Pesquisadores encontram biomarcador que indica propensão à obesidade em crianças

A cada dia que passa, cresce o número de crianças obesas. Um dos motivos é o sedentarismo e alimentação porca que pais preguiçosos oferecem a essas crianças. Isso seria simples, mas não é apenas isso, já que algumas crianças são sedentárias, comem porcaria mas não são tão obesas. Como reconhecer a predisposição delas a virarem lindas chupetinhas de baleia?

Uma pesquisa identificou um marcador molecular na saliva de algumas crianças que está associado ao surgimento de obesidade infantil em um grupo de crianças hispânicas em idade pré-escolar.

Continuar lendo “Pesquisadores encontram biomarcador que indica propensão à obesidade em crianças”

Obesidade acarreta ser atacado por vírus com mais eficiência. Parabéns, fofinhos!

Ser gordo não é fácil, meu amigo. Além de ser ponto de referência (“tá vendo ali aquele gordo? É bem na esquina”) ainda tem sérios problemas de saúde. Mas calma, a Natureza, que deve ser rolhadepoçofóbica, ainda tem outras travessuras para te sacanear, minha cara chupetinha de baleia.

Uma pesquisa recém-publicada concluiu que obesidade, não só lhe arruma problemas de passar na roleta do ônibus, como ainda promove a infecção por meio de vírus influenza. Sim, Free Willy, você tem maior chance de contrair gripe. E vai tossir pra lá!

Continuar lendo “Obesidade acarreta ser atacado por vírus com mais eficiência. Parabéns, fofinhos!”

Filhos de mães obesas têm maior tendência a atraso cognitivo

Hoje em dia é um tempo que você não pode dizer para as pessoas serem saudáveis ou, pior ainda, largarem hábitos que as fazem doentes, pois isso de alguma forma desperta uma tendência imbecil de achar que você é preconceituoso. Inventaram o tal do fatofobia, digo, gordoshaming, digo, ah, quando você fala para alguma criatura de duzentos quilos que aquilo é que está ferrando a saúde dessa criaturinha que quando vai ao Zoológico, o tratador dos paquidermes vai correndo fazer a contagem dos bichos para saber se não é um fugitivo.

Agora, uma pesquisa vai entrar no surto geral do pessoal da pele grossa e ossos largos: filhos de mães obesas têm maior es chances de sofrer atraso no desenvolvimento.

Continuar lendo “Filhos de mães obesas têm maior tendência a atraso cognitivo”

Finja surpresa: Obesos têm maior tendência a gostar de comer

Eu gosto dessas pesquisas que jogam logo uma conclusão óbvia para depois emendar uma pesquisa científica no meio. Não, não estou falando do Brasil; isso acontece em outros lugares. Um exemplo disso é uma pesquisa que obesos têm uma melhor percepção de sabor e encontram maior satisfação na comida que indivíduos com massa normal ou leve sobrepeso. Oh, como eles chegaram nesta conclusão?

Continuar lendo “Finja surpresa: Obesos têm maior tendência a gostar de comer”

Gatos norte-americanos são tão obesos quanto humanos

Todo mundo sabe que americanos têm altas taxas de obesidade. Como comer feito um porco e se entupir com aquelas deliciosas e gordurentas porcarias sozinho não é divertido, o lance é descolar uma companhia para comer feito um porco e se entupir com aquelas deliciosas e gordurentas porcarias. Como nem sempre se tem um vizinho disponível, o lance é comer feito um celenterado junto com os pets. O resultado disso? Gatos domésticos nos EUA também estão apresentando altíssimos casos de obesidade. Um Garfield por casa, mais ou menos.

Continuar lendo “Gatos norte-americanos são tão obesos quanto humanos”

Altos índices de obesidade no Kwait pode ser devido a contaminação por urânio. Mas pode não ser

Kwait, além de ser uma titiquinha de pais, só se salvando por ser muito rico graças ao petróleo, tem uma das mais altas taxas de obesidade do mundo. Sim, chocante; você estava pronto para dizer EUA, mas as taxas de obesidade entre adultos americanos não passam de 40%. No Kwait, 42,8% da população é obesa. Arábia Saudita (35,2%), Egito (34,6%), Jordânia (34,3%) e Emirados Árabes Unidos (33,7%) formam os gordinhos de Allah. Os países que possuem as menores taxas de obesidade são Bangladesh, Etiópia, Nepal, Vietnã, Madagascar e Índia, todos tinham níveis de obesidade abaixo de 2% de suas populações. Acho que dá para se ter uma pequena ideia do motivo, não?

