Veganismo Desmascarado

vegan_desmascarado.jpgTalvez, vocês tenham presenciado uma cena semelhante: Você vem andando pela calçada e é abordado por uma moça. Ela pede um minuto de sua atenção e você, como todo bom idiota, para para (maldito acordo ortográfico!) dar atenção – e depois lamentar de não ter continuado andando. Ela diz que quer falar com você e lhe entrega um panfleto. Ela, com seu sorrisinho, fala pra você mudar de postura, pois a mesma é errada, que você deveria ver o mundo com outros olhos, ser mais ético. Que, assim que mudar, sua vida melhorará e ajudará a fazer um mundo sem sofrimento.

Você deve estar pensando em alguma Testemunha de Jeová, com sua revista Sentinela, mas não. Estou falando de uma das novas religiões que apareceram nos últimos tempos: o Veganismo. Sim, pois a onda Vegan está mais parecida com religião do que qualquer outra coisa, e aqui eu demonstrarei o porquê.

panfleto_vegan.jpg

Primeiro de tudo, vamos entender o que é veganismo e, para isso, vamos ver sua origem: o vegetarianismo. Não, os dois não são a mesma coisa.

O vegetarianismo não tem nada de complicado: A pessoa não gosta de comer carne e prefere alimentar-se apenas de vegetais. Simples assim. Há alguns que se alimentam de ovos, leite e derivados (seja de vaca, cabra ou outro animal qualquer), ovas (de peixe, claro) etc. Não é muito diferente se eu não quiser comer ovos mexidos, por exemplo (detesto ovos mexidos), ou quiabo (odeio quiabo!). A pessoa come o que quiser e pronto! Fim da história. É mais ou menos como acontecem nas religiões: Um camarada cisma que existe um deus (chamemos Coxarrebolante). Ele faz umas preces a Coxarrebolante, venera Coxarrebolante e continua a sua vidinha. Outros acham que isso deve ser seguido com maior rigor, daí constroem um templo para Coxarrebolante, fazem “UUUUUUhhhhh” para Coxarrebolante, dedicam oferendas e assim tem início a religião do Coxarrebolantismo. Todos TÊM que ser coxarrebolantistas, pois caso contrário serão considerados hereges e atirados no inferno.

Com o Veganismo não é diferente. Em 1944, Donald Watson (1910 – 2005) fundou a Vegan Society, por ter se indisposto com a Vegetarian Society por diferenças ideológicas – coisa que não ficou muito bem explicada, mas isso nós vemos acontecer em qualquer religiões. Assim, Watson (que não é aquele Watson) se juntou a mais 6 pessoas, e decidiram criar uma nova sociedade, criando até mesmo um novo nome. Watson foi criado numa fazenda quando garoto e resolveu ser vegetariano quando ele viu o que acontecia com os porcos, de modo a virarem o amado bacon nosso de cada dia. Ele (Watson e não o bacon) surtou com pena dos animais e achou que a humanidade era boba, feia e chata; e essa humanidade boba, feia e chata tinha que defender os animais.

Sinceramente, não acho nada de errado defender os animais. Mas há algo sinistro que governa os destinos dos seres vivos. Há algo malévolo, pérfido, indiferente a qualquer coisa que nasce, vive e morre. Essa coisa, como já falei várias vezes, é a Seleção Natural. Ela é quem comanda a sua vida, seu mortal idiota! Antes de prosseguir, demonstrando porque o veganismo está caindo para as raias do absurdo (se é que não começou lá), vamos dar uma repassadinha básica em certos detalhes do mundo biológico.

Nós, seres humanos, somos apenas uma ridícula e insignificante porção da biodiversidade. Somos tão ridículos que só há uma única espécie do gênero Homo. Nenhum dos outros sobreviveu. Apesar de sermos ridiculamente insignificantes, a Seleção Natural demonstrou que somos vencedores, dados os milhares de anos que o Homo sapiens anda por aí. Todos os demais indivíduos do gênero Homo não sobreviveram para contar a história, pois foram extintos. Se algo contribuiu para isso foi a nossa dieta onívora (comemos qualquer coisa, ou quase) Antes, éramos caçadores-coletores, isto é, vivíamos exclusivamente da caça e da coleta de víveres que estavam facilmente ao alcance das mãos. Isso perdurou até que inventamos a agricultura. Nosso cérebro era pequeno e não muito bom para formar o que poderíamos chamar de civilização tecnológica (emprego “tecnologia” como o conhecimento de usar ferramentas, mesmo as mais rudimentares). Alguma coisa fez a diferença, e essa diferença foi a ingestão de proteínas de origem animal.

Esse é o ponto que o vegan fica estarrecido, arregala os olhos e diz: NOOOOOOOOO!!! Mas, esperem! As plantas também produzem proteínas, logo o que há de diferente entre elas?

Vegans, como costumam ser os religiosos fanáticos, não leem nada que divirja de sua opinião pré-concebida e preconceituosa, isto é, eles costumam não entender NADA de bioquímica. Façam um teste: peguem um livro de bioquímica e tomem um capítulo. Escolham um vegan e peça para ele explicar. Digamos, ciclo de Krebbs. Se você estiver num debate online, o co-debatedor correrá pro Google, acessará a Wikipédia e dará copy/paste. Peça para ele explicar o que está escrito ali. Ele não saberá. No máximo, recorrerá a sites como o Go Vegan, o Answer in Genesis do Veganismo.

Muito bem, a maioria das plantas sintetizam seu próprio alimento através da fotossíntese, como qualquer criança de Ensino Fundamental sabe. Mas é um processo MUITO complexo. A planta sintetiza também proteínas – que nada mais são que junção de vários aminoácidos – além de enzimas que possibilitam muitas reações químicas no organismos (às vezes elas participam da reação, às vezes só agem como catalisadores, acelerando – mas não participando – da reação). Os animais sintetizam proteínas de forma diferente. Eles montam e desmontam proteínas, absorvem e reciclam os nutrientes absorvidos, até produzirem as proteínas necessárias ao seu funcionamento.

Os animais não produzem todas as proteínas igualmente. Alguns animais produzem uma determinada proteína, outros não. Por causa disso, e de nossa dieta onívora, os seres humanos que desenvolveram a capacidade de metabolizar quase todos os tipos de proteínas tiveram melhor chance na corrida evolutiva, pois a população que apresentou esta capacidade ficou em vantagem nos tempos de escassez. Assim, o que REALMENTE interessa aos animais são os aminoácidos provenientes das proteínas, pois eles serão usados para suprir o organismo de forma que o metabolismo faça a síntese do que for necessário. Dessa forma, o que importa não é a proteína em si e sim de quais aminoácidos ela é constituída.

Um detalhezinho que os fanáticos religiosos vegans – também chamados Talibãs da Couve-Flor – não sabem (ou não querem saber): as proteínas animais são mais facilmente metabolizadas do que as proteínas vegetais, pois as proteínas vegetais são formadas por outros aminoácidos que seriam necessários para o nosso organismo, mas não todos. Se determinados aminoácidos estiverem presentes, não servirão, pois cada proteína é formada por uma série de aminoácidos característicos. E eu ainda nem entrei na questão das vitaminas e complexos vitamínicos. Logo, não basta ser proteína, tem que ser formada pelos aminoácidos certos.

O que isso significa? Significa que bioquimicamente, não há sentido ser apenas (notem o “apenas”) vegetariano. Basta considerar que nem todas as proteínas vegetais possuem os aminoácidos que nós, seres humanos, precisamos. De onde iríamos conseguir estes aminácidos? Comprando no Mercado Livre? Hoje é fácil, há 20 anos era difícil, há 50 anos era praticamente impossível e de 100 anos para trás era COMPLETAMENTE impossível.

Mas… mas… mas, e os estudos que as carnes fazem mal? Simples: Não fazem.

As carnes, enquanto fonte de proteínas, não fazem mal; o que faz mal é a taxa de gordura associada a ela. Escolhendo carnes mais magras, o problema diminui substancialmente. E aí vamos para outro ponto em que o veganismo é semelhante às religiões: Desonestidade.

Sites como o Go Vegan, como todo antro de fanatismo religioso, omite certas informações. Costumam tecer comparações entre as dietas onívoras e as vegetarianas, dando (é claro) vantagem para a dieta vegetariana. O que eles “esquecem” de mencionar é que comparam uma dieta onívora desbalanceada com uma dieta vegetariana balanceada. Trapaça pouca é bobagem! “Esquecem” também de mencionar que, embora os vegetais também apresentem proteínas, a maior parte da planta é composta por celulose, um carboidrato (e não proteína) que não é absorvido pelo organismo humano; se fosse você poderia comer algodão ou mesmo papel, mas você sabe que não é assim que a banda toca. Por certo, nem mesmo o sistema digestório de animais herbívoros, como os boizinhos lindos, estão completamente adaptados para isso. O que eles têm que nós não temos são micro-organismos que atacam a celulose, quebrando-a em moléculas menores que podem ser absorvida pelo organismo dos distintos herbívoros.

No caso dos animais, digerimos a sacarose e o amido (dois outros exemplos de carboidratos) porque eles são “quebrados” em partes menores. Nossa saliva contém uma enzima camada amilase, responsável por quebrar o amido em unidades menores, facilitando sua absorção. No tocante à proteína animal, o fato é que sua ingestão nos propiciou o desenvolvimento do encéfalo [1] [2] [3] . Da mesma maneira, houve um aumento de estatura considerável no povo japonês depois da Segunda Grande Guerra. Com a chegada de norte-americanos nas ilhas do Pacífico, começou a haver uma mudança de hábitos alimentares, com a introdução de mais proteína animal na dieta dos que lá viviam. Isso acarretou um aumento na estatura média do povo japonês [4] [5] , somando-se também um melhor estilo de vida [6] ; e é óbvio que apenas a ingestão de proteína animal não acarretaria isso, mas também é um fator a ser levado em conta. Se fosse nociva, tal desenvolvimento não seria observado, ou seria em menor grau. Em uma reportagem da revista Época (edição de 24 de agosto de 1998), é demonstrado como os tanques japoneses possuíam cabines pequenas, adequadas à estatua média do soldado japonês. Atualmente, entrar numa cabine assim é muito, muito complicado para um adulto. Ainda no tocante à população japonesa, estudos sugerem que o consumo de proteínas animais – em comparação com os povos ocidentais – não está relacionada com casos de Acidente Vascular Cerebral ou infartos. Credita-se então à ingestão de altas percentagens de gordura animal e colesterol. Fica claro que o problema não é a carne em si, e sim a gordura, como banha de porco etc.

Ao lermos sobre os efeitos de uma alimentação pobre em proteínas, encontramos um artigo que relata (grifos meus):

A suplementação, com proteínas, de uma dieta na qual esse nutriente era deficiente, tanto em quantidade quanto em qualidade, levou a resultados diversos, dependendo da qualidade da proteína usada na suplementação. Quando se suplementou a dieta carente com uma proteína de baixa qualidade (de origem vegetal), os efeitos sobre a DA [depressão alastrante da atividade elétrica cerebral] não foram revertidos. A reversão só foi conseguida quando a proteína usada na suplementação era a caseína, a proteína animal de excelência para os mamíferos. Com base nessas observações pode-se concluir que os efeitos da desnutrição no início da vida sobre o desenvolvimento e as funções cerebrais não podem ser completamente evitados, se a alimentação deficiente for suplementada apenas com proteínas de baixo valor biológico, isto é, de baixa qualidade, definida pela falta de alguns aminoácidos essenciais.

Guedes, Rubem Carlos Araújo, Rocha-de-Melo, Ana Paula Rocha-de-Melo e Teodósio, Naíde Regueira Teodósio – NUTRIÇÃO ADEQUADA: A BASE DO FUNCIONAMENTO CEREBRAL, Ciência e Cultura vol.56 no.1 São Paulo Jan./Mar. 2004

Em (pseudo)refutação a isso, costumam linkar o artigo da American Dietetics Association como prova que a dieta vegetariana é mais saudável. Ou não sabem ler em inglês, não sabem usar o Google translator ou são carentes de honestidade (mais provável, uma soma dos três). O abstract (resumo) do artigo começa com:

It is the position of the American Dietetic Association and Dietitians of Canada that appropriately planned vegetarian diets are healthful, nutritionally adequate, and provide health benefits in the prevention and treatment of certain diseases. Approximately 2.5% of adults in the United States and 4% of adults in Canada follow vegetarian diets. A vegetarian diet is defined as one that does not include meat, fish, or fowl. Interest in vegetarianism appears to be increasing, with many restaurants and college foodservices offering vegetarian meals routinely. Substantial growth in sales of foods attractive to vegetarians has occurred and these foods appear in many supermarkets. This position paper reviews the current scientific data related to key nutrients for vegetarians including protein, iron, zinc, calcium, vitamin D, riboflavin, vitamin B-12, vitamin A, n-3 fatty acids, and iodine.

É a posição da Associação Dietética Americana e Nutricionistas do Canadá, que dietas vegetarianas apropriadamente planejadas são saudáveis, nutricionalmente adequadas e fornecem benefícios de saúde na prevenção e no tratamento de certas doenças. Aproximadamente 2,5% dos adultos nos Estados Unidos e 4% dos adultos no Canadá seguem dietas vegetarianas. A dieta vegetariana é definida como aquela que não inclui carne, peixe ou ave. O interesse pelo vegetarianismo parece estar aumentando, com muitos restaurantes que oferecem refeições vegetarianas rotineiramente. O crescimento substancial nas vendas de alimentos atraentes para os vegetarianos ocorreu e estes alimentos aparecem em muitos supermercados. Este artigo analisa a posição atual de dados científicos relacionados aos nutrientes essenciais para os vegetarianos, incluindo proteínas, ferro, zinco, cálcio, vitamina D, riboflavina, vitamina B-12, vitamina A, ácidos graxos n-3, e iodo.

Com o detalhe que as vitaminas do complexo B são majoritariamente (e no caso da vitamina B12, exclusivamente) pertencente a alimentos de origem animal, isto é, carnes. Vegetais não apresentam vitamina B12, a qual é essencial ao nosso organismo [7] . Qualquer um que estude um pouquinho de fisiologia sabe que além da vitamina B12, o ferro é muito importante, principalmente sob a forma heme, que é essencial para nós, devido ao seu trabalho junto à hemoglobina. Esta forma de ferro é muito mais fácil de ser absorvida pelo nosso organismo do que o ferro não-heme. Alimentos de origem animal contém não só ferro sob a forma heme, como a não-heme. Os vegetais normalmente só possuem a segunda [8] [9] [10] .

Nisso, cabe repor os nutrientes e vitaminas essenciais com o uso de suplementos alimentares. Mas que diabo de dieta perfeitamente saudável é essa que precisa de suplementos? Isso faz sentido? Na mente vegan, faz..

Sim, eu concordo que a obesidade é um caso grave na saúde norte-americana, mas precisamos guardar as medidas. Já publicamos uma pesquisa que informa que a obesidade infantil tem origem genética também. Ademais, o que o norte-americano médio come? Um monte de porcarias industrializadas ou nos fast-food da vida. Compre um imenso Big Mac com fritas e preste atenção no quanto de gordura animal você estará ingerindo. Batatas são vegetais e o óleo onde elas são fritas (e saem deliciosamente crocantes) também são de origem vegetal. Assim, o problema não está na carne em si (frita na chapa e não na fritadeira, imersa em óleo) e sim no percentual de gordura ingerido, que pode ser tanto de origem animal, como vegetal. Dessa forma, se eu tirar o hambúrguer e o queijo, eu poderei comer o Big Macapado e ficar tranquilo, já que não estou comendo nada de origem animal? Assim é fácil!

O Go Veg é um site tão escroto, tão mentiroso e sem-vergonha, que não se importa em estuprar o conhecimento científico que temos hoje, publicando um monte de sandices despropositadas sobre a fisiologia humana. Eles tiveram a pachorra de dizer que a formação dos dentes e do trato digestivo foi selecionado biologicamente para se alimentar apenas de vegetais. Só alguém completamente ignorante nesse assunto vai acreditar nisso. E eu falo ignorante na pureza do significado, isto é, de realmente não saber nada sobre o assunto.

Lá, afirma-se que o pH normal do estômago está entre 4 a 5. Mentira! O ácido produzido no estômago é o ácido clorídrico, que junto com a pepsina age fortemente contra o alimento que você ingere. O HCl é um ácido inorgânico com alto grau de ionização (Química de 1º ano de Ensino Médio). À medida que o pH do estômago vai aumentando (como quando você bebe leite de magnésia), o corpo produz mais HCl. A ação do HCl possui um rendimento otimizado entre o pH 1 e 2, isto é, se o pH começar a subir, o corpo corre em corrigir isso. Eu já fiz este teste em laboratório, com solução de HCl e solução de pepsina, e comprovei isso. Mas tal coisa não foi feita pelos “gênios” do Go Vegan.

E sobre atacar o estômago? O HCl não ataca as paredes do seu estômago por duas razões. A primeira é que o HCl possui o cloro no seu estado de redução máximo, logo, ele não pode oxidar nada (também é ensinado isso em Química do 1º ano do EM). O ácido clorídrico NÃO É um agente oxidante. A segunda é que em conjunto com a pepsina ele não ataca o estômago por causa de uma grossa camada de muco estomacal. Este muco – que normalmente se regenera competamente a cada 3 dias – contém, entre outras coisas uma substância chamada “bórax”, que ajuda a neutralizar a alta concentração de íons H+. Úlceras têm diversos fatores e um deles é a presença da Helicobacter pylori, que ataca o muco. Com menor camada de muco, o ácido clorídrico começa a atacar o tecido estomacal.

Outra besteirada na versão verde da Montfort é dizer que o intestino delgado tem cerca de 10 a 11 vezes o tamanho do ser humano. Considerando que tal tamanho está entre 3 e 7 metros de comprimento, então o corpo deveria ter entre 30 e 70 cm de altura. Ou o pessoal do GoVegan é completamente analfabeto em matemática ou, então, eles examinaram algum gnomo de jardim.

Chegaram, inclusive, a me mandar este artigo da Scielo para fundamentar a argumentação em prol do veganismo. Infelizmente, a própria conclusão do artigo desmonta o castelo de cartas:

CONCLUSÃO: A alimentação onívora desbalanceada, com EXCESSO de proteínas e gorduras de origem animal, pode estar implicada, em grande parte, no desencadeamento de doenças e agravos não-transmissíveis, especialmente no risco cardiovascular (grifo meu).

Qualquer dieta desbalanceada é danosa à nossa saúde, na linha do “tudo o que é demais faz mal”. Mas e os vegetais? Eles não seriam mais saudáveis? Dificilmente. A maioria sequer entraria em nosso cardápio se não fosse o nosso desenvolvimento e aprendizado na prática culinária, o que desmonta a tese absurda que o homem nasceu pra ser vegetariano. Muitos vegetais JAMAIS poderiam ter sido consumidos por nossos ancestrais, como é o caso do feijão que é altamente tóxico, pois possui inibidores de tripsina, uma enzima que ajuda no ataque a fibras musculares que foram ingeridas, além de agir nas fezes impedindo que haja prisão de ventre (e muitas vezes causando diarreia, quando em altas concentrações). Como se resolve? Através de tratamento térmico (cozinhando, em outras palavras). Claro que podem alegar que hoje ninguém como feijão cru, mas nossos antepassados não apareceram na terra com uma cozinha completa. Caçadores-coletores comiam o que viam pela frente (muitas vezes o que viam pela frente os comiam também, mas faz parte).

Ainda sobre o feijãozinho nosso de cada dia, convém que ele fique “de molho”, pois não conseguimos digerir uma substância chamada rafinose, um trissacarídeo também presente na soja, que só faz bem na mente vegan, mas não é essa maravilha que apregoam. Os fitatos contidos nela agem como fatores anti-nutricionais, já que reduzem a biodisponibilidade no organismo de minerais divalentes como: cálcio, ferro, magnésio, manganês, cobre e zinco, principalmente. Alguns estudos mostram que estes fitatos são importantes na mesma medida, mas deve-se ressaltar que ao se ingerir soja é preciso ingerir mais dos íons acima descritos. E tome suplemento alimentar! Isso soa plausível numa dieta tida como “melhor”? Bem, vegans continuarão achando que sim. Comer mandioca crua, alguém se arrisca? A mandioca consumida comumente, não nos traria problemas, mas o preparo original da mandioca brava é todo um ritual, por causa dos glicosídeos cianogênicos. Não, você não leu errado. É quase como comer cianetos (quase; e embora não seja a mesma coisa, pode ser fatal também).

Antes de terminar esta parte do artigo, deixem-me dizer-lhes uma coisa, afim de acabar com um mito: vegetais também se defendem.

Analisem. A Seleção Natural favorece quem estiver mais apto a gerar descendentes. Uma espécie não duraria muito tempo se não puder se reproduzir suficientemente para garantir a sobrevivência. Logo, se muitos herbivoros comessem vegetais direto, sem que esses pudessem ter tempo para se reproduzirem, não haveria vegetais, não haveria herbívoros e não haveria carnívoros. Os vegetais, contudo, desenvolveram táticas de defesa, muitas vezes mais cruéis que muitos animais. Alguns são extremamente venenosos, outros trapaceiam, mimetizando pequenos insetos para que os maiores possam ser atraídos. Outros exalam cheiro de carne podre, para que moscas pousem neles ávidas por um lanchinho, acabem se sujando com o pólen e indo para outra flor semelhante, perfazendo a polinização.

Mas que é sacanagem, é. A Natureza não se importa em manipular os seres.

Ainda mascarando informações, os membros da Seita Vegan parte para falácias de apelo à misericórdia e apelo ao mundo, dizendo que “o grão que alimenta o gado é o grão que faz falta na mesa das pessoas”. Mais uma alteração da verdade! Já começa que o gado não é tratado de forma intensiva, só no caso do gado leiteiro. Isso por que ele criaria capas de gordura, e ninguém quer comprar apenas gordura. De acordo com a EMBRAPA, a dieta completa do gado leiteiro “é uma mistura de volumosos ( silagem, feno, capim verde picado ) com concentrados (energéticos e proteicos), minerais e vitaminas. A mistura dos ingredientes é feita em vagão misturador próprio, com balança eletrônica para pesar os ingredientes. Muito usada em confinamento total, tem a vantagem de evitar que as vacas possam consumir uma quantidade muito grande de concentrado de uma única vez, o que pode causar problemas de acidose nos animais. Além disso, recomenda-se a inclusão de 0,8 a 1% de bicarbonato de sódio e 0,5% de óxido de magnésio na dieta total, para evitar problemas com acidose.”

O gado bovino de corte, é tratado com base de cana-de-açúcar como volumoso (cerca de 40 kg/dia) e apenas 3 kg de concentrado (milho + farelo de soja). E obviamente, depois do que os ingleses fizeram, só se alimenta gado de corte com constituinte vegetal (mesmo porque, são herbívoros). Para quem não se lembra, foram alimentar gado com farinha de carcaça de carneiros e resultou no chamado “Mal da Vaca Louca”.

Argumentar que isso faz com que haja falta de alimentos é uma falácia gritante. Qualquer um que vá no CEASA ou no CEAGESP pode ver o tanto de comida que é desperdiçado. ESTE é o problema! Desperdício! Em reportagem da Folha de São Paulo, fica demonstrado que 30% dos alimentos que o Brasil produz são desperdiçados. O desperdício pode acontecer até mesmo em unidades de saúde, como no Hospital das Clínicas. Além disso, há o caso que o mundo está se tornando superpopuloso, e o que seria realmente efetivo seria um controle de natalidade mais sério. Só que com mais gente no mundo, existem mais eleitores, mais gente que servirá de “decoração” para as campanhas eleitorais, mais massa de manobra, mais formas de haver doações, as quais poderão ser desviadas, enriquecendo o bolso de muita gente.

Em resumo: podem plantar o quanto quiserem, ainda haverá falta de alimentos na mesa das pessoas, pois o problema não é a existência do alimento, e sim na chegada até a casa das pessoas. Não há nenhum motivo político ara resolver isso, pois a fome é uma grande arma na mão de ditadores, como podemos comprovar nos países africanos, onde a ONU despeja toneladas e mais toneladas de alimento, e nem um grama chega à boca dos famintos. Se os campos são destruídos para fazer pastagens, segundo a visão vegan, eles seriam destruídos para transformá-los em produção agrícola. Fazem ideia da logística por trás disso? Bem, com certeza, eles não sabem.

Lógico que eu não diria que seres humanos não devem comer vegetais. Devem! Mas também não podem deixar de ingerir carnes, ou então estaremos todos condenados a viver de suplementos alimentícios pelo reso da vida. Reitero a pergunta: Que dieta saudável é essa que não supre nossas necessidades nutricionais?

Na próxima página destruiremos outra falácia vegan: a preocupação com os animais.

1.158 comentários em “Veganismo Desmascarado

  1. Eu, assim como todos os membros da minha família, aderimos ao vegetarianismo por motivos de sustentabilidade.
    Acho ridículo esse tipo de crítica, pois quem realmente entende do assunto sabe que o assunto é muito mais complexo que isso e uma pessoa realmente instruída jamais criticaria e condenaria um estilo de vida sustentável.

    1. Muito sustentável. Perguntem a qualquer roedor e réptil assassinados por colheitadeiras.

      Todo mundo prega um modo de vida sustentável, morando em apartamento, com 300 mil aparelhos eletro-eletrônicos, ar-condicionado e carro na garagem.

      1. @André, Sim muitos animais morrem. Sim muitos são hipócritas. Mas o hábito de comer carne, no atual sistema, contraria a própria ideia de sustentabilidade tão proposta atualmente. Ou seja, piora mais ainda asituação que você acabou de citar, meu amigo…

        A gente tem direito a escolhas na vida, opções e modo de vida que façam com que a gente fique bem com a gente mesmo. E cada um tem o direito e de fazer com sua vida algo que torne seu dia dia mais fácil.

        Como sempre digo, se fôssemos 500 milhões de seres conscientes, bem alimentados, bem educados, filhos de pais e mães de famílias estáveis, estudados e não 7 bilhões de produtores de coco, o mundo seria um Paraíso e não precisaríamos nos preocupar tanto com assuntos como esse e não precisaríamos tomar certas decisões em nossa vida.
        A raiz de todos os problemas é o excesso de gente, é a falta de consciência de que:
        Não precisamos de mais gente, mas sim de gente melhor.

        Sou a favor do vegetarianismo e qualquer um que se alimente de 90% de vegetais, cereiais e frutas é praticamente não carnívoro.

        1. , Sim muitos animais morrem. Sim muitos são hipócritas. Mas o hábito de comer carne, no atual sistema, contraria a própria ideia de sustentabilidade tão proposta atualmente

          Porque a ideia é falaciosa. Não há problemas de produção de alimentos e sim interesse político da comida chegar até as pessoas.

          A gente tem direito a escolhas na vida, opções e modo de vida que façam com que a gente fique bem com a gente mesmo. E cada um tem o direito e de fazer com sua vida algo que torne seu dia dia mais fácil.

          Mimimi.

          Como sempre digo, se fôssemos 500 milhões de seres conscientes, bem alimentados, bem educados, filhos de pais e mães de famílias estáveis, estudados e não 7 bilhões de produtores de coco, o mundo seria um Paraíso e não precisaríamos nos preocupar tanto com assuntos como esse e não precisaríamos tomar certas decisões em nossa vida.

          Mimimi [2]

          A raiz de todos os problemas é o excesso de gente, é a falta de consciência de que:
          Não precisamos de mais gente, mas sim de gente melhor.

          Vc disse que tem família. Ninguém mandou colocar gente no mundo, ué. Ah, mas isso é pros outros, né?

          Sou a favor do vegetarianismo e qualquer um que se alimente de 90% de vegetais, cereiais e frutas é praticamente não carnívoro.

          Parabéns, Capitão Óbvio.

      2. @André, Só mais uma dúvida : o que tem a ver animais mortos por colheitadeiras em relação ao gasto excessivo de água na produção de gado de corte, por exemplo ? O que tem a ver esses animais mortos por colheitadeiras com o assunto que aqui discutimos ? Sustentabilidade ??
        Por acaso há um modo de evitar que eles morram durante a colheita ? Provavelmente não, meu amigo…

        É possível viver só de carne ? Não!
        Então esses animais continuarão morrendo durante a colheita.
        Não vejo a razão de você ter citado aniamais mortos por colheitadeiras…
        Por acaso você acha que eles estão no “topo da pirâmide” quanto o assunto é sustentabilidade ???
        A sustentabilidade vai muito além disso.

        E lhe digo que não vou nutrir muito diálogo aqui, pois reparei que não queres “provar” uma suposta “farsa”(?) do vegetarianismo, mas sim defender o consumo de carne. Isso beira ao fanatismo.

        Qualquer professor de engenharia ambiental de qualquer universidade sabe que o vegetarianismo é um pilar importante para a sustentabilidade do planeta.
        Não entendo seu ponto de vista, como “cientista”, em querer ir contra tal ideia.

        Em qual universidade você se formou André ? Em que curso ? Quantos anos você tem ?
        Realmente é muito estranha sua posição. É no mínimo questionável…

        Eu mesmo, que sou veg., não condeno de forma alguma que consome carne, mas também me sinto desconfortável quando alguém fala mal de minha filosofia pessoal como se tivesse razão absoluta sobre tal assunto. Isso não é coisa que se faça…
        Ninguém tem razão absoluta sobre um assunto.
        Como disse, não sou contra quem come carne, mas sou a favor do vegetarianismo e qualquer um que se alimente de 90% de vegetais, cereiais e frutas é praticamente não carnívoro.

        1. Só mais uma dúvida : o que tem a ver animais mortos por colheitadeiras em relação ao gasto excessivo de água na produção de gado de corte, por exemplo ?

          Ué, e a biodiversidade? E a consciência?

          O que tem a ver esses animais mortos por colheitadeiras com o assunto que aqui discutimos ? Sustentabilidade ?

          “NÓS” vírgula. Vc que começou falando besteira.

          Por acaso há um modo de evitar que eles morram durante a colheita ? Provavelmente não, meu amigo…

          Então não fique com esses remorsos de classe-média preocupada com a sustentabilidade, mas que não abre mão do ar-condicionado.

          É possível viver só de carne ? Não!

          É possível viver só de vegetais? Sim… quer dizer, sim se se encher de suplementos.

          Então esses animais continuarão morrendo durante a colheita.

          Nham, nham.

          Não vejo a razão de você ter citado aniamais mortos por colheitadeiras…

          Viram o que a desnutrição faz? Não conseguem pensar direito.

          Por acaso você acha que eles estão no “topo da pirâmide” quanto o assunto é sustentabilidade ???
          A sustentabilidade vai muito além disso.

          Sustentabilidade começa quando eu preciso posar de bom moço e termina quando afeta meu conforto.

          E lhe digo que não vou nutrir muito diálogo aqui, pois reparei que não queres “provar” uma suposta “farsa”(?) do vegetarianismo

          Escrevi “veganismo”. Desnutrição afeta o grau de alfabetiza~çao das pessoas.

          mas sim defender o consumo de carne. Isso beira ao fanatismo.

          Sou um leão disfarçado.

          Qualquer professor de engenharia ambiental de qualquer universidade sabe que o vegetarianismo é um pilar importante para a sustentabilidade do planeta.

          Pena que os químicos e biólogos dizem que isso não faz bem ao consumo humano, conforme as diversas publicações INDEXADAS postadas. Professor de “engenharia ambiental” não entende porra nenhuma de bioquímica.

          Não entendo seu ponto de vista, como “cientista”, em querer ir contra tal ideia.

          Porque é burro. Se tivesse lido o artigo e tido uma mínima capacidade de entendimento, teria compreendido.

          Em qual universidade você se formou André ? Em que curso ? Quantos anos você tem ?

          Sou casado. Pare de se oferecer.

          Realmente é muito estranha sua posição. É no mínimo questionável…

          Como coisa que estou cagando pro que vc defeca mentalmente, chamando isso de “pensamento”. Vir discutir bioquímica vc não quer. Não quer porque não sabe. Não sabe porque não lê. Não lê pois não tem condições de interpretar textos.

          Eu mesmo, que sou veg., não condeno de forma alguma que consome carne, mas também me sinto desconfortável quando alguém fala mal de minha filosofia pessoal como se tivesse razão absoluta sobre tal assunto.

          E vai fazer o quê? Me bater com seu salto alto? Magoei seu coraçãozinho ao provar bioquimicamente que vc precisa das proteínas de origem animal? Tadinho!

          Isso não é coisa que se faça…

          Adoro quando eles imploram clemência e eu simplesmente digo: “não”.

          Ninguém tem razão absoluta sobre um assunto.

          Prove que eu estou errado. Publicações indexadas, ok? Mas é para provar MEDIANTE o que está escrito no artigo que a dondoquinha não leu.

          Como disse, não sou contra quem come carne, mas sou a favor do vegetarianismo e qualquer um que se alimente de 90% de vegetais, cereiais e frutas é praticamente não carnívoro.

          E eu estou me lixando pro que vc é contra ou deixa de ser. E aprenda a escrever “cereais” direito.

  2. Allan Savory: How to green the desert and reverse climate change via @TEDiSUB

    O link acima mostra uma palestra no TED onde um pesquisador propõe a reversão da desertificação pelo uso intensivo de criações ( rebanhos) nas áreas afetadas. Os rebanhos são remanejados de forma planejada a recuperar o solo e promover a alimentação. Pois é, a obtenção de carne ajudando a recuperar o planeta. O pesquisador mostra vários exemplos onde os ensaios funcionaram muito bem.
    Nota: o documentário é todo em inglês com legendas também em inglês.

  3. Gostaria de lembrar todos aqueles que repudiam uma dieta vegetariana que frutas também fazem parte de um cardápio Vegan. Não sou vegan, portanto, não venho aqui defender minha causa e tenho intenções apenas de esclarecimentos bioquímicos/biológicos.
    Segundo o livro Fundamentos da Biologia Celular, o nosso corpo consegue manipular de acordo com suas necessidades os aminoácidos que despõe para suprir qualquer necessidade proteica (como você citou de forma mais sutil em um dos parágrafos). Dito que qualquer alimento tem altos índices de aminoácidos (seja fruta, carne, vegetal ou qualquer outro)podemos dar a discussão de necessidade proteica encerrada (eu mesmo pesquisei as fontes de todos tipos de aminoácidos e todos podem ser supridos em qualquer tipo de dieta, até mesmo naquelas do vegetarianismo extremo. O crudivorismo).
    O tocante acerca da dieta vegetariana desfavorece os vegans (ou qualquer adepto do vegetarianismo extremo) quando se fala especificamente de uma vitamina: A cobalamina, ou vitamina b12. O que o senhor esquece de citar, é que a vitamina b12 é sintetizada apenas por bactérias, bactérias nada especiais que estão em diversos alimentos e inclusive no nosso intestino ( infelizmente, o ser humano tem um problema de design pois as bactérias estão numa região exatamente oposta àquela que absorve não detendo de meios para conduzi-la, sendo, portanto, inúteis).O fato de o resto dos alimentos nos suprir com baixíssimas quantidades de vitamina b12 deve-se a higienização e também aos agrotóxicos pois ambos matam as bactérias. O mesmo não acontece a esta bactérica quando está na carne de um animal como o boi, que obviamente não higieniza seu corpo nem alimentos antes de ingeri-los. Foi observado também que vegetarianos crudívoros que alimentam-se de alimentos orgânicos conseguem SIM suprir as necessidades diárias de vitamina b12.
    Há outras controvérsias sobre essa vitamina como por exemplo as ‘necessidades diárias’ estabelecidas, pois ela pode diferir, E MUITO, de indivíduo para indivíduo e é dependente até de fatores alimentares. Vegetarianos que nutrem-se de ALIMENTOS ORGÂNICOS têm necessidades menores desta vitamina visto que, a b12, tem inúmeras funções, sendo a principal delas a manutenção do corpo. A carne apresenta um enorme desgaste (assim como qualquer alimento cozido** e industrializado) pois causa a reação fisiológica chamada de Leucocitose Digestiva.
    Ingerir carne é necessidade? O ser humano sempre se alimentou de carne? Sabemos que a história nos diz que o ser humano passou a se alimentar de animais quando se afastou dos trópicos, indo para áreas onde não se dispunha de muitos frutos e alimentos fáceis de se adquirir, como foi sabiamente apontado de forma sutil em um dos parágrafos. O ser humano passou a se alimentar de carne há mais ou menos 10.000 anos, época aproximada da descoberta do fogo (claro, estou me referindo a quando passaram a domina-lo e começaram a cozinhar os alimentos).No entanto, 10.000 anos não representam nem 1% do que a nossa espécie já caminhou, portanto, alimentação a base de animais e derivados é uma coisa completamente nova. Como você me explica, por exemplo, o fato de alimentos crus, livres de agrotóxicos (excluindo-se os grãos, cereais e obviamente carnes) não provocarem a reação alérgica fisiológica conhecida como Leucocitose Digestiva. Pra mim é mais do que óbvio que se trate da introdução de substâncias não compatíveis com o organismo, repudiadas pelo organismo.
    E para não concluir: é evidente a incidência de câncer a medida que todos esses alimentos, sejam eles derivados de animais ou apenas trangênicos, seja a própria poluição, são introduzidos no corpo humano. E não se esqueçam de não tomar leite, este veneno disfarçado de possível cura para problemas ósseos.

    1. Gostaria de lembrar todos aqueles que repudiam uma dieta vegetariana que frutas também fazem parte de um cardápio Vegan. Não sou vegan, portanto, não venho aqui defender minha causa e tenho intenções apenas de esclarecimentos bioquímicos/biológicos.

      Show! Vai inclusive mostrar links de artigos publicados em periódicos sérios e com revisão de pares, certo? (creio que não)

      Segundo o livro Fundamentos da Biologia Celular, o nosso corpo consegue manipular de acordo com suas necessidades os aminoácidos que despõe para suprir qualquer necessidade proteica (como você citou de forma mais sutil em um dos parágrafos).

      Eu disse CLARAMENTE que animais montam e demontam proteínas.

