O Experimento do Arroz Sensível

Cai o número de pessoas se apresentando em postos de vacinação
Heróis não são caixas. Suma daqui com sua lacração

Saiu uma notícia que uma professora de Curitiba quis comprovar como palavras ruins podem fazer mal à gente. ela colocou dois potes com arroz cozido, sendo que um tinha palavras legais e de encorajamento e o outro palavras “negativas”, naquela teoria do Massaru Emoto que isso afeta as moléculas da água e, com isso, afetar nosso organismo. Será verdade?

Bem, eu sou um cientista. Que tal comprovar cientificamente? Acompanhe as fotos que colocarei diariamente (ou quase) no Instagram @ceticismo_net

Vamos ao vídeo?

Inscreva-se em nosso canal.


Cai o número de pessoas se apresentando em postos de vacinação
Heróis não são caixas. Suma daqui com sua lacração

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Quer opinar? Ótimo! Mas leia primeiro a nossa Polí­tica de Comentários, para não reclamar depois. Todos os comentários necessitam aprovação para aparecerem. Não gostou? Só lamento!

  • Pirata Espacial

    Aguardo ansioso pelos resultados, estou acompanhando hehe.
    Falando em Masaru Emoto, fucei pela internet algo relacionado, e encontrei sobre “Ciência dos Mantras”, foi publicado ontem. A autora do artigo fez um texto defendendo e explicando como “funciona”, me chamou a atenção uma citação dela:
    “É espantoso pensar que, depois de 3000 anos, não há praticamente nenhuma pesquisa científica para comprovar os mantras, mas nenhum financiamento foi investido para investigar cientificamente essa pratica espiritual tão importante. E ainda, a comunidade espiritual tem falhado em comprovar o uso dos mantras.”
    O espantoso pensar é que, como alguém tem capacidade de fazer essa pergunta!!!!

  • Vou xingar muito esse arroz no Twitter.

  • Adriano
  • Tu colocou as etiquetas com as palavras viradas para o lado de fora. Os arrozes de um pote vão ler o que tá escrito no pote do lado e isso vai inverter o resultado. Pratique pseudo-ciência corretamente! #fikdik

    Pryderi respondeu:

    Bem, estou fazendo da mesma forma que o Emoto fez. Será que era para eu ter escrito em inglês?

    Lucho respondeu:

    Ou em japonês?