HCN pode ter sido fundamental para o início da vida, ou o veneno que virou pai de todos

Todo mundo conhece o ânion cianeto. Talvez, não com este nome, mas seu nome vulgar: cianureto, que nada mais é que cianeto de potássio, extremamente venenoso. O problema, nem está no cianeto de potássio em si, mas como todo sal de ácido fraco, ele e deslocado por um ácido forte, como o ácido clorídrico do seu querido suco gástrico, liberando o gás HCN, o cianeto de hidrogênio, que em solução aquosa é chamado ácido cianídrico.

É estranho pensar algo útil para o HCN, mas — acredite! — apesar dos primeiros seres vivos não terem tido bronquite (e muito menos rum creosotado), eles tinham o grande problema de viver num período onde deram sorte de terem conseguido sobreviver. Bem, a maioria de fato NÃO SOBREVIVEU, só os mais adaptados e tudo se deve em parte aos cianetos, mas não da forma como poderíamos imaginar.

Se o Universo fosse lindinho e perfeitinho, cianeto de hidrogênio não estaria dando sopa, prestes a mandar qualquer um que o respirar para a vala. A verdade é que o safadinho pode ser encontrado em grandes quantidades no Universo, mesmo porque, a Natureza está pouco se lixando para nós, algo pouco melhor (mas nem tanto quanto costumam pensar) que uma bactéria. Na verdade, se não fosse pelo HCN, talvez nem existisse aminoácidos.

O dr. Martin Hanczyc é professor adjunto Instituto de Físico-Química e Farmácia da Universidade Meridional da Dinamarca. Sua pesquisa envolve no papel do cianeto de hidrogênio na formação de aminoácidos, mas até agora havia um problema para detectar a molécula-troll. Até agora…

Uma nova técnica está ajudando os cientistas a estudar todos os milhares de moléculas que podem se formar a partir de reações de cianeto de hidrogênio em laboratório. Porque ciência de verdade tem reprodutibilidade e não besteirinhas do tipo "eu falei, prove que estou errado!" Quando há testes laboratoriais, podemos reproduzi-lo o quanto quisermos até identificarmos se há alguma coisa errada ou não. Isso é um pouco difícil de se entender quando você só fica citando gente do século XIX para trás e paga de intelectual.

A questão que se tinha era: cianeto de hidrogênio realmente tem algum papel na produção de aminoácidos? Sim ou Não? Se Sim, como comprovar? Como testar a hipótese e eliminar possíveis enganos, até obtermos uma teoria científica?

De acordo com o dr. Hanczyc, sendo o HCN capaz de reagir com uma vasta quantidade de moléculas diferentes (e isso se deve às suas ligações fracas), a presença de cianeto de hidrogênio vai se juntando a todas as substâncias, montando e desmontando moléculas totalmente novas. Durante um trabalho apresentado na Conferência Europeia sobre a Vida Artificial, Hanczyc demonstrou que estudos preliminares têm mostrado que o cianeto de hidrogénio pode contribuir para a formação de aminoácidos. Para estipular isto, ele ficou ralando dentro de um laboratório durante mais de um mês, monitorando um sem-número de reações químicas possíveis (ou não) com o HCN. Mas isto era pouco.

Quando se promove reações químicas, tudo é lindo e maravilhoso, até você sed tocar do que está acontecendo. Ou então…

Com a colaboração do  dr. Daniel Merkle, do Departamento Matemática e Ciência Computacional, Hanczyc testou uma nova abordagem, em que bastou algumas horas ou apenas um dia para que milhares de moléculas diferentes que podem ser formados durante a reação de cianeto de hidrogênio no laboratório. Sim, dias e isso para química orgânica é algo similar a NESTE INSTANTE. Normalmente, as reações são chatas, demoradas, entediantes e muito pior se você é um graduando com a porcaria de um termômetro monitorando a variação de temperatura e reação que parecia que só ia ocorrer quando o inferno congelasse. Eu quase morri de tédio com aquelas reações que demoravam DIAS!

Quando Hanczyc e Merkle testaram os seus métodos para promover reações de cianeto de hidrogénio no laboratório, e o que eles descobriram é que muitas das moléculas formadas continham algumas bem conhecidas, como a adenina, uma das quatro das mais belas substâncias, que junto com a guanina, citosina e timina, forma o que conhecemos como ácido desoxirribonucleico, vulgarmente conhecido como DNA.

Imaginem o que isso significa. Em questão de HORAS uma das peças-chave para a formação da vida foi formada com o cianeto de hidrogênio. O Universo tem 14 BILHÕES de ANOS! Tempo à beça para que todas as reações químicas possíveis e imagináveis pudessem ocorrer. Ora, se um reles ser humano pôde fazer adenina em algumas horas… sei lá, um projetista intelijumento demorou B-I-L-H-Õ-E-S de anos para fazer isso? Humanos > Projetista Intelestúpido!

O trabalho dos dois cientistas será publicado no periódico Entropy, mas você pode dar uma zoiada AQUI.

A importância disso é entender o que havia antes da vida ou mesmo alguma molécula complexa. As reações químicas auto-replicantes seguem um ciclo autocatalítico, capazes de reproduzir a si mesmas, mas, ´[obvio, nunca sai perfeitinho, já que a Natureza de perfeitinha não tem nada. Foram estas primeiras reações químicas com o cianeto de hidrogênio que possibilitou a criação das bases fundamentais do DNA e do RNA. Daí, num piscar de olhos, estávamos mandando o Homem à Lua.

Ernest Mayr dizia que nada na Biologia fazia sentido se não fosse à luz da Evolução. Eu digo que nada no Universo faz sentido sem as mais básicas leis da Química, e é maravilhoso podermos comprovar tanto uma quanto a outra, seja em laboratório como no mundo natural.

Ai, ai, um dia, os defensores de suas ciênc… digo, suas tolas especulações serão comprovadas assim. Aguardemos (sentados, numa cadeira confortável. Tá com cara que vai demorar)

Um comentário em “HCN pode ter sido fundamental para o início da vida, ou o veneno que virou pai de todos

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s