      Dito que qualquer alimento tem altos índices de aminoácidos (seja fruta, carne, vegetal ou qualquer outro)podemos dar a discussão de necessidade proteica encerrada (eu mesmo pesquisei as fontes de todos tipos de aminoácidos e todos podem ser supridos em qualquer tipo de dieta, até mesmo naquelas do vegetarianismo extremo. O crudivorismo).

      Mas as vitamionas não. Nem ferro heme.

      O tocante acerca da dieta vegetariana desfavorece os vegans (ou qualquer adepto do vegetarianismo extremo) quando se fala especificamente de uma vitamina: A cobalamina, ou vitamina b12. O que o senhor esquece de citar, é que a vitamina b12 é sintetizada apenas por bactérias, bactérias nada especiais que estão em diversos alimentos e inclusive no nosso intestino

      Numa região DEPOIS da seção onde é feita a absorção de nutrientes. Logo, o que aquelas bactérias produzem vira cocô.

      ( infelizmente, o ser humano tem um problema de design pois as bactérias estão numa região exatamente oposta àquela que absorve não detendo de meios para conduzi-la, sendo, portanto, inúteis)

      Obrigado por inutilizar seu próprio argumento.

      O fato de o resto dos alimentos nos suprir com baixíssimas quantidades de vitamina b12 deve-se a higienização e também aos agrotóxicos pois ambos matam as bactérias.

      Sem os quais não teríamos colheitas suficientes para alimentar esse mundaréu de gente.

      O mesmo não acontece a esta bactérica quando está na carne de um animal como o boi, que obviamente não higieniza seu corpo nem alimentos antes de ingeri-los. Foi observado também que vegetarianos crudívoros que alimentam-se de alimentos orgânicos conseguem SIM suprir as necessidades diárias de vitamina b12.

      Links, please.

      Há outras controvérsias sobre essa vitamina como por exemplo as ‘necessidades diárias’ estabelecidas, pois ela pode diferir, E MUITO, de indivíduo para indivíduo e é dependente até de fatores alimentares. Vegetarianos que nutrem-se de ALIMENTOS ORGÂNICOS têm necessidades menores desta vitamina visto que, a b12, tem inúmeras funções, sendo a principal delas a manutenção do corpo.

      Quantas pessoas pagam CARO por tomatinho orgânico? Aliás, plante um tomateiro e veja que antes de ele sequer amadurar, já está cheio de insetos atacando. Alimento orgânico é falácia.

      Ingerir carne é necessidade? O ser humano sempre se alimentou de carne? Sabemos que a história nos diz que o ser humano passou a se alimentar de animais quando se afastou dos trópicos, indo para áreas onde não se dispunha de muitos frutos e alimentos fáceis de se adquirir, como foi sabiamente apontado de forma sutil em um dos parágrafos.

      E também dito que quando isso aconteceu, houve aumento da massa encefálica, ou seja, se ainda estivéssemos vivendo de coleta, estaríamos num estad evolutivo selehante a de um chimpanzé… desculpe, chimps são carnívoros. Seríamos micos, mesmo.

      O ser humano passou a se alimentar de carne há mais ou menos 10.000 anos, época aproximada da descoberta do fogo (claro, estou me referindo a quando passaram a domina-lo e começaram a cozinhar os alimentos).No entanto, 10.000 anos não representam nem 1% do que a nossa espécie já caminhou, portanto, alimentação a base de animais e derivados é uma coisa completamente nova.

      E depois disso apareceram as primeiras ferramentas, aldeias, agricultura, cicdades etc.

      Como você me explica, por exemplo, o fato de alimentos crus, livres de agrotóxicos (excluindo-se os grãos, cereais e obviamente carnes) não provocarem a reação alérgica fisiológica conhecida como Leucocitose Digestiva.

      A expectativa de vida era de quanto, mesmo?

      Pra mim é mais do que óbvio que se trate da introdução de substâncias não compatíveis com o organismo, repudiadas pelo organismo.

      Comer comigo-ningiuém-pode é algo que nenhum vegan quer fazer teste. Ah, sim! Na época, a população humana mal chegava na casa dos milhares de pessoas.

      E para não concluir: é evidente a incidência de câncer a medida que todos esses alimentos, sejam eles derivados de animais ou apenas trangênicos, seja a própria poluição, são introduzidos no corpo humano.

      Viver na savana, floresta amazônica e afins ninguém quer. Lá não tem Facebook.

      E não se esqueçam de não tomar leite, este veneno disfarçado de possível cura para problemas ósseos.

      Beber água da bica, também. Não bebam água, ok?

      1. @André, Haha Você deve se sentir muito satisfeito com esses estudos mal conduzidos de especulação teórica néh? Onde estão os links?! Quer falar de provas? Então traga elas você também seu hipócrita!
        Quem aqui falou de viver em floresta? O único que tá falando de savana aqui é você amigo.
        Ao menos pesquisou o que é uma Leucocitose Digestiva? Não néh, prefere ficar com seu deboche que é clássico de gente da sua laia, gente completamente desinteressada e que adora essa retórica de baixo nível. Faz o seguinte, vai fazer palhaçada pro mico, ele vai adorar.

        1. Haha Você deve se sentir muito satisfeito com esses estudos mal conduzidos de especulação teórica néh? Onde estão os links?! Quer falar de provas? Então traga elas você também seu hipócrita!

          Estão no corpo do artigo. As suas?

          Quem aqui falou de viver em floresta? O único que tá falando de savana aqui é você amigo.

          Quero ver como vai conseguir todos os alimentos sem agrotóxico e conservantes no supermercado.

          Ao menos pesquisou o que é uma Leucocitose Digestiva? Não néh, prefere ficar com seu deboche que é clássico de gente da sua laia, gente completamente desinteressada e que adora essa retórica de baixo nível.

          (bocejo)

          Disse alguma coisa?

          Faz o seguinte, vai fazer palhaçada pro mico, ele vai adorar.

          Antes ou depois de vc me trazer os links das publicações indexadas?

        1. HAHAHAHAHAHAHAHAHAHHAHAUAHUSUAHUHAHAUA

          LAIR RIBEIRO!!!! HAHAHAHAHAHAHAHAHAH

          O cara que disse que beber água faz mal, pois as pessoas podem ser “ácidas” ou “básicas”.

          Contra seu YouTube eu coloco:

          http://www.betterhealth.vic.gov.au/bhcv2/bhcarticles.nsf/pages/Milk_the_facts_and_fallacies
          http://www.hsph.harvard.edu/nutritionsource/calcium-full-story/
          http://www.fao.org/WAIRdocs/x5434e/x5434e0d.htm
          http://www.med.umich.edu/umim/food-pyramid/dairy.htm
          http://www.eurekalert.org/pub_releases/2012-01/wsw-ago012712.php
          http://www.faperj.br/boletim_interna.phtml?obj_id=397

          Lair Riobeiro.. heheheh como veganzinho desesperado é. Apelam para qualquer coisa. Curiosamente, procurei pelos trabalhos publicados em revistas e periódicos com revisão de pares do “doutor” Lair Ribeiro. Não encontrei nenhum. Também não tem currículo Lattes. Lair Ribeiro é tão expressivo enquanto médico como qualquer homeopata, astrólogo, quiroprático etc.

        2. @André, Hey, cocozinho falante! Não sei se você sabe, mas ao final da digestão os alimentos liberam substâncias que podem ser alcalis ou ácidos. Essas substâncias são conduzidas a corrente sanguínea e alteram o Ph do sangue. Os alimentos que liberam ácidos são principalmente os industrializados (incluindo o leite), e a restauração do Ph do sangue representa um desgaste enorme ao corpo tendo de utilizar o cálcio já depositado no osso para alcalinizar de novo.
          Quem aqui é vegan meu amigo? Eu disse isso por acaso? Eu mantenho uma dieta vegetariana sim (por motivos dietéticos e não ideológicos), composta principalmente de frutas, e estou tão saudável que tenho energia para ir pra escola (ainda estou no EM) de bicleta todos os dias, que me custam 1 hora de viagem, e ainda tirar as melhores notas da escola. Tendo tempo ainda para derrubar argumento de pseudo intelectual como você.

        3. Hey, cocozinho falante! Não sei se você sabe, mas ao final da digestão os alimentos liberam substâncias que podem ser alcalis ou ácidos. Essas substâncias são conduzidas a corrente sanguínea e alteram o Ph do sangue.

          Depois de reagir com um ácido forte pra cacete como o HCl, o alimento fica básico? Você comeu o quê? Soda cáustica? Bem, não importa, o sangue é uma solução-tampão, o tipo de coisa que se aprende em colégio e não em vídeo do Lair Ribeiro.

          Os alimentos que liberam ácidos são principalmente os industrializados (incluindo o leite), e a restauração do Ph do sangue representa um desgaste enorme ao corpo tendo de utilizar o cálcio já depositado no osso para alcalinizar de novo.

          Errou de novo. :D O suco gástrico é um poderoso ácido, trabalhando em conjunto com pepsina.

          A solução-tampão do sangue é o equilíbrio entre ácido carbônico e bicarbonato de sódio e H2PO4/HPO42- . Escola: frequente.

          http://www.brasilescola.com/quimica/solucaotampao-no-sangue-humano.htm

          Quem aqui é vegan meu amigo? Eu disse isso por acaso?

          Como eu disse: não precisa ser vegan ára ser idiota. Vc provou isso, senhor seguidor do Lair Ribeiro.

          Eu mantenho uma dieta vegetariana sim (por motivos dietéticos e não ideológicos)

          COmo coisa que isso me interesse.

          composta principalmente de frutas, e estou tão saudável que tenho energia para ir pra escola (ainda estou no EM) de bicleta todos os dias

          Só ir. Estudar que é bom, nada!

          que me custam 1 hora de viagem, e ainda tirar as melhores notas da escola.

          Escola pública de interior, pelo visto.

          Tendo tempo ainda para derrubar argumento de pseudo intelectual como você.

          HAHAHAHAHAHUHAUHSAUHSUAUHSUAHUSAHUSAHUSAHUSAHUASHUHUA

          Filhota, vc só escreveu merda até agora e a única fonte que passou foi vídeo do Lair Ribeiro. Volta pro primário, sim?

          (maldito sistema de aprovação automática!)

        4. @André, Lair Ribeiro tem sim plataforma Lattes:
          “Dr. Lair Ribeiro é médico, especializado em cardiologia e viveu 17 anos nos Estados Unidos, adquirindo grande experiência nos campos educativo e empresarial, além de treinamento médico na Harvard University, como Research Fellow. Do seu extenso curriculum, destacamos: Médico, formado pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1972),com mestrado em Cardiologia na PUC – Rio em (1973-1974). Treinamento médico na Harvard University, como Research Fellow (1976-1978). Research Associate no Baylor College of Medicine (1978-1980). Assistant Professor (1981-1984) e Adjunct Associate Professor (até 1993) na Thomas Jefferson University. Diretor Médico da Merck Sharp & Dohme, nos EUA (1982-1985). Diretor Executivo da Ciba-Geigy Corporation (hoje Novartis), nos EUA (1985-1990). Além disso, Dr. Lair Ribeiro é palestrante internacional, autor de mais de 100 trabalhos científicos publicados em revistas médicas norte-americanas, e de 29 livros (13 best sellers), 19 dos quais já traduzidos para outros idiomas, sendo, também, best sellers em países da América Latina e da Europa. (Texto informado pelo autor)”.
          Link: http://lattes.cnpq.br/1518214243164363

        5. Curiosamente, nenhum artigo sobre o sangue “liberar cálcio para neutralizar os alimentos ácidos”. Nota zero em Química pra vocês dois.

        6. @Solrac, Ah tá, então leite faz mal?

          Sabe qual é uma das características mais marcantes dos mamíferos, Solrac? Eles MAMAM LEITE.

          Mas nãaao, a natureza deve estar enganada, 250 milhões de anos de evolução e a alimentação com leite não foi extinta, mas basta um retardado bilíngue dizer que faz mal e pronto, vamos todos decepar os peitos!! Seios são coisa do CAPETA, é a luxúria e a acidez! SAI DE MIM DIABO CARNIVORO!!

        7. @Solrac, Curiosamente, ele tem formação como nutricionista e dá diversas palestras como nutrólogo em diversos países ( dá aula inclusive para médicos da Havard) e faz vídeos dizendo o que é bom se comer ou não e explica o porque. Aliás, no vídeo O Mito do Leite, Lair Ribeiro traz todos os artigos científicos de diversas faculdades famosas que justificam o que ele está inferindo.

        8. Curiosamente, ele tem formação como nutricionista e dá diversas palestras como nutrólogo em diversos países

          Dizendo que água e leite fazem mal. ops.

          dá aula inclusive para médicos da Havard

          Cuja faculdade de medicina COMPROVOU a necessidade de ingestão de leite, conforme links acima. :mrgreen:

          http://hms.harvard.edu/gsa/lair%20ribeiro

          Ops²

          e faz vídeos dizendo o que é bom se comer ou não e explica o porque.

          Eu vi video de gente dizendo que um ET com 12 mil anos falou que o Lula era um reptiliano (é sério!). YouTube aceita tudo. A Science, não.

          Aliás, no vídeo O Mito do Leite, Lair Ribeiro traz todos os artigos científicos de diversas faculdades famosas que justificam o que ele está inferindo.

          Eu postei LINKS provando o contrário. :D

          Vai pela sombra, veganzinho. Cansei de seus blábláblás religiosos fundamentalistas.

          (Querem apostar como ele ficará papagueando que me venceu no debate, sem apresentar um único link que preste?)

      2. @André, Numa região DEPOIS da seção onde é feita a absorção de nutrientes. Logo, o que aquelas bactérias produzem vira cocô. ——> Logo, veganos, basta comer cocô! Viu que simples??

        1. @PianoCat, Ainda bem que não sou nem vegano e nem me alimento de carne. PianoCat nem sabe o quão higiênica é a agropecuária: eles deixam a carne numa reserve por meses a base de diversos conservantes. A carne fica até verde, mas só colocar um pouco de colorantes e “tcham-ram!” , tá prontinha pro consumo.

    2. E não se esqueçam de não tomar leite, este veneno disfarçado de possível cura para problemas ósseos.

      @Solrac, Pera agora leite é veneno?

      Na boa, fala mais deste veneno que TOMAMOS litros durante nossa infância.. estou curioso.
      Não.. para, nao quero ler ladainhas sem sentido.

      Vai pastar, comer grama, comer alpiste… veganzinho. Vocês não tem argumentos pra combater o consumo de carne agora quer atacar o leite, talveez os ovos também? Nossa, na boa… não ta contente? Para de comer e para de falar bobagem…

        1. Faça um estudo químico das diferenças do leite bovino do leite humano.(vc viu os links dizendo que leite bovino faz bem, né? Ah, desculpe, vc segue o pseudocientista que prega que cálcio neutraliza acidez no sangue)

        2. @Solrac, Desculpe o meu erro em não destacar que eu estava falando exatamente do leite de vaca…

          Lembrando que a vaca existe pq nós a “criamos”, tudo dela eh do nosso consumo. Sem nós a vaca como conhecemos jamais existiria…

          Mas agora que vc frisou que é o leite da vaca q eh veneno, please, poste algo nos provando isso…

          *esperando*

    1. @Solrac,

      Que fique bem claro quando daqui para frente lerem este artigo;

      O veganzinho comedor de grama e alpiste acima NÃO ME PROVOU que leite de vaca é veneno.

      Ignorou tudo que foi pedido, em resumo, apenas MAIS um que PREGA o VEGANISMO… tsc tsc

  4. Ei, concursado, me esclareça algumas coisas por favor (me poupe da sua arrogância, então contenha-se e seja polido se tiver um pouco de decência): Por que a incidência de deficiência de ferro e da deficiência de vitamina b12 acomete tanto os vegetarianos quanto os que comem de tudo?
    Por que infernos o carniceirismo ajudou no desenvolvimente encefálico (me poupe de artigo da BBC por favor) e não outros fatores intrínsecos a hábitos culturais que foram surgindo?
    Segundo a lógica de que a carne ajudou o desenvolvimento encefálico, pode se concluir que um chimpanzé vai estar fazendo cálculos diferenciais e filosofando daqui a 10.000 anos?
    Como pode a vegana Loreen Dinwiddie sobreviver a uma diéta vegana por 89 anos (hoje tem 108 anos), sendo que ela fez parte de um período onde suplementação era praticamente impossível?
    Agradeço e muito se você esclarecer essas dúvidas de um mero estudante do Ensino Médio.

    1. Ei, concursado, me esclareça algumas coisas por favor (me poupe da sua arrogância, então contenha-se e seja polido se tiver um pouco de decência): Por que a incidência de deficiência de ferro e da deficiência de vitamina b12 acomete tanto os vegetarianos quanto os que comem de tudo?

      Porque não comem direito, ué. Hamburguer de McDonald’s não faz ninguém saudável.

      Por que infernos o carniceirismo ajudou no desenvolvimente encefálico (me poupe de artigo da BBC por favor) e não outros fatores intrínsecos a hábitos culturais que foram surgindo?

      Tá no texto.

      Segundo a lógica de que a carne ajudou o desenvolvimento encefálico, pode se concluir que um chimpanzé vai estar fazendo cálculos diferenciais e filosofando daqui a 10.000 anos?

      Eles usam ferramentas, assim como orangotangos e bonobos. Lhe apresento Kanzi: https://ceticismo.net/2011/12/31/grandes-nomes-da-ciencia-kanzi/

      Apedeuta. :mrgreen:

      Como pode a vegana Loreen Dinwiddie sobreviver a uma diéta vegana por 89 anos (hoje tem 108 anos), sendo que ela fez parte de um período onde suplementação era praticamente impossível?

      Vocês DIZEM que ela é vegan. Prova que é bom…

      Enquanto isso: https://ceticismo.net/2011/03/29/filha-de-casal-vegan-morre-de-desnutricao-e-pais-vao-pra-cadeia/

      Agradeço e muito se você esclarecer essas dúvidas de um mero estudante do Ensino Médio.

      Eu nunca perco meu tempo tentando fazer religiosos fanáticos serem racionais. Estou falando com meus leitores, não com vc, vermezinho de aprovação automática.

      1. @André, Que calúnia, me rotulando de religioso. Pare de inferir coisas e seja honesto consigo mesmo e com seus próprios leitores.
        Não pergunto para desafiar e sim para me esclarecer, pois ao contrários dos titios da velha geração eu tenho mente aberta e estou apto a ler quaisquer que sejam as fontes que provem que estou errado (e serei contra a corrente quando ela não fizer sentido!), pois não sou nenhum tipo de fundamentalista fanático e muito menos dogmático.
        Ainda assim agradeço, apesar de não ter correspondido nem a 1/3 do que eu esperava.

      2. @André,
        Ei, concursado, me esclareça algumas coisas por favor (me poupe da sua arrogância, então contenha-se e seja polido se tiver um pouco de decência): Por que a incidência de deficiência de ferro e da deficiência de vitamina b12 acomete tanto os vegetarianos quanto os que comem de tudo?

        “Porque não comem direito, ué. Hamburguer de McDonald’s não faz ninguém saudável.”

        R: Mas comem carne, não comem? Aliás, não sei se você sabe, mas a cobalamina é cumulativa, ou seja, o corpo tem reservas de cobalamina. A nutrição através de carne e outros derivados de animais nos supre com quantidades de 4 à 6 vezes maiores do que a necessária. Se um indivíduo se alimenta animais diariamente durante 5 anos, ele teria uma reserva de B12 equivalente para mais 20 ou 30 anos sem problema algum. A incidência de deficiência de B12 ocorre não porque não se tem a vitamina e sim por problemas de absorvição e estes não têm nada relacionado com o quanto se ingere de carne ou qualquer outro alimento.

        ————————————————————————————————————–

        Segundo a lógica de que a carne ajudou o desenvolvimento encefálico, pode se concluir que um chimpanzé vai estar fazendo cálculos diferenciais e filosofando daqui a 10.000 anos?

        “Eles usam ferramentas, assim como orangotangos e bonobos. Lhe apresento Kanzi: https://ceticismo.net/2011/12/31/grandes-nomes-da-ciencia-kanzi/

        Apedeuta. ”

        R: Anham, podemos supor também que estarão discutindo epistemologia, genealogia, que criarão seres mitológicos e que vão criar leis escritas (rsrs). Inclusive vai haver uma versão de cada filósofo em primata, certamente estão todos ansiosos para conhecer o Sócrates versão bonobo.

        1. Mas comem carne, não comem?

          Se vc acha que um hamburguer de McDonald’s é a mesma coisa que um bifão.

          Aliás, não sei se você sabe, mas a cobalamina é cumulativa, ou seja, o corpo tem reservas de cobalamina.

          Reservaria se não a utilizasse, ou viraria intoxicação. Aliás, cobalamina tem radical cianeto. Diga-me: por que não morremos ao ingeri-la?

          A nutrição através de carne e outros derivados de animais nos supre com quantidades de 4 à 6 vezes maiores do que a necessária.

          Só se for no seu ensino médio de colégio estadual.

          Se um indivíduo se alimenta animais diariamente durante 5 anos, ele teria uma reserva de B12 equivalente para mais 20 ou 30 anos sem problema algum.

          Alguém explica para ele o que é sistema excretor e metabolismo?

          A incidência de deficiência de B12 ocorre não porque não se tem a vitamina e sim por problemas de absorvição e estes não têm nada relacionado com o quanto se ingere de carne ou qualquer outro alimento.

          Mas não fica armazenado?

          Anham, podemos supor também que estarão discutindo epistemologia, genealogia, que criarão seres mitológicos e que vão criar leis escritas (rsrs).

          Não pois eles são superiores a gente que segue palestrandes pseudocientíficos.

          Inclusive vai haver uma versão de cada filósofo em primata, certamente estão todos ansiosos para conhecer o Sócrates versão bonobo.

          Vc não consegue fazer ferramentas nem linguagem de sinais. Kanzi > Você.

        2. @Solrac,

          “Inclusive vai haver uma versão de cada filósofo em primata, certamente estão todos ansiosos para conhecer o Sócrates versão bonobo.”

          Eu não sei se você sabe, mas NÓS SOMOS primatas. ;-)

  5. Caraca! O vegan quer invalidar o fato de que comer carne propiciou o desenvolvimento encefálico comparando seres humanos com seus primos?

    Então nesse caso as vacas seriam animais extremamente inteligentes por só comerem vegetais? Ou seriam apenas eticamente e moralmente superiores ao ser humano? :roll:

    :smile: Vegans e outros religiosos fundamentalistas são engraçados com seus “argumentos” !!

    1. @Samurai, Realmente, André, a desnutrição traz riscos sérios a saúde mental. Samurai é tão desprovido de lógica que não percebeu o que questionei:
      O que eu coloquei em questão é o fato de o desenvolvimento encefálico foi o fator que propiciou isto ou o simples desenvolvimento cultural. Eu NUNCA disse que vegetais propiciaram isso.
      Você é tão burro, mas tão burro, que não percebeu que a lógica que usei foi exatamente contra esta que você e o André estão usando. Se a carne propiciou o desenvolvimento encefálico, então Leões e Hienas são os animais mais inteligentes do mundo! Quem é o ser humano que come mais carne que um Leão?
      Seus leitores estão desprovidos intelectualmente senhor André.

        1. @André, O legal desses crentes é que quando lhe cobram argumentos e eles ficam resposta, ficam visívelmente irritados e apelam pro ad hominem… Não falei que crentes fundamentalistas são engraçados1 :smile:

      1. Se a carne propiciou o desenvolvimento encefálico, então Leões e Hienas são os animais mais inteligentes do mundo!

        @Solrac, Sério, vc NUNCA estudou né.. conselho: para de ficar na internet procurando “polêmica”, do tipo q leite é veneno, e procure estudar mais. Estude de verdade…

  6. Tem muita gente que faz dieta (para não engordar) só de frutas, folhas e sementes. Elefantes só se alimentam de frutas, folhas e sementes.
    Há muitas pessoas que não comem carne vermelha, só se alimentam de peixes para não engordarem. Baleias também fazem isso.

  7. O importante mesmo nessa discussão é: realmente é necessário uma alimentação com carne e outros produtos animais para termos uma vida saudável? Se a resposta for sim, não há o que se discutir, minha saúde é mais importante do que qualquer animal. Pensamento egoísta, mas necessário.

    Mas vamos para os fatos. Quais os nutrientes que são discutidos numa dieta vegetariana/vegana?

    Proteína -> Você menciona que nem todas as proteínas vegetais possuem todos os aminoácidos que precisamos. Mas todos os aminoácidos estão em alguma fonte vegetal, certo? Como veganos não comem apenas uma fonte vegetal, a combinação de diversos vegetais trará todos os aminoácidos necessário. Então entendo que esse ponto não é problema.
    Ferro -> Ferro heme é mais fácil de ser absorvido, mas isso não quer dizer que a quantidade absorvida de não-heme não é suficiente. Entendo que se alguma pessoa tiver uma deficiência de ferro, vai se recuperar mais rápido no caso de ingestão de carne, mas não significa que uma dieta apenas com vegetais ricos em ferro será algum problema para esse mineral. Inclusive o link da American Diet Association que você mesmo colocou menciona que uma dieta vegana atende todas as recomendações desse nutriente.
    B12 -> Único nutriente não encontrado em fontes confiáveis ou em quantidades suficientes em vegetais. Ou seja, é necessária suplementação ou então incluir ovos, leites e derivados na alimentaçào.

    Sendo racional, só podemos chegar a conclusão que é sim possível ter uma alimentação saudável vegetariana. Com todos os nutrientes adquiridos normalmente numa dieta ovolactovegetariana e no caso da vegana com suplementação de B12.

    Considerando esse fato, entendo que não devemos comer carne. Se você não vê sentido em suplementação o mínimo que devemos fazer é ter uma dieta ovolactovegetariana, pois considero sim antiético torturar, matar, esquartejar animais unicamente por preferência de gosto ou alguma coisa do tipo.

    Sou ovolacto. Sei que o artigo é somente sobre veganismo, mas de qualquer forma você cita várias vezes que considera correto consumir carne que não concordo.

    1. Mas todos os aminoácidos estão em alguma fonte vegetal, certo?

      Tá no artigo.

      Ferro heme é mais fácil de ser absorvido, mas isso não quer dizer que a quantidade absorvida de não-heme não é suficiente.

      Quer e está no artigo, veganzinho.

      mas não significa que uma dieta apenas com vegetais ricos em ferro será algum problema para esse mineral

      Vegetais ricos em ferro. Mais um daqueles que acredita naquela do espinafre.

      Inclusive o link da American Diet Association que você mesmo colocou menciona que uma dieta vegana atende todas as recomendações desse nutriente.

      Leia de novo.

      B12 -> Único nutriente não encontrado em fontes confiáveis ou em quantidades suficientes em vegetais. Ou seja, é necessária suplementação ou então incluir ovos, leites e derivados na alimentaçào.

      Alimentação saudável é aquela que nos enchemos de vitamina de farmácia.

      só podemos chegar a conclusão que é sim possível ter uma alimentação saudável vegetariana.

      Também é possível viver sem água encanada, luz elétrica e esgoto tratado.

      entendo que não devemos comer carne. Se você não vê sentido em suplementação o mínimo que devemos fazer é ter uma dieta ovolactovegetariana, pois considero sim antiético torturar, matar, esquartejar animais unicamente por preferência de gosto ou alguma coisa do tipo.

      Ética…. Falácia refutada no artigo. Vc jamais salvaria o cachorrinho primeiro. Vc não é ético. Usa shampoo e come soja, cuja colheita mata vários animais.

      Sou ovolacto. Sei que o artigo é somente sobre veganismo, mas de qualquer forma você cita várias vezes que considera correto consumir carne que não concordo.

      Problema seu.

      1. @André, Já faz algum tempo que li esse artigo, não sei se a pergunta já foi abordada ou não, mas fiquei com esse questionamento: A suplementação de vitamina B12 é produzida a partir de que matéria-prima? Lágrimas de unicórnio, ou unicórnio moído?

        1. @André, Opa, valeu!
          É uma dúvida até besta, eu sei.. Mas meu conhecimento é cheio de lacunas, assim como alguns deuses por aí…

          Mas agora eu aprendi: O processo de produção industrial é baseado no cultivo de microorganismos. Bom saber!

      2. @André,

        Não há nenhum link que comprove que apenas ferro não-heme não seja suficiente.
        Ao contrário, o link da American Diet Association diz :
        “This position paper reviews the current scientific data related to key nutrients for vegetarians including protein, iron, zinc, calcium, vitamin D, riboflavin, vitamin B-12, vitamin A, n-3 fatty acids, and iodine. A vegetarian, including vegan, diet can meet current recommendations for all of these nutrients.”

        Pelo que pesquiso, o ferro heme é identico ao não-heme e tem as mesmas funções. O não-heme só é inferior em grau de absorção, e que pode variar dependendo de outros fatores, podendo inibir ou estimular a absorção. Mas mesmo assim podendo atender facilmente às nossas necessidades.
        As pesquisas também não indicam maior grau de anemia ferropriva em vegetarianos. Segue uma que encontrei:

        http://ajcn.nutrition.org/content/78/3/633S.long

        “The iron and zinc from vegetarian diets are generally less bioavailable than from nonvegetarian diets because of reduced meat intake as well as the tendency to consume more phytic acid and other plant-based inhibitors of iron and zinc absorption. However, in Western countries with varied and abundant food supplies, it is not clear that this reduced bioavailability has any functional consequences. Although vegetarians tend to have lower iron stores than omnivores, they appear to have no greater incidence of iron deficiency anemia.”

        A questão da ética é claro que é muito mais difícil de ser discutida porque é um assunto bem subjetivo, e também porque como você mesmo disse uma coisa pode ser ética hoje e amanhã não ser mais. Ou ser ética pra uma pessoa e não para outra. O ato de comer carne hoje em dia ainda é considerado ético pela maioria, mas essa mesma maioria considera antiético matar ou infligir dor ou sofrimento aos animais (concordo que apenas alguns) sem alguma devida razão ou necessidade, inclusive há leis para isso. Se estamos provando cada vez mais que uma dieta vegetariana é saudável, então porque todos os males que são feitos aos animais para fins alimentação são considerados normais?? Se fosse por necessidade, ok, mas a grande maioria das pessoas não comem carne por necessidade.

        Não há lógica na questão do cachorrinho. Claro que você vai salvar quem tiver mais afinidade, já que não pode salvar todos. Isso não tem nada a ver com ética. Se você tivesse alguém da sua família e um estranho, é claro que vai escolher o da sua família, mas isso não te dá o motivo de matar o estranho para atender alguma vontade supérfulas.
        Você também não pode defender um problema com base em outro problema. Se a colheita mata vários animais, o que é necessário pra melhorar esse processo? Como podemos pensar em alguma coisa desse tipo se não consideramos antiético nem o abatimento de animais, com diversos tipos de torturas que eles passam desde o nascimento, para simplesmente curtirmos um churrasquinho no fim de semana?

        Já ouvi falar que fábricas da Apple na China tem trabalho semi-escravo. Se isso for verdade o ideal é não contribuirmos para que isso aconteça. Mas digamos que eu tenha um aparelho da Apple e que de forma indireta estou contribuindo pra que isso aconteça. Se alguém escraviza outra pessoa de alguma forma vai poder chegar pra mim e dizer “você não pode falar de ética comigo porque compra aparelhos da Apple”?? Não faz sentido justificar um erro ou problema com outro erro ou problema.

        Isso não é uma discussão pessoal, de quem faz o que… Com certeza existem várias coisas que fazemos errado, tanto eu quanto você. É apenas uma discussão conceitual da ética em relação aos animais.
        E o que é certo pra mim é sempre nos “colocarmos na pele” da outra pessoa. E no caso dos animais podemos fazer isso também, vendo o que fazemos eles passarem por algumas atitudes nossas totalmente banais. Até porque eles tem a mesma consciência de vida que a nossa, sentem dor, frio, etc. Isso é mais que óbvio principalmente pros mamiferos e aves, e foi documentado por neurocientistas no manifesto abaixo.

        Clique para acessar o CambridgeDeclarationOnConsciousness.pdf

        1. Pelo que pesquiso, o ferro heme é identico ao não-heme e tem as mesmas funções.

          Então, pega um livro de Bioquímica e veja se é. Recomendo o Lehning.

          As pesquisas também não indicam maior grau de anemia ferropriva em vegetarianos.

          Se enchendo de suplemento alimentar, imagino que não.

          O ato de comer carne hoje em dia ainda é considerado ético pela maioria, mas essa mesma maioria considera antiético matar ou infligir dor ou sofrimento aos animais

          Levando em conta que bois para abate ão muito melhor tratados que seres humanos, com vacinas, remédios e medicina veterinária preventiva. Enquantoisso, ainda há pessoas morrendo de esquistossoose.

          . Se estamos provando cada vez mais que uma dieta vegetariana é saudável, então porque todos os males que são feitos aos animais para fins alimentação são considerados normais?

          Link da Science, Nature e New England Journal of Medicine provando isso.

          Não há lógica na questão do cachorrinho. Claro que você vai salvar quem tiver mais afinidade, já que não pode salvar todos. Isso não tem nada a ver com ética.

          Mas tem. Todo mundo é especista. Então, vamos parar com essa babaquice de salvar cachorrinho bonitinho e matar inseto feio. A lógica no argumento do cachorrindo é “vocês SEMPRE salvarão a criança”. A menos que seja algum sociopata.

          mas isso não te dá o motivo de matar o estranho para atender alguma vontade supérfulas.

          Ninguém mata animais por motivos supérfluos, meu caro falacioso.

          Se a colheita mata vários animais, o que é necessário pra melhorar esse processo?

          Então, vc confirma que a colheita mata animais e isso não diminui sofrimento animal nenhum, certo? Valeu, veganzinho, por refutar toda a escumalha da qual você faz parte.

          Como podemos pensar em alguma coisa desse tipo se não consideramos antiético nem o abatimento de animais, com diversos tipos de torturas que eles passam desde o nascimento, para simplesmente curtirmos um churrasquinho no fim de semana?

          Bois com amplos pastos, vacinas, remédios, rações balanceadas… Poxa, quem não gostaria de ser tratado assim? Colheita: uma colheitadeira vem e destroça animais sem dó nem piedade. Qual bicho sofreu mais?

          Já ouvi falar que fábricas da Apple na China tem trabalho semi-escravo. Se isso for verdade o ideal é não contribuirmos para que isso aconteça. Mas digamos que eu tenha um aparelho da Apple e que de forma indireta estou contribuindo pra que isso aconteça. Se alguém escraviza outra pessoa de alguma forma vai poder chegar pra mim e dizer “você não pode falar de ética comigo porque compra aparelhos da Apple”?

          Comprar um iPhone feito inteiramente com trabalho de mão de obra especializada, respeitando todos os direitos trabalhistas e dando participação nos lucros é legal. Que tal pagar 20 mil reais por isso? E não é só a Apple que faz isso.

          Então, eu preciso de alimento de origem animal (cujos bois, cabritos, bezerros etc são muito melhor tratados que seu cachorrinho) e isso é antiético? Sorry, a Natureza É antiética. Pergunte a qualquer foquinha sendo devorda por uma orca.

          Com certeza existem várias coisas que fazemos errado, tanto eu quanto você.

          Mas não sou hipócrta me colcoando como exemplo de ética so porque como alface sem sal e um copo dágua.

          . E no caso dos animais podemos fazer isso também, vendo o que fazemos eles passarem por algumas atitudes nossas totalmente banais. Até porque eles tem a mesma consciência de vida que a nossa, sentem dor, frio, etc.

          Uma planta também responde a estímulos. Plantas pensam? Como todo veganb, vc acha que animais são que nem os das histórias da Disney. Vai conversar sobre ética com um lobo faminto e veja a ética e consciência dele.

          Isso é mais que óbvio principalmente pros mamiferos e aves, e foi documentado por neurocientistas no manifesto abaixo.

          http://g1.globo.com/sp/vale-do-paraiba-regiao/noticia/2013/05/cao-adotado-por-familia-ataca-crianca-de-quatro-anos-em-sao-sebastiao-sp.html

          http://noticias.r7.com/esquisitices/aves-malucas-atacam-turistas-nas-ilhas-feroe-07062013

          http://oglobo.globo.com/pais/peixes-atacam-banhistas-em-lagoa-da-prata-em-minas-3061961

          http://www.dn.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=3216602&seccao=Norte

          Resumindo: animais não são éticos. São psicopatas e devem pagar pelos seus atos, já que têm consciência de certo e errado. Sugiro pena de morte, com requintes de crueldade.

  8. Sem entrar no mérito da discussão química, já que sou leigo nisso, minha lógica é essa: a maioria das pessoas do mundo comem carne há milhares de ano (esses 10.000 anos ditos num dos comentários me parece equivocado, tem algum artigo confirmando? acreditava que era há muito mais tempo) e se ainda não estamos extintos, só isso elimina a tese dos veganos que carne faz mal, se fizesse, a seleção natural já teria agido. Agora se uma dieta vegana, é boa, não sei, mas os artigos que mostram que não me parecem mais confiaveis, quem quiser virar vegano pra ver se continua saudável, fique a vontade, mas eu que não vou arriscar.

    Quanto a questão ética, é um assunto delicado, pois a subjetividade é enorme, e está longe de ser um conceito natural já que a natureza não é nenhum pouco ética. Mas, se matar um animal para comer é errado por que ele é um ser vivo, então matar uma planta, um fungo, ou uma bactéria também é. Se é por que os animais são algum tipo de “ser superior”, então qual o critério que marca um limite de um ser que pode morrer e que não pode? Se a questão é o sofrimento dos animais, acredito que viver num pasto, com comida e água a vontade, vacinado e se reproduzindo e ter uma morte rápida e indolor é menos sofrimeto que viver numa savana ou floresta, correndo atras de comida e água e ter o pescoço dilacerado e ser comido ainda vivo
    (os animais não esperam suas presas morrerem para se alimentar) e ter uma morte lenta e agonizante.

