Manga, Leite e Pendrives

Todos vocês tem mães e avós, mesmo que não estejam vivas, vocês devem ter  conhecido essas figuras de sabedoria popular, que trazem soluções para tudo com suas receitas, chás e poções para todos os males. Mas alguém aí já parou para questionar qual o fundamento dessa ciência de comadres?

Todos vocês, eu acho.

O caso que mais coça minha cabeça é o da manga com leite. Minha mãe aprendeu com a mãe dela, que aprendeu com a mãe dela (…) que comer manga e tomar leite faz mal, mas bater a manga no liquidificador com leite não, e uma vez, quando eu tinha 10 anos, eu perguntei: “Por quê?”.

Minha mãe deduziu que a manga poderia ter alguma substancia que reagisse com o leite no estômago – o que seria provável – mas nunca parou para pensar no assunto, afinal na criação dela as crianças não podiam questionar os adultos.

Passou o tempo e eu cresci e já havia comido manga e tomado leite (geralmente com Nescau) meio que sem querer e tinha visto que não fazia mal, realmente  até que uma certa vez, fui verificar um computador de um fazendeiro aqui da região e como a manutenção demorou um dia todo eu acabei ficando para almoçar e de sobremesa tinham mangas enormes. Claro que eu comi um pedaço de manga.

A dona da casa me ofereceu iogurte e eu recusei – não gosto de iogurte – e nisso a empregada deles quase morre do coração, afinal eu ia tomar leite e comer manga. O dono da casa viu a cena e comentou:

-“Não tem nada a ver uma coisa com a outra. Isso acontece, pois a Mangueira é uma Árvore de origem africana, e no Brasil era rara nos tempos coloniais, daí, para que os escravos não comessem manga e tomassem o leite, os donos das terras faziam com que eles acreditassem que isso fazia mau mal.

Eu pensei “Porra! Tem lógica” e fiquei matutando com meus botões sobre as lendas urbanas e a filosofia de comadre que nos circunda até hoje, até que achei isto e confirmei. Manga com leite não faz mal, mas foda-se. Pouco tomo leite mesmo =P.

Hoje existem novas mangas com leite, que surgiram há pouco tempo. Querem um exemplo que muito de vocês acreditam? Remover o Pendrive sem desconectar pelo Windows estraga o Pendrive.

Sim Remover sem desconectar é a nova manga com leite.

Acontece que na época do Windows 98/Me, se você removesse o Pendrive com o Windows lendo os dados, você ia ter uma tela azul e seu computador travaria.

Hoje o Windows é mais educado a trabalhar com a burrice do usuário e não tem mais este problema. O problema é que se você estiver gravando um arquivo no pendrive e puxa-lo, seu arquivo vai ficar corrompido e você vai perder os dados que estava gravando.

E porquê os pendrives queimam?

Simples: Alguns asnos imbecis antas burros retardados costumam ligar as portas USB de forma errada dentro do Gabinete, daí o pendrive queima.

A idéia é: Se realmente o pendrive queimasse quando você tira ele do computador, como funcionariam os aparelhos de som dos carros? Os meus não tem um botão “Tirar Pendrive” ou algo do tipo.

O que vem por aí:

Sabemos que não devemos desligar os computadores “no Botão”. Devemos esperar o HDD parar de ler para cortar a energia – o que as fontes fazem automaticamente.

Desligar o computador direto da tomada (ou do estabilizador, que é o novo remédio homeopático, segundo os engenheiros elétricos) pode causar danos ao HD, mas com a entrada dos SSDs este problema vai sumir (ficando o caso apenas de você perder os seus arquivos) e muitas pessoas saberão apenas que “não podem” desligar o computador da tomada.

15 comentários em “Manga, Leite e Pendrives

  1. Melancia com leite também “dizem” que faz mal. Obviamente escravos também comiam muita melancia…

    Tem uma dessas “mentirinhas pra assustar” que eu gosto muito:
    “Há um paizão invisível te vigiando e se você for um menino levado vai ser castigado.”
    Há uma variante dessa mentirinha que envolve parentes mortos.
    Tô esperando a confirmação do teste que fiz pra ver se serei castigado mesmo. Mas vai levar mais uns 40 anos. :roll:

    “Por quê?”, o grande assassino de mitos.

  2. Sim, mas se você retirar o pen drive antes de o sistema operacional esvaziar o buffer, você vai perder dados. A questão é que o SO nem sempre escreve os dados o mais rápido possível, porque a escrita em disco demora mais do que na memória, então ele adia… um bocado. Varia bastante. O “desmonte” do pen drive força o sistema operacional a escrever os dados que ainda estão no buffer no disco. Se você não escreveu nada no disco, então pode tirar sem problema.

    E manga com leite… vitamina de manga é o quê, então? Cada coisa que vai passando de geração em geração…

  3. A interface USB é hot swap,ou seja,você pode ligar e desligar a vontade com o computador ligado,mas o mesmo não ocorre com interfaces mais antigas tipo rs232 e o HD precisa recolher a cabeça de leitura / gravação para que ela não bata na superfície magnética.

  4. Gostei do artigo Guz, até fiz registro só para comentar :roll:
    A questão da USB principalmente, era algo que nosso fornecedor de informática insistia em botar a culpa no usuário e o pessoal aqui acabou abrindo as maquinas para provar que volta e meia conectavam errado…
    No fim, para evitar riscos a gente passou a usar extensor de usb da porta posterior e não da frontal.

