Todo mundo tem preconceito, independente de quem seja

Há algo tão velho na história do Homem quando o próprio Homem: o preconceito. A tendência de desprezarmos, temermos e odiarmos qualquer coisa que saia um pouco dos padrões que nós mesmos criamos é inerente a qualquer espécie viva, não necessariamente de seres humanos. Alguns mais, outros menos, embora humanos façam isso com maior eficiência, pensando 24h/dia em pessoas que ele abomina. Mas por que isso ocorre? Burrice? Ignorância? Não é o que pesquisas recentes apontam.

Alguns psicólogos demostraram que a baixa capacidade cognitiva não foi um preditor consistente de preconceito. Mas então…?

Continuar lendo “Todo mundo tem preconceito, independente de quem seja”

SecreOtário de Direitos Humanos do Rio diz acreditar na cura gay (ATUALIZADO)

Eu olho meu calendário, mas ele me prega peças. Ele me diz que estou no século XXI, mas vivo tendo provas que estamos ainda na Idade Média. Temos gente acreditando em cobras falantes, políticos sem o menor escrúpulo, pessoal que adora manipular pessoas humildes e idiotas que acreditam que homossexualidade é alguma forma de doença. Agora, o mais tosco mesmo são os que os sujeitos acima descritos são o mesmo imbecil, como é o caso do SecreOtário de Direitos Humanos que diz acreditar piamente que existe uma cura gay. Por mero acaso, ele é pastor, também. Coincidência?

Continuar lendo “SecreOtário de Direitos Humanos do Rio diz acreditar na cura gay (ATUALIZADO)”

Negro que não é negro passou em concurso por causa de cotas que não são só para negros

O sistema de cotas (quaisquer uma delas, seja pra ingresso no Ensino Superior, seja pra concurso público) é algo que políticos adoram, ainda mais porque isso os ajuda a serem eleitos. Já começa pela formação do Congresso, que tentam obrigar que tenha um contingente maior de mulheres, mesmo levando em conta que a maioria dos eleitores são do sexo feminino, e se elas não querem votar nelas mesmas, obrigar por força de lei que tenha um candidato que de outra maneira não seria eleito não é ir contra a vontade da população? Já a cota para negros e pardos para ingresso no Ensino Superior é para "corrigir" uma dívida histórica.. Em 10 anos aplicando o critério de cotas teve tempo suficiente para garantir ensino de qualidade desde a Educação Básica, mas assim como a CPMF, as cotas viraram muleta, em que ninguém se sentiu na necessidade de mudar algo. Veio a lei 12.990, de 9 de junho de 2014, a qual garantiu 20% das vagas dos concursos públicos para negros. Ponto, estamos mudando o país, certo?

Bem, esqueceram que estamos no Brasil, a Terra do Jeitinho. Um cardiologista que passou no concurso do Instituto Nacional do Câncer declarou-se negro. O problema é que ele tem tom de pele claro, que o Ministério Público Federal (por meio de mágica, imagino) está investigando o caso. Temos vários probleminhas aí.

Continuar lendo “Negro que não é negro passou em concurso por causa de cotas que não são só para negros”

Aluno preso por ter feito um relógio e sido confundido com um terrorista

No lar dos bravos e terra dos livres, você tem a oportunidade de ser o que quiser, fazer o que quiser, construir seu brilhante futuro, rumo a um horizonte de oportunidades… mas só se você for da cor certa. Ter o sobrenome adequado também pode, ou ajudar bastante, ou ferrar sua vida de vez. Que o diga Ahmed Mohammed.

Qual o crime de Ahmed? Ele fez um relógio em casa. O azar dele? Ele mora no Texas.

Continuar lendo “Aluno preso por ter feito um relógio e sido confundido com um terrorista”

Intolerância religiosa leva a apedrejamento

Nada pior que violação dos direitos civis. Quando você vê que as pessoas abusam e estupram o seu direito à crer (ou não crer) em qualquer entidade sobre ou supranatural. Pessoas assim são violentas e farão de tudo para impor sua vontade sobre os demais, impondo à população sua própria opinião e moo de vida, usurpando dos demais.

Um perfeito exemplo disso foi uma seguidora da religião afro-brasileira chamada "Candomblé". Pouco se lixando para o direito das pessoas em ter sua própria religião, uma menina estava vexatoriamente vestida com as roupas de sua religião, ofendendo a todos os que passavam, esfregando na cara de um Estrado laico a sua religião. As pessoas se defenderam deste acicate, apedrejando-a, conforme manda a Doutrina.