    1. @andre0, Só complmentando, quando escrevi este comentário só tinhal lido a primeira parte do artigo, agora que li o resto, vi que minha cplocação sobre ética foi desnecessária, já que estava tudo no artigo, e melhor explicado.

        1. O engraçado é ele chegar a conclamar os outros religiosos que nem ele para me odiarem, mas advertindo para não virem debater aqui.

          Bem, eu também falaria a mesma coisa se soubesse que iam passar vergonha desnecessariamente.

  9. Olha como se faz pra encurralar um vegano. Coloquei um exemplo prático lá no Blog do Robson Fernando e abri um pequeno debate, ele encurralado sem argumentos só fala coisas sem nexo e bloqueia-me para novas respostas:

    Rubens Mesquita disse:
    21 de outubro de 2013 às 13:52

    Tenho uma dúvida em relação ao consumo de ovos.
    Em sítios pelo interior nos vários rincões do país, galinhas são criadas soltas, sem nada que as mantenha presas à propriedade. Elas simplesmente ficam lá, inclusive se acostumam com a hora de receber alimentos, geralmente restos de grãos, nem sempre necessários, pois se alimentam de cupins, formigas, folhas, etc, tudo o que houver num lugar com clima favorável.
    Os habitantes coletam alguns ovos para consumo, e sempre deixam alguns para dar continuidade à criação das aves. Galinhas normalmente já perdem alguns ovos para canídeos, primatas e serpentes que adentram na propriedade, então ela já é adaptada para alguma perda como qualquer ave.
    Qual seria na sua visão o impedimento ético para esse tipo de consumo de ovos?

    Robson Fernando de Souza disse:
    21 de outubro de 2013 às 14:56

    Aí a gente precisa se perguntar: com que fim essas galinhas são dadas à luz e criadas nesses lugares?

    Rubens Mesquita disse:
    21 de outubro de 2013 às 18:03

    Não entendi a pergunta.
    O objetivo seria nutrição humana, embora também conta-se com esses animais para eliminar aracnídeos nas proximidades das residências.

    Robson Fernando de Souza disse:
    21 de outubro de 2013 às 19:33

    Se o propósito é matá-los pra comê-los, torna-se antiético de acordo com a ética animal.

    Rubens Mesquita disse:
    22 de outubro de 2013 às 12:49

    A dúvida é sobre o consumo de ovos.

    Robson Fernando de Souza disse:
    23 de outubro de 2013 às 5:30

    Tudo ali é associado. Se o consumo de ovos ali depende de uma forma de exploração, mesmo não dedicada especificamente à produção de ovos, não deixa de ter caráter explorador e antiético.

    E BLOQUEOU PARA NOVAS RESPOSTAS.

    Observe que falei que as galinhas, aves canibais diga-se de passagem, são criadas soltas, e mesmo assim o cara insistiu em papo de escravidão.

  10. Não sou vegano, nem vegetariano. Como carne sem peso na conciencia, uma vez que é uma questão de necessidade devido as circunstancias. Acho ridiculo veganos que defendem insetos como formiguinhas, moscas e baratas dizendo que são como humanos que sentem dor, fome, frio, calor e cagam entre outros insetos que eles mesmos “assassinam” quando caminham pelas suas casas ou até mesmo na rua.

    Bem, creio eu que os animais tem os seus direitos como diz a lei. Existe uma escala de importancia entre os animais perante os homens sendo que, os animais domesticos estão acima dos silvestres e os silvestres a cima dos animais pecuarios. Tirando os ratos(pq eu odeio ratos propagadores de pestes) alguns animais são utilizados como cobaias para experiencias, eu sei que algumas são para medicamentos(estes eu ate intendo) porem, alguns animais como macacos ou quando animais proximos aos humanos como cães, gatos, etc. São usados para experiencias com fins banais tipo: Cosmeticos e materiais de limpeza, eu acho que é crueudade e desnecessário, sendo que seus fins são para futilidade visando mais o lucro em seu comercio do que as reais necessidades humanas.

      1. @André,

        torturar animais para criar cosméticos e apoiar isso por conta de beleza não é mais desculpa. Hoje existe produtos vegetais ou até mesmo sem a necessidade de usar animais como cobaias, porem grandes corporações preferem usar animais, pq assim conseguem mais resultados e lucros, sendo que os fins não justificam os meios, não ligando para o custo de tal sacrifico animal. O engraçado é que torturar animais ao seu bel prazer para produtos superficiais não é taxado de crime, já se uma pessoa traficar animais é considerado crime, ou até mesmo caçar, sendo que ambos os atos são para puro prazer pessoal.

        1. torturar animais para criar cosméticos e apoiar isso por conta de beleza não é mais desculpa.

          Mas vc não quer namorada feia.

          Hoje existe produtos vegetais ou até mesmo sem a necessidade de usar animais como cobaias, porem grandes corporações preferem usar animais, pq assim conseguem mais resultados e lucros, sendo que os fins não justificam os meios, não ligando para o custo de tal sacrifico animal.

          E sua namorada/mulher/mãe vai passar na cara uma maquiagem sem ter sido testada?

          O engraçado é que torturar animais ao seu bel prazer para produtos superficiais não é taxado de crime, já se uma pessoa traficar animais é considerado crime, ou até mesmo caçar, sendo que ambos os atos são para puro prazer pessoal.

          A caça tem mais a ver com desequilíbrio ecológico do que “diversão”. Nos EUA eles proibiram a caça de lobos cinzentos. Tiveram que liberar mais uma vez, já que eles estavam dizimando rebanhos e populações de outros animais. Mas, beleza, vamos libertar os animais. Daí, elas voltam ao estado feral.

        2. @André,

          Até parece que um pó na cara vai transformar uma Gretchen em uma Juliana Paz. E mesmo que tenha resultados no final das contas estará namorando uma mascara e não uma mulher bonita. ;-)

          Os ingredientes dos produtos que não utilizam animais são elaborados para que não haja necessidade de testes, premeditando o resultado com pesquisas em comparações e premeditando os seus efeitos.

          Existe uma diferença entre controle de animais selvagens e caça esportiva onde em certos locais a caça é crime preservando a especie

        3. Até parece que um pó na cara vai transformar uma Gretchen em uma Juliana Paz. E mesmo que tenha resultados no final das contas estará namorando uma mascara e não uma mulher bonita

          Agora, fala pra sua namorada que uma maquiagem não a deixará mais bonita. By the way:

          (Sim, é a mesma pessoa)

    1. @doug,

      Bem, creio eu que os animais tem os seus direitos como diz a lei.

      Qual lei? Pelo que sei, os críticos dos direitos animais argumentam que animais não têm a capacidade de entrar em contrato social, fazer escolhas morais e que não podem respeitar o direito de outros ou não entendem o conceito de direitos, sendo assim não podem ser colocados como possuidores de direitos.

      porem, alguns animais como macacos ou quando animais próximos aos humanos como cães, gatos, etc. São usados para experiencias com fins banais tipo: Cosméticos e materiais de limpeza, eu acho que é crueldade e desnecessário, sendo que seus fins são para futilidade visando mais o lucro em seu comercio do que as reais necessidades humanas.

      Críticos que defendem essa posição também levantam que não há nada inerentemente errado com o uso de animais para comida, como entretenimento, bem como cosméticos e materiais de limpeza e em pesquisa, embora os seres humanos não obstante tenham a obrigação de assegurar que animais não sofram desnecessariamente.[1]
      .
      .
      [1]FREY, R.G. Interests and Rights: The Case against Animals. Clarendon Press, 1980.

      1. @Almeida,

        Bom então alguém tem que avisar ao IBAMA e o APASFA que eles estão errados. Ou então aos policiais que prendem os donos por maus tratos, sendo que cientistas já dizem que cães tem consciência

        http://umaincertaantropologia.org/2012/08/23/manifesto-de-neurocientistas-sobre-a-consciencia-animal/

        Mas ai, você deu uma boa dica para os psicopatas que torturam animais, poderiam pegar um lança-chamas e sair pelas ruas e floresta dizimando os animais que eles odeiam =]

        Alias, existe uma grande diferença entre matar animais para consumo, como na china por exemplo, onde a alimentação é escarça do que para entretenimento.

        1. @André,

          Protegem por uma questão de convívio, inteligencia e proximidade humana. Não se pode tratar uma cobra ou um sapo como um golfinho, cachorro ou chimpanzé, sendo que ambos tem grandes habilidades intelectuais. Sendo que golfinhos se comunicam por sons semelhante a linguagem humana.

        2. @doug, O cão se tornou o “melhor amigo do homem” por puro interesse. Rango e abrigo fáceis. Completando isso com a imagem que o André postou, temos aí uma via de duas mãos.

        3. @doug,

          O mal das pessoas é acharem que cientistas tratam os animais como meras cobaias, sem dignidade alguma.
          Se não, vejamos:

          Bom então alguém tem que avisar ao IBAMA e o APASFA que eles estão errados. Ou então aos policiais que prendem os donos por maus tratos, sendo que cientistas já dizem que cães tem consciência

          Não, não estão errados. O fato de os animais não terem direitos, não significa que seja permitido toda ou qualquer violência que ponha em risco sua integridade física.
          Para tentar barrar as pesquisas com animais foi inventado essa baboseira de direito, mas inventar outro método de teste tão bom quanto, ninguém quer. Você tem um aê?

          Mas ai, você deu uma boa dica para os psicopatas que torturam animais, poderiam pegar um lança-chamas e sair pelas ruas e floresta dizimando os animais que eles odeiam

          Sim, e quando o IBAMA os prenderem, vão argumentar dizendo que os animais não tem direitos. Ok, tendi.
          Animais sofrem sim nas pesquisas, mas é um mal menor, bem maior. Cosméticos e materiais de limpeza não são coisas banais, posto que são valorosos na sociedade em que vivemos. Pergunte a sua namorada ou sua mãe.

      1. “Periódicos indexados, por gentileza.”

        O artigo do Dr. Souto cita a fonte no final. Mas aí vai o link http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC30550/

        “E eu não disse que gordura faz mal. Leia de novo. O problema, como sempre, está no excesso.”

        Li de novo. Você afirma em diversos pontos que a gordura e o colesterol fazem mal e não cita nenhum artigo que comprove isso. Suas próprias palavras:

        “As carnes, enquanto fonte de proteínas, não fazem mal; o que faz mal é a taxa de gordura associada a ela. Escolhendo carnes mais magras, o problema diminui substancialmente.”

        “… estudos sugerem que o consumo de proteínas animais (…) não está relacionada com casos de Acidente Vascular Cerebral ou infartos. Credita-se então à ingestão de altas percentagens de gordura animal e colesterol. Fica claro que o problema não é a carne em si, e sim a gordura, como banha de porco etc.”

        “CONCLUSÃO: A alimentação onívora desbalanceada, com EXCESSO de proteínas e gorduras de origem animal, pode estar implicada, em grande parte, no desencadeamento de doenças e agravos não-transmissíveis, especialmente no risco cardiovascular (grifo meu).”

        A questão é: o que seria “em excesso”? As evidências indicam que apenas comendo a gordura contida nos alimentos naturais (seja de origem animal ou vegetal) não conseguimos atingir esse excesso.

        As mais fortes evidências científicas indicam que o excesso de CARBOIDRATOS e não de gorduras, principalmente os refinados, é a origem das chamadas “doenças da civilização”. No livro do Taubes tem as referências científicas. E são MUITAS!

        É sério mesmo, dá uma olhada com um pouco mais de atenção no blog do Dr. Souto. Todas as ideias dele têm base científica.

        Nesse artigo também é citada a questão da gordura.
        http://primalbrasil.com.br/as-11-maiores-mentiras-da-nutricao/

        Trechos do post:
        “Um sólido artigo publicado em 2010 examinou 21 estudos epidemiológicos com um total de 347.747 sujeitos. Os resultados: absolutamente nenhuma associação entre gordura saturada e doenças cardíacas. (6)”
        http://ajcn.nutrition.org/content/early/2010/01/13/ajcn.2009.27725.abstract

        “A ideia de que a gordura saturada aumenta o risco de doenças cardíacas foi uma teoria não comprovada que de alguma maneira, virou a sabedoria popular. (7)”
        http://www.nutritionjrnl.com/article/S0899-9007%2811%2900314-5/abstract

        “Consumir gordura saturada aumenta a quantidade de colesterol HDL (o “bom”) no sangue e modifica o LDL de pequenas partículas, muito densas (muito ruim) para partículas maiores , que são benignas. (8,9)”
        http://ajcn.nutrition.org/content/67/5/828.short
        http://www.internationaljournalofcardiology.com/article/S0167-5273%2899%2900107-2/abstract

        “Carne, óleo de coco, queijo, manteiga… absolutamente não há nenhuma razão para ter medo destes alimentos.

        Em resumo: novos estudos tem provado que a gordura saturada não causa doenças cardíacas. Alimentos naturais que são ricos em gordura saturada são bons para você.”

  11. Entendi pq vc não cansa de responder a este tópico, pq desde de 2008 nenhum outro tópico recebeu comentários, e este tópico só continua recebendo comentários pois os “veganos” ficam divulgando entre eles próprios. :o
    O dois únicos assuntos de que este blog trata são críticas contra crentes e contra vegetarianos. :roll:

    1. O blog é meu, giselek@outlook.com. Se vc não gostou, não leia. Ninguém te chamou aqui e eu estou cagando para a sua opinião.

      Só para te sacanear:

      https://ceticismo.net/ciencia-tecnologia/grandes-nomes-da-ciencia/
      https://ceticismo.net/ciencia-tecnologia/os-1001-anos-da-esplendorosa-ciencia-islamica/
      https://ceticismo.net/ciencia-tecnologia/
      https://ceticismo.net/comportamento/
      https://ceticismo.net/category/ciencia/

      Quer mais? Sim, imbecilzinha, eu tenho muito mais artigos sobre divulgação científica, mas débeis mentais não são capazes de entender isso.

    2. @The chemistry,
      Entendi pq vc não cansa de responder a este tópico, pq desde de 2008 nenhum outro tópico recebeu comentários,[…]

      Lógica, quem precisa dela?
      Se não recebeu comentários, não há o que responder, gênia. Não foi o caso deste tópico.

      […]e este tópico só continua recebendo comentários pois os “veganos” ficam divulgando entre eles próprios.

      Isso mesmo Flipper, tome uma sardinha!

      O dois únicos assuntos de que este blog trata são críticas contra crentes e contra vegetarianos.

      Aqui fala-se de CIÊNCIA, CETICISMO e TECNOLOGIA. Mas a maioria das pessoas detestam ciência, dando mais valor a crendices e tolices, como o veganismo. Por isso o excesso de comentários. Daí, surgem analfabetos funcionais que julgam o site sem nem conhecer seu conteúdo principal.

  12. Pelo amor de Darwin.

    Alguem poderia refutar os varios comitês de nutricionistas que deram pareceres que a dieta vegana alem de viavel biologicamente é mais saudavel?

    migre.me/gTujF

    migre.me/fE9ZY

    migre.me/cwo2j

    migre.me/fHEHG

    1. @animadruga,
      Isso saiu do seu primeiro link apenas:
      – a dieta vegetariana estrita (vegana) não apresenta fontes nutricionais de vitamina B12, que deve ser fornecida por meio de alimentos fortificados ou suplementos. Os elementos que exigem maior atenção na alimentação do ovolactovegetariano são: ferro, zinco e ômega-3. Na dieta vegetariana estrita deve haver atenção, além de vitamina B12, para cálcio e proteína;

      4) A adequação nutricional da dieta vegetariana estrita (vegana) é mais difícil de atingir e exige planejamento e orientação alimentar cuidadosos, incluindo suplementação específica.

      1) Qualquer dieta mal planejada, vegetariana ou onívora, pode ser prejudicial à saúde, levando a deficiências nutricionais.

      E isso depois de passar por 2 sites veganos!!!

      1. @JCFerranti, Ah, esta é a decisão da CNR3 sobre a dieta vegana!
        Não vi em nenhum dos seus links a afirmação de que e dieta vegetariana seja a mais saudável ou superior a comum! O termo usado foi saudável. E uma reportagem do R7 de que pessoas vegetarianas vivem mais em um grupo de pessoas da Igreja Adventista do Sétimo Dia!??

        1. @JCFerranti,

          Vc não deve ter lido as referencias que eles deram.

          Nesse link há um resumo (em português) de uma delas, no qual é a ADA. Apontando que há superioridade em termos de saúde.

        2. Eu refutei esta merda NO TEXTO! o TEXTO QUE VOCÊ não leu, veganzinho retardado.

          Lhe dou até as 11 da noite para me dar um periódico COM REVISÃO DE PARES comprovando isso.

        3. @animadruga,
          Dr. Eduardo Fraccarolli Buriola
          Nutricionista (crn 27322)
          Proprietário da Emporium Alimente
          Filiado a Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição – SBAN
          Filiado ao Slow Food Brasil
          Conselheiro Nacional da Sociedade Vegetariana Brasileira – SVB
          Interessante, ele possue um empório provavelmente de comida vegetariana!

        4. @animadruga,

          Só o fato deles PRECISAREM repor os nutrientes e vitaminas com o uso de suplementos alimentares, já refuta essa baboseira de que a dieta vegan é mais saudável. E por não apresentarem publicação indexada, os argumentos desse comitê de nutricionistas não tem validade. Vocês sabem, Argumentum ad verecundiam…

    1. @animadruga, Alias por que tomar suplementos alimentares s ebasta bebar água não tratada e lamber o chão? É muito mais natural do que tomar remédios industrializados, não?

  13. Eu lí o artigo, ví o que vc falou da ADA. Mas não ví uma contestação sua para a inviabilidade da dieta vegana.

    Vc falou que veganos não a obtem de forma natural. Ok, mas e daí? Já saimos da natureza. Vai ser contra a fortificação de alimentos agora? Não podemos colocar mais iodo no sal? O ferro e o acido folico suplementado no trigo é anti-natural? Se preza tanto por habitos naturais, deveria estar na selva, não?

    O ser humano é onívoro, mas e daí? Ele pode digerir até carne humana. O fato de digerirmos carne não legitima atos desnecessários.

    Vai se basear na natureza para legitimar a predação? Ok. Então vamos nos basear na natureza para judiar do boi, pois o gato passa horas judiando do rato.
    A natureza é cruel, ninguém discorda. Deveríamos procurar ser civilizados, e não se basear na bestialidade/brutalidade da natureza.

    1. Eu lí o artigo, ví o que vc falou da ADA. Mas não ví uma contestação sua para a inviabilidade da dieta vegana.

      Leia o artigo de novo.

      Vc falou que veganos não a obtem de forma natural. Ok, mas e daí? Já saimos da natureza.

      Ué, então coma miojo apenas, ora. Ou seu vegetal é obtido por replicadores de alimentos da Enterprise?

      Vai ser contra a fortificação de alimentos agora? Não podemos colocar mais iodo no sal?

      Mas a dieta vegan não é a cverta? Se é a certa e não precisávamos de carne, por que os retardadinhos vegans se enchem de suplementos?

      O ferro e o acido folico suplementado no trigo é anti-natural? Se preza tanto por habitos naturais, deveria estar na selva, não?

      O mesmo para quem come matinho. :mrgreen:

      O ser humano é onívoro, mas e daí? Ele pode digerir até carne humana. O fato de digerirmos carne não legitima atos desnecessários.

      Se não fosse necessário, não seríamos onívoros. Por que vc não come cogumelo venenoso? Não são de origem animal.

      Vai se basear na natureza para legitimar a predação? Ok. Então vamos nos basear na natureza para judiar do boi, pois o gato passa horas judiando do rato.

      Uea, a natureza é filha da puta. Não tem essa de mundo ético, veganzinho. Sua ética ridícula é inventada.

      A natureza é cruel, ninguém discorda. Deveríamos procurar ser civilizados, e não se basear na bestialidade/brutalidade da natureza.

      Sim, vamos criar bois, devidamente tratados sem sofrimento e mortos para virarem deliciosos bifes ao invés de ficarmos brigando para produzir vegetalzinho que não supre nossas necessidades nutricionais.

  14. “As carnes, enquanto fonte de proteínas, não fazem mal; o que faz mal é a taxa de gordura associada a ela. Escolhendo carnes mais magras, o problema diminui substancialmente.”

    As gorduras não fazem nenhum mal à saúde, muito pelo contrário. Isso, hoje, já é desmistificado por vários estudos científicos, randomizados. Abaixo, a primeira parte de um documentário. Apenas um documentário para ilustrar.

    [video src="http://mpegmedia.abc.net.au/tv/catalyst/catalyst_s14_ep24_heart.mp4" /]

    Vamos comer nosso bacon de cada dia sem culpa, muito mais nutritivo que a maioria dos vegetais.

      1. @André, só mais esta vez. Os textos do Dr Vilhjalmur Stefansson tem tudo a ver com o seu excelente artigo e foram publicados na Revista Harper’s Monthly, Novembro de 1935.

        1. Harper’s Monthly não é periódico indexado e… 1935? Você só pode estar de sacanagem.

          E eu não estou dando a mínima pra alimentação de esquimós.

        2. @André, eu sei que não é um periódico indexado mas, indubitavelmente, era uma revista tão respeitada quanto a Scientific America é hoje. Talvez o antropólogo tivesse mais interesse em difundir suas experiências de exploração do Artico em meio mais popular, sei lá. Os antropólogos são meio do avesso.
          Os artigos não tratam de dieta esquimó, propriamente dito, mas de sua experiencia pessoal em viver 5 anos alimentando-se unicamente de carne, contrariando os ditos vegetarianos.
          http://www.harvardsquarelibrary.org/unitarians/stefansson.html

          Não vejo nenhum problema em ler artigos e documentários dos séculos passados, afinal de contas são as bases do conhecimento atual.
          Não encare isso como um debate, por favor.

  15. Dada minha condição de onivoro, eu tenho o direito natural de me alimentar de carne humana, confere? Ora, qualquer lei que queira me punir por eu ter matado um filho meu para comer vai de contra minha natureza biologica onivora. Se vc legitima o consumo de carne por sermos onivoros, ok, as implicações desse raciocinio não lhe compromete?

    Curioso sua argumentação em prol de uma vida natural e sua ferrenha critica ao uso da tecnologia do suplemento de B12 vegano. Como se uma vida natural fosse ir ao supermercado, comprar a carne embaladinha, onde colocam nitrito para ela ficar bem vermelhinha pois não se pode deixar ficar na cor cinza-cadaverico. Sem falar dos hormonios e antibióticos que vem de brinde.
    E já que vc está no paradigma de uma vida natural, como lida com as caries?

    Enquanto o religioso só aprova a ciencia quando convem, o carnista só aprova a tecnologia quando convém.

    E eu até agora não sei se estou lidando com um selvagem ou civilizado. Desculpe-me por confundir.

    Como estava dizendo, o ser humano já saiu da natureza, hoje se encontra num estado de civilização que cada vez busca se aperfeiçoar mais em termos de ética e tecnologia. Antigamente ele precisava de peles e carne para sobreviver devido a escassez de recursos, hoje não precisa mais, pois há alternativas.

    E há evidencias de vegetarianos saudaveis. Pessoas essas que fazem exames de sangue demonstrando a viabilidade de ser. Na literatura académica pode se encontrar referencias disso. Indico o trabalho do nutrologo que explica bem detalhadozinho isso. http://migre.me/h2p8z

    E se vc encontrar contestações do livro dele e das referencias em que ele se baseia, ficariamos agradecidos em saber. E adicionalmente, se puder, prover uma explicação de como aqueles que tem uma dieta a base de vegetais conseguem se manter saudáveis. Intervenção alienigena? Especulações sempre serão bem vindas. Como diria o outro: “a imaginação é mais importante que o conhecimento.”

    Não creio que as diversas associações de nutricionistas pelo mundo que indiquei, composta de mestres e doutores, seriam irresponsáveis em fazer um plano alimentar vegano para alguem e não acompanhar a saúde dessas pessoas. É altamente provavel que as associações de nutricionistas pelo mundo se baseem em periodicos indexados e revisados por seus pares. Desculpe-me, não sou da area e fico falando aqui pra vc o que aparentemente seja o obvio, na esperança de aprender novas coisas. Assim como eu não sei quais são especificamente os periodicos sobre evolução, aquecimento global, eu não sei quais são os de nutrição. Mas em tais casos (evolução, nutrição, etc..) eu conheço a posição dos academicos. Paro e vejo seus argumentos. Há evidencias plausíveis. E sim, eu pelo menos tive a vergonha na cara de testar em mim mesmo (pois ciência é replicavel), segui a receita de bolo, fiz os exames e analisei minha saúde. E a evidencia falou por sí mesma. Permaneço saudável como muitos outros vegetarianos por aí. Doando até sangue.

    Se vc diz que é a favor de tratarmos os animais tendo como mestres éticos eles mesmos. E suporta judiarmos do boi da mesma forma que um gato judia de um rato. Me parece que vc é a favor de rinhas, confere? Ora, os animais brigariam na natureza mesmo, então pq não coloca-los para brigar? Das vaquejadas? Onde se puxa o rabo do boi fazendo-os chegar até a quebrar ossos quando caem. Dos rodeios? Onde se coloca uma corda na genital do boi para ele ficar pulando de dor feito um maluco. Ou até amputar um boi e deixa-lo manco? Se é legitimo maltratar animais (a natureza é cruel), qual profissão vc recomenda para quem gosta de maltratar os animais? No entretenimento ou no abate?

    E em sua ultima fala, fiquei confuso do porque vc defende o abate humanitario, o abate que se propõe a reduzir a dor (o que não é o mesmo que eliminar a dor). Na natureza não existe abate humanitario. Abate humanitario é onda de gente que diz que quer respeitar o animal. O que deixa tudo mais confuso ainda. Se querem respeitar o animal, porque então não optar por alternativas? Contradições do mundo contemporâneo a resolver.

    Já que vc deu bem entender que nosso prazer está acima do sofrimento dos animais. Vc é a favor de animais de matarmos animais para extrair exclusivamente suas peles?

    Percebo que o movimento pelos animais está crescendo cada vez mais. Já se proibiu rinhas, circos com animais, farra do boi no Brasil, a vaquejada está a um pé de ser proibida, tourada na Espanha acabou em alguma cidades, na Europa os testes em animais para cosméticos foram abolidos. Há países que proibiram a produção da carne de vitela e do foie gras. Como tambem proibiram o comercio de peles. Assim como a libertação do negro passou por vários estágios (lei do ventre livre, sexagenário, proibição do trafego no atlântico), os direitos dos animais vão sendo conquistados aos poucos. O mundo tende a respeitar os animais. A exploração de animais é desnecessária. Vc foi mal acostumado nessa cultura cristã. Provavelmente seria a favor da escravidão dos negros se nascesse 300 anos atrás. Vc fica criticando homens primitivos quando age exatamente como um. Apesar disso, vejo sua forma de abordar os diversos assuntos do blog que é interessante. Espero que vossa suprema perfeição critica e intelectual, possa tambem abordar as obras literárias sobre direitos dos animais em futuras postagens. Afinal, o veganismo é um mal intelectual a ser combatido, não é verdade?

    1. Dada minha condição de onivoro, eu tenho o direito natural de me alimentar de carne humana, confere?

      Eu não vejo nada contra isso, mas as pessoas ainda se apegam a crendices religiosas.

      Ora, qualquer lei que queira me punir por eu ter matado um filho meu para comer vai de contra minha natureza biologica onivora.

      Nope, pq aí é assassinato, previsto em lei. Comer defunto é vilipendio a cadáver, crime previsto em lei.

      Se vc legitima o consumo de carne por sermos onivoros, ok, as implicações desse raciocinio não lhe compromete?

      Não. Por exemplo, roubar carne de açougue é crime previsto em lei, mas o consumo da carne, não é. Sim, eu seique sua mente tacanha não vai entender, veganzinho.

      Curioso sua argumentação em prol de uma vida natural e sua ferrenha critica ao uso da tecnologia do suplemento de B12 vegano.

      Vegans é que dizem que comer carne não é natural, não eu.

      Como se uma vida natural fosse ir ao supermercado, comprar a carne embaladinha, onde colocam nitrito para ela ficar bem vermelhinha pois não se pode deixar ficar na cor cinza-cadaverico.

      E vc sabe como são feitos extratos de tomate? Sabe quantos animais são mortos durante a colheita de sojas, milho etc?

      Sem falar dos hormonios e antibióticos que vem de brinde.

      Pq os vegetais são cultivados com mijo de unicórnio.

      E já que vc está no paradigma de uma vida natural, como lida com as caries?

      Escovando os dentes, ué. As mesmas cáries acarretadas pelo açúcar vindo da cana, que é vegetal. ;)

      Veganzinho animalzinho. :mrgreen:

      Enquanto o religioso só aprova a ciencia quando convem, o carnista só aprova a tecnologia quando convém. E eu até agora não sei se estou lidando com um selvagem ou civilizado. Desculpe-me por confundir.

      Ad hominem. Civilizados são índios, que vivem de boa com a natureza e matam os próprios filhos para rituaius mágicos. Eu que não sou por preferir um bife.

      Como estava dizendo, o ser humano já saiu da natureza, hoje se encontra num estado de civilização que cada vez busca se aperfeiçoar mais em termos de ética e tecnologia.

      Já refutei esta bobagem de ética no texto. Ética não existe.

      E há evidencias de vegetarianos saudaveis. Pessoas essas que fazem exames de sangue demonstrando a viabilidade de ser. Na literatura académica pode se encontrar referencias disso. Indico o trabalho do nutrologo que explica bem detalhadozinho isso. http://migre.me/h2p8z

      Quero o periódico indexado.

      E adicionalmente, se puder, prover uma explicação de como aqueles que tem uma dieta a base de vegetais conseguem se manter saudáveis. Intervenção alienigena? Especulações sempre serão bem vindas. Como diria o outro: “a imaginação é mais importante que o conhecimento.”

      Não, as PROVAS é que valem mais. Periódicos indexados, por gentileza, veganzinho retardadinho.

      Não creio que as diversas associações de nutricionistas pelo mundo que indiquei, composta de mestres e doutores, seriam irresponsáveis em fazer um plano alimentar vegano para alguem e não

      Apelo à autoridade. Mas com tantos mestres e doutores não vem um único periódico indexado?

      Assim como eu não sei quais são especificamente os periodicos sobre evolução, aquecimento global, eu não sei quais são os de nutrição.

      Então, CALE-SE! Vc não tem o direito de falar merda nenhuma, só este mimimi vegan de quinta categoria. Sem provas, seu besteirol é falácia.

      Paro e vejo seus argumentos. Há evidencias plausíveis

      Com periódicos indexados. :mrgreen:

      Se vc diz que é a favor de tratarmos os animais tendo como mestres éticos eles mesmos. E suporta judiarmos do boi da mesma forma que um gato judia de um rato. Me parece que vc é a favor de rinhas, confere?

      Não porque acho um esporte idiota. E bois não sofrem quando são abatidos, mas a ralé da qual vc faz parte se recusa a entender isso. Agora, diga: o que vc acha da Natureza linda e ética de uma colônia de formigas declarando guerra a outra colônia, matando quase todos e escravizando o restante?

      Das vaquejadas? Onde se puxa o rabo do boi fazendo-os chegar até a quebrar ossos quando caem. Dos rodeios?

      Apelo à misericórdia, apelo ao mundo. Nada disso tem a ver com bifes. Somos mais éticos que os animais e isso é fato.

      qual profissão vc recomenda para quem gosta de maltratar os animais?

      Operário de colheitadeira de soja e milho.

      E em sua ultima fala, fiquei confuso do porque vc defende o abate humanitario, o abate que se propõe a reduzir a dor (o que não é o mesmo que eliminar a dor). Na natureza não existe abate humanitario.

      Sim, eu sou um cara melhor que o mundo natural. posso comer meu bife sem dor de consciência.

      Abate humanitario é onda de gente que diz que quer respeitar o animal. O que deixa tudo mais confuso ainda. Se querem respeitar o animal, porque então não optar por alternativas?

      POr que deveria? A Natureza opta por algo? Fique na frente de um crocodilo do Nilo e veja se ele opta por não lhe devorar.

      Já que vc deu bem entender que nosso prazer está acima do sofrimento dos animais. Vc é a favor de animais de matarmos animais para extrair exclusivamente suas peles?

      Vamos deixar esquimós pelados? Que tal destruir moluscos para pegarmos as cores? Que tal devastar a floresta amazônica por causa dos perfumes? Vc anda fedido, não é?

      Percebo que o movimento pelos animais está crescendo cada vez mais.

      Criacionistas também. Astrólogos também. E até malucos por conspirações illuminatis. Até aí…

      s direitos dos animais vão sendo conquistados aos poucos.

      Assim como obrigatoriedade de ensino religioso, distribuição de bíblias, proibição o ensino da evolução…

      A exploração de animais é desnecessária.

      Aposto que vc nunca usou um inseticida na vida e respeita o que está rolando no ralo do banheiro.

      Vc foi mal acostumado nessa cultura cristã. Provavelmente seria a favor da escravidão dos negros se nascesse 300 anos atrás.

      Que foi devidamente autorizada pelos religiosos, pois negros não tinham alma, assim como animais. Só com o advento de livres pensadores isso acabou, mas fanáticos religiosos como vc ainda insistem nisso.

      Espero que vossa suprema perfeição critica e intelectual, possa tambem abordar as obras literárias sobre direitos dos animais em futuras postagens.

      Se eu fosse perder meu tempo rebatendo idiotas como vocês, não faria mais nada na vida.

      Afinal, o veganismo é um mal intelectual a ser combatido, não é verdade?

      Não conheço nenhum onívoro que chega num restaurante vegetariano e chama os clientes de assassinos e depredam o restaurante e mandam fechar. Nunca vi um único onívoro alegando que vegans são criminosos e que deveriam ser deixados à míngua para servirem de alimento para as plantas ou onívoros vestindo suas mulheres de verdinho dizendo parar parar com a violência contra as plantas.

      Quem são os intolerantes, mesmo?

      Se no próximo comentário não trouxer meus artigos indexados, nem precisa postar, pois será expulso daqui. Não toleramos falácias. Afora, co provas, podemos ter debate. Topa, veganzinho?

    2. @animadruga,

      Concordo com vc que algumas conquistas na “proteção dos animais” foram úteis. Diga-se de passagem, aquelas que apenas alimentavam a diversão do homem, tipo as touradas, rinhas, ou teste em cosméticos. Quanto a isso eu concordo.

      Mas em termos de alimentação, é vergonhoso se que todos os vegans se apegam a mentira de que a “carne faz mal”, ou que “vegans tem saúde melhor”.
      Além de ser mentira, é negar a nossa própria natureza… somente somos o que somos graças à alimentação que temos.

      O artigo está aí, leia denovo, e tem tantos outros por aí… estude mais, e pare com essa masturbação mental.

      1. @krebys,

        Veganos não tiram do nada que a carne faz mal. Eles se baseiam nas publicações/estudos. Eles falam de acordo com “tal” faz mal.

        Se existem informações erradas acerca da carne fazer mal. Ótimo. Devem ser denunciadas. Argumentos ruins devem ser abandonados.

        Somos o que somos devido o consumo de carne? Ok. Mas o fato de ter sido necessário comer carne no passado para sobreviver não significa que deveríamos continuar com tais habitos. Assim como foi necessário no passado matar animais só para lhes tirar a pele (para se proteger do frio ou do sol), não é necessário utilizar peles hoje. Explorar animais pelas carnes e peles é provocar sofrimento desnecessário aos animais. E legitimar o consumo hoje porque foi necessário no passado é falacia de apelo a tradição.

        1. As publicações que vc trouxe falam que carne faz mal, que as pessoas examinadas tb fumavam e bebiam. Assim é mole, né?

        2. @animadruga,

          Não, eu não estou usando uma falácia de apelo à tradição, pois me baseio no que li e entendi no artigo, e em tantos outros cientistas de verdade que falam sobre isso. Na justificativa de que ainda PRECISAMOS comer carne, e isso é fato, mais do que provado.
          Você disse que veganos se baseiam em publicações/estudos pra dizer, mas pq nao prestam atenção nas publicações de vdde, feitas por cientistas que sabem o que estão fazendo ao invés de manipular a própria pesquisa.
          O problema é que os veganos apenas querem ver as pesquisas que falam do bem dos vegetais e mal da carne.. Veja bem, apenas deveriam ACEITAR que precisamos de carne e q se nao qr comer, comam seus suplementos enquanto os seres humanos normais degustam filés.
          Mas vc pode falar do sofrimento animal, e eu digo: Ng realmente se importa com o sofrimento dos animais, isso é apenas pra ganhar “status” na sociedade. Podem falar e dar o exemplo que for, NENHUM vegano realmente se importa com nenhuma outro animal, nem mesmo outra pessoa, isso sim é pura falacia.

        3. @krebys,

          Preste atenção o que eu falei. Que legitimar o consumo de carne hoje com o argumento de que carne foi necessário no passado seria apelo a tradição.

          Pelo que entendi, seu argumento se baseia de que carne é essencial para uma boa saúde. Errado. Vc está desconsiderando diversas, mas diversas evidencias. Veganos não precisam suplementar proteina, nem minerais. Se tem vegano que suplementa é poque é preguiçoso de buscar esses nutrientes na fonte. Da mesma forma as vitaminas. A unica exceção para suplementar é a B12.

          O que vc quis dizer com seres humanos normais? Seres humanos normais que usam tecnologia para produzir o filé? Usando de antibioticos, hormonios, nitrito, amonia, e até um machado para matar um boi (sim, isso tambem é uma tecnologia). Eu não entendo o porque o carnista só aprova a tecnologia quando lhe convem. Vc desconsidera que o ser humano já saiu da natureza.

        4. Vc acha, por um acaso, que os lindos vegetaizinos que vc come não levam NENHUM aditivo, que tudo é igualzinho qdominventaram a agricultura? Planta um tomateiro e me diga o que acontece pouco antes do fruto amadurar.

        5. @animadruga, Desisto… tudo tem um limite, e o meu limite é esse;
          Mas não se preocupe, eu entendo vc.. talvez qdo voltar a se alimentar direito comece a entender melhor as coisas..

