Monge budista psicopata tem ordem de prisão. Mas não por ser monge budista psicopata

Você aprendeu que muitas religiões saem na piorada entre si, mas budistas são bonzinhos, meigos e puros de coração. Até mesmo Arthur Clarke caiu nesta conversa mole dizendo em um de seus livros que eles faziam parte da religião que nunca entrou em conflito com ninguém. Nada mais longe da verdade. Hoje, temos brigas de monges (mentira, sempre tivemos. Mais ao longo do texto) e até monge budista que propaga terrorismo.

Sim, isso mesmo. Monge zen-vergonha que chegou a receber crítica internacional severa, foi capa da Time e recebeu sérias e rudes palavras da ONU via cartinha. Só que o negócio escalo tanto que o próprio Governo de Myammar mandou dar um basta.

Continuar lendo “Monge budista psicopata tem ordem de prisão. Mas não por ser monge budista psicopata”

Millenial foge pro ISIS, se ferra e agora quer voltar. Ema Ema Ema, dizem ingleses

Shameema é uma millenial, e millenial só faz merda. Como sabemos, jovem tem que acabar, mas a vantagem de gente como a Shameema é que eles mesmos dão um jeito de se auto-acabar. Shashá, por exemplo, meteu a louca e cismou que tinha que ser soldado do ISIS, malvadona e se mudou do Ocidente decadente e povoado por infiéis para um lugar excelente para constituir uma vida de aventuras: A Síria. Por algum processo que não me entra na cabeça, ela achou que isso era uma atitude inteligente, e, bem, não era. O caldo engrossou lá, deu muito ruim, e agora ela quer voltar para a Inglaterra para ter seu terceiro filho, antes que ele tenha o destino dos outros dois anteriores e possa sobreviver.

Autoridades inglesas estão na base do Fuck You, m’lady.

Continuar lendo “Millenial foge pro ISIS, se ferra e agora quer voltar. Ema Ema Ema, dizem ingleses”

Messias executado hoje. Japão mostrando como se trata maníacos assassinos

Nada pior que fanatismo, que leva a atos absurdos e insanos. Um exemplo disso aconteceu no Japão, em 20 de março de 1995, no que ficou conhecido como Ataque ao Metrô de Tóquio. O motivo do atentado? Não foi por fronteiras ou por libertação de presos políticos. Simplesmente por causa de religião, aquela coisa que religiosos dizem ser muito importante para fazer as pessoas mais éticas, sem a qual cairíamos na barbárie.

Continuar lendo “Messias executado hoje. Japão mostrando como se trata maníacos assassinos”

Criminosas tentam acabar com Arábia Saudita de forma vil

Enquanto as pessoas estão tendo arroubos homéricos porque a Meghan, que não é princesa, mas duquesa (o que dá na mesma), entrou sozinha na igreja (só que não) por ser feminista (o pai está doente e não pôde viajar) e usa o seu vestido para ressaltar o BREXIT (é a bosta de um vestido branco!), autoridades sauditas mandaram sete defensoras dos direitos das mulheres ver Maomé nascer quadrado pela séria acusação de “tentar minar a segurança e estabilidade do reino… e erodir a unidade nacional”.

Esse negócio de dirigir carros realmente acabará com a família tradicional muçulmana e fará com que a Arábia Saudita decaia no barbarismo.

Continuar lendo “Criminosas tentam acabar com Arábia Saudita de forma vil”

Jihadista leite-com-pera fica decepcionado com vida dura de terrorista dona-de-casa

Muitas coisas eu consigo entender, apesar de não concordar. Eu consigo entender porque torcidas de futebol do Flamengo hostilizam a torcida do Vasco. Outras coisas eu não consigo entender, como as torcidas Raça Rubro Negra e Jovem Fla (notoriamente, torcem pro MESMO time) saem na porrada entre si. É o tipo de coisa que não faz sentido! Extremismo islâmico é compreensível (reforçando: compreender não significa concordar), o que me é incompreensível é gente morando a trocentos quilômetros de distância querer participar de uma coisa que não faz a menor ideia do que se trata. Não só isso, pessoal vai lutar pelos muçulmanos, se filiando ao ISIS, que é rechaçado pelos próprios países muçulmanos. Pouca incongruência, né?