Continuar lendo “Intolerância religiosa leva a apedrejamento”

Telma, eu não sou preconceituosa

Oi, Tel. Tudo bem? Tudo, garota. Menina, você não sabe da maior. Tá vendo esta pouca vergonha que tem rolada por aí? Sim… sim… sim, do Boticário. Como assim, você não entendeu o motivo? O Boticário veiculou uma… Deus, como eu tenho que chamar aqui?… propaganda que mostrava algo muito sério. Hein? Não, não tinha violência… quer dizer, tinha! Mas com a família. Como? Morte? Você tá maluca, Tel? Não é nada disso, ora!

Sim, claro que teve violência. Violência contra a família. Hein? Caramba, Tel, de onde você tirou que estavam estuprando a protagonista? Estou falando do comercial da Boticário, não de Game of Thrones. Você está prestando atenção no que eu estou falando, Telma?

Continuar lendo “Telma, eu não sou preconceituosa”

Criança e vítima de racismo e tem que pedir desculpas

A insânia já instalada no Brasil assume graus galácticos a cada dia. E isso por causa de um motivo simples: Brasileiro ama bandido. Brasileiro corre para pagar fiança de político corrupto, faz moção em desagravo a traficante internacional de drogas, que cismou que levar uma porrada de cocaína para um país com pena de morte para tráfico era uma boa ideia.

Agora, uma menina de 13 anos sente na pele, na cor de sua pele, como o ser humano pode ser desprezível já nos jovens anos de sua vida, ao ser agredida de todas as formas. Mas ainda teve que pedir desculpas aos coitadinhos.

Essa é a sua SEXTA INSANA!

Continuar lendo “Criança e vítima de racismo e tem que pedir desculpas”

Calouros da UNESP foram recepcionados por gente vestida de Ku Klux Klan

Eu nunca entendi a tara por "trotes" em Universidades. Tipo, sei lá, quando eu ingressei em uma (e isso faz muito tempo), não tinha essas babaquices, e mesmo assim eu fui lá pra estudar, não para fazer trote, fazer amiguinhos, encher os cornos de cerveja, drogas etc. Deve ser por isso que eu sempre passava com as melhores notas, enquanto os descoladões se ferravam e pediam ajuda aos nerds como eu. Obviamente, eu deixava eles se ferrarem.

Mas hoje os xóvens precisam se divertir, cair na night ("balada" em português paulistano) e fazer tudo ser cool. Mas parece que eles exageram, como o bando de imbecis que recepcionou os calouros com trajes, digamos, inadequados.

Continuar lendo “Calouros da UNESP foram recepcionados por gente vestida de Ku Klux Klan”

Franceses fazem com que moradores de rua usem triangulos amarelos. Onde vi isso antes?

Existem ideias não muito legais, ideias tolas, ideias totalmente imbecis, ideias estupidamente retardadas e a ideia dos comedores de queijo de "marcar" seus moradores de rua com triângulos amarelos. Afinal, obviamente, faz muito sentido cadastrar e marcar moradores de rua de uma forma que possam ser reconhecidos de longe, e os bons franceses possam elegantemente sair pela tangente.

Vendo o campo de loucura se concentrando, esta é a segunda edição da SEXTA INSANA!

Continuar lendo “Franceses fazem com que moradores de rua usem triangulos amarelos. Onde vi isso antes?”

Pastor é honesto e diz que a Bíblia manda matar homossexuais e isso é o certo!

Boa parte dos religiosos são contra homossexualismo, mas fazem vista grossa quando o assunto é o que fazer com eles. Normalmente, fingem não saber o que tem em levítico e no Deuteronômio. Entretanto, um desses pastores, pelo menos, é honesto ao dizer que a Bíblia manda matar homossexuais, afirmando em seguida que isso está certo e assim o mundo ficaria livre da AIDS e das cáries.

Pelo menos, ter o pecado de pregar falso testemunho ele não tem. Ser escroto são outros 500!

Pintando o sete com plumas, paetês e lantejoulas, esta é a sua SEXTA INSANA!

Continuar lendo “Pastor é honesto e diz que a Bíblia manda matar homossexuais e isso é o certo!”