    3. @animadruga, O conceito de canibalismo lhe é estranho confere?
      Leões não comem leões, ah, se você para pra pensar vai ver o quando de idiotice escreveu em poucas linhas….

  16. “qual profissão vc recomenda para quem gosta de maltratar animais?”Operário de colheitadeira de soja e de milho.Acho que depois desta,o vegan não volta mais.

    1. @Ale,
      O cara não sabe o que é, nem onde encontrar um periódico indexado:
      Assim como eu não sei quais são especificamente os periodicos sobre evolução, aquecimento global, eu não sei quais são os de nutrição.
      …E ainda quer debater em um site cético. As pessoas grande são mesmo estranhas. ..

    1. Que lindo, um deles fala de glúten. Não sabia que glúten aparece em alimentos de origem animal. Quase todos falam de dietas à base de carne, com pessoas que fumam e bebem bebida alcoólica. Comparar um veganzinho com uma pessoa que apenas come carne de maneira moderada, que não fuma nem bebe ninguém faz.

      Beba 5 litros de água por dia e me diz o que acontece. Ora, é só água…

        1. O primeiro link fala que quem não come carne tem menos problemas com colesterol, o que é ÓBVIO, pois é gordura de origem animal. Infelizmente, ele tb não tem o colesterol bom. Além disso, carnívoros estritos não têm problemas com doença celíaca. :P ;)

          Além disso, a princesa não leu a conclusão. Treine seu inglês: Current nutrition recommendations can be attained by vegetarians and nonvegetarians alike, but nutrient intakes cannot be inferred from dietary pattern. In this study, the intakes of health-conscious nonvegetarians and lactovegetarians were more similar than the intakes of lactovegetarians and vegans. Vegans’ calcium and vitamin B-12 intakes may need attention. Vegetarians’ lower restraint scores suggest that they are not at increased risk for eating disorders.

          Segundo link:

          Subjects eating a carnivorous diet less rich in meat self-report poorer health, a higher number of chronic conditions, an enhanced vascular risk, as well as lower quality of life. In conclusion, our results have shown that consuming a diet rich in fruits and vegetables is associated with better health and health-related behavior. Therefore, public health programs are needed for reducing the health risks associated with a carnivorous diet.

          Ele falou dieta carnívora, e não onívora. Interessante. O resumo diz que as pessoas devem ter dieta balanceada e critica pessoas com baixa qualidade de vida. Comer carne é baixa qualidade de vida? Vc não entende muito de inglês, né?

          Do terceiro link (sem conclusão, apenas resumo e nãopude ver a pesquisa total e a metodologia)

          While meat intake has been related to increased risk for a variety of chronic diseases, an abundant consumption of vegetables, fruits, cereals, nuts, and legumes all have been independently related with a lower risk for several chronic degenerative diseases, such as ischemic heart disease, diabetes, obesity, and many cancers.

          Quer dizer que se eu comer batata frita em óleo de soja, doces repletos de açúcar, macarrão ao alho e óleo e similares, sem um pingo de carne, terei menos chance de ter diabetes e doenças coronarianas?

          Do quarto link:

          This cross-sectional study compared the prevalence of colorectal adenoma among Buddhist priests, who are obligatory vegetarians, with that among age and sex-matched controls. All the subjects underwent health checkups in a health-promotion center in Korea.

          Entendi, eles estudaram a população da Coreia (norte ou sul?) e compararam com monges budistas. Vc sabe que, por exemplo, asiáticos têm uma menor resistência à bebida alcoólica? Vc não pode estudar etnias e generalizar para todos, filho.

          Agora, pesquisa no gúgol: foodborne diseases caused by vegetables. OK? Toma um link, depois vc caça os outros. Estou sem tempo, pois estou preparando um elo pernil pra ceia da meia-noite, e você ficará com a cenoura e os tomates. http://wwwnc.cdc.gov/eid/article/19/3/11-1866_article.htm

          Beijos, feliz natal e se divirta com a mandioca. brava, mas cuidado que ela é venenosa, assim como alho poró, nabo etc etc. Tem problemas renais? Olha, não coma tomate ou melancia. Tem diabetes? Não coma batata ou cenoura. Tem problemas cardíacos, cuidado com óleo de soja, de milho etc.

        2. @André,

          Por hora, digo que o principais pontos que vc deve notar é a viabilidade nutricional da dieta vegana. O primeiro periódico destaca que ambos os grupos tiveram rendimentos nutricionais semelhantes. E o que vejo, com uma certa recorrência, é os seus leitores afirmando que carne é essencial para uma boa saúde. Isso é um mito que deve ser derrubado. Não saber das evidencias, tudo bem. O que acredito ser na maioria dos casos. Mas negar as evidencias, aí já é agir como um crentelho.

        3. @animadruga, folhas verdes não têm calorias, e uma dieta vegetariana, na ausência de carne, pode descambar facilmente para o junk food – afinal, pães, massas, bolos, croissants, batatas fritas, tudo isso e vegetal, não é mesmo?

        4. Ele não lê nem as publicações dos links que coloca aqui. Pra vegan, carne é só colesterol e gordura, esquecendo das proteínas que só tem lá. Curiosamente, nenhum vegan fala da doença celíaca, diabetes etc. Só quem come carne ingere açúcar.

        5. @André,

          Gostaria de saber suas considerações sobre este periódico. Quem é vegano tem menos chances de adquirir câncer do que ovo-lacto-vegetariano, que por sua vez tem menos chance de pegar câncer do que quem come carne.

        6. @animadruga, Poderia ao menos ter linkado um livro que mande a amostra para os Kindles da vida. Estou a fim de dar um pouco de risada.

        7. @animadruga, Acabei achando no Amazon do Brasil. Já enviei à amostra. Por azar meu PW não está comigo.(Sintiria mais falta dele do que meu celular.
          .
          Olha os Comentário:
          The author cites 207 references in this book.
          62 of those references are websites (~30%)
          18 are newspapers and magazines (~7%)
          32 are journals (~15%)
          95 are other books (~46%)

          O Autor usa wikipedia como FONTE. Nem comecei a ler e já estou dando risada.

        8. @animadruga, acho que o veganzinho tá enganado:
          Proc Nutr Soc. 2006 Feb;65(1):35-41.
          Health effects of vegetarian and vegan diets.
          Key TJ, Appleby PN, Rosell MS.
          Author information
          Abstract
          Vegetarian diets do not contain meat, poultry or fish; vegan diets further exclude dairy products and eggs. Vegetarian and vegan diets can vary widely, but the empirical evidence largely relates to the nutritional content and health effects of the average diet of well-educated vegetarians living in Western countries, together with some information on vegetarians in non-Western countries. In general, vegetarian diets provide relatively large amounts of cereals, pulses, nuts, fruits and vegetables. In terms of nutrients, vegetarian diets are usually rich in carbohydrates, n-6 fatty acids, dietary fibre, carotenoids, folic acid, vitamin C, vitamin E and Mg, and relatively low in protein, saturated fat, long-chain n-3 fatty acids, retinol, vitamin B(12) and Zn; vegans may have particularly low intakes of vitamin B(12) and low intakes of Ca. Cross-sectional studies of vegetarians and vegans have shown that on average they have a relatively low BMI and a low plasma cholesterol concentration; recent studies have also shown higher plasma homocysteine concentrations than in non-vegetarians. Cohort studies of vegetarians have shown a moderate reduction in mortality from IHD but little difference in other major causes of death or all-cause mortality in comparison with health-conscious non-vegetarians from the same population. Studies of cancer have not shown clear differences in cancer rates between vegetarians and non-vegetarians. More data are needed, particularly on the health of vegans and on the possible impacts on health of low intakes of long-chain n-3 fatty acids and vitamin B(12). Overall, the data suggest that the health of Western vegetarians is good and similar to that of comparable non-vegetarians.
          PMID: 16441942 [PubMed – indexed for MEDLINE]

          leia as 2 últimas linhas.

  17. André,

    Com o devido mútuo respeito a priori, comento:

    1) Qual sua fonte para essa história do Watson?
    2) Qual a sua explicação para o unlikely na frase: “Without meat, said Milton, it’s unlikely that proto humans could have secured enough energy and nutrition from the plants available in their African environment at that time to evolve into the active, sociable, intelligent creatures they became.”
    3) Sua fonte nº 2 para o desenvolvimento encefálico não está funcionando
    4) Na questão atual da ética dos adultos, não vi uma confrontação tua. Qual o motivo de ainda continuarmos a comer carne? você mesmo mencionou que hoje em dia temos suplementos para as proteínas de origem animal.
    5) Uma dieta de carne crua teria consequências terríveis para a maioria dos seres humanos, principalmente se houver ingestão de carne de porco. Ora, outros animais não fazem essa seleção devido a sua estrutura digestiva. O problema é o seguinte, se a dieta normal é onívora, por que não passamos a vida toda comendo carne crua? bactérias e outros parasitas seriam ingeridos também, assim como pode acontecer na ingestão de vegetais não limpos

    1. 1) http://en.wikipedia.org/wiki/Donald_Watson#References (chequei cada uma)

      2) Você quer aula de inglês?

      3) Os outros 2 estão.

      4) Não é confrontação. É apenas o reforço que ética é um conceito subjetivo. Se vc pensou que aquilo era para provar que veganismo era o que é (idiotice), faltou-lhe interpretação de texto.

      5) Uma dieta de carne crua é tão nociva que não temos mais um ser humano na face da Terra. Todos foram extintos na pré-história.

      6) “por que não passamos a vida toda comendo carne crua?”

      Pergunte aos cães, lobos, ursos, ratos, chimpanzés etc.

    2. @linconcr, Nossa dieta normal É ONÍVORA, portanto fazemos nossas escolhas na hora de colocar a comida no prato. Não sei porque veganos tendem a ser tão proselitistas. Eu como carne e verduras (crus, cozidos ou de qualquer jeito) – os veganos vivem em um estilo restritivo de dieta e não levam nenhuma vantagem em termos de saúde.

      Para completar:
      http://www.vrg.org/nutshell/omni.htm

      1. @observer, concordo com a sua observação, na verdade o texto q enviou deixa bem claro que cada um deve escolher a dieta: “We are not, however, required to consume animal protein. We have a choice.”.

        Acho que existem alguns pontos em debate além disso… por não me faltar interpretação de texto, o @Andre quis misturar outros tópicos… pra fazer polêmica certamente… ele começa falando de ética e termina falando da alimentação para todos… o ponto importante para demostração do “veganismo desmascarado” é sobre proteínas, bioquímica e dietas… cortando o começo e o fim, o meio faz o sentido desejado… o próprio André assumiu a natureza subjetiva da ética, ou seja, as fanfarrices do texto só dão descrédito ao mesmo… se é que ele se preocupa com isso…

        1. quis misturar outros tópicos… pra fazer polêmica certamente…

          Não, meu caro apedeuta. Eu apenas respondi às suas questões.

          ele começa falando de ética e termina falando da alimentação para todos…

          Não, apedeuta. O meu artigo começa falando de nutrição e abordei os conceitos de ética por causa da ideia retyardada de vocês, vegans, que a Natureza é ética.

          o ponto importante para demostração do “veganismo desmascarado” é sobre proteínas, bioquímica e dietas…

          Não só isso, ignorante, porque o corpo humano não precisa de proteínas. Precisa de aminoácidos, conforme eu escrevi e seu analfabetismo impediu de entender.

          cortando o começo e o fim, o meio faz o sentido desejado… o próprio André assumiu a natureza subjetiva da ética, ou seja, as fanfarrices do texto só dão descrédito ao mesmo… se é que ele se preocupa com isso…

          Religioso fanático da Nossa Senhora da Alface só se resume nisso: blábláblá André cortou o início (nutrição) e o fim (????). Sim, é fanfarronice recheado de artigos científicos suportando.

          E sim, pobrezinho, cada um tem o direito a se alimentar do que quiser. Pena que veganzinhos retardadinhos não entenderam isso.

        2. @André, hahahahaha vc é uma piada cara… deve ser inteligente até, mas é um juvenil

          1) vc adora fazer polêmica sim, senão escrevia somente o necessário para quebrar o problema que selecionou… não seja um desonesto intelectual
          2) não sou vegan… a ética é do ser humano, subjetiva ou não… nós determinamos e nós seguimos, não seja burro
          3) analfabetos não sabem ler. se li errado, não sou pois um
          4) ninguém falou nada das referências, não diga falácias… disse sobre as farrices q vc sabe q fez

          engraçado que sempre q alguém questiona algo que vc escreveu, vc fica assim, chateado, meio nervoso… não gosta que mexam no teu ego gigante né? aliás, eu comecei tentando ser respeitoso e to acabando que nem vc aqui, um panaca tentando ganhar uma discussão!

          abs

        3. hahahahaha vc é uma piada cara… deve ser inteligente até, mas é um juvenil

          Melhor do que ser burro, estúpido, desinformado e… vegan.

          1) vc adora fazer polêmica sim, senão escrevia somente o necessário para quebrar o problema que selecionou… não seja um desonesto intelectual

          Vai me chamar de feio, também?

          2) não sou vegan… a ética é do ser humano, subjetiva ou não… nós determinamos e nós seguimos, não seja burro

          Não refutou o que escrevi.

          3) analfabetos não sabem ler. se li errado, não sou pois um

          Estatísticas mostram que mais de 50% dos universitários são analfabetos funcionais. Bem, vc é um exemplo.

          4) ninguém falou nada das referências, não diga falácias… disse sobre as farrices q vc sabe q fez

          Eu sei que VOC^}E não falou das referências. Só sabe ficar “mimimi André cara-de-mamão”. Ainda não discutiu o assunto. Ficar mimizando, veganzinho, não vai mudar a verdade.

          engraçado que sempre q alguém questiona algo que vc escreveu, vc fica assim, chateado, meio nervoso…

          SE tivesse criticado o que escrevi. Até agora, nenhuma linha você escreveu sobre. Mas, UAAAAAAAAAAAAAAU, eu su fanfarrão. Nem pra xingar feito homem você sabe.

          não gosta que mexam no teu ego gigante né?

          “Ego” é o nome de uma das minhas partes anatômicas, que pelo visto vc está doido pra segurar um pouquinho. :mrgreen:

          aliás, eu comecei tentando ser respeitoso e to acabando que nem vc aqui, um panaca tentando ganhar uma discussão!

          Com a diferença que eu posso fazer coisas que vc não pode. Te expulsar, por exemplo.

          Vai pela sombra, veganzinho.

          (cUSPe de onde mais poderia ser?)

  18. Há um fenômeno de milhares de pessoas veganas saudáveis, incluindo crianças. Não vemos milhares de mortes. Se a dieta vegana não fosse saudável, onde estaria a explicação para o fenômeno? Há estatísticas de veganos mortos ou desnutridos devido a sua dieta?

      1. @André,

        Milhões de crianças vegetarianas no mundo e vc cita meia duzia de gente que negligenciou a nutrição?

        ok, responda o seguinte que vc me convence.

        Eu peço que vc me indique casos de dietas vegetarianas bem planejadas que causaram mortes de pessoas (entenda como bem planejada aquelas dietas indicadas pelos comitês de nutricionistas tal como CRN-3, ADA, Associação Dietética da Nova Zelândia, Associação Espanhola de Dietistas-Nutricionistas (AEDN), Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), (Physicians Committee for Responsible Medicine (PCRM)).

        Citar dietas mal planejadas não é bom exemplo. Seria como eu citar esses casos abaixo e ficar dizendo que carne não é nutritiva.

        http://vista-se.com.br/jovem-inglesa-de-17-anos-que-so-come-nuggets-de-frango-e-batata-frita-esta-entre-a-vida-e-a-morte/

        http://migre.me/hWLk4

        1. ThiagoMelo
          bonzaoebonitao@gmail.com
          177.207.64.59

          (Ceticismo.net: desde 2006 se prestando a responder a adolescentes que pensam que sabem algo do mundo)

          Milhões de crianças vegetarianas no mundo e vc cita meia duzia de gente que negligenciou a nutrição?

          Milhões? Prova aí pra mim, sim? Publicações com revisão de pares. Sites GoVegan serão motivo de riso, veganzinho.

          Eu peço que vc me indique casos de dietas vegetarianas bem planejadas que causaram mortes de pessoas

          Dieta vegetariana bem acompanhada cheia de suplementos alimentares? Qual o nome disso senão sopa de pedra? Quero ver vegetarianismo estrito, mas aí eu já postei os links. ;)

          (entenda como bem planejada aquelas dietas indicadas pelos comitês de nutricionistas tal como CRN-3, ADA, Associação Dietética da Nova Zelândia, Associação Espanhola de Dietistas-Nutricionistas (AEDN), Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), (Physicians Committee for Responsible Medicine (PCRM)).

          Eles devem ter zilhões de artigos científicos indexados. Poste-os. De preferência, diferentes daqueles que eu já detonei no artigo.

          http://vista-se.com.br/jovem-inglesa-de-17-anos-que-so-come-nuggets-de-frango-e-batata-frita-esta-entre-a-vida-e-a-morte/

          Jovem que SÓ COME nuggets. Você sabe DO QUE é feito o nugget? com certeza não é primariamente de carne. Ei! Ela come BATATA FRITA! Mas batata não é vegetal? É o que? Fungo? E a fritura não foi feita em óleo de soja? Soja é o quê? Uma espécie de boi, porco ou peixe?

          Vegan realmente só fala merda.

        2. @André,

          Só no Brasil são mais de 15 milhões. http://migre.me/iv0lQ
          E com certeza há muitos pais veganos impondo a dieta nos filhos.

          E não sei se vc sabe mas na India só o que tem é hindus vegetarianos. E não vemos milhões de mortos devido a dieta.

          Os links que vc indicou da meia duzia de pais negligentes não são publicações com revisão de pares. Se uma dieta conhecida por ser bem planejada não é viável para o organismo, cite ao menos alguns casos que a dieta bem planejada não funciona e enterre o vegetarianismo por vez. Porque as evidencias estão apontando que uma dieta bem planejada é viável. Caso contrario veriamos mortes em massa. Me indique periódicos que relatam que mesmo uma dieta conhecida como bem planejada não seria viável. Não meras noticias.

          O nugget é um belo exemplo de dieta [onívora] mal planejada. Dieta mal planejada não é feita somente por alguns vegetarianos, também é feita por alguns onívoros. Que tipo de prova vc quer para constatar que aquela meia duzia de pais estavam fazendo uma dieta mal planejada?

          Não deixe de comentar sobre isso aqui também. Grande parte da população come carne. No entanto grande parte é anêmica. Olha só o exemplo.
          http://migre.me/hWLk4

        3. Só no Brasil são mais de 15 milhões. http://migre.me/iv0lQ
          E com certeza há muitos pais veganos impondo a dieta nos filhos.

          8% da população brasileira afirma ser adepta do estilo.

          “Alegam”. E “impondo” não é uma palavra muito bonita para ser usada. Ainda mais com as taxas de mortalidade infantil por aí. Mas, e os periódicos indexados?

          E não sei se vc sabe mas na India só o que tem é hindus vegetarianos. E não vemos milhões de mortos devido a dieta.

          Povo mais saudável do mundo. Mais rico e com índices alarmantes de mortalidade infantil:

          http://www.savethechildren.in/87-news-releases/130-child-mortality-in-india.html
          http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/21075444

          A mortalidade infantil lá só está decaindo graças a esforços de organizações como Médicos Sem Fronteiras, OMS etc. E não é dando comidinha vegan.

          Os links que vc indicou da meia duzia de pais negligentes não são publicações com revisão de pares.

          Estão no artigo. E sim, concordo que são pais negligentes. Qualquer um que dê comida vegan pra uma criança é, não só um negligente, mas um assassino de crianças.

          Se uma dieta conhecida por ser bem planejada não é viável para o organismo, cite ao menos alguns casos que a dieta bem planejada não funciona e enterre o vegetarianismo por vez.

          Inversão do ônus da prova. Vc diz que é mais saudável, mas o que é dieta bem planejada? COm suplementos alimentares que seriam obtiodos com alimentação de gente? Sim, porque seres humanos são onívoros, caso não saiba.

          Porque as evidencias estão apontando que uma dieta bem planejada é viável.

          Viver sem eletricidade, água encanada, esgoto tratado também. Quer experimentar?

          Caso contrario veriamos mortes em massa. Me indique periódicos que relatam que mesmo uma dieta conhecida como bem planejada não seria viável. Não meras noticias.

          Inversão do ônus da prova. Vc alegou primeiro. Eu mostrei papai vegan dando comiginha vegan para suas lindas criancinhas e o resultado foi… um caixãozinho lindo.

          nugget é um belo exemplo de dieta [onívora] mal planejada.

          Não porque cartilçage não é alimentação. Não tem nenhum valor nutricional. Comer cartilagem é o mesmo que comer isopor. Agora, se sua desinformação acha que onivorismo é comer qualquer coisa, como papel, cavaco, pedaço de plástico etc, aí não é culpa minha se eu começar a lhe chamar de burro, estúpido e ignorante.

          Dieta mal planejada não é feita somente por alguns vegetarianos, também é feita por alguns onívoros.

          E…?

          Que tipo de prova vc quer para constatar que aquela meia duzia de pais estavam fazendo uma dieta mal planejada?

          Mas eu não tenho a menor dúvida que estavam. Estavam dando comida vegan para uma criança que precisa de aminoácidos de origem animal. Mas, claro, sua brutal ignorância em bioquímica não entende isso.

          Não deixe de comentar sobre isso aqui também. Grande parte da população come carne. No entanto grande parte é anêmica. Olha só o exemplo.

          Grande parte da população come carne. COmo quem? Os indianos que vc citou? As pessoas não tem nem o que comer, seu retardado! E cadê o ferro dos feijoezinhos mágicos? Ué, têm acesso a carne e não têm acesso a… feijão, o salvador da lavoura? Mas o que diz a reportagem:?

          “A doença não atinge somente as pessoas que estão acima do peso, uma vez que indivíduos magros também podem desenvolvê-la.”

          Mas obesidade é causda basicamente por carboidratos. Carboidrato tipo qual? Aquele da batata frita? Mas batata não é vegetal? Ólero não é vegetal? Alimentação à base de vegetais não é muito mais saudável que a carne OOOOOOOOOOOOHHHHHHHHHHHH?

          Carne tem excelência em ferro heme. As pessoas têm carência de ferro. hummmm, não acha que tem algo de errado? Claro, vc vai citar nugget e hamburguer do McDonald’s. Só lhe resta isso.

          Vai estudar, veganzinho.

        4. @ThiagoMelo, Hindus??? Você só pode estar de brincadeira.
          Nossos recem nascidos deveriam ser alimentados com suco de couve e leite de clorofila mas nãoooo, damos LEITE MATERNO, cheio de proteinas e lotado de gordura animal, nada nada vegano, por isso não são saudáveis.

        5. @André,

          No artigo que analisa o nugget consta que há ingredientes animal tal como epitélio, osso, nervos e tecido conjuntivo. Portanto o caso da moça do nugget é uma dieta onivora. Por que vc compara madeira a osso? É impressão minha ou vc vai dizer que se trata de um nugget vegano/vegetariano?

          Vc citou o problema de morte infantil na India, mas onde está referenciado que seja pela dieta vegetariana? Já no outro artigo cita varias causas de mortes, o vegetarianismo não estava entre elas.

          O artigo cita as comunidades miseráveis, se não tem nem o que comer, é logico que haverá mortes. Não só na Índia mas no mundo todo há hindus que praticam o vegetarianismo. Por logica todas as crianças hindus em diferentes partes do mundo deveriam estar morrendo, mas não, a pratica do vegetarianismo persiste, inclusive por milênios, já que o hinduismo é milenar. E um detalhe, suplemento proteico é recente na sociedade. Pitagoras e uma carralhada de intelecutais antigos (vegetarianos) não usava.
          Novamente digo, os links que vc indicou da meia duzia de pais negligentes não são publicações com revisão de pares, são meras noticias. Não há publicadora. Cadê a publicadora? Está no artigo? Não, não está. O primeiro é vc dando pití, sem referenciar nenhum estudo, já os outros 3 são só noticias. Vc fez uma analise rasa das noticias. Veja aqui uma contestação, tem Tanta, mas tanta coisa que vc não observou: http://migre.me/ivK9C

          O vegetarianismo não morre porque as pessoas que praticam não morrem. Dos tempos antigos até hoje. Como diz o dito popular: “Contra fatos não há argumentos”.

          Eu não fiz inversão do Ônus da prova. Minha afirmativa foi de que existe um fenômeno de pessoas vegetarianas saudáveis. Me baseio em fatos.

          Abaixo está o entendimento do que seja uma dieta bem planejada. Se vc encontrar pessoas que o seguem e morram, pronto, vc tem boas evidencias contra o vegetarianismo. Aquela meia duzia de pais seguiam a recomendação do que é conhecido como uma dieta bem planejada? Cadê o periódico falando que seguiam? Cadê o nome do artigo? Me parece que vc tem dificuldade de distinguir a dieta bem planejada para a mal planejada (ou negligente).

          Planejamento de refeições em dietas vegetarianas

          Várias abordagens do planejamento de cardápios podem fornecer aos vegetarianos nutrição adequada. A Figura http://migre.me/ivLST indica uma abordagem. Além disso, as seguintes diretrizes podem ajudar os vegetarianos a planejarem dietas saudáveis.

          Escolha uma boa variedade de alimentos, incluindo cereais integrais, leguminosas, verduras, frutas, feijões, nozes, sementes e, caso desejado, laticínios e ovos.

          Prefira com mais freqüência alimentos integrais e não refinados e minimize a ingestão de alimentos muito adoçados, gordurosos e altamente refinados.

          Escolha boa variedade de frutas e leguminosas.

          Caso alimentos de origem animal, como laticínios e ovos, sejam usados, prefira versões desses alimentos com baixo teor de gordura. Queijos e outros laticínios ricos em gordura, assim como ovos, devem ser limitados na dieta por causa do conteúdo de gordura saturada e porque seu uso freqüente costuma substituir alimentos de origem vegetal em algumas dietas vegetarianas.

          Vegans também deveriam incluir uma fonte regular de vitamina B12 na dieta juntamente com uma fonte de vitamina D, caso a exposição ao sol seja limitada.

          Bebês apenas amamentados ao seio deveriam receber suplementos de ferro depois dos 4 ou 6 meses e, caso a exposição ao sol seja limitada, uma fonte de vitamina D. Bebês vegans amamentados deveriam receber suplementos de vitamina B12 caso a dieta da mãe não seja fortificada.

          Não restrinja o nível de gordura da dieta de crianças de menos de dois anos. Para crianças maiores, inclua alguns alimentos mais ricos em gorduras insaturadas (por exemplo, nozes, castanhas, sementes, pastas de nozes e castanhas, abacate e óleos vegetais) para ajudar a atender à necessidade de nutrientes e de energia.


          Os médicos sem fronteira bem que poderiam adotar praticas de outras instituições de caridade. Vc sabia que uma das maiores organizações de “alimente os famintos do mundo” que é chamada “Food for life global” só usa comida vegana para alimentar as pessoas? 2 milhões de refeições por dia. http://migre.me/c5Gzb
          Outro grupo é o Plenty.org e é do mesmo jeito. E eles são assim não é por causa de questões éticas de respeito aos animais, mas sim porque é mais barato produzir comida vegana. Eles alimentam de 20 a 30 vezes mais pessoas assim do que com carne. Produzir carne é caro e rende pouco. http://migre.me/c6fZF

        6. No artigo que analisa o nugget consta que há ingredientes animal tal como epitélio, osso, nervos e tecido conjuntivo. Portanto o caso da moça do nugget é uma dieta onivora. Por que vc compara madeira a osso? É impressão minha ou vc vai dizer que se trata de um nugget vegano/vegetariano?

          Não, meu caro ignorante, é que o valor nutricional de um osso, epitélio e bnervos é igual a de um pedaço de madeira. Mas sua ignorância que foi causada por baixa ingestão de aminoácidos adequados impediu o entendimento.

          Vc citou o problema de morte infantil na India, mas onde está referenciado que seja pela dieta vegetariana?

          Ué? Almentação vegan não é tão maravilhosa assim? Por que eles ficam doentes?

          Já no outro artigo cita varias causas de mortes, o vegetarianismo não estava entre elas.

          Sim, da mesma forma que AIDS não mata ningém. AIDS apenas acaba com o sistema imunológico. veganzinhos não ingerem alimentos com nutrientes necessários, e isso acarreta muitos problemas.

          O artigo cita as comunidades miseráveis, se não tem nem o que comer, é logico que haverá mortes.

          Vc falou que as crianças na Índia estão muito bem, obrigado. provei uqe é mentira. eu diria que elas estão morrendo porque não estão comendo carne. Que tal?

          Não só na Índia mas no mundo todo há hindus que praticam o vegetarianismo.

          Bebendo leite.

          Por logica todas as crianças hindus em diferentes partes do mundo deveriam estar morrendo, mas não, a pratica do vegetarianismo persiste, inclusive por milênios, já que o hinduismo é milenar.

          Fumo e bebidas alcoólicas também. Logo, são práticas saudáveis! A propósito, vc sabe qual era a expectativa de vida das pessoas antes? Tá no meu texto.

          E um detalhe, suplemento proteico é recente na sociedade. Pitagoras e uma carralhada de intelecutais antigos (vegetarianos) não usava.

          Er… com quantos anos ele morreu mesmo? Ele bebida leite? COMO VC SABE QUE ELE ERA VEGETARIANO?? Me mostra um diário dele? Tem que me dar certeza que era dele.

          Novamente digo, os links que vc indicou da meia duzia de pais negligentes não são publicações com revisão de pares, são meras noticias.

          Diferente de todas as publicações com revisão de pares que vc me deu… ops, esqueci. Vc não deu nenhum!

          Não há publicadora. Cadê a publicadora? Está no artigo? Não, não está. O primeiro é vc dando pití, sem referenciar nenhum estudo, já os outros 3 são só noticias.

          E as suas? Só vi inversão do ônus da prova.

          Vc fez uma analise rasa das noticias. Veja aqui uma contestação, tem Tanta, mas tanta coisa que vc não observou: http://migre.me/ivK9C

          Provas que Deus existe: http://www.hotmart.net.br/produto/C569550a/Como-responder-a-um-ateu-as-provas-para-existencia-de-Deus/—926778-

          Provas matemáticas que Deus existe: http://anjosdeadoracao.blogspot.com.br/2009/01/padre-e-matemtico-ganha-prmio-por.html

          Provas que o dilúviu existiu: http://rotadojovem.blogspot.com.br/2012/06/ciencia-comprova-o-diluvio-existiu.html

          Não é engraçado como várias religiões provam os seus mitos?

          Mas publicação científica que é bom…

          O vegetarianismo não morre porque as pessoas que praticam não morrem.

          Assassinatos, guerras, estupros, tráfico de escravos também não.

          Dos tempos antigos até hoje. Como diz o dito popular: “Contra fatos não há argumentos”.

          Não há argumentos, mas existem provas científicas com revisão de pares. Aquelas que vc NÃO ME DEU!

          Nem vai dar.

          Eu não fiz inversão do Ônus da prova. Minha afirmativa foi de que existe um fenômeno de pessoas vegetarianas saudáveis. Me baseio em fatos.

          Eu digo que o Lula é um Repetiliano. https://www.youtube.com/watch?v=_t97PmXmHk4

          Taí: um vídeo! Quer outro? Uma reportagem? https://www.youtube.com/watch?v=j-4N02sRlC4&feature=youtu.be

          FATOS! (ou não são?)

          Abaixo está o entendimento do que seja uma dieta bem planejada.

          Com leite, iogurte e queijo? HAHAHAHHAHAHAHA Vegans, vegans. Sempre prontos a provar que eles mesmos estão errados!

          Se vc encontrar pessoas que o seguem e morram, pronto, vc tem boas evidencias contra o vegetarianismo.

          Comendo proteína animal é fácil. A mesma proteína animal uqe vcs são contra. :mrgreen:

          Aquela meia duzia de pais seguiam a recomendação do que é conhecido como uma dieta bem planejada?

          Er… seguiam uma dieta vegan. Vc não sabe o que é veganismo, ne?

          Cadê o periódico falando que seguiam?

          Vc sabe que cientistas não ficam criando periódicos para cada retardado que mata seus filhos com dietas inadequadas, né? Eles só mostram como dietas inadequadas causam problemas de saúde (já postei isso).

          Me parece que vc tem dificuldade de distinguir a dieta bem planejada para a mal planejada (ou negligente).

          Dieta vegetariana bem planejada: co proteína animal. Ok.

          Escolha uma boa variedade de alimentos, incluindo cereais integrais, leguminosas, verduras, frutas, feijões, nozes, sementes e, caso desejado, laticínios e ovos.

          Ovo não é de rigem animal. Ovo dá em gramíneas.

          Caso alimentos de origem animal, como laticínios e ovos, sejam usados, prefira versões desses alimentos com baixo teor de gordura.

          Como peito de frango, por exemplo? :mrgreen:

          Ah não! Nada de origem animal. vamos comer refeições veganas com baixo teor de gordura: como abacate, coco, amendoim, nozes etc.

          Queijos e outros laticínios ricos em gordura, assim como ovos, devem ser limitados na dieta por causa do conteúdo de gordura saturada e porque seu uso freqüente costuma substituir alimentos de origem vegetal em algumas dietas vegetarianas.

          Gordura saturada é MARGARINA! E margarina é de origem vegetal.

          Ignorantinho. :mrgreen:

          Vegans também deveriam incluir uma fonte regular de vitamina B12 na dieta juntamente com uma fonte de vitamina D, caso a exposição ao sol seja limitada.

          Isso, e a vitamina B12 é obtida nos seguintes alimentos de prigem vegetal….

          ops.

          Bebês apenas amamentados ao seio deveriam receber suplementos de ferro depois dos 4 ou 6 meses

          Porque mamãe vegan não tem ferro suficiente para nutrir o filho.

          e, caso a exposição ao sol seja limitada, uma fonte de vitamina D. Bebês vegans amamentados deveriam receber suplementos de vitamina B12 caso a dieta da mãe não seja fortificada.

          Mas o veganismo não precisa de suplementos, ela tem tudo o que precisamos.

          Só que não.

          Não restrinja o nível de gordura da dieta de crianças de menos de dois anos. Para crianças maiores, inclua alguns alimentos mais ricos em gorduras insaturadas (por exemplo, nozes, castanhas, sementes, pastas de nozes e castanhas, abacate e óleos vegetais) para ajudar a atender à necessidade de nutrientes e de energia.

          Gordura animal não pode, porque é feio. Gordura de nozes pode. Quanto custa 100g de nozes, mesmo?

          Os médicos sem fronteira bem que poderiam adotar praticas de outras instituições de caridade.

          Para matar as crianças? Er… não.

          Vc sabia que uma das maiores organizações de “alimente os famintos do mundo” que é chamada “Food for life global” só usa comida vegana para alimentar as pessoas?

          Não. Uma das maiores organizações é a ONU, mesmo.

          2 milhões de refeições por dia. http://migre.me/c5Gzb

          E pelo alto índice de mortalidade infantil, estão fazendo um excelente trabalho.

          Outro grupo é o Plenty.org e é do mesmo jeito. E eles são assim não é por causa de questões éticas de respeito aos animais, mas sim porque é mais barato produzir comida vegana.

          Não é não.

          Eles alimentam de 20 a 30 vezes mais pessoas assim do que com carne.

          Dar comida é diferente de alimentar. Vc escreveu o que acima? tem que dar suplementos de vit. b12 entre outras?: É, né?

          Produzir carne é caro e rende pouco. http://migre.me/c6fZF

          Uma pessoa come um boi? HAHAHAHAHSUHAHUASHUASHUAS

          Mas tu é muito burro. Merece comer capim, mesmo.

          Agora, me traga as publicações indexadas ou já sabe que aqui não posta mais.

        7. @ThiagoMelo, Você falou sobre gorduras e um monte de outras coisas. Vamos às gorduras e que o Andre corrija-me nas possíveis bobagens químicas.
          O abacate tem 60,2% de gorduras monoinsaturadas (ácido oleico, o mesmo tipo de gordura do azeite de oliva). E o bacon tem 50,4%. Se o abacate é saudável pelo seu conteúdo de ácido oleico, quero que me explique por que o bacon não seria. Fonte: http://ndb.nal.usda.gov/ndb/search/list

          O que é exatamente gordura animal e gordura vegetal? Vamos ver o ácido palmítico:

          O ácido palmítico é uma gordura saturada com 16 carbonos. É o tipo mais comum de gordura saturada em plantas E animais. Este composto perfaz a maioria da gordura saturada do abacate. E do bacon. Veja bem, ele não vem em uma versão verde e outra vermelha. Ele é o mesmo, independentemente de sua origem ser vegetal ou animal. Se você der um frasco com ácido palmítico parao André ele NÃO TEM COMO saber se aquilo veio de uma planta ou de um animal.
          O ácido oleico:
          Este é o mocinho. Todos os carbonos estão saturados com hidrogênio, menos um menos os que circundam a única ligadura dupla. Por isso ele é MONO-insaturado.
          De acordo com a sabedoria nutricional convencional, este é o motivo pelo qual o azeite de oliva faz bem. Pelo mesmo motivo, as nozes fazem bem. Pois o mesmo ácido oleico perfaz MAIS DA METADE da gordura do bacon.
          E eu sinto lhe dizer que suas células e suas mitocôndrias não diferenciam se o ácido oleico vem do bacon ou do abacate. Ele não vem em duas versões, uma animal e outra vegetal. CH3(CH2)7CH=CH(CH2)7COOH é acido oleico. Se faz bem no abacate, não pode fazer mal no bacon. Nem na gordura de galinhas e perus, em que chega a representar até 56% de toda a gordura.

        8. @André,

          “Com leite, iogurte e queijo? HAHAHAHHAHAHAHA Vegans, vegans. Sempre prontos a provar que eles mesmos estão errados!”

          No link que indiquei. A dieta conhecida como bem planejada pelos comitês de nutricionistas, aborda tanto para o lado do lacto-vegetarianismo quanto para o lado do veganismo.

