue, vai ser engraçado…

  • Henrique Rodrigues

    Quem procura acha