O problema é: “por que o Kwait é uma nação de chupetinhas de baleias do deserto?”

Continuar lendo “Altos índices de obesidade no Kwait pode ser devido a contaminação por urânio. Mas pode não ser”

Crianças pequenas consomem cerca da metade da energia total do corpo. Por que tem criança obesa?

Como eu já falei, o consumo de calorias e proteína nos fez o que é ao longo dessa longa estrada evolutiva. Nosso incrível e gigantesco cérebro consome mais de 20% de toda energia. Mas isso se você for adulto. O cérebro de crianças está em formação e precisa consumir mais energia ainda (cerca da metade). Então, temos que encher a criança de alimento, certo? Pois é, nada na Natureza fica sem punição. Se não tomamos cuidado, os índices de obesidade infantil começam a disparar. E é isso o que está acontecendo.

Aí, como faz?

Continuar lendo “Crianças pequenas consomem cerca da metade da energia total do corpo. Por que tem criança obesa?”

Mania idiota de ver gordofobia em todo lado piora os casos de obesidade

No mundinho mágico millenial, você não pode apontar nada errado, que eles acham que tudo é preconceito. Esta gentinha mimizenta, tola, superficial e fútil acha que eles estão sozinhos e que o mundo é malvado e está contra eles. Que o mundo é malvado, é fato; mas ninguém está contra eles. O mundo é contra todo mundo. Agora, a bola da vez é se acharem pobres perseguidos, principalmente os que alegam sofrerem preconceitos por gordofobia, porque o médico passou uma dieta e falou para pararem de se encher de fast food, de preferência fazendo uns exercícios junto. Olha que audácia! O problema é uma coisinha chamada “Realidade” que está pouco se lixando se você vive ótima com seus 180 quilos, se entupindo de salgadinhos e Big Mac. Uma pesquisa mostra que essa normalização de corpos “plus size” (plus size é um gordo hipster. Pobre é rolha de poço, mesmo!) pode estar levando a um número crescente de pessoas subestimando seu peso, o que futuramente irão (não tem nenhum “se” aqui) irá reverter em sérios problemas de saúde

Continuar lendo “Mania idiota de ver gordofobia em todo lado piora os casos de obesidade”

Crianças obesas são sujeitas a ter maiores problemas nos ossos

Crianças são muito sujeitas a doenças. Isso porque seu sistema imunológico ainda está em formação. Mas existem doenças que são por pura culpa nossa mesmo: Obesidade, por exemplo. Claro isso não é uma regra absoluta. Em alguns casos tem um fator genético envolvido,

Além dos vários problemas que a obesidade acarreta, principalmente nas crianças, uma pesquisa recente mostra que o excesso de gordura corporal pode comprometer outras funções nos órgãos, bem como o crescimento ósseo.

Continuar lendo “Crianças obesas são sujeitas a ter maiores problemas nos ossos”

Pesquisa mostra que obesos têm maior carência de vitamina E

Pessoas com alta concentração de matéria, capazes de ter atração gravitacional mensurável têm sérios problemas. Problemas cardíacos, locomotores e com cadeiras de cinema causam transtornos, mas se algo era ruim, só tende a piorar, ainda mais quando precisam de maiores concentrações de vitamina E, uma substância lipossolúvel (adora se dissolver em gordura, com propriedades oxidantes, combatedora de radicais livres e doenças cardiovasculares e cerebrais degenerativas, além de prevenir o câncer de próstata, a esclerose lateral amiotrófica e ser excelente para gestantes, pois, ajuda na prevenção da pré-eclâmpsia.

Uma pesquisa da Universidade do Oregon mostra que pessoas obesas com síndrome metabólica enfrentam problemas sérios de deficiência de vitamina E, acarretando aumento do estresse oxidativo. No estilo TL;DR, ficar sem suplementação de vitamina E ferra com a vida de pessoas obesas.

Continuar lendo “Pesquisa mostra que obesos têm maior carência de vitamina E”