          Se vc não observou, há tanto a parte da dieta lacto-vegetariana que é tido como bem planejada, como a parte da dieta vegana tida como bem planejada. Palavras como “caso desejado” estão lá para os ovo-lacto-vegetarianos. A recomendação descreve que ovos, leites e derivados são opcionais, não necessários. Veja que “caso desejado” não está lá a toa. E atente para o detalhe da dieta vegana tida como bem planejada, é sem precisar fazer uso de suplementos proteicos, minerais e vitamínicos (com unica exceção da vitamina B12. Se vai criticar a suplementação de B12 aproveite também para criticar a sociedade que vc vive que suplementa iodo no sal e ferro/acido fólico na farinha de trigo. Não tem jeito. Estamos na era da suplementação)

          Crianças (que consomem ou não carne) recebem suplementação de ferro e algumas vitaminas. A Sociedade Brasileira de Pediatria recomenda que as crianças (onívoras) recebam suplementação de ferro: http://migre.me/iCkJF Não deixe de observar lá o detalhe: “A anemia acomete aproximadamente 42% das crianças menores de 5 anos em países em desenvolvimento e cerca de 17% nos países industrializados”. Quero ver até quando vc vai ser contra a suplementação.

          Não misture o assunto do repudio dos veganos para a dieta lacto-vegetariana com o assunto da viabilidade da dieta lacto-vegetariana. Aquelas recomendações para margarina, leite, queijo, etc… entram no contexto de uma dieta lacto-vegetariana tida como bem planejada. A ossada dos comitês se restringem a falar somente de viabilidade.

          Estamos falando da viabilidade do lacto-vegetarianismo, pois vc havia referenciado noticia que se tratava de pais lacto-vegetarianos. Vc não havia reclamado da má qualidade do leite materno da lacto vegetariana? Vc não os condenou? Se vc estava com o objetivo de invalidar a viabilidade do lacto-vegetarianismo com evidencia anedótica, então vc usou exemplos ruins.

          Suas analises rasas dos pais negligentes desconsiderou varias variáveis. Taqui mais outras contestações apontando o que vc não observou. Porque não leva em consideração tais variáveis em suas analises? É muito confortável ver só aquilo que quer ver.
          http://migre.me/ivZrO
          http://migre.me/ivZyd

          Do jeito que vc faz suas analises, me parece que se aquela moça do nugget comesse nugget vegano (ao invés de nugget onívoro), vc diria que o veganismo matou ela. A culpa é do veganismo e pronto não é?

          “é que o valor nutricional de um osso, epitélio e bnervos é igual a de um pedaço de madeira.”

          Se vamos por essa logica, então não diga que a dieta do suquinho de maçã se trata de uma dieta vegetariana.

          É bem curioso. Na hora que é noticiado um vegetariano anêmico, vc acredita piamente que ele come exatamente aquilo o que todos os vegetarianos comem. Como se a dieta do suquinho fosse igual a dieta tida como a bem planejada.

          “Não é engraçado como várias religiões provam os seus mitos?”

          Pra que fazer red herring com links de criacionismo? Eu não estou provando a infalibilidade da dieta vegetariana. Estou dizendo para vc fazer uma analise decente sem excluir informações importantes. Se a dieta vegetariana é falível eu busco descobrir. Pelo que ví até hoje não há evidencias que demonstre que é inviável. E olha, a conhecida dieta vegana como bem planejada é falseável. A viabilidade do vegetarianismo estrito ou ovo-lacto não se sustenta por dogmas.

          “Fumo e bebidas alcoólicas também. Logo, são práticas saudáveis!”

          O vegetarianismo sobrevive nas culturas harmoniosamente. O fumo também sobrevive, não harmoniosamente, tende a trazer problemas para aqueles que o praticam (asma, tosse, câncer). E os problemas para as populações vegetarianas? Pessoas vegetarianas vivem bem e até a velhice. http://migre.me/iwXw4 . Vegetarianos não tendem a ter problemas [semelhantes] a asma, tosse, câncer, salvo os casos não por causa do vegetarianismo. Nem há conexão logica de que o vegetarianismo causa mortes, nem evidencia. Se o vegetarianismo causasse mortes e desnutrição, não deveríamos ter como resultado de estudos uma caralhada de pessoas vegetarianas com qualidade de vida. Mais abaixo referencio outros periódicos. A expectativa do que vc acha, bate com os resultados dos estudos? Se o mundo fosse de acordo com o que vc acredita não deveríamos ver o caos nos resultados desses estudos?

          A Aids tem correlação com demais doenças. O vegetarianismo também? Se o vegetarianismo tivesse correlação, deveríamos observar efeitos danosos semelhantes em diferentes populações vegetarianas, concorda? Vc faz a correlação do vegetarianismo com o numero de mortes? Então prove. E eu que faço inversão do ônus da prova? Essa correlação me parece ter tanto respaldo quanto aquela afirmação do ateísmo estar correlacionado a grande numero de suicídios.

          Me informe do que é composta a dieta, daquela parte da população hindu miserável, que [você] referenciou. Da minha parte eu avaliarei: É exatamente como a tida bem planejada? Sim? Então pronto, vc me convenceu e uma caralhada de vegetarianos militantes de que o vegetarianismo não é saudável para todo mundo.

          De onde vc tirou que a ajuda humanitária vegana está matando as pessoas? Alguma estatística? Eu queria saber das bibliografias que vc anda usando. Evidencia anedótica não ajuda a resolver problemas.

          Vamos agora aos periódicos. Mas gostaria que, caso vc tenha alguma contestação, referenciasse periódicos que acompanhasse sua contestação. Indicando referencias para nos embasarmos. E seria até interessante vc também publicar periódicos contestando tais trabalhos. Passando pelo crivo de demais especialistas.

          Esse estudo avaliou quase 45.000 pessoas entre 50 e 70 anos de idade durante 12 anos. Ao longo desse tempo, os participantes responderam a questionários detalhados sobre sua saúde e seu estilo de vida. Mesmo levando em consideração fatores como idade, tabagismo, consumo de álcool e prática de atividade física, os pesquisadores concluíram que os vegetarianos têm uma chance 28% menor de desenvolver alguma doença cardiovascular e 32% mais baixa de hospitalização ou de morrer por condições do tipo. http://migre.me/iwZkZ

          Esse periódico indica que crianças e adolescentes podem ser vegetarianas: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC2912628/

          Esse periódico reconhece a viabilidade da dieta vegana. E no final relata como uma dieta vegana mal planejada foi prejudicial. Não que o veganismo seja prejudicial. Não confunda. http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/21092700

          Este outro também é interessante: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/11424545

          Aqui um periódico sobre um guia alimentar vegetariano do que se entende por dieta bem planejada, aqui o suquinho de maçã daqueles pais não teria vez.
          http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/12826029

          E por ultimo, somos onívoros, mas não temos a obrigação de ser. Somos onívoros por condição, não por obrigação. Assim como não somos obrigados a matar animais para tirar suas peles para sobreviver. O ponto é, podemos fazer escolhas.

          Vc pode ter uma justificativa moral para comer carne, pois os costumes desse estagio da civilização legitima. Mas onde estaria a justificativa ética? O que justifica suas atitudes? É uma justificativa moral elevada? Se nós podemos viver felizes e saudáveis sem explorar os animais na alimentação, vestuário e entretenimento, por que não fazemos? Eu nunca vejo ninguém referenciando o comportamento dos leões na hora de defender alguém que cometeu infanticídio ou estupro. Por que só referenciam o comportamento deles na hora da carne?

          Para quem acredita que a alimentação vegetariana é mais cara, deveria contestar esses argumentos: http://migre.me/iCkad

          Para quem acredita que a alimentação vegetariana é desprovida de sabor, deveria experimentar essas opções: http://www.comendocores.com.br/

          Se existem bons motivos para comer carne, vestir peles ou se entreter com animais. É claro que eu irei fazer. Basta vc apresenta-los.

        9. Olha só, veganzinho, essa será a sua última postagem, e logo veremos o porque.

          No link que indiquei. A dieta conhecida como bem planejada pelos comitês de nutricionistas, aborda tanto para o lado do lacto-vegetarianismo quanto para o lado do veganismo.

          Veganzinho burrinho, você é tão desinformadnho que não sabe que vegans NÃO CONSOMEM N-A-D-A DE ORIGEM ANIMAL!

          Se vc não observou, há tanto a parte da dieta lacto-vegetariana que é tido como bem planejada, como a parte da dieta vegana tida como bem planejada. Palavras como “caso desejado” estão lá para os ovo-lacto-vegetarianos. A recomendação descreve que ovos, leites e derivados são opcionais, não necessários. Veja que “caso desejado” não está lá a toa.

          Só esqueceram que existe uma coisa chamada “biologia”.

          Se vai criticar a suplementação de B12 aproveite também para criticar a sociedade que vc vive que suplementa iodo no sal e ferro/acido fólico na farinha de trigo

          Eu não preciso de ácido fólico, pois não sou gestante. Também não tenho problemas hormonais. Mas NINGUÉM sobrevive sem vitamina B12. Ademais, já se critica adição de iodo no sal http://pubs.acs.org/doi/abs/10.1021/es0719071

          Ademais, posso encontrar iodo na Natureza. Onde encontramos vitamina B12, mesmo?

          Não tem jeito. Estamos na era da suplementação

          Não quando temos na Natureza. duhhhh

          Aliás, sua proposição é interessante: podemos suprimir todos os alimentos de origem vegetal por suplementos. Nada mais de vegetais! :mrgreen:

          Crianças (que consomem ou não carne) recebem suplementação de ferro e algumas vitaminas.

          MENTIRA! A anemia é causada por não assimilação de ferro. Por que? Por causa de pais vegans que não se alimentam e não alimentam suas crianças. porque recém nascido, seu idiota, não ocme carne, não come salada, não come NADA além de leite materno. Mas mamãe vegan não se alimenta e só pode resultar em quê? nas notícias que eu postei antes.

          “A anemia acomete aproximadamente 42% das crianças menores de 5 anos em países em desenvolvimento e cerca de 17% nos países industrializados”. Quero ver até quando vc vai ser contra a suplementação.

          Er… alimentando DIREITO essas crianças? Vc, retardadinho, sabe oque é um país em desenvolvimento? Brasil, onde muitas famílias sobrevivem de sobra de comida de lixão. Mas vc, de seu apartamentinho com ar-condicionado, TV por assinatura e Internet banda larga, não consegue entender isso, né?

          ão misture o assunto do repudio dos veganos para a dieta lacto-vegetariana com o assunto da viabilidade da dieta lacto-vegetariana.

          Olha só, verme, a porra do assunto é VEGANISMO. Se vc é desonesto, problema seu. Dieta vegan é uma merda, por isso vcs tem que encher o rabo de leite e ovos, porque sabe que plantinha é muito bom… pra vacas. Deliciosas vaquinhas que virarão churrasco!

          Do jeito que vc faz suas analises, me parece que se aquela moça do nugget comesse nugget vegano (ao invés de nugget onívoro), vc diria que o veganismo matou ela. A culpa é do veganismo e pronto não é?

          Para analfabetos funcionais como vc, como entenderia diferente?

          Se vamos por essa logica, então não diga que a dieta do suquinho de maçã se trata de uma dieta vegetariana.

          Na mentalidade vegan, sim.

          Na hora que é noticiado um vegetariano anêmico, vc acredita piamente que ele come exatamente aquilo o que todos os vegetarianos comem. Como se a dieta do suquinho fosse igual a dieta tida como a bem planejada.

          Planejada com leite e ovos, mas é vegan.

          Pra que fazer red herring com links de criacionismo? Eu não estou provando a infalibilidade da dieta vegetariana.

          Contra meus links, nem tem como.

          O vegetarianismo sobrevive nas culturas harmoniosamente. O fumo também sobrevive, não harmoniosamente, tende a trazer problemas para aqueles que o praticam (asma, tosse, câncer).

          Provei que não.

          Pessoas vegetarianas vivem bem e até a velhice

          Diga isso às crianças indianas que estão morrendo como moscas, apesar da maravilhosa diteta delas.

          Vegetarianos não tendem a ter problemas [semelhantes] a asma, tosse, câncer, salvo os casos não por causa do vegetarianismo.

          Hã…. carne causa tosse? Bife causa asma? HUAHSUHAUHSUHAHASHUAHAHAHASUSAHUSAUHSAUHUSAHU
          SAHUAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHHAHAHAAHHASUHSAH
          SAHUAHUSAHUSAHUSAHUSAHUHSAUHSAH

          Você ao menos SABE o que é asma, seu ignorante?

          o vegetarianismo tivesse correlação, deveríamos observar efeitos danosos semelhantes em diferentes populações vegetarianas, concorda?

          Como na Índia?

          Me informe do que é composta a dieta, daquela parte da população hindu miserável, que [você] referenciou.

          Vc mesmo não disse que é vegetariana?

          De onde vc tirou que a ajuda humanitária vegana está matando as pessoas?

          Eles dão comida. As crianças continuam morrendo. Ligue os pontos: está ajudando ou não?

          Esse periódico indica que crianças e adolescentes podem ser vegetarianas

          Sim, claro que podem:

          Particular attention should be paid to adequate protein intake and sources of essential fatty acids, iron, zinc, calcium, and vitamins B12 and D. Supplementation may be required in cases of strict vegetarian diets with no intake of any animal products. Pregnant and nursing mothers should also be appropriately advised to ensure that the nutritional needs of the fetus and infant are adequately met. Recommendations are provided.

          Precisam de vitaminas, proteínas, ácidos graxos, vitamina B12 etc. Podem tanto viver que só precisam de algumas coisinhas que seriam facilmente encontradas num simples bife. Eita dieta excelente! E vc compara isso com iodo no sal (que já deixou de ser necessário)

          Adolescents on restricted vegetarian or other such diets should be screened for eating disorders.

          Ops!

          Este outro também é interessante:

          Sim, interessante:

          vegan children have higher intakes of fiber and lower intakes of total fat, saturated fat, and cholesterol than omnivore children, some studies indicate that they may be low in calcium. In addition, bioavailability of zinc and iron from plant foods can be low. Protein needs are slightly higher for vegan children but are easily met with a varied diet that provides adequate energy. Special attention should be given to dietary practices that enhance absorption of zinc and iron from plant foods. Further, good sources of the omega-3 fatty acid linolenic acid should be emphasized to enhance synthesis of the long-chain fatty acid docosahexanoic acid. Dietetics professionals who counsel vegan families should help parents identify good sources of vitamin B-12, riboflavin, zinc, calcium and, if sun exposure is not adequate, vitamin D.

          Você é burro ou desonesto ao “não ver” todas as ressalvas nos seus periódicos que dizem que deve haver uma (PESADÍSSIMA) reposição nutricional? Comida vegan é tão completa e excelente, que nem sopa de pedra. Só precisa adicionar umas coisinhas por fora…

          Aqui um periódico sobre um guia alimentar vegetariano do que se entende por dieta bem planejada, aqui o suquinho de maçã daqueles pais não teria vez

          E novamente:

          The guide will assist vegetarians in choosing diets that meet recent recommendations established by the Institute of Medicine for nutrients including protein, iron, zinc, calcium, vitamin D, riboflavin, vitamin B-12, vitamin A, omega-3 fatty acids, and iodine. (…) Specific guidelines are given for meeting requirements for vitamins B-12 and D.

          Come logo um bife! Muito mais simples! Mas não. Tudo o que você está postando remete ao que eu já disse: Dieta vegan não é nutricionalmente adequada. Dieta vegan é pra pai assassino. Obrigar crianças a se alimentar de comida sem valor nuttricional decente, tendo que estuprá-la como milhões de suplementos só prova o que eu digo: pais assim deveriam perder a guarda do filho.

          E por ultimo, somos onívoros, mas não temos a obrigação de ser. Somos onívoros por condição, não por obrigação. Assim como não somos obrigados a matar animais para tirar suas peles para sobreviver. O ponto é, podemos fazer escolhas.

          Eu posso viver pelado, mas isso é cultural. Mas não posso viver sem alimentos de origem animal, pois é biológico. Olhos caídos pra mim não funciona.

          Mas onde estaria a justificativa ética? O que justifica suas atitudes?

          Eu acho antiético estuprar uma criança com trilhões de suplementos alimentares. Ou fazem isso, ou viram a Índia. Ética é falácia e eu provei isso no texto, mas não pro seu mundinho de fadas e unicórnios.

          Eu nunca vejo ninguém referenciando o comportamento dos leões na hora de defender alguém que cometeu infanticídio ou estupro. Por que só referenciam o comportamento deles na hora da carne?

          Eles estupram para passar os genes adiante. Sem isso, não teríamos mais leões. Bem, do jeito que cresce a população mundial, creio que prociração não é problema. Mas a Natureza é ética, né? Olha o unicórnio weeeeeeeeeeeee

          Para quem acredita que a alimentação vegetariana é desprovida de sabor, deveria experimentar essas opções

          Comidinha vegan é tão legal que vocês precisam fazê-la parecida com carnes. :mrgreen:

          Bem, chega, veganzinho. Suas falácias já deram.

  19. É mais fácil e mais proveitoso discutir com o Malafaia.
    “…somos onívoros, mas não temos a obrigação de ser. Somos onívoros por condição, não por obrigação.”
    O boi é ruminante (vegetariano, pois) mas não tem a obrigação de ser – ele pode tranquilamente saborear uns tatus ou até mesmo uma sucuri bem suculenta e jamais tocar em uma plantinha linda de Santo Fiacre.

  20. André bom dia, concordo praticamente com td que vc escreveu, somente acho que vc podia ser mais polido (mesmo sabendo ser difícil).
    Em casa somos minha esposa Vegana uma filha vegetariana e eu onívoro. Os exames de sangue das duas sempre estão bons (elas tomam suplementos vitamínicos veganos) antes que alguém pergunte os meus também.
    O que me leva a conclusão que hj em dia cada um faz a dieta que quiser que podemos suplementar.
    Dieta onívora sem suplementos X Dieta vegana ou vegetariana sem suplementos = Dieta onívora vence por 10X0 mas hj em dia podemos tomar suplementos.

    1. Pois muito bem, gentil senhor. Saiba que muito me apetece receber o retorno dos meus leitores, ainda mais quando suas contribuições são deveras espirituosas e enobrecem a área destinada a conhecer as opiniões de vossas senhorias.

      Ipso facto, levo com o máximo de apreço e reconheço que vossa senhoria mui provavelmente não pensou em dar sua opinião sobre meus descalabros nos textos postados aqui, assaz ácidos por vezes.

      Destarte, sinto obrigação, esta voraz, de esclarecer um determinado ponto, qual você e demais senhores respeitosos não parecem ter compreendido ainda: O blog é meu e escrevo nesta bosta aqui do jeito que eru quiser , e quem não estiver satisfeito que vá ler o Bobagento.

      Em cordiais atenções, registro meus protestos de saúde, paz e felicidade para vossa senhoria e sua família que precisa de suplementos alimentares ou irão pro hospital, graças à magnífica e saudável refeição vegan.

      1. @André, to procurando aqui a relação de gentileza com linguagem requintada. Por que não aceitou meu comentário? Não tinha como responder infantilmente e cheio de si? Putz, vc eh muito criança…

  21. Sobre o veganismo eu tenho umas observações sobre os argumentos:

    1. Pelo ambiente
    A pecuária gasta muita água e gera desmatamento. É verdade, mas isso pode ser resolvido, na verdade a agricultura em grande escala também tem problemas ambientais graves! O problema é gerar alimentos para bilhões de pessoas, o jeito mais sustentável seria a Integração Lavoura Pecuária, isso significa fazer rodízios com plantações e criações de gado, é mais eficiente a produção e o impacto ambiental é bem menor.

    Além disso, a atividade humana que mais gasta água é a fabricação de papel – tanto que é proibido na União Européia e muitos países do mundo, se estão preocupados com o meio ambiente eu recomendo economizar papel.

    2. Pela saúde
    Os especialistas não chegam em um consenso que a dieta vegetariana estrita é mais saudável, se a Associação Americana apóia essa ideia a segundo a Canadense a carne é necessária, e por aí vai.

    Só há 2 fatos que são consenso: 1. Somos onívoros por natureza. 2. Uma dieta balanceada, com controle de nutrientes que é o mais saudável. Isso explica porque muitos vegetarianos são saudáveis pois ao fazer a transição costumam procurar especialistas e se informar sobre a alimentação.

    3. Pela sociedade
    Matadouros e fazendas costumam ser péssimos patrões. O problema está na cultura brasileira de exploração, nas zonas rurais há pouca informação e fiscalização do MT e isso que precisa ser combatido, caso o contrário os donos de fazendas e capatazes vão plantar soja (ou qualquer outra cultura) e continuar a explorar os peões.

    4. Pelos animais
    Conceitos como escravidão, liberdade, qualidade de vida são invenções humanas, os outros animais não tem filosofia para discutir esses valores, então não se importam com eles.
    Quanto aos maus-tratos, é preciso lembrar que No Brasil há predomínio do chamado “gado verde” que é criado solto e não sofre tanto, esse tipo de gado é muito valorizado no mundo e por isso é economicamente viável. Se nos EUA ou outro país cria gado confinado, é só não comprar carne de lá.

    Além disso, os animais mortos por agrotóxicos e outros defensivos agrícolas também são assassinados para a produção de alimentos. O que fazer então? Deixar de comer?

    5. A questão ética
    Cada pessoa possui seu próprio código de ética, cujas referências devem ser a lei, a moral e os costumes. Se nenhum dos 03 proíbe comer carne de animais, logo uma pessoa pode considerar ético fazer isso.
    Afinal, quem pode definir o que é ético para todo mundo, os veganos?

    1. @AleBruno, Quanto a questão 4 e 5: o fato de você tratar bem um escravo, não livra dele a condição de continuar sendo um escravo. Até agora foi dito muito a respeito do desenvolvimento mental das pessoas, mas parece que a compaixão não cresceu. A humanidade evoluiu tanto, será que não está na hora de pensar sobre o especismo? Por que as pessoas continuam acreditanto que a natureza e o bem-estar animal não importam? Qual é o tamanho da sua insensibilidade? Não é de se espantar que ainda existam questões sociais tão graves como as guerras que só demonstram total falta de sensibilidade dos governantes e dos cidadãos para com as vidas que foram desperdiçadas (a menos que quem morreu seja seu parente). Até quando vai ser aceita a dor, o frio e a fome dos seres vivos como algo normal. Enfim, só levantando a questão sobre isso. Não vai mudar nada mesmo…

      1. @Ls.Cs, Cara, a questão 4 é claríssima. Os animais não entendem o conceito de liberdade, não imagino um peixe filosofando se é melhor viver em um rio com o risco constante de ser devorado ou viver tranquilamente em um aquário, mesmo preso.

        Você pode argumentar que viver de um modo ou outro é melhor por N fatores, mas é sua opinião, baseado em suas crenças humanas, não é uma decisão racional do peixe. Por isso existe aquele poema (não me recordo o autor, acho que é Cecília Meirelles) que fala “Liberdade, essa palavra que o sonho humano alimenta que não há ninguém que explique e ninguém que não entenda”. Então, se não sabem o que é liberdade, como podem saber que são escravos e se incomodar com isso?

        A questão 5 também é clara. VocÊs optam por trocar uma forma de exploração por outra, afinal não comem os animais mortos pela pecuária mas comem alimentos gerados pela morte de animais através de agrotóxicos, venenos e armadilhas pra ratos nos celeiros e outros. Tudo bem, é uma decisão consciente, mas quem instituiu um Conselho Mundial de Ética pra impor que isso é mais ético que outra forma de consumo? Quem decide o que é Ético em relação à alimentação para todos os seres humanos? Os veganos?

  22. Essa história de que ser vegano é mais saudável, bonito e os cambal a 4, É BALELA! Isso é o famoso marketing vegano para atrair mais gente a aderir esta moda. Pois tem muita gente por trás disso se passando por cordeirinho e diz que quer salvar os animais e que está com os veganos, mais o cara adora uma vitela assada e fatura uma puta grana com produtos direcionados a vocês veganos, então antes de vir dizendo que ser vegano é o máximo, e vocês são a raça superior, pois sim muito vegano é egocêntrico e preconceituoso, se informem pois tem muita coisa debaixo desse tapete, me desculpem, mas vocês não podem alterar a genética humana e a cadeia alimentar, que desde os primórdios comiam carne. Logo, ser vegano é um c*!

  23. Fio, experimenta se formar em nutrição e dizer no consultorio aos seus pacientes, que eles não podem ser vegetarianos, que a proteina vegetal é inadequada, que eles não podem obter ferro em quantidades satisfatorias. Ia ser lindo de ver a lapada do processo ético que tu ia levar na fuça. Tão lindo quanto foi o que a pseudo-psicologa Marisa Lobo levou. A proposito, a nutricionista da Friboi foi falar no comercial que a proteina animal é essencial, escapou fedendo de tomar um processo ético, admitiu depois o engano e que estava nervosa na hora de gravar. Se conhecer algum nutricionista “corajoso”, do tipo Marisa Lobo que faz questão de desafiar o conselho de sua area, me fala. É uma cena épica de se ver. Eu pararia tudo que tivesse fazendo para ver o nabo que ele ia tomar.

    1. Cara, lê o texto direito. Ele nunca disse que ninguém pode ser vegetariano, só afirmou que a dieta vegetariana requer cuidados e não é necessariamente saudável – como muitos veganos fazem parecer.

      1. kkk pai amado, e “dieta com carne” não requer cuidados tbm? kk totalmente desnecessário esse texto que nem perdi tempo de ler!

        1. eu realmente ia ler, mas primeiro tive a ideia de ler os comentários e as suas respostas… mudei de ideia… ;) agora o teu comentário ali sobre “religião”, kk, ótimo, parabéns!

        2. Requer, mas ele não está criticando as “dietas com carnes”, está criticando quem sai pregando como religioso que a carne traz todos os malefícios do mundo e que a dieta vegana é a única possível para se ter saúde.

        3. Você nem perdeu tempo lendo e concluiu que o texto é totalmente desnecessário? Será telepatia?

    2. Nutrição e merda pra mim é a mesma coisa, depois que se aprende algo chamado Bioquímica. Algo que vc aprenderia se não ficasse em site vegan vagabundo (ok, pleonasmo).

      1. Faz um artigo mostrando que a ciência da nutrição é essa merda que vc fala. Tá achando que nutrição é religião? Quero ver em que bases vc vai destruir ela. Que tal começar a dizer quais os princípios da filosofia da ciência que ela não abraça?

      2. Periodico mostra a qualidade da proteina vegetal. Observe principalmente a tabela 11.
        http://va.mu/BMLLL

        Cambridge – Vantagens da dieta vegetariana
        http://va.mu/BLnOC

        A crença que a dieta onivora é superior a dieta vegetariana é um mito
        http://va.mu/APVLL

        Colunista cita diversos estudos sobre a incidência de cancer em veganos ser menor
        http://va.mu/BJBT4

        Estatísticas de que vegetarianos vivem mais:
        http://migre.me/jckQe
        http://migre.me/iwZkZ

        1. Argumentação kibada deste vídeo imbecil do Youtube: v=OjXBB13qWB0

          Periodico mostra a qualidade da proteina vegetal. Observe principalmente a tabela 11.

          http://va.mu/BMLLL

          Refutado por peswquisa mais recente nos links dados no artigo. Tá atrasadinho.

          Cambridge – Vantagens da dieta vegetariana

          http://va.mu/BLnOC

          Vegetarian diets and cardiovascular risk factors in black members of the Adventist Health Study-2

          Eu não sou negro nem sou adventista. Logo, eu estaria fora do escopo da pesquisa.

          “can sometimes be controlled by diet alone as verified by the DASH (Dietary Approaches to Stop Hypertension) diet(7), which is rich in fruits, vegetables and low-fat dairy foods, and significantly lowers BP. ”

          Pesquisa aí o que é dairy. :) Eçe está falando que dietas com baixa gordura, não exclusivbamente vegetariana, veganzinho retardado!

          “Americans subscribe to a variety of diets aside from the standard American diet. These include the Mediterranean diet and various vegetarian diets such as lacto-ovo-vegetarian, pesco-vegetarian and LESS COMMONLY the vegan diet which excludes all animal products. Research suggests that a MEDITERRAN DIET is protective for CVD(13)”

          Vocês realmente não leem o que postam.

          “However, much less evidence exists for the health effects of vegetarian diets among African Americans. ”

          Contudo, MUITO MENOS EVIDÊNCIA existe para os efeitos saudáveis das dietas vegetarianas.

          Veganzinho, retardadinho!

          A crença que a dieta onivora é superior a dieta vegetariana é um mito

          Comparison of the nutritional status and outcome in thermal burn patients receiving vegetarian and non-vegetarian diets

          Sim, bem saudável se você está à beira da morte, com 50% bdo corpo queimado. OPa, o que está ecrito ali?

          “The results were comparable in both groups. Vegetarian diet was found to be more palatable and cost-effective.”

          Mais palatável e mais barata. Só isso. Com queimadura de 3º grau, deve ser mesmo.

          “In our study, the difference of haemoglobin levels between two groups was found to be clinically insignificant. Iron stores are lower in vegetarians because the iron from plant foods is poorly absorbed.”

          Diferença na produção de hemoglobina é INSIGNIFICANTE. Ah, e a reserva de ferro é MENOR em vegetarianos. E tome suplemento alimentar!

          Colunista cita diversos estudos sobre a incidência de cancer em veganos ser menor

          http://va.mu/BJBT4

          Colunista por colunista, vejhamos este aqui: http://www.abc.net.au/health/talkinghealth/factbuster/stories/2014/03/13/3962359.htm

          “a 2009 study of cancer incidence in more than 61000 British people, including more than 20,000 vegetarians, found the incidence of some cancers may be lower in vegetarians than in meat eaters. But PEOPPLE WHO ATE FISH were also found to have a lower incidence of cancer.”

          Sim, porque peixe é vegetal!

          “But simply cutting out meat DOESN’T necessarily mean your diet is going to be healthier, as a Medical Journal of Australia article on healthy plant-based eating patterns points out”

          Vocês não cansam de passar vergonha, veganzinho de merda?

          Estatísticas de que vegetarianos vivem mais:

          http://ajcn.nutrition.org/content/70/3/516s.full

          “lower mortality was due largely to the relatively low prevalence of smoking in these cohorts, but some of it may have been due to differences in diet between the subjects studied and the general population in each country. ”

          A dieta PODE influir, mas com certeza o fumo foi prevalecente. OPs.

          “The lower mortality from ischemic heart disease was confined to subjects who had followed their current diet for >5 y and was altered little by adjustment for alcohol use, education level, exercise level, or body mass index, and was observed in people with and without a history of cardiovascular disease or diabetes at the time of recruitment”

          Baixa mortalidade entre pessoas que pararam de beber, fizeram exercício físico e sem histórico familiar de doenças cardiovasculares e diabetes. Assim, é mole!

          “There was no evidence in this analysis of any difference between vegetarians and nonvegetarians in mortality from colorectal cancer, suggesting that meat consumption may not have an important role in the etiology of this disease. A similar conclusion was reached in a study of cancer mortality in 2 groups of nuns, one of which did not eat meat. Some large studies have found a direct relation between red meat consumption and incidence of colon cancer, but a large prospective study found no association between frequency of red meat consumption and mortality from colon cancer”

          Nenhuma relação entre consumo de carne vermelha e alguns tipos de cânceres. Mal aê!

          Antes de ser impedido de postar, porque anonimato é proibido pela constituição, eu só direi uma coisa: manda um abraço pro Robson e manda ele tentar de novo, veganzinho de merda!

        2. “Refutado por peswquisa mais recente nos links dados no artigo. Tá atrasadinho.”

          Onde isso que eu não vi?

      3. Mano ta muito engraçado isso … ????
        Independente da bioquimica ,nutricao é importante sim se vc nao ve isso me desculpe mas vc quem esta sendo leigo em seus fundamentos

      4. Pryderi, você me assusta com esse seu ego. Fala tanto de bioquímica como se para ser vegano dependesse dependesse de saber do Ciclo de Krebs. Sinceramente, não entendi o porquê você bate tanto na tecla dessa matéria, mas vamos lá: há muitos veganos nas faculdades de biologia, biomedicina, biotecnologia… Enfim, nas áreas biológicas que têm bioquímica como um conteúdo e que possuem o conhecimento dessa matéria. MAS EU AINDA NÃO ENTENDI O QUE ISSO TEM A VER COM O VEGANISMO. Falta muita incoerência no seu discurso. Além do mais, seu texto pseudocientifico de que você tanto se gaba demostra sua ignorância e seu pensamento impirico. Você, para começo de conversa, não dá a mínima para a nutrição, e até a banaliza: que pessoa com o mínimo de pensamento científico banaliza uma ciência, ainda mais uma que mexe com a BIOQUÍMICA, a qual você tanto menciona? Segundo, ao utilizar a seleção natural para justificar a ingestão de carne você acaba caindo por uma incoerência. Se fomos selecionados, através da evolução, para sermos ornivoros obrigatórios, então não poderíamos ser vegetarianos, e muito menos veganos. Não estou dizendo que você disse isso (EU LI TODO O SEU TEXTO, E PROCUREI COMPREENDER TODOS OS SEUS ARGUMENTOS), mas é que quando você menciona a seleção natural, você automaticamente supõe uma superioridade de espécies e que o ser humano deve comer animais por causa disso (e isso você não conseguiu disfarçar no texto). Você, ao pensar dessa maneira, exclui completamente a possibilidade de um ser humano ser vegano, já que para você ele é, naturalmente, escolhido como o supremo dos seres, e, esquece de todo contexto social e ético, ao simplesmente olhar para o mundo como uma grande natureza que ainda não teve impactos de nenhuma civilização, o que é uma visão muito errada. Terceiro: esse seu comentário infantil de que vegan e vagabundo é pleonasmo mostra um SENSO COMUM, o que é altamente contraditório com seu site “CETICISMO.NET”. Que ceticismo é esse que, além de incoerente, possui pensamento crítico apenas em relação ao que lhe convém?! Termino meu comentário dizendo para que você reveja alguns dos pontos de seu texto e, inclusive, seus pré-conceitos: você insiste tanto em dizer que vegano tem ideia já moldada, e que jamais entenderá as coisas, nem bioquímica, mas você acaba esquecendo de você. Tem muitas contradições e ideias prontas em seu pensamento que não revelam um real “ceticismo” e pensamento crítico.

        1. Pryderi, você me assusta com esse seu ego.

          Eu tenho este efeito sobre mentes simplistas.

          Fala tanto de bioquímica como se para ser vegano dependesse dependesse de saber do Ciclo de Krebs.

          Não que dependa, só evitaria falarem o monte de merda que vocês falam como “os seres humanos são vegetarianos, não somos feitos para digerir carne”.

          Sinceramente, não entendi o porquê você bate tanto na tecla dessa matéria

          Há muita ciosa que você não entende. Se lesse direito meu texto, e estudasse os links de publicações indexadas que eu posto, entenderia. Não sou responsável pelo seu analfabetismo científico.

          mas vamos lá: há muitos veganos nas faculdades de biologia, biomedicina, biotecnologia…

          Tem muitos criacionistas nas faculdades de biologia.

          Enfim, nas áreas biológicas que têm bioquímica como um conteúdo e que possuem o conhecimento dessa matéria. MAS EU AINDA NÃO ENTENDI O QUE ISSO TEM A VER COM O VEGANISMO.

          Sua carência nutricional realmente está afetando seu processo cognitivo. Estou lendo apenas chororô. Mas deixarei você continuar.

          Falta muita incoerência no seu discurso.

          HUASHUSAHUAHUASHSAHAHAHAHAHAHAHAH

          SIM! Concordo plenamente com você. Realmente meu discurso não tem um pingo de incoerência. XD

          Além do mais, seu texto pseudocientifico de que você tanto se gaba demostra sua ignorância e seu pensamento impirico.

          Desculpe. Procurei por “impírico” no dicionário e não encontrei. O que é isso?

          Você, para começo de conversa, não dá a mínima para a nutrição, e até a banaliza: que pessoa com o mínimo de pensamento científico banaliza uma ciência, ainda mais uma que mexe com a BIOQUÍMICA, a qual você tanto menciona?

          Se fala algo que bioquímica demonstra que não, sim, claro que farei chacota. Nutrição está para Bioquímica como essa sua escrita está para a língua portuguesa.

          Segundo, ao utilizar a seleção natural para justificar a ingestão de carne você acaba caindo por uma incoerência.

          Tenho certeza que não. Vc falou que me falta incoerência. :D

          Se fomos selecionados, através da evolução, para sermos ornivoros obrigatórios, então não poderíamos ser vegetarianos, e muito menos veganos.

          https://ceticismo.net/2011/03/29/filha-de-casal-vegan-morre-de-desnutricao-e-pais-vao-pra-cadeia/

          https://ceticismo.net/2015/08/04/casal-hiponga-deixa-bebe-morrer-por-desnutricao-darwin-errou-o-alvo/

          Não estou dizendo que você disse isso (EU LI TODO O SEU TEXTO, E PROCUREI COMPREENDER TODOS OS SEUS ARGUMENTOS)

          Os fatos falam por si só.

          mas é que quando você menciona a seleção natural, você automaticamente supõe uma superioridade de espécies e que o ser humano deve comer animais por causa disso (e isso você não conseguiu disfarçar no texto).

          Bem, tem besouros carnívoros. Vai lá dar alfacinha pra eles. Mas vamos mudar o discurso para você não ficar triste “Oh, meu deus, temos um mundo bonzinho! Somos todos animaizinhos felizes numa grande floresta ajardinada com unicórnios e fadinhas. Uhuuuuuu”

          Felizinho agora?

          Você, ao pensar dessa maneira, exclui completamente a possibilidade de um ser humano ser vegano, já que para você ele é, naturalmente, escolhido como o supremo dos seres, e, esquece de todo contexto social e ético

          Contexto social e ético também refutados no texto. Se bem que com sua escrita de 3ª série não se pode esperar maiores entendimentos.

          ao simplesmente olhar para o mundo como uma grande natureza que ainda não teve impactos de nenhuma civilização, o que é uma visão muito errada.