  5. Eu achei que ia ser o primeiro a discordar do ponto da “nova manga com leite”, mas só vim engrossar o coro. Puxar o pendrive sem ejetar não é nada saudável, principalmente pelo motivo que o guedesav falou: quando o sistema diz pra você que ele já copiou as coisas pro pendrive, ele mentiu pra você. Copiar dados é uma operação que consome muito tempo, então é melhor deixar pra fazer depois, quando já não tem mais nada pra fazer, ou quando não dá mais pra adiar. Isso tem bastante a ver com arquitetura de hardware e de sistemas operacionais, mas via de regra, é assim que acontece.

    É claro que isso não vai dar problema no som do carro, por que você só está LENDO as músicas, não escreve nem apaga nada. Se não tem nada pra ser alterado, não tem nada pra ser perdido durante a alteração (dã). Mesma coisa no computador: se tudo o que você está fazendo é copiando arquivos do pendrive pro PC, pode puxar tranquilo. Se for o contrário, clique em remover.

  6. Para as pessoas que falaram do pendrive que pode corromper os dados:

    Hoje o Windows é mais educado a trabalhar com a burrice do usuário e não tem mais este problema. O problema é que se você estiver gravando um arquivo no pendrive e puxa-lo, seu arquivo vai ficar corrompido e você vai perder os dados que estava gravando.

    Outra observação: O Windows grava os dados no pendrive em tempo quase real (as vezes ele termina de gravar e diz que ainda tá gravando). O Linux que tem o negócio de montar e desmontar o Pendrive.

  7. Fazia mal e não “fazia mau”, caro blogueiro. Como você colocou entre aspas, indicando um comentário do dono da casa, vamos atribuir a ele a falha gramatical.

    1. Botelho sempre atento. ;)

      valeu. Isso nos ajuda a prestar mais atenção quando nós escrevemos (e eu vou bater tanto no Guz, que ele ficará mal achando que eu sou mau).

  8. Em relação à pendrives, levando em conta a descrição de diretivas de hardware do windows, por padrão pendrives podem ser retirados a qualquer momento por usam a diretiva de remoção rápida. Mas caso vc tenha por exemplo um pendrive de uns 8gb e quiser q ele use o sistema de arquivos NTFS, isso só pode ser feito se a diretiva for mudada para diretiva de desempenho, o que faria o windows usar cache (seria o q o pessoal falou), e nisso vc pode perder arquivos se ñ desconectar o pendrive “de maneira correta”.

  9. A minha teoria era que de alguma forma a energia era cortada e quando o pen-drive era retirado existiria menos chance de curto-circuitos (quase tudo que conheço em eletricidade produz algumas faísca quando ligado). Sabia que não fazia muito sentido, mas era uma explicação… e isto é melhor que não ter nenhuma.

    Mas ainda tem o fato de que o Word e muitos outros programas criam arquivos temporários (caso abrir um arquivo do pen-drive), já vi casos desses arquivos só serem apagados depois de fechar todas a janelas do Word. Portanto, puxando o pen-drive diretamente vai deixar arquivos temporários inúteis ocupando espaço no pen-drive.

    Mas não só os computadores e humanos sofrem com a sabedoria popular…

    Esta é uma das coisas que ouvi de uma tia e até segui por algum tempo:

    Se der água para o papagaio ou maritaca, eles não vão falar: só alimente-o com frutas, isto é, além da estupidez de aprisionar o bicho ainda deveria deixá-lo com sede!
    Até a inteligência animal era atribuiada à causas mágicas!
    Um criador mais experiente é que me disse que bastava ensinar o bicho e ele aprederia a falar. Nada mais lógico que isso.

    Além dessa tem ainda estas:

    Garrincha/cambixirra (gato preto também, é claro) jogam praga;

    O canto do bem-te-vi é mal agouro.

    Uma coisa interessante é que também existia (e existe) muita coisa relacionada com a água:

    Comer e tomar banho depois faz mal e pode até provocar morte;

    Deixe o cabelo molhado depois de tomar banho e vai ficar careca;

    Beber coisas geladas podem te deixar gripado.

  10. G1 – 16/03/2010

    Desconectar o pen drive sem usar a remoção segura estraga o aparelho
    Fato. Sim, a opção “remover hardware com segurança” tem por que existir, ela não está lá para enfeitar o computador. A porta USB do computador tem corrente elétrica, por isso é possível usar os dispositivos e carregá-los ao mesmo tempo (como ocorre com muitos celulares, como o iPhone).

    A remoção direta do dispositivo pode gerar um pequeno curto, que pode queimar a porta USB do computador ou mesmo o dispositivo USB, o que acarreta na perda dos dados armazenados no dispositivo.

    Por isso, é altamente recomendado sempre usar o assistente para remover o hardware com segurança para desconectar seus dispositivos.

    – – –
    http://g1.globo.com/Noticias/Tecnologia/0,,MUL1530570-6174,00-DESCUBRA+ALGUNS+MITOS+E+VERDADES+SOBRE+TECNOLOGIA.html

    Até que pra uma manga com leite esse assunto é bem controverso…

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s