Bacharelado em Ufologia: Inscreva-se já! (e não é em Varginha)

Apocalipse Zumbi: O Governo nega conhecimento
Nova técnica faz com que ratos aleijados voltem a andar

Então, você, meu amigo/minha amiga, está triste e cabisbaixo, seu time não se classificou no Brasileirão, você não emplacou trend topic no Twitter e a gostosa do 302 mal te dá bola, não fique  assim. Isso é devido a você ser um Zé Ninguém e não ter uma profissão, ou sequer um emprego. Agora, seus problemas acabaram! Basta você ingressar num curso superior e metade dos seus problemas estarão resolvidos (criando outros problemas, como PAGAR pelo curso).

A Universidade Ufológica Brasileira garante que você pode ter um título de bacharel em Ufologia de forma simples que até um perdedor como você será capaz de conseguir. E isso em plena sexta… SEXTA INSANA!

Bom, meus súditos não dormem enquanto eu estou muito ocupado comandando o Universo. É uma tarefa árdua e eu preciso de todos os vassa… toda a ajuda possível. O Cardoso enviou uma mensagem me avisando:

Bom, eu não fazia a menor ideia de quem era, então fui ver do que se tratava:

Um curso online. Nada contra, pois ensino à distância é uma dádiva trazida pela Educação 2.0. O português LINDO do anúncio mostra a perfeita qualidade do curso, em plena conformidade com a formação média do brasileiro, não se prendendo a besteiras pseudointelectuais e linguisticamente preconceituosas. Mesmo porque, no livro da coleção Akpalô vem a seguinte maravilha:

Nada mais justo, afinal se Homeopatia é ciência e astrólogo é profissão, POR QUE Ufologia não poderia ter curso superior? Se a própria UnB tem um Núcleo de Estudos de Fenômenos Para Anormais Paranormais, quem somos nós para dizer que não? Afinal, é uma instituição respeitável, como a USP, uma instituição séria e que respeita a Ciência de sobremaneira, a ponto de sua Faculdade de Medicina oferecer curso de Homeopatia. A USP é tão importante e respeita TANTO a Constituição, do ponto de vista do seu caráter laico, que oferece Missa de Corpo Presente, em honra a toda defuntada da sua faculdade de medicina.

Eu, como respeito todas as profissões, principalmente as tão importantes quanto astrologia, homeopatia e até pedagogia, EXIJO que Ufólgos sejam reconhecidos como profissões também. Físicos? Nah, esses não fazem nada mesmo.  No máximo, passam 20 abdominais, 30 flexões etc.

Apocalipse Zumbi: O Governo nega conhecimento
Nova técnica faz com que ratos aleijados voltem a andar

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Quer opinar? Ótimo! Mas leia primeiro a nossa Polí­tica de Comentários, para não reclamar depois. Todos os comentários necessitam aprovação para aparecerem. Não gostou? Só lamento!

  • Shiroyasha

    I don’t want to live on this planet anymore.
    Será que Heimdall me tira daqui com “bifrost”?

    Eu já sabia que existia curso superior para coisas inúteis, mas isso já é um limite serio. Tudo bem que a sempre a probabilidade de existir vida inteligente em outros planetas, mas, eles realmente acham que uma forma de vida com tecnologia avançada o suficiente para viajar pelo universo em velocidades absurdas perderia tempo em um planeta de “primatas”?

    Imagine a cena em uma entrevista de emprego:

    Entrevistador: Em que área você é especializado?
    Entrevistado: Ufologia.
    Entrevistador: 😯 Chamem a segurança, deixaram um louco entrar aqui.

    Seria cômico se não fosse trágico.

    Nihil Lemos respondeu:

    @Shiroyasha, Engraçado seria alguém assinar um artigo assim: “Fulano de Tal, ufólogo”. Se bem que já gente assinando colocando “filósofo” depois do nome…

  • ANUBIS1313

    Agora tem faculdade de tudo que se imagina… eu respeito todos os tipos e vou acrescentar mais um nessa lista ! Veja ai, André… para nooooossssaaa alllleeegrrria.

    http://www.ftu.edu.br/ftu/

  • linnus

    Aquele cara que mostrou no fantástico que pretendia construir um disco voador com um motor usado de fusca vai lecionar Mecânica dos OVNIS.

  • Daqui a pouco teremos ufólogos PhD. Isso é apenas o começo. Com tanto curso inútil infestando o Brasil as vezes me pergunto: “Por que não abandonar esse arquipélago onde moro e tenta a sorte no Brasil fazendo curso de ufologia, astrologia, homeopatia, pedagogia e afins?” Se bem que melhor desistir da pedagogia senão o André vai querer me caçar…