          Vai lá na savana africana discutir ética com um leão.

          Terceiro: esse seu comentário infantil de que vegan e vagabundo é pleonasmo mostra um SENSO COMUM, o que é altamente contraditório com seu site “CETICISMO.NET”.

          Er… caguei?

          Sim, caguei.

          Que ceticismo é esse que, além de incoerente, possui pensamento crítico apenas em relação ao que lhe convém?!

          Que incoerência é essa que eu tenho quando você falou que me falta? Você não sabe nem construir frases e quer discutir ceticismo?

          Termino meu comentário dizendo para que você reveja alguns dos pontos de seu texto e, inclusive, seus pré-conceitos

          E se eu não o fizer o que você fará hein? Não, eu queria saber. Você fará um despacho, contratará um sniper, vai me stalkear, chamar uma alface-ninja para dar cabo de mim, colocará meu nome na boca do brócolis, me denunciará na Sociedade Protetora dos Boizinhos, aumentará o preço do bacon, mandará o Dick Vigarista e a Esquadrilha Abutre atrás de mim… Sim, eu quero saber. Anda Eu não vou rever nada no meu texto e você terá que entubar isso, princesa. Volta lá pro seio do Robinson e chore muito por lá, menininha. Vá chorar na sua cama que é lugar quente.

          você insiste tanto em dizer que vegano tem ideia já moldada, e que jamais entenderá as coisas, nem bioquímica, mas você acaba esquecendo de você.

          Eu entendo de bioquímica.

          Tem muitas contradições e ideias prontas em seu pensamento que não revelam um real “ceticismo” e pensamento crítico.

          Dito por um cara que me acusa de incoerente quando falou antes que me falta incoerência.

          Quando eu falo que vegans tê sérios problemas cognitivos por causa da desnutrição, me xingam.

          Ah, e não apague o comentário pois guardei o screenshot. Tchau e bái.

          Ah, preciso dizer que nem precisa tentar voltar pra responder?

    3. É amigo! assim como não podem dizer aos pacientes que não podem se alimentar de nada que venha de origem animal, somos omnívoros!!

    4. Fio, se forma no ensino fundamental e aprende a ler, porque em nenhum momento o texto fala que pessoas não podem ser vegetarianas.

    5. Cara só pelos erros de português que se vê no teu comentário já dá pra imaginar que para se formar em nutrição não é preciso de muita coisa rsrsrs Veganos são analfabetos. Todos, sem exceção.

    6. Veganildo, tens razão quanto a levar um processo. Mas a natureza está pouco se lixando para processos disciplinares. A formação em nutrição garante uma série de informações desatualizadas, nada mais. Desde que a humanidade começou a consumir mais carboidratos e diminui a ingestão de alimentos de origem animal, a morte por problemas cardíacos disparou, o diabetes tipo 2 está se tornando cada vez mais comum. Verifique os dados existentes.

      1. O Dr. Erick é um médico nutrologo super conceituado especializado em dietas vegetarianas na infância e na gravidez, além de ter vários livros e artigos publicados e você é o que mesmo?

        1. Dois mestrados e um doutorado. Vc é apenas mais uma que aceita qq falácia de autoridade, mesmo tendo muito mal o ensino médio, se tiver.

  24. Continuarei comendo carne, principalmente a branca. Porque acho gostosa. A contribuição do animal para a sociedade é essa. O mundo animal é assim, uns dominam, outros são dominados. Esses caras que não tem o que fazer daqui a pouco irão querer criar um direito que proteja até o mouse do computador, ou… sei lá.

        1. Provavelmente ele foi aluno número 1 da turma de ética e moral vegana e vegetariana do professor Robson Fernando, cuja primeira aula foi: Pastor Martin Luther King Jr., Malcolm X, Nelson Mandela, Rosa Parks, Jackie Robinson, Luís Gama de cu é rola. Aqui é Robson Fernando, porra!!!

      1. Verdade, o homem preto e um seleto grupo de animais da nossa época são comparáveis. Tem tudo a ver. A história é alusiva.

        1. Olha é esse tipo de argumento tirado do c* com pauzinho que me faz agarrar um asco de vegano e vegetariano! Defendem tanto o direito dos animais mas não se dão conta que a maioria dos animais é carnívoro (ao menos em seu habitat e vivendo “selvagens”). Além disso se ser vegano e vegetariano é sinônimo de IMC normal como é que vaca comendo só pasto pesa mais de meia tonelada? Cavalo come milho e pesa também meia tonelada!

        2. Então pra você a “ótima” desculpa pra comer carne é porque outros animais o fazem? me poupe,leões,jacarés e tigres por exemplo não tem noção de moral,eles comem carne pelos seus instintos,eles não PENSAM.Vai me dizer oq agora,que você também não pensa? Arrume um argumento descente.E não, veganismo e vegetarianismo não são sinônimos de IMC numa média saudável,até porque em muitos casos substituímos a gordura animal (manteiga e margarina,por ex.) por algum óleo vegetal,mas comparar o peso de uma pessoa com o de uma vaca só porque ambos não comem carne é deveras forçado.

        3. Nice try, filhota, mas, para quem quer fazer os outros pensar, sua escrita me deixou pensando só em como alfabetizá-la apropriadamente.

          Leia o artigo e os comentários, e não tire nenhuma conclusão antes disso. Estamos no aguardo.

        4. Me alfabetizar para que? Por acaso você é professor de português? kkk
          E depois desse seu “mas” aí não tem vírgula.
          Li muitíssimo bem o artigo,o meu comentário anterior é minha forma de pensar,minha opinião.É pra isso que os comentários servem ;)
          Posso não concordar com o que muita gente fala por aqui,mas isso não é motivo pra chamar os outros de analfabetos,ou falar com desdém.

        5. Tem, sim, senhora. Pode voltar para o colégio. Pode separar a palavra depois dos sinais de pontuação, também.

        6. Eu não sou vegan, nem vegetariano e, se um dia eu for argumentar contra eles, não vou usar histórinhas populares como argumento. Os animais herbívoros possuem em seu intestino protozoários que realizam a digestão da celulose, por isso eles engordam comendo vegetais. Já os animais que não são herbívoros são incapazes de realizar digestão da celulose, por isso os vegetais não são aproveitados por eles da mesma forma. Matéria do primeiro ano do ensino médio.

      2. Então talvez devamos criar leis para prender o leões e outros predadores. Ou quem sabe obriga-los a matar sem causar sofrimento.

  25. André, gostei muito do seu texto, me explanou muitas duvidas e agora posso comer carne com a consciência limpa e ainda de quebra acabar com os argumentos de alguns vegans/vegetarianos (Um dia vou entender bioquimica kkkkk -calouro de biotecnologia-)

    1. Dá uma lida na “resposta ao veganismo desmascarado” ;)

      Eu acho que temos muitos zumbis na terra se alimentando de vegetais e querendo convencer vcs a pararem de comer carne! Kkkkk… a questão não é se é mais ou menos saudável e sim se dá ou não pra ser vegan e ser saudável, sem precisar ser rico, sem explorar os animais q nao vieram ao mundo pra “contribuir” com nada pra gente, somos todos terráqueos, devemos desconstruir o especismo e nos ajudar ao máximo e não os explorar. Entra no grupo Veganismo lá no face e pergunta quantos são vegans há 10, 20, 30 e até mais anos… muita gente lá teve oportunidade inclusive de nascer vegan.

      1. Dá uma lida na “resposta ao veganismo desmascarado” ;)

        Eu li. Não assa de mimimi André do Ceticismo é feio. Cadê a quantidade de liks de publicações indexadas que nem eucoloquei aqui, hein?

        a questão não é se é mais ou menos saudável e sim se dá ou não pra ser vegan e ser saudável

        Com suplementação alimentar, sim.

        sem explorar os animais q nao vieram ao mundo pra “contribuir” com nada pra gente

        Mas na primeira barata que vc vir, pega logo o chinelo..

        somos todos terráqueos, devemos desconstruir o especismo e nos ajudar ao máximo e não os explorar.

        DIga isso a leões, hienas, focas taradas etc.

        Entra no grupo Veganismo lá no face

        Não, querida. Eu não uso Facebook. Eu leio publicações científicas, e não depoimento de gentinha retardada.

        1. Não vejo qual o problema em suplementar B12… grandes coisas. A ciência está aí pra isso mesmo.

          O vegan evita causar danos aos animais até onde puder… no caso da barata, aqui raramente aparece, pois minha casa é limpa. E, quando aparece, tento enxotar.

          Leões, hienas, focas taradas (wtf?) não são racionais. Nós somos, ao menos em tese, ao menos a maioria de nós.

          Ahn… e eu falei com o Murilo, não com vc. Mas já que vc respondeu, poderia me dizer o que faz uma pessoa se dedicar diariamente a agredir uma filosofia de vida e seus adeptos?

        2. Não vejo qual o problema em suplementar B12… grandes coisas. A ciência está aí pra isso mesmo.

          Mas ser vegan não é ser mais saudável? Que saúde é essa que se não tiver complementos o pessoal se ferra?

          O vegan evita causar danos aos animais até onde puder… no caso da barata, aqui raramente aparece, pois minha casa é limpa. E, quando aparece, tento enxotar.

          Vou fingir que acredito.

          Leões, hienas, focas taradas (wtf?) não são racionais. Nós somos, ao menos em tese, ao menos a maioria de nós.

          Mas o mundo natural não é lindinho e ético? É isso o que voces dizem. Sobre as focas: https://ceticismo.net/2014/11/18/mundo-tico-foca-fofinha-passa-o-rodo-em-pinguins-sexys/

          Ahn… e eu falei com o Murilo, não com vc.

          Bem, estou me lixando. Eu sou o dono do site.

          Mas já que vc respondeu, poderia me dizer o que faz uma pessoa se dedicar diariamente a agredir uma filosofia de vida e seus adeptos?

          Normalmente é isso o que os jihadistas fanáticos falam. Religiosos fanáticos falam sempre a mesma coisa. Que incrível!

        3. Ser vegan não é apenas ser mais saudável. Se fosse apenas isso que o veganismo defendesse, vc teria razão em questionar os suplementos. Saúde por saúde, pequenas porções de carne (magra) na semana é saudável tbm e ninguém inteligente nega. Porém, não é ético consumir enquanto se tem opções sintéticas de ganho desses componentes. E vcs costumam contestar isso como se vcs consumissem o recomendado e não um mundo de carne, de todos os tipos, inclusive (vide a intensa e insana produção da pecuária).

          Sobre a barata, vou facilitar pra vc: e as formigas? Matamos também, sem a menor culpa, pisamos sem ter certeza de que naquele espaço não tem formigas. Não espero que vc entenda, mas o que importa é que reconheçamos a função delas na natureza. Elas não são uma praga só pq não têm como nos satisfazer. Não nos divertimos matando bicho algum, respeitamos e, por isso, minimizamos o dano. É fato.

          A básica diferença entre vegans e grupos religiosos/terroristas é que não precisamos possuir “fé” em nada além da ciência e dos fatos, que estão aí para provar a senciência dos demais animais, que estão aí para nos possibilitar o estilo de vida vegan :) não cremos em entidades ou agimos de acordo com “x” mandamento. Tanto é que existem vegans e vegans. Jogar tudo numa panela é desonestidade sua. Não tenho culpa se algum vegan que não soube dialogar te disse que a natureza é ética, pois isso não faz o menor sentido. A ética vem da racionalidade.

          Tudo que o ideal vegano propõe é um estilo de vida sem exploração animal. Então, apenas buscamos coerência ao pensar e agir de acordo com a forma mais respeitosa possível ao meio em que vivemos. O resto é conversa.

        4. Ser vegan não é apenas ser mais saudável. Se fosse apenas isso que o veganismo defendesse, vc teria razão em questionar os suplementos.

          Vc está se referindo aos outros pontos que eu tb refutei no texto?

          Saúde por saúde, pequenas porções de carne (magra) na semana é saudável tbm e ninguém inteligente nega.

          Sim, negam: os vegans.

          Porém, não é ético consumir enquanto se tem opções sintéticas de ganho desses componentes.

          Ética… Ok, tb já refutei no texto. Lê lá.

          E vcs costumam contestar isso como se vcs consumissem o recomendado e não um mundo de carne, de todos os tipos, inclusive (vide a intensa e insana produção da pecuária).

          Deliciosos boizinhos! Nham! Nham!

          Sobre a barata, vou facilitar pra vc: e as formigas? Matamos também, sem a menor culpa, pisamos sem ter certeza de que naquele espaço não tem formigas.

          Formigas? Aqueles seres éticos que guerreiam, matam e escravizam?

          Não espero que vc entenda, mas o que importa é que reconheçamos a função delas na natureza.

          Natureza não tem função nenhuma, chuchu. Ela simplesmente existe.

          Elas não são uma praga só pq não têm como nos satisfazer.

          Formigas? São coisa pior ainda. Perguntem a vespas, besouros e formigas de outras colônias.

          Não nos divertimos matando bicho algum, respeitamos e, por isso, minimizamos o dano. É fato.

          Me dê um motivo para eu respeitar um futuro candidato a bacon. Se ser melodramática.

          A básica diferença entre vegans e grupos religiosos/terroristas é que não precisamos possuir “fé” em nada além da ciência e dos fatos

          O texto provou bem o contrário.

          que estão aí para provar a senciência dos demais animais

          Ok, eles são sencientes. So what? Posso matar quem não for senciente? Tipo, alguém em coma irreversível?

          não cremos em entidades ou agimos de acordo com “x” mandamento. Tanto é que existem vegans e vegans.

          Ainda não está refutando meus pontos.

          Jogar tudo numa panela é desonestidade sua.

          Entendi. Vc é vegan, mas não évegan escocesa.

          Não tenho culpa se algum vegan que não soube dialogar te disse que a natureza é ética, pois isso não faz o menor sentido. A ética vem da racionalidade.

          OU seja, vc está desconsiderando… o que? 99% dos seus amiguinhos vegans escoceses?

          Tudo que o ideal vegano propõe é um estilo de vida sem exploração animal. Então, apenas buscamos coerência ao pensar e agir de acordo com a forma mais respeitosa possível ao meio em que vivemos. O resto é conversa.

          Sabe seu queridos vegetais? Vcs exploram abelhas para que eles possam existir. Sabe as colheitas? Matam todo os tipos de roedores. Sabe os insetos? Agricultores usam agrotóxicos, inseticidas etc. Sem isso, o mundo não teria essa quantidade de pessoas.

        5. O fato de vcs não comerem animais,não impedem a morte dos mesmos. E as vitaminas B12 suplementadas são de origem animal. Então se vcs estão suplementando com vitamina B12. Estão entrando em contradição! Não existe vitamina B12 que não seja de origem animal. E mais fácil comer carne de uma vez.

        6. Querida você sofre de um problema que se chama: não entender o conceito de “ética”. Sugiro o dicionário Aurélio (aquele grande, com capa preta de couro…ops).

        7. Ainda bem que atualmente bactérias não são animais. Fosse alguns anos atrás ficaria bem difícil ser vegan.

        8. Quando vc precisa escolher entre sua sobrevivência ou a dos demais animais, vc não é especista em escolher por si. Isso é sobrevivência, não luxo, prazer, diversão. Aquilo que não é especista, é vegan :) e especista é vc, humano dotado de racionalidade, fazer escolhas para o seu bem prazer, em detrimento dos demais animais. Blz?

        9. Pronto,o hino dos Vegans agora é a música “Bichos Escrotos” dos Titãs.Vejam que declaração de amor aos bichinhos:”Bichos saiam dos lixos.Bichos escrotos saiam dos esgotos,bichos escrotos venham enfeitar,meu lar,meu jantar,meu nobre paladar”.Lindo não?Aquilo que nao é especista é vegan

        10. Quando vc precisa escolher entre sua sobrevivência ou a dos demais animais, vc não é especista em escolher por si. Isso é sobrevivência, não luxo, prazer, diversão.

          Você pintou o cabelo. Vc sabe de nde vem essa tintura e do grau de poluição que ela causou, matando espécies?

          Aquilo que não é especista, é vegan :)

          Abrace uma tarântula e dê beijinho nela.

          e especista é vc, humano dotado de racionalidade, fazer escolhas para o seu bem prazer, em detrimento dos demais animais. Blz?

          Chora não.

        11. Só uma pergunta se me permite! Mas e porque então tomar antibióticos e matar as pobres bactérias (que também são seres vivos) se elas afinal só estão se alimentando do seu corpo para poderem sobreviver?
          Pela tua lógica de todos os outros comentários há que ser dito também as bactérias são também especistas! Nossa que “lição” de ética e especismo tu me deste (#SQN).

        12. gênia: se você toma o suplemento tem que saber se ele foi testado em animais, como a vacina que evitou que vc tivesse poliomielite. também tem que ver se em alguma fase do processo industrial não se usou nenhum derivado. Na prática, se o algodão que fez o jaleco do pesquisador que testou foi transportado em uma mula…se o assento do carro que levou ele ao trabalho era de couro…se algum insumo na produção tiver origem animal seu argumento já era. O problema do veganismo e a razão pela qual o combatemos usando CIÊNCIA E/DE VERDADE, é que não passa de uma versão new age do fetiche da mercadoria. É só para ser grife. Um nicho de mercado em que igual uma religião existe uma fraude a ser vendida, um esperto a lucrar e vários bobos a fazer enormes sacrifícios inúteis que podem inclusive prejudicar terceiros. Nós todos iremos morrer, nós todos seremos devorados por outros seres, vermes ou lobos, te importa tanto? É especismo também. E não, você não vai para um lugar especial lindo e fofo depois que morre. Só vai inexistir. E aí tanto faz quem você comeu o quem te comia…hahahahhaha.

        13. Bobagem. Se algo foi testado em animais para validar a segurança em humanos foi perda de tempo. Quem acha que o modelo animal é adequado para o modelo humano tem um abacaxi enorme para lidar. Começando por refutar os periodicos listados aqui:

          Como assim o algodão do jaleco foi transportado por mula? Tem fontes de empresas que faz isso? É impressão minha ou isso é um argumento para veganos não protestarem contra os casacos de peles?

          Quais marcas de carros usam bancos de couro? Só existem bancos de couro?

          Serio que vc acha que é uma religião protestar contra o abuso de animais? Se eu e vc vamos morrer significa que devemos aceitar o abuso de animais na boa?

        14. Não jovem, tou dizendo que o número de fatores envolvidos na produção de qualquer coisa é tão vasto que é impossível em algum momento da cadeia de produção não ter tido o uso econômico de algum animal, seja o banco de couro, o algodão, o bife que o funcionário comeu, o leite que o alimentou …vcs ficam nessa religião vegangélica achando que por que um bichinho que tem um bit de memória morreu para virar suco de groselha quem toma esse suco é um pecador hipócrita que tem que morrer mas não estão nem aí quando a fabrica de alimentos veganos é dedetizada ou desinsetizada…não dá pra desinsetizar de modo light…tem que matar todas as formiguinhas miguxas e ácaros e demais seres microscópicos que vc não considera tão legais quanto o bichinho da groselha…quem definiu que esse bichinho não merece morrer mas o ácaro que vc acabou de matar merece?

        15. Se um animal morreu acidentalmente num processo de fabricação de um produto vegano vc acha que eu devo aceitar o abuso de animais? Seu argumento é infantil. Dizer que fatores acidentais legitima a agressão a animais para nos aproveitarmos deles.
          Se alguem estupra um animal e falar essa desculpa que vc acabou de dar, vc acha mesmo que eu devo aceitar de boa?

        16. Animais morrem para que você tenha eletricidade, remédios, vacinas, água potável…. Não é acidente, afinal, todos sabem que vidas estão sendo perdidas e nada fazem. Então, seja firme em seus valores, não tome banho, não use mais internet, espere que seu corpo se cure sozinho.

        17. típica resposta de quem precisa motivos pra não fazer nada… tipo, não posso acabar com a fome no mundo, por que darei um prato de comida a um morador de rua…

        18. Melhor ainda é você, com sua indignação seletiva: não podemos comer carne, mas, podemos fazer todas as outras atividades prejudiciais aos inúmeros ecossistemas globais, porque você caga e anda para o resto das atividades humanas, meu caro hipócrita.

          Operadores de colheitadeira matam muito mais animais que nossos camaradas que gostam de um churrasco. Mas, quem se importa?

        19. você que é um hipócrita, cínico e cretino…
          o que escrevi acima dá conta justamente desse teu pensamento tacanho
          e como já comentei também aqui, a ideia base do veganismo pode ser estendida para muito além dos animais não humanos e os desdobramentos são vários…
          Não é, porém, a salvação do mundo e nenhum vegano convicto ou pessoa informada afirmará isto como argumentação.

        20. Ah, cara!
          Para com essa ladainha de religião, fanatismo etc…
          Tu deve saber que cinismo e cretinice são nada mais que condições de um comportamento, assim como a hipocrisia.
          E todas estão presentes na maioria dos comentários.

        21. Possivelmente.
          E talvez nem sejam só exceções.
          E apesar de isto enfraquecer a causa, não a invalida.
          Por outro lado, há muito mais carnistas com argumento pífio do ‘direito’, embora o apelo do veganismo não seja a imposição, mas sim uma mudança de consciência.
          O tom do ‘artigo’ é vexatório.
          É igual ao suposto comportamento que critica e típico de uma onda reacionária que surge sempre que algum movimento começa a fazer barulho.

        22. Vc diz que é vexatório. Eu digo ‘chora, veganzinho. Todos os links de publicações científicas que coloquei não vão desaparecer porque vc não quer deixar a sua religiãozinha.

          Chora, chora muito.

        23. Essa tua necessidade de dizer “chora” e falar sempre em religião sugerem que nem você está suficientemente seguro de que essa retórica toda é eficiente.
          E se contradiz, quando diz que o texto refuta a ideia base do veganismo, mas acaba apelando para as supostas implicações de saúde.
          Volto a dizer: o apelo não é por saúde.
          Mas aliás, falando em choro, é o que mais fazem todo esse pessoal que se opõe aos movimentos de transformação. É assim com a luta contra homofobia, machismo, racismo e por aí vai.
          Apesar de cretinos como você, todos eles crescem e a cada dia ganham mais simpatia e apoio.
          E como o senhor só sabe andar em voltas, era isto.

        24. Essa tua necessidade de dizer “chora” e falar sempre em religião sugerem que nem você está suficientemente seguro de que essa retórica toda é eficiente.

          Mas não vi uma refutação. Só esperneio.

          E se contradiz, quando diz que o texto refuta a ideia base do veganismo, mas acaba apelando para as supostas implicações de saúde.

          Já que vocês dizem que quem come carne é um defunto ambiulante, vai ter câncer, espinhela caida etc. Basta ver os comentários nesta mesma página, proferida por gentinha vegan.

          Volto a dizer: o apelo não é por saúde.

          Tem a parte da ética. Tabém refutada.

          Mas aliás, falando em choro

          ,b>Viram como fogem e não responde?

          é o que mais fazem todo esse pessoal que se opõe aos movimentos de transformação.

          Mas cadê a refutação do artigo?

          É assim com a luta contra homofobia, machismo, racismo e por aí vai.

          Sim. Veganismo tem tudo a ver com Martin Luther King.

          Apesar de cretinos como você, todos eles crescem e a cada dia ganham mais simpatia e apoio.

          Adeptos da Universal e homens-bomba também. Apelo ao número e non-sequitur não fará a proposição vegan ser menos retardada

          E como o senhor só sabe andar em voltas, era isto.

          Mas cadê a refutação de cada linha do meu artigo?

        25. você que é um hipócrita, cínico e cretino…

          CONTA TUDO PRA SUA MÃE, QUICO!!!

          o que escrevi acima dá conta justamente desse teu pensamento tacanho

          O seu não é em nada diferente: já rebatemos esses mesmos argumentos há mais de um ano, isso contando apenas o período que o Disqus passou a ser usado para gerenciar os comentários daqui. Quando eu cheguei neste site, lá pelos idos de 2010, a thread já era quilométrica.

          e como já comentei também aqui, a ideia base do veganismo pode ser estendida para muito além dos animais não humanos e os desdobramentos são vários…

          Liste-os, ou seu argumento vira falácia.

          Não é, porém, a salvação do mundo e nenhum vegano convicto ou pessoa informada afirmará isto como argumentação.

          Não é, porém, a salvação do mundo e nenhum cristão convicto ou pessoa informada afirmará isto como argumentação.

          Não é, porém, a salvação do mundo e nenhum anarcocapitalista convicto ou pessoa informada afirmará isto como argumentação.

          Não é, porém, a salvação do mundo e nenhum comunista convicto ou pessoa informada afirmará isto como argumentação.

          Não é, porém, a salvação do mundo e nenhum islâmico convicto ou pessoa informada afirmará isto como argumentação.

        26. Discordo e não vejo relação alguma. É uma questão de ser firme no que se defende. Quer ser vegano/vegetariano, que seja. Fiquem a vontade. Mas sem essa de façam o que eu digo, só não façam o que eu faço. Isso é irritante. Hipocrisia é irritante. Que usem outros argumentos, mas nunca esses cheios de falso moralismo.

        27. o problema de conversar com carnistas é esse: só veem o seu direito de fazer o que quiserem, ao ponto de fantasiar totalmente um comentário simples como o que fiz acima…

        28. O que é um “carnista”? Alguém que vive em busca dos prêmios do Carnê do Baú?

        29. Tem coisas que é melhor nem se preocupar em responder. Seria como jogar pérolas aos porcos. Esse povo mente fechada nunca vão aceitar que todos somos iguais, homens e animais. Dividimos o mesmo planeta e deveríamos respeitar uns aos outros

      2. Ser vegano é trocar a morte direta; e por isso com o abate controlado – que pode ser mais indolor; por mortes indiretas por envenenamento, asfixia e fogo.

        Um bom exemplo vegano não come mel pra não “explorar as abelhas” mas substitui por melaço de cana que para ser produzido deve haver plantações de cana-de-açúcar que usam de defensivos agrícolas e na fase da colheita coloca fogo no canavial. Já imaginou quantos animais morrem nesse processo?

        1. O abate controlado não é mais indolor, pois os animais nasceram para isso e durante toda a sua vida são confinados para isso. Não tem nada de indolor em viver num campo de concentração.

          Melaço não é a única opção que substitui o mel, existem outras, como a glucose. Mas, mesmo assim, a pecuária, de longe, degrada muito mais do que a produção do melaço. Ou vc acha que não há queimadas em sistemas de agricultura destinada à Pecuária? Anos e anos de produção de toneladas e toneladas de grãos para o animal comer até, finalmente, ser abatido, para servir de alimento para poucas pessoas, umas 100 numa semana.

          Se os malefícios ambientais dos consumos de animais fossem questionáveis, existiria movimento ecológico defendendo a manutenção das práticas covardes de exploração aos animais. No entanto, nunca vi um grupo assim.

        2. “O abate controlado não é mais indolor, pois os animais nasceram para
          isso e durante toda a sua vida são confinados para isso. Não tem nada de
          indolor em viver num campo de concentração.”

          Você está supondo que as fazendas são campo de concentração? Não sei como é na Europa ou outro lugar porque eu nunca fui lá. mas aqui no Tocantins onde eu moro já vi muito boi – eles vivem sossegados, não são torturados diariamente como os videos vegan falam. Eles não sabem que vão ser abatidos porque não adivinham o futuro. Logo, não se preocupam com isso.

          “Melaço não é a única opção que substitui o mel, existem outras, como a glucose”

          Mas todas envolvem a morte indireta de algum animal. Já que envolve plantar cana, milho ou outra cultura qualquer.

          “Mas, mesmo assim, a pecuária, de longe, degrada muito mais do que a produção do melaço”

          E o que a pecuária tem a ver com mel? Eu dei o exemplo do mel por ser mais simples.

          “Anos e anos de produção de toneladas e toneladas de grãos para o animal comer até, finalmente, ser abatido, para servir de alimento para poucas
          pessoas, umas 100 numa semana.”

          O animal que eu como se alimenta de capim, não precisa de nenhum grão. Quanto a produção, o jeito mais ecologicamente viável de produzir alimentos para os milhões de pessoas que existem no país é a Integração Lavoura Pecuária. Já que se interessa pelo aluno, eu indico a você pesquisa sobre essa integração.

          “Se os malefícios ambientais dos consumos de animais fossem questionáveis, existiria movimento ecológico defendendo a manutenção das práticas covardes de exploração aos animais. ”

          O Greenpeace você conhece? Veja a posição deles:

          http://www.greenpeace.org/brasil/pt/Noticias/Acordo-de-Gado-dando-nome-aos-bois/

        3. Ah é, o grande Greenpeace. Tinha esquecido sua existência, obrigada por lembrar. Então tá certo. No final das contas, tudo mata, destrói os animais, então vamos escravizar, explorar, matar e comer todos os bichos sem nos preocupar! Afinal, os bois, vacas, bezerros, porcos e o que mais que existe na natureza e exploramos sequer notam o que fazemos a eles, são todos felizes de acordo com nosso julgamento humano umbiguista de sofrimento. E vegans certamente são todos surtados em pensar que isso degrada o ambiente, imagina! Mais benéfico, não há!

          -sqn

          http://portugalmundial.com/2014/03/onu-recomenda-mudanca-global-para-dieta-sem-carne-e-sem-laticinios/

        4. Como o André previu, seus argumentos caíram pro melodrama. Não dá pra justificar o veganismo de uma maneira objetiva?

          O greenpeace, a WWF
          http://www.wwf.org.br/natureza_brasileira/areas_prioritarias/pantanal/nossas_solucoes_no_pantanal/desenvolvimento_sustentavel_no_pantanal/pecuaria_sustentavel_no_pantanal/

          A PETA
          http://www.lapbov.com.br/web/index.php?pag=noticia&id_noticia=2289&id_menu=32

          E você dizendo que não existe nenhum “movimento ecológico defendendo a manutenção das práticas covardes de exploração aos animais.” (sic)

          Será que todas essas organizações são do mal, só as vegans que são éticas???

          E a ONU é uma organização política, seus documentos não são científicos. Quer ver periódicos científicos sobre pecuária e sustentabilidade?

          Clique para acessar o capitulo_30.pdf

          Clique para acessar o 21.pdf

          Clique para acessar o a06v33n1.pdf

          Clique para acessar o v42n6a15.pdf

        5. “Quando vc precisa escolher entre sua sobrevivência ou a dos demais animais, vc não é especista em escolher por si.”
          Você não precisa escolher usar celular, tablet, modem, wi-fi, computador, monitor, microondas, ventilador, ar condicionado, livros, revistas, carro, trem, metro, etc para sobreviver. Mas você escolhe, mesmo que a energia necessária para isso mate porrilhões de insetos, mamíferos, peixes, etc.
          Isso é luxo. Não sobrevivência.

        6. Caraca. Tá difícil achar a fonte dessa declaração da ONU hein. Só acho Ctrl C / Ctrl V de sites vegans.

        7. uma coisa é maltratar outra é abater para consumo simples assim,isso se chama cadeia alimentar…daqui a pouco vão descobrir que os vegetais sentem dor ai ferrou com tudo..kkkk

        8. Agredir um animal para se aproveitar dele não é maltrato?

          Participamos dessa cadeia alimentar artificial se quisermos. Não somos obrigados a participar dela para manter o equilibrio ecologico. Se alimentar de animais está fazendo o desequilibrio da cadeia alimentar. Alguns dados para vc estudar:

        9. Husahusahs. Com certeza um touro de cobertura numa fazenda, vive mais feliz que um poodle ,do Jardins, que é tratado como um bebê! As pessoas insistem em retirar a “identidade” do animal( tornar um animal carnívoro em herbívoros, ou melhor, vegan)
          Tratar um cachorro como criança, vamos experimentar tratar um ser humano como cachorro ;)
          Cada uma…

        10. que besteira esses veganos ficam com pena do animal que vai sentir dor…o leão vai ser castigado por matar um monte de animal na africa…quanta falta de lógica

        11. Nossa.. referenciando o leão como um modelo ético. Se alguem referenciar leões para cometer infanticidio vc defenderia tambem o infanticidio?

        12. Moça a senhora sabe que nós humanos somos também grandes responsáveis por desmatamentos e verdadeiras catástrofes ambientais ao “invadirmos” florestas, matas, zonas ribeirinhas, etc… para podermos construir nossas casas? Somos inclusive responsáveis até pela destruição de ecossistemas inteiros!
          De acordo com o veganismo o que a senhora sugere que façamos a respeito disso?

        13. Prove que em todo o processo de criação até o final do abate o animal tem 0% de sofrimento ou stress.
          E tambem prove que o animal não tem vontade de permanecer vivo.

        14. Cara, a gente provoca morte e sofrimento em animais, todos nós veganos ou não. Aceite isso!

        15. Ué? Não é vc que se preocupa em se basear na literatura cientifica? Pensei que vc tivesse comprovação do que vc fala. Mas pelo visto é mera crendice mesmo da sua ideologia de exploração animal.

          A gente provoca morte e sofrimento aos animais? Aceito isso faz tempo. E a novidade? Certamente que mesmo sendo veganos inevitavelmente provocamos morte e sofrimento em animais. A diferença amigão é que vc agride os animais com o proposito de se aproveitar deles. Veganos não agridem os animais com o proposito de se aproveitar deles. Se ocorre uma agressão pode ser por legitima defesa ou acidente. Vc colocar essas duas formas de agressão como se fosse a mesma coisa. Isso é desonestidade intelectual.

          Se todos inevitavelmente matamos animais, logo veganos deveriam aceitar todo tipo de abuso animal?

        16. ” Se ocorre uma agressão pode ser por legitima defesa ou acidente. Vc
          colocar essas duas formas de agressão como se fosse a mesma coisa. Isso é
          desonestidade intelectual.”

          ESSE é o ponto! Quando você escolhe ir a algum lugar de carro ou ônibus, no lugar de usar bicicleta ou quando você compra algum eletrônico, está financiando o abuso de animais e isso não é legítima defesa e nem acidente, é um conforto da vida moderna.

        17. Responda minha pergunta. Não fuja. Se todos inevitavelmente matamos animais, logo veganos deveriam aceitar todo tipo de abuso animal?

        18. Não. Ninguém precisa aceitar o abuso desncessário e cruel de animais, mas todos utilizamos de recursos que foram gerados pela morte de animais (lembrando que venenos, por exemplo, não é acidente e nem legitima defesa) e por isso ninguém tem moral de falar das mortes que os outros povocam.

        19. Qual acidente ocorre quando você escolhe comprar um iTreco sabendo que a fabricação dele causa a morte de inúmeros animais?

        20. Prove que no processo de produção do seu computador ou qualquer item industrializado que NÃO é necessário para sua sobrevivência, nenhum animal é morto (te garanto que MILHARES são).

  26. Cara, eu já li seu texto, mas vc não conhece o veganismo ou não entende, francamente.

    Troquem “veganismo” por “Bíblia” e vejam que engraçado.

    Vc refuta atitudes de muitos que tbm não conhecem bem e decidem ser vegans mesmo assim (90% new vegans).

    São vegans escoceses.

    Têm também outros que querem defender que o veganismo é o melhor em tudo isoladamente (a melhor dieta, a melhor opção ecológica, etc), enquanto que, na verdade, não importa se ser vegan é a melhor forma de economizar água, de reduzir

    desmatamento ou de prezar pela sua saúde; o que importa é que vc faz tudo isso de uma vez só quando é vegan. Hehehe.

    VCocê sabe que quem mais consome [agua é o gronegócio, né? Não, não sabe. Você sabe que agricultura também gera desmatamento e empobrecimento do solo, não sabe? Não, não sabe. Passarei a lhe chamar “John Snow”.

    Relativizar a ética é especismo. Vc consegue contra-argumentar a resposta do veganagente sobre a parte da ética (print 5)?

    No texto.

    Se vc relativiza os Direitos dos Animais, deve relativizar tbm os Direitos Humanos. É assim?

    Animais têm direitos. Vá em qualquer abatedouro visitado pela ANVISA. Ah, desculpe, vc não irá. Oh, meu deus, os animaizinhos. Melhor mesmo é o bando de gentinha indo salvar os queridos beagles, para depoiis vendê-los ou soltarem no mundo, jogando anos de pesquisa no lixo. E o direito das pessoas que precisam dos medicamentos? MImimi, o boizinho lindo. Aham, sei. Barata cascuda, não. Chinelo nela!

    Vc repete raciocínio já contestados.

    Contestar não é refutar. Principalmente sem provas ou embasamentos, John Snow.

    Eu não disse que a natureza tem função, muito menos que os animais, seres que devemos respeitar, são éticos.

    Ok, a Natureza não é linda. Eu não preciso ser com erva daninha nem gafanhotos.

    Lembra que nós é quem somos dotados de racionalidade? Então, devemos respeitá-los por empatia, assim como se aboliu a escravidão por

    reconhecer que os negros possuem direitos.

    Nope. Aboliu-se a escravidão por outros motivos. Coisa que quem estuda sabe bem, John Snow. :)

    Pessoas em coma, depois de certo tempo, podem ter seus aparelhos desligados, se a família

    assim autorizar. Então, é. A senciência é um argumento.

    Ou seja, a pessoa em coma n]ão sabe nada do que está acontecendo. Logo, podemos dispô-los como bem quisermos. Esse é seu argumento.

    Ah, os meus vegetais… vc caiu nessa. Bem, os que financio servem para me alimentar

    Vc paga bolsa de estudos para vegetais? Interessante…

    ao contrário de 90% dos seus vegetais (que é em quantidade muito maior que os meus vegetais, vale lembrar), que servem para alimentar os escravos cuja engorda e morte vc patrocina.

    MUAAAAAAAAAAAHAHUSHAUHSAUHSAHAHAHAHAHHAAH

    BTW, eu não sou dono de capim. :)

    1. Quando eu compro vegetais, financio os pequenos agricultores a plantar mais e eventualmente as empresas a continuar revendendo para que eu volte a consumir. Quando vc compra a carne, vc está financiando a empresa, que usará sua grana pra plantar (vegetal pra caramba) para alimentar mais animais e matá-los para produzir a carne que vc voltará a comprar.

