Ideia Idiota da Semana: saco plástico como embalagem de água

Quer pagar quântico? A dualidade da picaretagem!
A levitação que aquece nossos corações e derretem alumínios

Então, meu amigo, você está aí, bebendo sua água mineral pura da montanha (que pode ter uns coliformes fecais), e poluindo o ambiente com a malvadíssima garrafa PET. Sim, aquela garrafa psicótica que devorará o mundo. Então, surge o pessoal que livrará o mundo das cáries: os designers, uma espécie de pedagogo do Desenho Industrial. Quando eles não estão reinventando algo que a Natureza fez melhor há 3 bilhões de anos, ou então um notebook que poderá ser recarregado com água.

Como designer não é designer se não inventar algo pior do que já existe, um grupo de desocupados criou algo melhor que garrafas para acondicionar água: um saco plástico "comestível". A semana promete, gente!

De acordo com um grupinho de designers espanhóis, a forma mais bela que a Natureza encontrou para a água é a gota, por causa da tensão superficial: é o OOho!. Infelizmente, eles parecem não entender muito de física. De qualquer forma, o pessoalzinho "brilhante" resolveu criar algo melhor para acondicionar água mineral, para você ficar legal: uma membrana dupla à base de algas. Algo muito simples de limpar e acondicionar, vejam:

O pessoal do "dizáine" é tão bom que gravou em um ambiente branco, com mesa branca e pessoas vestidas de branco, mostrando um líquido transparente. Joinha para todos vocês, filhos.

Então, a espanhola (quem não adora uma?) tira cuidadosamente o saco de água da bolsa, com a mão já lá dentro, leva à boca e morde a membrana para beber a água (com o detalhe que molhou a mão e a mesa no processo). CLAAAAAAAAAAAARO, a bolsa estava limpíssima por dentro, desinfetada e sem nada lá. Mas se eu conheço bem as bolsas femininas, elas são o próprio buraco negro, contendo multiversos dentro. Bem, façamos um teste:


O que é mais fácil de carregar?

Senão, vejamos: se não for o risco da membrana romper (e se você consegue rompê-la com os dentes, com um lápis será fácil, fácil), você mete o bocão em algo sujo. Ademais, como você vai colocá-la na geladeira? Já tentou colocar um saco de água um em cima do outro? Boa sorte! E, cá pra nós, dizer que as garrafas não são recicladas não é culpa da garrafa e sim falta de um sistema de coleta seletiva de lixo (ainda escreverei sobre isso. Aguardem). Fabricantes não têm a obrigação de resolver o problema de coleta de lixo, apesar de ter facilitado a embalagem, já que não precisamos mais andar com um abridor de garrafa (apesar que o vidro é melhor acondicionante, mas não com tampas de ferro, por motivos óbvios: ferrugem). E se o problema é a garrafa, garrafa, existem até modelos de garrafas-saco que são mais inteligentes. Tão engraçado inventar algo pior do que já existe, né?

Como todo designer frescurento, eles inventaram uma sonora bobagem e venderam como se fosse algo estupendamente incrível, com direito a ganhar prêmio de design, que parece ter como critério escolher coisas retardadas, sem aplicação no mundo real.

Quanto a mim? Prefiro usar um purificador de água, mesmo. Lavo bem as garrafas, como só um químico sabe fazer (sulfocrômica, nitrocrômica, KOH em solução alcoólica ou apenas água e sabão, mesmo). Porque, pra mim, este treco me lembra dos antigos sacos de leite, em que tínhamos que comprar porta saco de leite, como este aí do lado.

A lição que fica é: Se é pra criar algo, que se crie algo melhor que já existe… ou pelo menos que não seja idiota.


Fonte: GGN via @1k2RP

Quer pagar quântico? A dualidade da picaretagem!
A levitação que aquece nossos corações e derretem alumínios

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Quer opinar? Ótimo! Mas leia primeiro a nossa Polí­tica de Comentários, para não reclamar depois. Todos os comentários necessitam aprovação para aparecerem. Não gostou? Só lamento!

  • reinaldo

    Tem uma marca de maionese que utiliza um sachê identico ao das garrafa-bolsa que você menciona.
    Se é para ser ecologicamente correto, é só usar o sachê vazio como garrafa dobravel. Assim você não joga o sachê no lixo e não precisa comprar nem garrafa nem “saco mágico”………..