Lula, Imprensa e a Ferradura

Quanto mais as coisas mudam, mas continuam as mesmas. Foi um tempo que muitos parecem ter esquecido, e mais ainda sequer sabendo que existiu. Um tempo que querem que volte sem nem mesmo saberem o porquê, mas se tudo der muito certo (ou muito errado) vão conseguir o intento, mas de uma forma diferente do que imaginavam.

Não vou enganar que sou desse tempo, pois não sou. Entretanto, existe uma coisa chamada História, aquela coisa que quem não sabe corre o risco de repeti-la. Estão preparados pro que virá daqui pra frente? Bem, perguntem ao Lula.

Em notícia veiculada pelo Globo, Lula diz que se eleito vai mandar prender jornalistas que mentiram sobre ele, afirmando ainda que se for eleito irá regulamentar os meios de comunicação. Hummm. Onde eu vi isso antes?

AI-5 2

//s.imgur.com/min/embed.js

A fala foi ontem, na abertura da etapa paulista do 6º congresso do PT. No discurso, ele se mostrou bolado com a imprensa que noticiou que ele estava para ser preso a qualquer momento. A fala dele foi:

Essa mesma imprensa que dizia que o PT acabou, dizia todo dia: amanhã, o Lula vai ser preso. Faz dois anos que eu ouço isso. Se eles não me prenderem logo, quem sabe um dia eu mando prendê-los por mentir.

Ou seja, não é beeeeeem o que o Globo tascou na manchete, mas foi certo que ele disse que se eleito vai regulamentar os meios de comunicação. Isso remete aos scans de jornais do tempo da Ditadura, quando se censurava determinadas matérias e para tampar o buraco colocava-se poemas, receitas etc, mesmo sendo na primeira página. Muitas pessoas viam como normal, já que era assim mesmo. Os jornais não se intimidaram e continuavam mandando os repórteres continuarem a pesquisar e escrever matérias. Os censores que tivessem trabalho, diziam os editores.

Claro, no mundo 2.0, com pessoas com QI de alface e a capacidade de atenção de um molusco retardado (não é você, Lula. Não vá mandar me prender, hein?), não se precisa mais esse trabalho, pois os próprios veículos fazem esse trabalho de diluir, colocando matérias de subcelebridades que atravessam a rua, compram roupa nova ou pintam uma unha de branco por amor à paz. Os leitores também ajudam nessa censura quando usam alguma matéria para, digamos, futebol vociferar sobre política, para nas eleições votarem em qualquer retardado só porque ele diz que é taxista e, por isso, você deve votar nele. Daí você pergunta em quem votou para vereador, e a mulinha com consciência política não sabe dizer.

Querer regular a imprensa é uma excelente estratégia. Funciona, sempre funcionou. Pode checar todas as autocracias, ditaduras e regimes de absolutistas, não importando se esquerda ou direita. Se você controla a informação, controla tudo. E é aí que gente como Bolsonaro e Lula se encontram, reafirmando a Teoria da Ferradura.

Imprensa é ruim? Pode ser, mas seria muito pior sem ela. Não por acaso ditadores querem controlar qualquer sistema de informação, mas depois que eu vi um sujeito indo para uma manifestação enrolado numa bandeira da Coreia do Norte, símbolo de liberdade de expressão e democracia, que mais se poderia dizer?

12 comentários em “Lula, Imprensa e a Ferradura

  1. Teoria da ferradura não se leva a sério faz tempo, pois se baseia no conceita stalinista de que o fascismo e o comunismo seriam extremos ideológicos, e não irmãos gêmeos. Melhor seria usar o diagrama de Nolan.

    1. Sim, claro. Direita e Esquerda seguem os mesmos princípios. Guerra Fria foi entre dois países que seguiam os mesmos vieses político, sociais e econômicos. Aham. Você é um gênio, eu que não discordarei da sua avó.

  2. Acho difícil alguém concordar com qualquer tipo censura de conteúdo na mídia. Mas a regulação econômica da mesma com o intuito de evitar monopólios midiáticos, pq não?

    1. Aí que vc se engana. Discorde de uma pessoa nas redes sociais e pessoal já vem logo querendo lhe calar. Acontece direto aqui nos meus artigos, com gente me xingando.

      1. Te acompanho faz MUITO tempo, sei bem disso. Na primeira parte do meu comentário esqueci de deixar claro que não estava falando dessa maioria estúpida que habita as redes sociais.

    2. Sim qualquer um que tiver poder e disposição para isso ira usa-lo ”para o bem”, só pra evitar o monopólio, essa é a função primaria de ”regular a mídia” que com certeza ela tem em mente, ah e não sei se você chegou a perceber mas a Vovô Mafalda era homem.

      1. Não me lembro de ter falado sobre intenções boazinhas ou malvadonas. Pra dar uma de irônico, recomendo primeiro aprender a interpretar textos.

  3. E tem um pessoal que quer que os militares voltem ao poder. “Só por um tempo, até consertar as coisas”, dizem eles.
    1964 manda lembranças….

  4. A mídia sempre foi e sempre será manipuladora, afinal não existe ninguém imparcial, todo mundo tem a tendência de defender seus interesses de alguma forma, mas nada justifica o retrocesso gritante que pessoas retardadas defendem por algum motivo que sinceramente não entendo. Como tudo na vida, toda informação recebida deve ser filtrada, analisada, e se possível testada, antes de ser encarada como verdade.

    Nos últimos anos passei a maior parte do meu tempo ocupado com faculdade, depois com o trabalho, estudo para concurso e com esposa e filho, e, a sensação que eu tenho é que do nada acordei em mundo paralelo, onde o Trump é presidente, a xenofobia levou a saída da Inglaterra da UE, e os brasileiros querem a volta da ditadura, elegendo Bolsanaro como presidente.

    Será um pesadelo?

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s