      Pfff… troque “Bíblia” por “Capitalismo”. Vc acha engraçado? Em todo canto há divergências, não é apenas na bíblia. Não existe um único conceito de veganismo, nem um único conceito de capitalismo, ou de exploração, nem nada. O capitalismo é posto em prática, mesmo havendo diversas questões divergentes dentro dele. Só otário cai nessa sua comparação de “veganismo” com “bíblia” para insinuar que o primeiro é uma crença ilusória. Não existe um “manual vegan” cuja interpretação seja dúbia; existem estudiosos (profissionais, pesquisadores, mestres, doutores) que constroem acerca dessa ideal. E tem que ser mais otário ainda para acreditar nos seus argumentos que se baseiam em aspectos contestáveis do veganismo, como se quem não fosse como vc exemplifica pra “refutar”, não pudesse ser vegan. Vc não me refutou.

      Aqui em Recife, onde moro, existem diversos abatedouros. Sei onde ficam, mas não fui em nenhum, porque pra mim não há a menor necessidade. Não faz muita diferença se os animais morrem ao som de música clássica ou como se estivessem em rituais religiosos, sabe pq? Pq eu não sou especista.

      Infelizmente, vc tem todo o direito de ser especista, pois não há leis que te proíbam. Por que não assume que é? Se alguns animais que vc adora nos comparar fossem dotados de racionalidade e, mesmo tendo como controlar a degradação das outras espécies e do meio ambiente, permanecessem degradando como se fossem irracionais, eles tbm seriam especistas. Vc precisa de um motivo para respeitar “o futuro bacon”, vc acha necessário promover curas às enfermidades da nossa espécie em detrimento das outras, tudo que vc pergunta é: “e por que não?”. Eu te pergunto: E por que sim? Por que se alimentar de animais quando pode não se alimentar e ser saudável? Por que usar animais em testes, quando as doenças são nossas e não deles?

      1. Quando eu compro vegetais, financio os pequenos agricultores a plantar mais e eventualmente as empresas a continuar revendendo para que eu volte a consumir.

        Foi isso que te contaram, né?

        Quando vc compra a carne, vc está financiando a empresa, que usará sua grana pra plantar (vegetal pra caramba) para alimentar mais animais e matá-los para produzir a carne que vc voltará a comprar.

        Leia o artigo. Ninguém planta vegetais ou o boinão dá lucro filhota. Informe-se. De preferência, não em site vegan.

        E outra: É CLARO que o dinheiro que eu pago para o açoiugue será revertido em compraqr mais carne. Qualquer coisa que vc compra de um lojista ou fabricante é revertido em produzir mais produtos para a venda, separando-se o lucro para o dono.

        Pfff… troque “Bíblia” por “Capitalismo”. Vc acha engraçado?

        Ninguém transformou capitalismo em religião.

        Em todo canto há divergências, não é apenas na bíblia.

        Creio que vc não entendeu.

        Não existe um único conceito de veganismo, nem um único conceito de capitalismo, ou de exploração, nem nada.

        Sim. Existe o seu veganismo e os veganismos escoceses.

        O capitalismo é posto em prática, mesmo havendo diversas questões divergentes dentro dele.

        Vc não entende de nutrição, plantio, bioquímica e muito menos economia. Pára que vc tá passando vergonha.

        Só otário cai nessa sua comparação de “veganismo” com “bíblia” para insinuar que o primeiro é uma crença ilusória.

        Cof… Cof… Cof…

        Não existe um “manual vegan” cuja interpretação seja dúbia; existem estudiosos (profissionais, pesquisadores, mestres, doutores) que constroem acerca dessa ideal.

        Aqueles que não publicam em periódicos indexados?

        E tem que ser mais otário ainda para acreditar nos seus argumentos que se baseiam em aspectos contestáveis do veganismo, como se quem não fosse como vc exemplifica pra “refutar”, não pudesse ser vegan. Vc não me refutou.

        O texto todo é a refutação. Vc só fez mimimi.

        Aqui em Recife, onde moro, existem diversos abatedouros. Sei onde ficam, mas não fui em nenhum, porque pra mim não há a menor necessidade.

        Case closed. Seu conhecimento é “vi num site vegan bunitim…”

        Não faz muita diferença se os animais morrem ao som de música clássica ou como se estivessem em rituais religiosos, sabe pq? Pq eu não sou especista.

        É, sim. Vc não abraça um lagrtão e nem se importa em passar inseticida pela casa.

        Infelizmente, vc tem todo o direito de ser especista, pois não há leis que te proíbam.

        O choro é livre!

        Por que não assume que é?

        Snif! Snif!

        Se alguns animais que vc adora nos comparar fossem dotados de racionalidade e, mesmo tendo como controlar a degradação das outras espécies e do meio ambiente, permanecessem degradando como se fossem irracionais, eles tbm seriam especistas.

        Em sua fanática mente vegan, esta sentença acima deve fazer sentido, né?

        Vc precisa de um motivo para respeitar “o futuro bacon”, vc acha necessário promover curas às enfermidades da nossa espécie em detrimento das outras, tudo que vc pergunta é: “e por que não?”. Eu te pergunto: E por que sim?

        Vc está respondendo uma pergunta com outra pergunta. Sinal quenão sabe responder.

        Por que se alimentar de animais quando pode não se alimentar e ser saudável?

        Refutado no texto.

        Por que usar animais em testes, quando as doenças são nossas e não deles?

        Tenha 5 filhos e doe-os para fazermos testes. Quem sabe você mesma? Um coelho, bilhões de vidas salvas. Se vc acha errado, rasgue suas roupas, vá morar numa savana africana, na floresta amazônica e em qualquer outro habitat sem uma única peça mais tecnológica que uma pedra. Renuncie à ciência. Renuncie ao seu estilo de vida, minha cara hipócrita. Mas vc etá vivinha aí graças à experimentação animal, mesmo vc não merecer. Quando você precisar, proficionais médicos usarão toda a CIÊNCIA para salvar a sua vida, graças ao coehinho (se eu fosse como tu) ter sido usado como experimentos. Médicos não irão querer sabver que você é uma ridícula ingrata, eles salvarão a sua vida, enquanto que abraçadores de árvores e gente escrota que destrói laboratórios de pesquisa estarão enchendo a bunda de suplementos alimentares, cagando e andando para você.

        Então, quando você estiver na savana, mostrando o dedo médio pra tudo o que a Humanidade produziu, um leão ético estará chegando por trás de você.

        Afinal, se vc é melodramática, eu também posso ser. Quebre seu computador imediatamente. Vc não merece viver entre os seres humanos.

  27. sabe o que eu penso que essa historia de vegetarianismo é coisa de gente de país de alto IDH será que em Bangladesh tem esses chatões com esse papinho vegan se eu estiver escrevendo besteira pode me xingar o quanto você quiser andré kkkkkkkkk

  28. É impressão minha ou veganos não tem coerencia de reclamar de abatedouros ou touradas porque matam mosquitos da dengue por legitima defesa?

    1. Mosquito não infectado não transmite dengue. Então eles não podem matá-lo sem fazer um exame laboratorial no bicho antes. Matá-los sem o resultado do exame não é legítima defesa.

        1. Gente, e os ácaros? Quantas centenas de ácaros esses vegans matam quando sentam na poltrona ou caminham pela sala????? Que especismo é esse? Defender os mosquitos e esquecer os pobres ácaros? É sempre assim, “ética, pelos animais, earthlings, nina rosa”…mas na hora da barata é SADDAM STYLE BAYGON.

      1. Se formos pelo seu raciocinio, um latrocida conhecido carrega uma arma e ameaça tirar a vida do vegano. Então o vegano só poderia agir em legitima defesa e matar o latrocida se constatasse que a arma está carregada. Ok. [J]enio. Agora vai lá ver o que é a definição de veganismo.

        1. Mosquitos têm a intenção de nos matar, quando vêm se alimentar do nosso sangue?

        2. O mosquito não tem intenção de matar mesmo. Mas o resultado é o mesmo.em ambos. Se não reage a potencial ameaça pode perder a vida facil. Tu pensa que a vida é um video-game? Vai dizer pra um policial humanista pra não atirar em um bandindo que aponta uma arma pra ele sem antes o policial verificar se a arma do bandido está sem munição ou se a arma é de brinquedo, vai. Chamar o policial humanista ou o vegano de hipocrita é facil né?

        3. Estou me sentindo no meio do milharal. Só espantalhos.

          O ponto não é o resultado da ação, mas a sua necessidade estrita. O mosquito precisa picar para sobreviver, da mesma maneira que nós precisamos lidar (leia matar, ou escravizar, ou o que você preferir) com os animais pela mesma razão. Pergunte às formigas se elas dispensam fazê-lo. Questione também quantos medicamentos existem por causa da pesquisa com animais, ou quantos animais são mortos pela agricultura, em qualquer escala. E olhe bem, estou mencionando só animais: há toda uma sorte de Reinos e Filos de seres vivos que atrapalham só essa atividade humana.

          Pago para ver o próximo espantalho passar pela moderação.

    2. Ah tá, quer dizer que o único animal que os veganos provocam a morte são os mosquitos. Vocês usam papel, andam de carro ou ônibus, vacinam a si mesmo e os seus filhos, utilizam qualquer coisa com energia elétrica, tomam remédios, assistem filmes no cinema, comem alimentos comprados no supermercado e fazem muitas outras atividades que provocam morte e sofrimento de animal, e vem me falar que só matam mosquito de dengue?

      1. Em outras palavras.. veganos não podem reclamar do abuso de animais em rodeios se matam animais acidentalmente ou por legitima defesa.

        1. Me diga uma só atividade humana que não interfira com a natureza em grau nenhum.

        2. Opa! Vegano inevitavelmente mata animais! Não reclamem se eu tacar fogo num cachorro, veganos hipocritas! Se vcs matam pq eu tb não posso matar!? E assim o cara legitima todo tipo de crueldade com os animais.. Parabens.

        3. Todas interferem. Agora me diga uma atividade humana que legitima o abuso de animais.

        4. Que tal as pesquisas científicas? Faço minhas as palavras do Dr. André: doe seus filhos para a pesquisa, pois ela é estritamente necessária.

        5. Vegans usam smartphones? Então estão financiando a morte de gorilas e elefantes no Congo:

          http://www.anda.jor.br/21/06/2012/minas-de-coltan-mataram-maioria-dos-elefantes-e-gorilas-do-congo

          Vegans usam papel? Então financiam a morte de ecossistemas inteiros devido a monocultura de pinhos:

          https://blogdoquintiere.wordpress.com/2012/11/13/impactos-ambientais-a-industria-de-papel-e-celulose/

          Veganos andam de carro? Então financiam a morte e animais queimados:

          http://www.grupocultivar.com.br/site/content/artigos/artigos.php?id=983

          A lista de coisas boicotáveis que os veganos utilizam que gera a morte de animais é extensa, se eu continuasse podia ficar horas só juntando links.

          A questão não é “poder reclamar ou não”, voc?s podem reclamar do que quiserem, a questão é que chamar as pessoas que comem animais de assassinos é uma falácia, vocês geram a morte de animais também uma vez que nao quebraram o Contrato Social e vivem nas cidades.

        6. Os danos ambientais feitos pelos veganos de se usar eletronicos vão alem do que vc falou. Tem os produtos quimicos da mineração que contamina lençoes freaticos, lixo eletronico, usinas hidreletricas para alimentar esses eletronicos. Os impactos ambientais são coisas obvias. Se quer uma lista dos impactos ambientais dos veganos falasse antes que eu mesmo dava os links para vc. Já tenho separado uma ruma por aqui que me mandaram e que eu catei.

          Caro, aprende o que é tu quoque antes de falar de falacia pois é o que tu acabou de fazer.

          Quem apoia a tourada, rodeio, vaquejada, rinha, sacrificios religiosos, tacar fogo em cachorros, vem com esse mesmo papo para fazer outros de trouxa, que se veganos matam animais, então todo tipo de barbarie estaria legitimada de se fazer aos animais. Que moral tem os veganos para reclamar de crucificar gatos e mata-los já que os proprios inevitavelmente matam os animais?? putz..
          Presta atenção na definição de veganismo antes de fazer espantalho. Ingenuamente o cara fala isso e espera que o abuso de animais deixe de ser criticado.

        7. Eu nunca defendi touradas ou sacrifícios desnecessários, logo você usou uma falácia do espantalho!

          Meu argumento é que os veganos chamam quem come carne de assassino injustamente,a premissa deles é que se comem carne estão financiando a morte dos animais, logo eles são assassinos e eu que não como carne não sou assassino. Essa premissa é falsa, pois os veganos não financiam a pecuária mas financiam outras atividades igualmente prejudiciais, ou até mesmo piores como o link da ANDA que botei mostra.

          A definição de veganismo, segundo a sociedade vegana britânica é “Veganismo é uma forma de vida que exclui todas as formas de exploração e crueldade contra o reino animal. Inclui o respeito por todas formas de vida. Isto se aplica no uso da prática de viver somente de produtos derivados do mundo vegetal”

          http://www.syntonia.com/textos/textosecologia/afilosofiadoveganismo1.htm

          Então, a sociedade vegana britânica (que criou o termo veganismo) que mente ao dizer:

          1. Respeita todas a s formas de vida: uma vez que vegetais, algas, fungos e bactérias são formas de vida;

          2. Não exclui todas as formas de exploração animal, só fariam isso se eles mesmo plantassem sua comida, fizesse suas roupas e andasse a pé (uma vez que tanto a exploração de petróleo quanto a de cana de açúcar gera morte de animais, e usar cavalos nem pensar)!

          Então, não usei a falácia de espantalho porque não inventei fato e não foi tu quoque os veganos não cumprem sua própria filosofia.

        8. Meu caro. Aprende a ir no proprio site de quem cunhou o termo ao invés de ir em blog.

          http://www.vegansociety.com/try-vegan/definition-veganism

          Discuta isso ao invés de fazer espantalho.

          Colocar que o vegano mata animais e por isso ele não pode reclamar de quem explora animais, é motivo para “legitimar” qualquer coisa. Há alguma atividade humana que não interfere na natureza? Não? Então o vegano não tem moral de reclamar da exploração animal. Se ele reclama de tourada, ele é hipocrita pois mata animais. Os veganos não financiam a tourada, mas financiam outras praticas que matam animais. Logo não faz sentido veganos serem contra a exploração de animais.
          Putz.. que maluquice esse raciocinio. Troca a palavra pecuaria por qualquer outra atividade de exploração. Talvez seja mais facil pra tu perceber tua falacia.

        9. Não compreendo como a defesa de atividades essenciais à humanidade é automaticamente vinculada à legitimação de tortura e crueldade.

          Se isso não é espantalho, não sei o que é.

        10. Prove que é essencial comermos animais para sermos saudaveis. Que periodico fala isso?

        11. Não vejo maluquice nenhuma no raciocínio. Eu não exploro animais, só compro comida de quem explora, assim como os veganos que compram alimentos de quem envenena animais. É difícil entender isso? Todos estamos no mesmo barco, dependemos da morte de outros animais pra viver, você querendo ou não!

          E por falar em espantalho, quem está defendendo tourada? Eu defendo matar pra comer e produzir alguma matéria prima. Não escrevi um parágrafo sobre touradas ou rodeios, por que você vive repetindo isso?

          Se matamos e exploramos animais é por necessidade; não precisamos legitimar nada, assim como uma aranha mata uma mosca e não precisa se justificar; um pássaro mata uma aranha; uma cobra mata um pássaro; um gavião mata uma cobra. É a vida.

        12. Eu defendi abuso de animais onde, mesmo?

          Se eu tiver defendido, peço meu banimento sumário à moderação. Se não, tu quoque é cabeça da minha trolha.

          Eu perguntei se alguma atividade humana não interfere na natureza em nenhum grau. Não dei desculpa para tortura ou assassinato. Você usou de espantalho, sim senhor. Converse feito gente, ou vá ser pombo enxadrista em outro lugar.

        13. Ah, Entendi. Comer um ovo não fecundado não pode, mas matar porrilhões de insetos pode. E para um vegan não ser um hipócrita ele deve se divertir tanto quanto um puritano na idade média.

        14. Eu defendi crueldade contra animais onde, mesmo?

          Estou vendo que o veganismo está às portas de se tornar uma religião de fato: até exegese está fazendo!

          Ainda estou aguardando a resposta: como você vai fazer qualquer das atividades essenciais à humanidade sem interferir na natureza em grau nenhum?

        15. Vocês vão ficar mesmo nessa lenga-lenga, e fugir da verdadeira questão que é o fato dos veganos se sentirem superiores por não se alimentarem de animais, porém indiretamente animais são mortos para que eles se alimentem?

        16. Por mim, eles podem se achar superiores o quanto quiserem. Isso só prova que são cada vez mais parecidos com religiosos fanáticos.

          Bom senso, aquela moeda pouco valorizada, sozinho, aniquila toda a argumentação desse cabra.

  29. Se veganos inevitavelmente matam animais nas colheitas, logo não tem moral de reclamar de quem mata cachorros para comer ou de tribos canibais. Que bela logica.

    1. Meu filho não se cansa de apanhar? Ainda não entendeu o que é um espantalho?

      (Dr. André deve estar se reconfortando em sua cadeira de balanço, e se refestelando com suas pipocas, para permitir que tal tosqueira passar pelo seu crivo.)

      1. Ele não cansa não, nem vai cansar, nem seus amiguinhos…

        Once you start down the dark path, forever will it dominate your destiny.

        Se vcs trocarem Dark por Vegan dá no mesmo… Infelizmente…

    2. Aff, você vai repetir isso ad eternum? Já vi veganos com argumentos melhores.

      1. Vocês podem reclamar do que quiserem, mas não muda o fato de que também matam MILHARES de animais, não só nas colheitas como mostrei nos links acima, usar a internet, smarthphone, videogames, papel, remédios, gasolina, etanol, eletricidade e muitos outros confortos são evitáveis e geram morte!

      2. Chineses e outros povos comem cachorros, você acha que é superior a eles porque não come? Estude um pouco de antropologia pra entender que não existe cultura superior. A mesma coisa pra tribos canibais (embora isso seja uma falácia de falsa analogia, pois matar pessoas é diferente de matar outros animais)!

      1. Nós já batemos o prego no caixão desse argumento. Deixa o projeto de vegano aí, sapateando e saracoteando. Vou acompanhar o Dr. André em suas pipocas, se ele me permitir.

      2. O argumento do vídeo pode incluir vídeo games. Jogos educativos estão sendo ótimas ferramentas educacionais. Em certos aspectos até melhores que livros. E sua conversa fiada sobre anemia é facilmente desmontada. Basta olharmos as estatísticas que compara as populações onívoras e populações vegetarianas. A proporção de anemia nas populações é a mesma. Falta estudo.

        1. Então matar seres sencientes para jogar pode? Pensei que para um vegano a vida de qualquer ser valesse muito mais que um jogo, por mais educativo que fosse!

          As populações onívoras são muito mais diversificadas que as veganos, muito deles (provavelmente a maioria) nunca consultou um nutricionista ou nutrólogo, e quando consulta é só pra fazer dieta pra emagrecer. Já os veganos não, eles precisam fazer consultas quando resolvem aderir ao veganismo e ter dieta planejada. E esse é o diferencial, enquanto um onívoro pode viver por anos sem planejar a dieta com um profissional e não tem anemia, uma pessoa não pode ter a dieta vegana por 6 meses sem planejamento e suplementação que invariavelmente vai ter anemia.

        2. Periódico embasando essa besteira refutada no corpo do artigo, você não trouxe. Assim fica difícil, sabe?

  30. “Quem é vegano, pensa apenas no sofrimento dos animais, este é o motivo e basta.”

    E continuam provocando o sofrimento de diversos animais, mesmo indiretamente com defensivos agrícolas, mercúrio nos rios, fogo, ratoeiras e diversas outras. Vocês só trocam a morte direta (e por isso com abate controlado que pode ser indolor) por morte indireta.

  31. Qualquer semelhança entre este argumento e um usado pelos religiosos toscos com meros dois neurônios que comentam por essas paragens é mera coincidência.

  32. O artigo apenas diz que o ser humano não pode ser vegano por causas biológicas.

    O problema é o vegano que se acha melhor que os outros, como você pelo visto!

    “Sou vegano, mas não insisto em mudar ninguém, nem todos conseguem, e não vou perder tempo com mentes lacradas pelo consumismo.”

    1. Muitos veganos como esse de cima estão contaminados pelo discurso do apologista da exploração animal de respeitar a opção do que ele faz ao animal. Como se alimentar forçadamente um pato para fazer foie gras devesse ser respeitado. Ou como se deixar um bezerrinho anemico, no escuro preso a correntes para fazer baby beef devesse ser respeitado. Ou como se esfaquear um animal qualquer fosse caracteristica de um povo civilizado.

      O fato de vc explorar um animal, independente dele estar consciente ou não enquanto vc o mata, independente da finalidade que se dê ao corpo dele, é uma [agressão] ao animal, é uma violencia. Se eu considero que animais devem ser dignos de respeito e consideração, não é logico que eu apoie que eles sofram uma [agressão], que sejam [explorados]. Isso é logica. Eu não apoio a violencia/agressão por isso sou contra a exploração de animais. Por isso sou vegano. Aceitar o abuso de animais não faz de nós pessoas melhores. Se é pela [exploração] de um individuo que as pessoas obtem prazer, já está na hora de procurar outras formas de se ter prazer. E o veganismo mostra o quão podemos ser felizes sem que façamos o abuso de animais. A agressão que se faz aos animais não pode ser justificada de forma racional, é puramente emocional.

      E nossa.. super errado esses veganos que acham que tem uma moral superior, esfaquear um animal é equivalente a não fazer isso com ele. Que absurdo esses veganos que acham que tem uma moral superior a quem faz rodeio, vaquejada, tourada. Que absurdo eles não repararem nas normas de bem estar animal dos rodeios/abatedouros. O problema dos veganos é acharem que tem uma moral superior e serem tão radicais contra o abuso de animais.

      1. “A agressão que se faz aos animais não pode ser justificada de forma racional, é puramente emocional.”

        Está confuso, explorar pra jogar video game tudo bem, porque o jogo pode ser educativo, mas isso também não é uma agressão? Por que então veganos não boicotam video games, smartphones (já que dá pra ligar pra polícia com um telefone simples) e internet? Animais que não são abatidos em matadouros pode, mas animais que são mortos por mineiros na África tudo bem, é isso? (Você chegou a ler o link da ANDA que eu postei, é uma entidade de apoio aos animais).

        Você disse que o conceito da sociedade vegana diz que evitam mortes “possíveis e praticáveis” de animais. O que é possível e praticável pra você? É o mesmo para todas pessoas? Quem define o limite?

        1. Desde quando se explora um animal para jogar video-game? Seu entendimento da palavra explorar vem de onde? De acordo com o dicionario michaelis, explorar pode ter varios significados. No contexto que estamos tratando se trata do significado de tirar proveito ou utilidade de algo. Jogar video game está tirando proveito ou utilidade de um animal? Se animais morrem no processo de se fabricar energia, onde está a conexão logica de que eu estou tirando proveito do animal ou fazendo alguma utilidade dele?

          Vc acha que é inteligente se um vegano ver alguem sendo assaltado na rua, ou alguem passando mal, correr para um orelhão (muitas vezes depredado e que não funciona) para acionar a emergencia? Celulares são indispensaveis diante do perigo eminente. Para salvar a propria vida dele inclusive.

          Veganos não defendem impacto ambiental zero simplesmente porque isso não é possível. Vc
          sabe que é impossivel zerar o impacto e quer usar essa desculpa para explorar.

          Animais que não são mortos em abatedouros/rodeios/touradas/rinhas e são mortos em agricultura ou fabricação de energia não estão sendo explorados. Animais que são mortos em abatedouros/rodeios/touradas/rinhas estão sendo explorados.

          Eu lí a materia do ANDA que vc linkou. Como lá destaca é impossivel não utilizar eletronicos. A sobrevivencia de individuos depende de eletronicos. E tambem é pelos eletronicos que vamos nos mobilizar para acabar com isso.

          Não comer animais, não vestir animais, não se entreter com animais, é dentro do possível e praticável. Se vc vai invocar pessoas de situação extrema, aí sim não é dentro do possivel e praticavel. Se quer argumentos do porque devemos levar o veganismo para indios/esquimos, posso lhe falar outra hora.

          Se temos conhecimento e tecnologia para evitar a exploração de animais. Fica bastante evidente onde está o limite.

        2. Explorar é tirar proveito do sofrimento/morte do outro.

          No caso do cachorro, foi um acidente e você não tirou nenhum proveito logo não é exploração.

          Agora, que tipo de exploração pode ser aceito pelos veganos e totalmente aleatório. Veganos não tomam suco de cereja porque gera a morte de cochonilha pra fazer corantes mas podem jogar videogames ou trocar de smartphones todo dia, mesmo que isso gera a morte de muitos mais animais. Qual a lógica? A vida da cochonilha vale mais que a de um gorila só porque ele foi morto por caçadores ilegais e não foi cultivado pra virar corante?

          Acha mesmo que pros gorilas, e todos outros animais mortos pra produção de eletrônicos importa quem matou e como?

          Eletrônicos não são essenciais, pra ligar na polícia você pode usar um Nokia 6560, e não comprar mais smartphones pra não incentivar o comércio de coltan. Do mesmo jeito, se a vida de todos seres são importantes, não seria mais eloquente boicotar videogames, mesmo se fossem pedagógicos, pra evitar a morte de seres sencientes? Afinal, poruqe boicotaar o suco de cereja é importante e o videogame não, os dois são fúteis, luxos da vida moderna.

        3. Você cometeu dois tipos d falácia:

          “Evidência anedótica é o tipo de prova irreprodutivel, intestável, de amostra pequena, muitas vezes aquirida na terceira pessoa e de modo não sistemático. É considerado cientificamente a forma mais fraca de evidência que há, ”

          e

          “Generalização precipitada é uma falácia lógica que ocorre quando o tamanho de uma amostra apresentada é pequeno demais para sustentar uma generalização, ou seja, apesar de ser possível que apenas uma amostra represente a população, a amostra é insuficiente para comprovar a afirmação.”

          Ou seja, não é porque nesses 3 casos o jogo de videogame ajudou as pessoas que o videogame seja necessário para que as pessoas aprenderem a “terem um controle maior da situação”.

          É mesmo se fosse, não há outras formas de se aprender técnicas de salvamento? Que tal em um livro ou curso presencial? Ah, no video game é mais divertido! A mesma coisa de comer carne, você pode ter saúde tomando remédios para suplementar a carnitina, vitamina B12, zinco etc; ou pode só comer carne que é mais gostoso.

        4. Há vasta literatura cientifica sobre o uso de jogos serem eficientes no ensino. Os casos que citei ilustra o que já é bem documentado.
          http://txs.io/MF1b

          Veja essa explicação do potencial do uso do video-game para salvar vidas. Acho que fica obvia a dificuldade maior de aprender os mesmos conceitos em livros. Alem de ser um meio altamente eficiente para prevenir tragedias.

          http://globotv.globo.com/rbs-rs/teledomingo/v/pesquisadores-desenvolvem-video-game-para-salvar-vidas/3660061/

          Smartphones são como computadores convencionais. Nele podemos navegar na internet e receber uma chuva de informações sobre como nos manter vivos, isto é, como nos precaver dos mecanismos da natureza que podem nos matar, alem de usa-lo para assinar petições.
          Se prezamos a vida de indivíduos humanos não podemos deixar de usar samrtphones ou jogos como forma de nos manter vivos. Veja na literatura a importancia do uso de jogos/simuladores. Veja o resultado que há quando se aplica jogos para o ensino. São meios que formam profissionais mais preparados para salvar vidas. O suco de cereja salva vidas? Futilidade? Onde?

        5. Você acredita mesmo nisso? Que usar smartphones ou jogos é uma forma de nos manter vivos??? Nossa, como eu sobrevivi nos anos 80 e 90??

        6. Há algum problema na literatura cientifica que indiquei? Se tiver fale, porque isso tá me cheirando ad lapidem.

          Serio que vc acredita que vidas seriam salvas na mesma proporção se tivéssemos usando hoje a tecnologia dos anos 80/90 ao invés das atuais?

          Vc entende que suplemento é remedio? O cara de academia que compra suplemento proteico está comprando remédio?

          Se vc acha que os veganos devem suplementar carnitina, zinco, lhe falta estudo.

        7. A Literatura que você apresentou indica que jogos podem ser usados com fins didáticos, não que são essenciais ou que não há educação se não houver jogos.

          A tecnologia que salva vidas hoje é saneamento básico e remédios (que por sinal foram testados em animais, outra coisa que os veganos repudiam) celulares e videogames pode até ajudar algumas pessoas, mas não é a principal função deles e muito menos são essenciais, é erro achar que se não tiver as pessoas morreram.

          Não me falta estudo, próprios sites veganos avisam que é necessário tomar cuidados com esses nutrientes (entre outros). Logo, não é uma coisa absurda afirmar que existem veganos que suplementam isso, e não são poucos.

        8. Vc sobreviveu até os seus 20 anos sem internet? Sorte a sua, mas certamente outros tantos teriam tambem sobrevivido se tivessem acesso a tecnologia que temos hoje.

          Na nossa sociedade há adversidades que podem nos matar. Seja de natureza biologica, social, fenomenos da natureza. Precisamos de informações sobre os bairros mais perigosos da cidade. Informações EM TEMPO REAL. Com essa informação evitamos de passar pela região perigosa diminuindo a probabilidade de ser assassinado. Por exemplo, se existe ameaça de um tiroteio entre policia e traficantes em determinada região ou se há toque de recolher a mando do trafico. Precisamos sempre nos atualizar quais os novos golpes dos bandidos. Quais as recomendações da policia para lidar com esses golpes. O que faz a diferença entre o que fará um individuo da especie humana sobreviver ou não é a quantidade de informação que ele acumulou. Precisamos acumular o maximo de informação no menor tempo possivel, e o smartphone é uma tecnologia essencial para isso. Quem usa o smartphone para ouvir/ler as noticias enquanto está almoçando/metro/onibus/banheiro/filas tem informações a mais, tem vantagem de sobrevivencia sobre quem não se informa nesses momentos.

          Não há nenhuma biblioteca publica que disponha todos os periodicos indexados do pubmed, google academico, Scielo, LILACS, Medline. O acesso a informação é [essencial] para que [individuos] da especie humana sobrevivam. Diga, que de outra forma, senão por meio de eletronicos, temos acesso de como está o estado da arte da pesquisa cientifica? Por meio de smartphones baixamos periodicos recentes, lemos, disseminamos as informações contribuindo para a divulgação cientifica. Formamos comunidades virtuais para planejar divulgar a informação cientifica para evitar que pessoas morram. Construimos tecnologia em garagens que ajudará individuos da especie humana a sobreviverem. Um otimo exemplo é a moça que inventou uma bateria revolucionaria para smartphone http://migre.me/pObVp (futilidade?), que poderiamos extender a ideia e aplicar a bateria para alimentar maquinas que fazem agua a partir do ar, e recarregam rapidamente com energia solar, com custo baixo, o que fará a diferença na [vida] de quem enfrenta escassez de agua. E mais, com eletronicos acessariamos as pesquisas de Havard sobre se há quantidade segura de se comer embutidos. Há bibliotecas publicas disponibilizam as pesquisas recentes de Havard? Há bibliotecas publicas que disponibilize a pesquisa dessa moça? Quando um volume massivo de ideias novas entram em circulação, isso muda a sociedade. Se vc não se convenceu que eletronicos são essenciais para moldarmos uma sociedade que salva cada vez mais individuos da especie
          humana, apresento aqui dois otimos video que mostram a diferença que os eletronicos fazem.

          É essencial termos [processamento rapido] de informações para salvar muitos individuos da especie humana. Uma velocidade rapida para desenvolvemos ciencia que ajude
          individuos da especie humana é sim essencial. Esse exemplo é o prego no caixão do seu argumento de que jogos são futilidade.

          http://revistagalileu.globo.com/Revista/Common/0,,EMI266288-17770,00-GAMERS+AJUDAM+A+DESVENDAR+PROTEINA+DA+AIDS.html

          Um estudo publicado na nature mostra o potencial de termos cerebros mais capacitados em resolver problemas uma vez que passamos pela experiencia de jogar video games.

          E sim, é essencial termos cerebros mais preparados para resolver problemas.

          http://info.abril.com.br/noticias/ciencia/2015/05/estudo-mostra-que-cerebros-de-gamers-tem-melhor-funcao-cognitiva.shtml

          Precisamos de mentes mais bem preparadas o possivel para resolver problemas o mais rapido possivel, pois isso fará a diferença para que individuos da especie humana sobrevivam.

          Como explica o livro “mentes brilhantes” de Alberto Dell’Isola, certa vez Einstein disse que, se ele estivesse prestes a ser assassinado e tivesse apenas uma hora para descobrir uma maneira de se salvar, ele dispenderia os primeiros 55 minutos dessa hora buscando a pergunta correta. Após obter a pergunta correta, sua solução não levaria mais que 5 minutos. Quando pensamos isso no contexto dos jogos, eles ajudam tremendamente a formularmos o problema de forma elegante. Ajudam a estruturarmos as engrenagens para processarmos a informação.
          Como alguem em sã conciencia pode dizer que jogos são futilidade diante das evidencias que apresentei? Se considera que essas evidencias que apresentei são motivos para considerarmos jogos uma futilidade, é porque o fanatismo ideologico lhe cegou.

          Sites veganos informam que devem suplementar varios nutrientes? Quais os nomes desses sites? Tem certeza de que não tava vendo na realidade sobre os varios suplementos que são usados no gado?

          E sim, os veganos repudiam testes em animais. Porque não deveriam? Acha que devemos defender os testes em animais? Comece refutando os periodicos indicados na descrição desse video então:

        9. Nossa, achei que
          você já havia desistido do debate, vamos aos argumentos;

          “Vc
          sobreviveu até os seus 20 anos sem internet? Sorte a sua, mas
          certamente outros tantos teriam tambem sobrevivido se tivessem acesso
          a tecnologia que temos hoje.”

          Tecnologia que
          envolve saneamento básico, vacinas, evolução da medicina, meios de
          transportes mais eficientes etc. Isso sim salvaria muito mais vida
          que smartphones e joguinhos online.

          “Por exemplo, se
          existe ameaça de um tiroteio entre policia e traficantes em
          determinada região ou se há toque de recolher a mando do trafico.”

          Situação muito
          específica, se for falar de exceções posso falar que comer carne é
          necessário porque algumas pessoas não absorvem vitamina B12
          sintética e só a adquirem de fontes alimentares:

          Fonte:
          http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-52732005000400008

          “Precisamos
          sempre nos atualizar quais os novos golpes dos bandidos. Quais as
          recomendações da policia para lidar com esses golpes.”

          A maioria dessas
          informações são hoaxes, esse tipo de corrente mais atrapalha que
          ajuda – é amigo, jogos e internet nem sempre servem só pra salvar
          vidas.

          “Precisamos
          acumular o maximo de informação no menor tempo possivel, ”

          Boa informação, o
          que você encontra em fontes centíficas não no Face ou sites
          veganos que só aceitam informações que estão de acordo com sua
          filosofia. Ou seja, a Internet nem sempre é a melhor forma de se
          informar e, com certeza, não é essencial para que uma pessoa se
          mantenha viva.

          “e
          o smartphone é uma tecnologia essencial para isso. ”

          E ele vale a vida de
          seres sencientes? Quem decide isso?

          “Não
          há nenhuma biblioteca publica que disponha todos os periodicos
          indexados do pubmed, google academico, Scielo, LILACS, Medline. ”

          Já ouviu falar de
          Lan house? Computadores acessíveis aos alunos em escolas e
          bibliotecas? Ah, mais ter seu próprio smartphone é mais divertido!
          Comer carne também é mais divertido que ficar tomando suplemento.

          “Diga,
          que de outra forma, senão por meio de eletronicos, temos acesso de
          como está o estado da arte da pesquisa cientifica?”

          Além dos
          computadores de acesso ao público, existem revistas científicas
          para isso.

          “Formamos
          comunidades virtuais para planejar divulgar a informação cientifica
          para evitar que pessoas morram. Construimos tecnologia em garagens
          que ajudará individuos da especie humana a sobreviverem. Um otimo
          exemplo é a moça que inventou uma bateria revolucionaria para
          smartphone ”

          Quantas vezes você
          já fez alguma coisa dessa com seu celular? Imagino que nenhuma, mais
          comprou assim mesmo sem se importar com os gorilas e elefantes do
          Congo.

          “Um
          estudo publicado na nature mostra o potencial de termos cerebros mais
          capacitados em resolver problemas uma vez que passamos pela
          experiencia de jogar video games.”

          Temos o potencial
          não significa que você precisa jogar videogame para seu cérebro
          ser mais capacitado. É uma situação que pode ocorrer sob diversas
          influências, só o jogo dá uma chance muito pequena de seu cérebro
          se desenvolver mais (diria que ínfima) e outra vez, isso vale a vida
          de gorilas e elefantes? Não dá pra boicotar isso em nome desses
          seres sencientes e inteligentes?

          “Como
          alguem em sã conciencia pode dizer que jogos são futilidade diante
          das evidencias que apresentei? Se considera que essas evidencias que
          apresentei são motivos para considerarmos jogos uma futilidade, é
          porque o fanatismo ideologico lhe cegou.”

          Fanatismo ideológico
          e não querer aceitar que isso pode ser conseguido sem um videogames,
          que ter acesso à informação não significa comprar o smartphone
          mais caro da loja e trocar 6 meses depois porque já foi lançado
          outro modelo mais moderno. Todos os veganos fazem isso? Não sei, mas
          já li muito site vegano e nenhum fala que veganos devem boicotar
          smartphones.

          “Sites
          veganos informam que devem suplementar varios nutrientes? Quais os
          nomes desses sites?”