Calma que fica melhor: os hipsterzinhos leite-com-pêra se filiaram ao ISIS pensando algo nos seus sonhos idílicos, entre uma caixa de toddynho e outra, e quando deram com a fuça na realidade.

Continuar lendo “Jihadista leite-com-pera fica decepcionado com vida dura de terrorista dona-de-casa”

Polícia austríaca prende terrorista disfarçado de bonequinho

Leis existem basicamente para regular uma sociedade, ou é o caminho para dar merda. Basicamente , leis existem para proteger a sociedade de si mesma, mas para tudo tem limite. Leis levadas ao extremo podem ser o caminho para a vergonha alheia, como juntar um efetivo policial para ir pegar um terrorista malvado sob a forma de boneco publicitário. Continuar lendo “Polícia austríaca prende terrorista disfarçado de bonequinho”

Tubarão suspeito de terrorismo toma dura da polícia

A Áustria é um lugar legal; uma espécie de Alemanha depois do Prozac. Eu jamais poderia imaginar algo de ruim saindo da Áustria. O problema com as altas imigrações islâmicas para a Europa e o respectivo aumento da taxa de ações terroristas também, mas lacradores dizem que é coincidência, países começaram a proibir o uso de véus, niqabs e principalmente burqas, já que estas últimas escondem todo o corpo e vai lá o que se esconde debaixo daquilo tudo?

Bem, a Áustria foi o último país a banir qualquer vestimenta que cubra o rosto todo. Isso levou a algo meio inusitado por um sujeito foi preso por isso. Ele estava vestido de tubarão. Continuar lendo “Tubarão suspeito de terrorismo toma dura da polícia”

Religião da Paz condena homem por blasfemar no facebook

Eu gosto da ideia que o Brasil é o pior lugar para se ser mulher, é o país que mais mata homossexuais no mudo, vivemos sob um Golpe de Estado e as pessoas são intransigentes. Bom mesmo são os países islâmicos, já que muçulmanos são os verdadeiros feministas, têm um grande respeito às liberdades individuais e jamais insultam outras religiões.

Infelizmente, esqueceram de avisar isso no Paquistão, em que um homem chamado Taimoor Raza foi condenado à morte por blasfêmia.

Continuar lendo “Religião da Paz condena homem por blasfemar no facebook”

Heróis não são caixas. Suma daqui com sua lacração

Saiu o filme da Mulher Maravilha. Como eu já esperava começou o festival de chorume por todos os lados. Pessoas que levam filmes muito a sério, como se fossem bandeiras, quando sabemos que filmes de heróis são apenas histórias de gente que usa a cueca por cima da calça.

Ok, não é apenas isso. Heróis de quadrinhos são nossos mitos atuais. O problema está sendo que as pessoas estão levando a sério demais certas coisas e para isso temos que dar uma sacolejada e explicar certas coisas.

Continuar lendo “Heróis não são caixas. Suma daqui com sua lacração”

Muçulmano que não é escocês mata pessoas em atentado

Toda vez que eu mostro as passagens “feinhas” da Bíblia, dizem que não é a religião verdadeira, que deturparam, que isso e aquilo, apesar dos mandamentos de Deus estarem lá, bem claros. Seus defensores farão de tudo para não aceitar que seu livro religioso foi escrito por algum psicopata. E o Alcorão não fica atrás; sim, o Alcorão, o livro da Religião da Paz que manda encontrar os infiéis e passar a fio de espada.

Ontem, dor, angústia e terror caiu em Manchester, onde estava ocorrendo um show da Ariana Grande. Um maluco fanático resolveu que a espada do Islã seria cravada no Ocidente, e, pelo menos, 22 pessoas morreram e 59 ficaram feridas, a maioria crianças e adolescentes.

Continuar lendo “Muçulmano que não é escocês mata pessoas em atentado”