          Fontes veganas que a
          dieta pode precisar de suplementação de carnitina:

          “A
          lack of L-carnitine may
          also occur at some level in long-term vegetarians, vegans, or those
          on protein-restrictive diets. ”

          http://www.vegan-supplement-checklist.com/2008/10/l-carnitine.html

          “Vegans
          with chronic kidney disease, especially those who have end-stage
          kidney disease and receive hemodialysis, might need carnitine
          supplements, according to the Office of Dietary Supplements. Diseased
          kidneys make less carnitine while eliminating more from the body,
          putting the person at greater risk of carnitine deficiency. ”

          http://www.livestrong.com/article/420041-do-vegans-need-carnitine/

          Não há sites em
          português, talvez porque os especialistas brasileiros no assunto,
          como o Dr. Éric Slywitch, parecem mais preocupados em fazer
          propaganda de sua ideologia que informar mesmo, e por isso ficam
          repetindo que só precisa suplementar a B12 e omitem que é preciso
          tomar muito cuidado com outros nutrientes, por isso a necessidade de
          consultas periódicas com nutricionistas e exames de sangue
          rotineiros.

          “E
          sim, os veganos repudiam testes em animais. Porque não deveriam? ”

          Porque na primeira
          dor de cabeça, correm pra farmácia comprar um comprimido.

        10. “Tecnologia que envolve saneamento básico, vacinas, evolução da medicina, meios detransportes mais eficientes etc. Isso sim salvaria muito mais vida que smartphones e joguinhos online.”

          Eu não nego que esses fatores TAMBEM salvam vidas. Esse é um argumento que invalida a importancia dos eletronicos para manter a vida de individuos?

          “Situação muito específica, se for falar de exceções posso falar que comer carne é necessário porque algumas pessoas não absorvem vitamina B12 sintética e só a adquirem de fontes alimentares:”

          A ética não se aplica quando não se há escolha. Se a pessoa precisa comer um animal (ou uma pessoa) numa situação extrema é algo totalmente diferente de explorar outro individuo. E a proposito, o suplemento de B12 pode ser obtido através de injeção, não apenas por via digestiva.

          “A maioria dessas informações são hoaxes, esse tipo de corrente mais atrapalha que ajuda – é amigo, jogos e internet nem sempre servem só pra salvar
          vidas.”

          Há celulales que transmitem TV, e e neles podemos assistir/ouvir programas policiais que mostram imagens de helicopteros. Vc tem exemplos de hoaxes que foram transmitidos (ao vivo) via noticias que mostram bairros da cidade?

          “Boa informação, o que você encontra em fontes científicas não no Face ou sites veganos que só aceitam informações que estão de acordo com sua filosofia. Ou seja, a Internet nem sempre é a melhor forma de se informar e, com certeza, não é essencial para que uma pessoa se mantenha viva.”

          Acumular o maximo de informação inclui acumular criticas. Se o critico da dieta vegana diz que não se pode obter nutriente tal, vamos apurar se essa informação é verdadeira ou não consultando a literatura cientifica.

          “E ele vale a vida de seres sencientes? Quem decide isso?”

          Quem decide é quem está com sua vida em jogo.

          “Já ouviu falar de

          Lan house? Computadores acessíveis aos alunos em escolas e bibliotecas? ”

          Vc ignorou os varios exemplos que dei sobre filas/banheiros, etc.. Coisa no qual não se acessar nesses momentos. E sim um smartphone. [Tempo] é probabilidade de aumentar suas chances de vida.

          “Comer carne também é mais divertido que ficar tomando suplemento.”

          O cara que apoia rodeio me diz o mesmo.É divertido. Nem ele nem vc me convenceram que o abuso de animais é divertido, e por isso devemos o fazer.

          “Além doscomputadores de acesso ao público, existem revistas científicas para isso.”

          Como se consegue acesso para essas revistas mesmo?

          “Quantas vezes vocêjá fez alguma coisa dessa com seu celular? Imagino que nenhuma, mais comprou assim mesmo sem se importar com os gorilas e elefantes doCongo.”

          Para se importar com eles, eu preciso garantir segurança de estar vivo.

          “só o jogo dá uma chance muito pequena de seu cérebro se desenvolver mais (diria que ínfima) ”

          Vc tira isso baseado no estudo publicado da nature?

          “e outra vez, isso vale a vidade gorilas e elefantes? Não dá pra boicotar isso em nome desses seres sencientes e inteligentes?”

          Precisamos buscar a cura para varias enfermidades, garantir as nossas vidas não é algo que possamos abrir mão.

          Apresente metodo alternativo que não se use jogos e tenha desempenho de descobrir cura na mesma velocidade (ou melhor) que foi no caso do jogo?

          “Fanatismo ideológicoe não querer aceitar que isso pode ser conseguido sem um videogames, que ter acesso à informação não significa comprar o smartphone”

          Apresente a evidencia meu caro. De que forma haveria o mesmo potencial de fazer descobertas com processamento rapido e massivo.

          “já li muito site vegano e nenhum fala que veganos devem boicotar
          smartphones.”

          Certamente que eles entendem sobre as praticas insubstituiveis do smartphone para garantir a segurança de sua vida. Vc acaso já viu veganos defenderem a troca de aparelhos de 6 em 6 meses?

          “Fontes veganas que a dieta pode precisar de suplementação de carnitina:”

          O site que vc citou foi categorico: “Always consult your doctor before taking supplements.”. Pode haver pessoas em condições medicas que precisem. Isso não implica que a dieta vegana em pessoas sem problemas medicos necessitaria de tal suplemento.

          Vc disse sites veganos que recomendam suplementação de varios nutrientes. Esse segundo site indicado por vc é vegano? Dizendo maneiras de assar um cadaver é vegano?
          http://www.livestrong.com/slideshow/557693-23-ways-to-improve-your-bbq/#slide=2

          “a necessidade deconsultas periódicas com nutricionistas e exames de sangue rotineiros.”

          É isso o que consta na literatura cientifica? De onde vc tira isso?

          “Porque na primeirador de cabeça, correm pra farmácia comprar um comprimido.”

          Ai cara.. o cara é crente que o modelo animal é preditivo para o modelo humano. Adivinha o que acontece se formos colocar HOJE, a aspirina, um dos remedios mais vendidos no mundo, nos testes pre-clinicos em animais? Vc é crente que ela passaria para a fase de testes clinicos em humanos? Pois é veja o video sobre o fracasso que é considerar o modelo animal como preditivo.

        11. “Eu não nego que esses fatores TAMBEM salvam vidas. Esse é um argumento que invalida a importancia dos eletronicos para manter a vida de individuos?”

          É. Se existissem todos os eletrônicos que existem hoje mas não existisse avanço médico e sanitário as mortes continuariam, afinal ninguém deixa de morrer porque joga videogame. Agora imagine o contrário, se houvesse não houvesse eletrônicos, mas a medicina e o saneamento básico estivesse bem avançados, os médicos iriam continuar salvando vidas normalmente.

          “A ética não se aplica quando não se há escolha. Se a pessoa precisa
          comer um animal (ou uma pessoa) numa situação extrema é algo
          totalmente diferente de explorar outro individuo. E a proposito, o
          suplemento de B12 pode ser obtido através de injeção, não apenas
          por via digestiva.”

          1. Você tem a escolha de não comprar smartphones e salvar os gorilas e elefantes.

          2. Qual a diferença da via, vai ser suplemento do mesmo jeito.

          “Há celulales que transmitem TV, e e neles podemos assistir/ouvir
          programas policiais que mostram imagens de helicopteros. Vc tem
          exemplos de hoaxes que foram transmitidos (ao vivo) via noticias que
          mostram bairros da cidade?”

          E você compra um celular pensando nisso? Na possibilidade remota de algum houver um tiroteio na sua rua e isso passar ao vivo na TV?

          “Acumular o maximo de informação inclui acumular criticas. Se o critico da dieta vegana diz que não se pode obter nutriente tal, vamos apurar
          se essa informação é verdadeira ou não consultando a literatura cientifica.”

          E junto trazer todos boatos, mentiras e desinformações da Internet. Afinal, você não se mantém vivo sem isso?

          “Quem decide é quem está com sua vida em jogo.”

          E quem está com sua vida em jogo numa Loja de eletrônicos?

          “É divertido. Nem ele nem vc me convenceram que o abuso de animais é divertido, e por isso devemos o fazer.”

          Mas usar smartphone é mais divertido que acessar a Internet de
          uma faculdade, Lan House ou usar o mesmo computador velho que você comprou em 2010. Você pode escolher isso e não financiar a morte de gorilas e elefantes, e se manter vivo do mesmo jeito. Ou acha mesmo que há uma chance real de acontecer um tiroteio em sua rua e você vai evitar só porque viu num noticiário no seu telefone?

          “Como se consegue acesso para essas revistas mesmo?”

          As impressas nas bibliotecas das faculdades.

          “Certamente que eles entendem sobre as praticas insubstituiveis do smartphone para garantir a segurança de sua vida. Vc acaso já viu veganos defenderem a troca de aparelhos de 6 em 6 meses?”

          Não há nenhuma prática insubstituível de um smartphone e
          certamente quando uma pessoa compra um não está pensando em
          garantir a segurança de sua vida. Sites veganos não se importam com
          quantas vezes você troca seu telefone, eles estão pouco se lixando
          para os impactos dessa ação mesmo que isso gere morte e sofrimento
          de seres sencientes.

          “É isso o que consta na literatura cientifica? De onde vc tira isso?”

          De site Nutrição vegetariana (entre outros):

          Detalhes importantes:

          l Realizar exames de rotina e dosar a B12.

          https://nutricaovegetariana.wordpress.com/category/nutricao-vegetariana/

          “Ai cara.. o cara é crente que o modelo animal é preditivo para o
          modelo humano. Adivinha o que acontece se formos colocar HOJE, a
          aspirina, um dos remedios mais vendidos no mundo, nos testes
          pre-clinicos em animais? Vc é crente que ela passaria para a fase de
          testes clinicos em humanos? Pois é veja o video sobre o fracasso que
          é considerar o modelo animal como preditivo.”

          E qual a solução? Pular os testes pré clínicos e sai testando todas
          drogas em humanos? Quem você sugere usar, presos, homossexuais e judeus?

        12. Eu fico imaginando o meu filho, que eu precisei aprender a imobilizar só para dar um xarope doce, indo alegremente tomar sua dose injetada mensal de B12. Mais fácil dar um bife cozido, que ele adora!

          Também estou imaginando o governo proibindo testes em animais, e os membros da Bancada Evangélica “indicando” os ateus para serem cobaias de novos medicamentos para os perclaros eleitores, ao som dos louvores a Jesus.

          São cenas maravilhosas.

        13. Imagine tambem a cena dando um suplemento de B12 nas vacas, antibioticos, hormonios, carrapaticidas, nitritos. Ele adora mesmo? Senti até o cheirinho de cancer.

          Embrapa diz: “Hoje podemos dizer que é raro no mundo pecuário brasileiro não se fazer uso de tecnologias associadas à nutrição de bovinos, seja na mineralização, na suplementação, na terminação a pasto, em confinamento, dentre outras.”

          https://docs.google.com/file/d/0B1SjH-x_8u8QR0xiMUs1aFAzTjQ/edit

        14. Sem os quais as vaquinhas, ovelhinhas e cabritinhas não mais sobreviveriam na natureza (meu pai é um feliz criador de gado e apreciador de churrasco, eu já vi como elas ficam com e sem os suplementos e com e sem os anti-parasitas – misturados ao alimento, os suplementos e medicamentos são imperceptíveis ao paladar faminto do gado do sertão.)

          Todos os seus argumentos, consolidados, dizem: “se você não pode pagar para viver direito, não merece o direito de viver!”. Infelizmente, isso não só travaria todo desenvolvimento científico, como a própria vida em sociedade. Boa sorte.

        15. ” ninguém deixa de morrer porque joga videogame. ”

          Vemos aqui que vc convenientemente ignorou os casos das crianças que jogaram video game e se safaram. Como tambem ignorou o avanço cientifico impressionante que jogadores de video-game fizeram em 3 semanas o que pesquisadores tentavam a uma decada. Muito facil ignorar os fatos.

          “se houvesse não houvesse eletrônicos, mas a medicina e o saneamento básico estivesse bem avançados, os médicos iriam continuar salvando vidas normalmente.”

          Uma das grandes bandeiras dos medicos é a medicina preventiva. A tecnologia ajuda imensamente a disseminação massiva para que façamos a medicina preventiva. Os medicos salvam vidas apenas disseminando informações. De que modo eu conseguiria as informações do Drauzio Varela em momentos que eu esteja em filas senão pelo smartphone?

          “Você tem a escolha de não comprar smartphones e salvar os gorilas e elefantes.”

          Essa escolha pode custar minha vida devido a falta de informação que teria com o smartphone, então, não. Não tenho escolha uma vez que tomo como prioridade o animal que sou eu.

          “Qual a diferença da via, vai ser suplemento do mesmo jeito.”

          A diferença pode ser significativa sim, uma vez que o intestino pode ter algum em absorver a B12 ingerida oralmente. Se a pessoa recebe via injeção não terá esse problema com absorção.

          “Na possibilidade remota de algum houver um tiroteio na sua rua e isso passar ao vivo na TV?”

          Sim. Informação é essencial. Se vc visse os noticiarios diarios talvez entendesse isso.

          “E junto trazer todos boatos, mentiras e desinformações da Internet. Afinal, você não se mantém vivo sem isso?”

          Se há algo assim espero que realmente seja desmascarado. Até agora não ví periodico algum falando sobre a dieta vegana ser inviavel. Vc viu?

          “usar smartphone é mais divertido que acessar a Internet de uma faculdade, Lan House ou usar o mesmo computador velho que você comprou em 2010. ”

          Vc pode citar exemplos que eu possa usar computador num onibus/fila?

          “acha mesmo que há uma chance real de acontecer um tiroteio em sua rua e você vai evitar só porque viu num noticiário no seu telefone?”

          Certamente. Eu posso ter planos de ir em algum local e no onibus descobri que lá está tendo um tiroteio, logo evitarei de ir para lá. A vantagem de estar informado em tempo real é inegavel.

          “As impressas nas bibliotecas das faculdades.”

          Serio que as faculdades disponibilização todos os conteudos dos periodicos? Há computadores para os alunos acessarem as bases de dados.

          Se eu precisar levar esse periodico para a rua nos meus momentos de ocio em que eu estiver na rua? Vou ficar olhando para a janela do onibus?

          “certamente quando uma pessoa compra um não está pensando em garantir a segurança de sua vida.”

          Um Smartphone é util para que mesmo? Informação não é? Porque informação é importante mesmo?

          “Realizar exames de rotina e dosar a B12.”

          Isso qualquer medico falaria independente da dieta do paciente.

          “E qual a solução? Pular os testes pré clínicos e sai testando todas drogas em humanos? Quem você sugere usar, presos, homossexuais e judeus?”

          A solução é deixar de usar animais. Temos varias alternativas que não seja animais. Usar animais é atraso cientifico. Esse video detalha com carinho sobre as alternativas com as devidas referencias indicadas na descrição do video:

        16. Bacana. Apenas com livros da escola elas foram longe. E o que isso prejudica o meu argumento que internet é essencial para aumentar nossas chances de sobrevivencia?

          Se vc desenvolver um cancer, certamente adoraria que a cura aparecesse o mais rapido possivel, e a noticia boa é que a internet é uma ferramenta essencial para chegarmos nos resultados o quanto antes. Agora comente vc o que acha dessas duas noticias:

          1- https://tecnoblog.net/150422/play-to-cure-game-ajuda-a-curar-cancer/

          2- http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2014/02/app-usa-processador-de-android-para-descobrir-cura-de-doencas.html

        17. Você escreveu lá atrás ““Vemos aqui que vc convenientemente ignorou os casos das crianças que jogaram video game e se safaram. ” eu falei que esses casos são exceção e estou mostrando outros casos de pessoas que vivem sem internet.

          E jogos ajudam em pesquisa, sei que são boas ferramentas didáticas etc e tal. Só que quando um jovem de 14 anos vai jogar GTA ou Mortal Kombat ele não está pensando nisso. Não percebeu ainda que alguns jogos foram feitos para ajudar nas pesquisas é diferente de se não tiver um video game a pessoa pode morrer?

        18. Doar seus filhos para a pesquisa, você não quer. Assim fica difícil manter a tecnologia inovadora e salvadora de vidas tão atualizada em tempo real…

        19. Falso dilema. A ciencia não precisa fazer testes em animais para avançar. Analise os periodicos indicados no video. Saia de sua zona de conforto.

        20. Avançar, avançaria. A passos de formiga sem vontade.

          Você tem tudo para ser um bom político. Vá em frente! Talvez eu vote em você!

        21. Avançaria bem mais que esse paradigma fracassado de considerar animais como modelo humano. Se vc entende o contrario acho que lhe falta estudo. Adoraria ver vc refutando os periodicos que indiquei.

        22. Tão fracassado que não temos nenhum histórico de desenvolvimento científico ao longo de 15 séculos usando animais como modelos, e… WAIT A MINUTE!

        23. Porque vc não facilita a vida de todo mundo e coloca aqui o valor de predição do modelo não-humano para o modelo humano ao invés de ficar na falacia de apelo a autoridade? Os dados que indiquei lá em cima sobre os valores de predição estão errados?

        24. Nunca. Por isso que ele nunca deu resultados, não temos vacinas, não realizamos nenhum tipo de cirurgia, nenhum tratamento experimental, nem estudos comportamentais, e ainda vivemos de caça e coleta.

          Deixa de ser tosco, seu fundamentalista retardado.

        25. Quanta bobagem. Se vai argumentar assim sugiro que faça já a sua igreja. Porque contestar os periodicos que é bom.. Nada.

          Tive o maior carinho do mundo em colocar periodicos indexados e revisados por seus pares. A informação está sendo dada de bandeja para vc deixar de falar bobagens. O conhecimento está alí se prostituindo na descrição. Faz uma forcinha e deixa de comodismo.

      2. Filhão, você não é vegano. Pode até ser que não coma nada de origem animal, mas você não pratica o veganismo. Só isso.

    2. E por acaso você é carnívoro? Seu sistema é feito pra isso? Eu disse não conseguem, só pelo fato de vocês serem viciados em comida, para se tornar vegano, tem que tirar esse vício, e nem todos conseguem. Simples assim. ninguém é superior à ninguém não meu chapa, não sou superior a nenhum animal, então respeito isso e não tiro a vida deles só pra satisfazer meu ego.

  33. O que os defensores dos Animais não entendem é que não é certo comparar animais com pessoas pois estas podem responder civilmente e penalmente por seus atos, pessoas inimputáveis podem ter direito porque estas tem um responsável que respondem juridicamente por seus atos (na falta de parentes ou tutores o Estado é esse responsável), quando alguém tutela um animal, passa a ser responsável por este e por isto pode exigir que ele tenha direitos, ninguém pode entrar na casa do tutor e matar seu animal. Porém, quem iria ser o responsável por todas as ações de todas as espécies animais caso estes entrem no ornamento jurídico como seres detentores de direito? O Estado? Creio que isso só seria possível se a maioria dos pagadores e imposto – que são quem sustentam o Estado, estejam de acordo em arcar com mais essas despesas, afinal pra dar direito também teriam que se responsabilizar pelos atos, tipo indenizar uma pessoa que foi atacada por um animal, afinal não existe direito sem deveres.

  34. “Mimimi eu sou melhor que vc, porque como alface! mimimi”

    Claro, mas ignora o fato que um monte de passarinhos, insetos e largatos morrem para seu alface vir “bunitinho”.

    1. Se animais são mortos acidentalmente é a mesma coisa de mata-los propositadamente?

      Um vegano não teria moral para reclamar com quem mata animais para vestir, se esse vegano mata animais no processo de fazer sua vestimenta?

      Um vegano não teria moral para reclamar com quem mata animais para se entreter, se esse vegano mata animais quando praticam seu entretenimento?

  35. “(…) ou se sente inferiorizado pela incapacidade de parar de se alimentar de coisas mortas, (…)”

    Sim, porque o pepino que você enfia pra dentro continua bem vivo dentro do seu trato intestinal ;)

    “Sou vegano, mas não insisto em mudar ninguém, nem todos conseguem, e não vou perder tempo com mentes lacradas pelo consumismo.”

    Tanto não insiste, que nem veio aqui comentar…
    Faz assim: Vai com a Santa Alface pela sombra! ;)

  36. Cara, você leu meu comentário? Tanto as crianças, como os velhos senis e os deficientes são inimputáveis. Como eu já expliquei, eles tem direitos porque tem um responsável que os tutelas e responde por eles civil e penalmente. A mesma coisa um animal de estimação, eles tem um tutor que se responsabiliza por eles e por isso pode exigir que tenham direitos. Mas quem irá tutelar todos os animais de todas as espécies que não possuem um dono pra se responsabilizar por eles.

    1. Engrosse o coro das pipocas, Alessandro. Esse aí não merece atenção. Daqui a pouco ele vai citar o Vigotsky e querer ensinar corvos a ler.

    2. Serio que vc pensa que animais sem tutor não tem direito algum? Adivinha o que acontece se alguém for filmado tacando fogo em um animal sem tutor?

      1. Se alguém for pego tacando fogo em um animal, responde por “crime ambiental” da mesma maneira que se estivesse queimando uma árvore.

        Os animais podem ter algum direito sim, por isso existe a Declaração Universal dos Direitos Animais, que prevê o caso de abate. O que eu, em minha concepção sobre Lei e Contrato Social, não concordo é que eles sejam SUJEITOS DE DIREITO, ou seja, que possam responder por seus atos, que crimes cometidos contra eles sejam julgados como se fossem cometidos contra seres humanos ou que possam ter uma bancada para representar seus interesses no Congresso etc.

        Entendeu a diferença, a Lei pode dispor sobre o que quiser, até mesmo sobre pedras – mas sempre buscando o interesse das pessoas que são o fundamento e a finalidade de qualquer lei.

        1. Crianças são sujeitos de direito, nem por isso são elas que respondem por seus atos.

          Escravos negros não eram considerados sujeitos de direito. O avanço social empurrou que eles fossem considerados. Até eles serem considerados sujeitos de direito ocorreu varias etapas (lei do ventre livre, sexagenario, proibição do trafico no atlantico). Hoje estamos observando as etapas para a libertação dos animais (proibição do uso no entretenimento, na comercialização de peles, na alimentação como o foie gras/vitelo).

          Uma oragotango foi libertada de um zoologico por um habeas corpus. Nessas noticias falam porque dar direitos humanos para os animais, porque a justiça entendeu que animais devem ser sujeitos de direito.
          http://vista-se.com.br/justica-argentina-reconhece-simia-como-sujeito-de-direito-e-a-liberta-de-zoologico/
          http://www.anda.jor.br/20/12/2014/decisao-historica-tribunal-argentina-reconhece-animais-sao-sujeitos-direitos

          Aqui evidencia como sua visão primitiva está cada vez mais sendo abandonada. É questão de tempo para ser abandonada.
          http://www.gazeta-rs.com.br/109/Pets/n:2778/109/Pets/n:2527/Franca-altera-Codigo-Civil-e-reconhece-animais-como-seres-que-tem-sentimentos

          Num artigo publicado por um juiz de direito, ele explica porque é irracional não dar direitos a seres sencientes.
          http://vista-se.com.br/juiz-de-direito/

        2. Você não entendeu meu texto ou só fingiu que não entendeu? Crianças são sujeitos porque os pais delas respondem por ela. É difícil entender isso?

          O resto é só opinião, assim como há um ou outro juiz que pensa assim há muitos outros que não pensam, opinião =/= de argumento.

        3. Os argumentos para considerar animais como sujeitos de direito são baseado em fatos, sobre as caracteristicas desses seres.

        4. É fato que eles não podem fazer o contrato social porque não podem escolher seguir as leis.

        5. Você pode dizer que os corvos são capazes de ler. Isso não vai fazer com que eles queiram ler. Chimpanzés são capazes de se comunicar via linguagem de sinais, mas não é isso que vai incluí-los na sociedade. Cachorros são capazes de aprender truques e de se comunicar, mas isso não faz deles humanos.

          Dar direitos aos animais não vai obrigá-los a ter responsabilidades, e, até onde eu sei, ambos são necessários para que eles sejam parte da sociedade (fora a própria espécie, claro). Isso torna a sua comparação com os escravos humanos inválida.

          A sociedade é humana. Mesmo a defesa dos animais é interesse humano. Os animais têm interesse apenas em defender a própria espécie, quando muito. Se você tivesse dedicado um tempo só para retirar informações do próprio artigo, teria percebido que o Dr. André destrói qualquer base para essa sua argumentação via ética.

          Isso, é claro, não me dá, dará ou deu o direito de maltratar animais ao meu bel prazer. Só não me torna irremediavelmente culpado de um crime ao querer a minha própria sobrevivência em detrimento da de um animal qualquer que nem mesmo se preocupe comigo.

          Xeque.

        6. NestorBento, me apresenta onde estão os argumentos racionais para veganos aceitarem o abuso de animais?

        7. Primeiramente, Bento é o Papa que pediu para sair. É Bendô.

          Segundamente, eu não defendi abuso de animais, nem tortura, nem nada parecido. Experimenta ler o que eu postei: quem conhece os animais sabe que eles estão literalmente cagando e andando para nós. Somos todos intrusos em nossas próprias casas, inclusive eles mesmos. Há atividades que vão invariavelmente afetar o mundo natural, e das quais depende diretamente a nossa sobrevivência.

          Terceiramente, Bispo para E6. Tente não cagar no tabuleiro, nem derrubar todas as peças. Arrulhar sua vitória, você já fez.

        8. Vc está defendendo o abuso de animais pelo fato de se aproveitar deles. Não é preciso explorar animais seja na alimentação, vestuário ou entretenimento. Evidencia é o que não falta para mostrar que não precisamos utilizar animais para sermos saudáveis.

          Sua argumentação para legitimar a utilização de animais é construída por uma falacia. Que devemos comer animais para sobreviver.

          O que lhe motiva a esfaquear um animal é obter um nutriente.
          Isso não me motiva a esfaquear um animal. Pelo contrario, me motiva a defende-lo. Me motiva a apresentar a alternativa para vc não ter que fazer isso para o animal. Assim como eu apresentaria a alternativa para vc não matar um animal para vestir sua pele. Temos conhecimento, tecnologia, recursos para evitar a exploração animal.
          O que me motiva a defender os animais de serem esfaqueados é entender que eles não merecem passar pelo processo de serem esfaqueados. Entendo que eles não merecem passar pelo processo de serem esfaqueados por eles terem caracteristas, que são evidenciadas na literatura cientifica, como a de sentir e a de possuir uma mente capaz de aproveitar a vida.

          Se há atividades fundamentais para a nossa sobrevivência que afetam animais, explora-los para alimentação, vestuário, entretenimento, não estão entre elas. Utiliza-los é um abuso.

          Não é necessário saber o conceito de moralidade para ser incluso na esfera moral. Deficientes mentais graves são exemplos disso. Mesmo um deficiente mental sem nenhum
          parente, sozinho no mundo, não ter nenhuma pessoa para responder por ele, ele ainda é sujeito de direito.

          Se realmente analisasse as evidencias ao invés de defender cegamente sua ideologia de explorar animais, não falaria essa baboseira de que devemos comer animais para sobreviver.

          Analise aqui uma meta-analise sobre a comparação da proteína animal e vegetal. http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/12499330
          E esse vídeo destaca observações importantes dessa meta-analise:
          http://migre.me/pCxyP

          E aqui uma copilação de periódicos que evidenciam as vantagens do quão podemos ser saudáveis sem comer animais:
          http://www.pcrm.org/health/cancer-resources/diet-cancer/facts/meat-consumption-and-cancer-risk

          Quanto a B12, ela é produzida por bactérias. Se veganos comessem vegetais não higienizados, contaminados por essas bacterias, ou agua contaminada por essa bacteria, poderiam suprir sua B12 tal como os animais herbívoros obtêm. Mas como somos espertos, já saímos de nosso meio natural, sabemos que vegetais não higienizados tambem trazem bactérias ruins que nos fazem mal. Então, veganos obtêm B12 de forma segura com suplemento. Se há opção, a utilização de animais é uma escolha. Vc escolhe se vai abusar de animais ou não.

          Aqui um periódico sobre a segurança de suplementar:
          http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/19957415

          Não precisa fazer drama dessa atividade trivial de comprar suplemento de B12. De qualquer forma, ou vc compra B12 na farmacia ou compra animais no supermercado que receberam suplemento de B12. Essa sociedade faz uso de suplemento. Inclusive a própria industria da exploração animal coloca o uso de suplemento nos animais como indispensável. Se vc tem conhecimento, tecnologia, recursos que evite a exploração animal, o fato de vc utiliza-los já é um abuso. Se vc insiste em explora-los, fica obvio que vc defende o abuso a animais.

          Suplementos são considerados imprescindíveis para que a produção animal venha alcançar altos índices de saúde animal e produtividade.

          Clique para acessar o 2012_36_4384.pdf

          Empresa destaca o quão importante é usar suplementos nas rações destinadas a animais: “O melhoramento genético de aves e suínos trouxe a reboque o aumento das exigências nutricionais dos animais, o que eleva a importância da administração de suplementos para os insumos das rações.”
          http://editorastilo.com.br/revista-animal-feed/item/4098-salus-inaugura-fabrica-e-amplia-atuacao-no-mercado-de-aves-e-suinos

          Se eu posso ser atlético, saudável e forte sem abusar de animais, que argumentos racionais vc me daria para eu fazer o abuso de animais?

        9. Façamos o seguinte: faça uma análise econômica provando que é viável substituir toda a alimentação DO PLANETA por sua suplementação, e veja para onde irá o nosso suado dinheirinho. Vamos ver se, no estado atual da nossa economia, essa é uma estratégia promissora.

          Você está tentando provar cientificamente que o Veganismo é não só viável, mas também moralmente obrigatório. Eu estou tratando dele como uma religião: o que você vai fazer (e, o que acontecerá com o mundo como o conhecemos) quando todos forem veganos?

          Eu respondo com uma pergunta simples: quem vai pagar pelo suplemento alimentar dos africanos famintos?

          Seu veganismo é utopia. Prove o contrário, trazendo a análise econômica que estou pedindo.

        10. Eu entendo que o respeito aos animais é moralmente obrigatório. Até agora não encontrei argumentos racionais que legitime o abuso de animais. Se vc acha que animais não devem ser respeitados, estou disposto a analisar esses argumentos. É claro que se houver contestações que derrube a ideia de que animais devem ser respeitados, isso teria impactos sobre a forma de muitas pessoas como eu ver as coisas. Passaria a enxergar o entretenimento de animais, como laçar um bezerrinho e arrasta-lo pelo pescoço, rinhas, tacar fogo em cachorros, como apenas mais uma forma de entretenimento, não maldade. Para muitos, isso abriria mais opções de entretenimento, de vestimenta, de decoração de paredes com cabeças de animais. Se os animais não devem ser respeitados, onde estão os argumentos? Porque o respeito aos animais não deveria ser moralmente obrigatório?

          Se todos se tornarem veganos não destinaremos mais quantidades absurdas de cereais, terras, água, para a criação de animais. Se produz muito mais alimentos sem criar animais para consumo.
          http://txs.io/FJ1b

          Se todos se tornarem veganos acabaria com o alto custo de produzir antibioticos, hormonios, carrapaticidas, vacinas, suplementos, destinados aos animais de corte. Há de se observar que usar antibioticos nos animais tem impacto na população, aumentando o custo com despesas de saúde. Menos gente no SUS, menos custos no
          SUS.
          http://en.textsave.org/YA1b

          Se todos se tornarem veganos seria menos 39% de lixo gerado no mundo. Reduzindo os custos de tratar a poluição no meio ambiente.
          http://www.estadao.com.br/infograficos/de-onde-vem-o-lixo-produzido-no-mundo,sustentabilidade,235040

          E afetaria boa parte dos 19% da agricultura, uma vez que parte significante desses 19% são destinados para alimentar os animais.

          Quem vai pagar pelo suplemento dos africanos famintos?
          Se tem gente que paga carne para eles, já estão pagando por suplementos. Animais tomam suplementos. Deixando de alimentar os animais com os vegetais que produzimos na agricultura, teriamos uma fartura maior de alimentos, que implica em preços de vegetais mais baixos. Quem destina recursos para a caridade teria poder de compra maior.

          Esse periodico mostra os custos que os países em desenvolvimento tem com as politicas de suplementação:
          – “The administrative costs of the programs have represented 28-84% of the food costs. These costs varied according to the level of supplementation, the coverage of the programs and the source of the food (whether local or imported).”

          – “The costs of ten projects analysed by Gwatkin²² varyied from 0.5-2.0% of the annual per capita gross national product of their countries.”
          http://www.scielosp.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0034-89101990000500010&lang=pt&tlng=

          Ministério da saúde sobre os custos da suplementação para toda a população:
          “A suplementação profilática com sulfato ferroso é uma medida com boa relação de custo efetividade para a prevenção da anemia.”
          http://migre.me/pDnza

          Ministério da saúde sobre a eficacia da suplementação:

          “Evidências acerca do impacto da suplementação com vitamina A em crianças de 6 a 59 meses de idade apontam uma redução do risco global de morte em 24%, de mortalidade por diarreia em 28% e de mortalidade por todas as causas, em crianças HIV positivo, em 45%.”
          http://migre.me/pDore

          Dados da última POF (Pesquisa de Orçamentos Familiares) mostram que 72% das mulheres em idade fértil têm consumo inadequado de vitamina A, o que reforça a necessidade de suplementação profilática em grupos prioritários.
          http://migre.me/pDpiu

          Repare que as politicas de suplementação no Brasil abarca a população inteira. Suplementando iodo no sal, ferro e acido folico nas farinhas de trigo e milho.
          “Todas as adequações de iodação do sal, realizadas pelo Ministério da Saúde, são feitas de acordo com a recomendação da Organização Mundial da Saúde e especialistas nacionais no tema.”

          http://dab.saude.gov.br/portaldab/ape_pcan.php?conteudo=deficiencia_iodo

          Suplementação de ferro e acido fólico nas farinhas de trigo e milho para toda a população brasileira.
          http://dab.saude.gov.br/portaldab/ape_pcan.php?conteudo=fortificacao_farinhas

          Diretrizes da OMS para suplementação de vitamina A, ferro e acido folico para gestantes.
          “Em locais onde a deficiência de vitamina A é um problema severo de saúde pública, a suplementação de vitamina A durante a gestação é recomendada para prevenir a cegueira noturna (forte recomendação).”
          http://apps.who.int/iris/bitstream/10665/44625/31/9789248501784_por.pdf?ua=1

          “Estima-se que 41,8% das gestantes em todo o mundo sejam anêmicas”
          http://apps.who.int/iris/bitstream/10665/77770/9/9789248501999_por.pdf?ua=1

          Diretrizes da OMS para suplementação para crianças

          Clique para acessar o 9789248501760_por.pdf


          Clique para acessar o 9789248501814_por.pdf

          Veganismo é utopia? O que é utopia num mundo em que diziam que libertar os negros era utopia? Em que diziam que o homem voar era utopia?

          Considerar o veganismo como religião é tão absurdo quanto considerar que o humanismo, o laicismo, o ambientalismo sustentável como religião.

          Sempre que vc for avaliar uma situação de injustiça, sempre se coloque no lugar da vitima. É muito fácil nos colocar na situação de explorador. Podemos fazer escolhas que não impliquem no abuso de animais.

          Não somos racionais o suficiente para deixar de explorar os animais?

        11. “Mesmo um deficiente mental sem nenhum parente, sozinho no mundo, não ter nenhuma pessoa para responder por ele, ele ainda é sujeito de direito.”

          Eu já expliquei. O Estado tutela essas pessoas, assim como tutela os menores sem pais. Agora, se você quiser que o Estado tutele TODOS os animais, de todas as espécies vai ter que mudar nossa Constituição e convencer os contribuintes a pagar muito mais impostos. Caso os animais sejam sujeitos de Direito, legalmente falando, eu posso processar as baratas que entram em minha casa por estarem invadindo meu domicílio e me expondo a doenças. Afinal, como não poderei matá-las, vou querer uma reparação do Estado.

        12. Quero ver como as baratas vão processar você, quando você ameaçá-las com o chinelo.

        13. Veganos gostam tanto dos animais que evitam que eles estejam por perto?
          E com certeza quem criou essas regras não entende nada de baratas e pernilongos!

        14. Isso entra na minha análise econômica, filho. Vai despejar repelentes no “Terceiro Mundo” inteiro? Muito viável. Não raro se vê insetos indesejáveis em condomínios de luxo, nas coberturas. Vou aproveitar que você está com vontade de postar aqui, e pedir para calcular a quantidade ideal de repelente para expulsar nada mais que as baratas das redondezas da Lagoa da Parangaba, aqui em Fortaleza. Veja se é viável. Some na conta o valor de medidas educativas para a população evitar matar baratas, e o valor de tantas moradias sem seus 4 A’s. Para tornar os moradores da Parangaba veganos, veja a porra do custo global.

          Quando eu disse que o veganismo está parecendo uma religião, parecia falácia, mas, veja bem:

          – Sua lógica implica dizer que a mera existência do veganismo torna todas as outras maneiras de se viver erradas. O cristianismo diz o mesmo. O islamismo diz o mesmo. Se você forçar um pouquinho a barra, o próprio Nobre Caminho Óctuplo diz o mesmo.

          – Implementar o veganismo em escala global exigirá um custo tão exorbitante que nem mesmo os próprios veganos sabem do que falam. O mesmo ocorre com as religiões.

          – Quando não for possível educar toda a população do bairro da Parangaba, você vai acusá-los de que não são veganos de verdade. Adivinha quem também faz isso?

        15. O que é vegano de verdade mesmo? Seu entendimento é que não mata animal algum?

        16. A questão é que não é exploração, amiguinho, não é abuso. Eu não saio por aí fazendo crueldades com animais só porque me regojizo num churrasco, não saio por aí esfaqueando nada. Tu é muito locão guri.
          Essas ideias deturpadas nessa sua cabeça de bagre, de que somos seres terríveis por saborearmos deliciosas picanhas e filés de salmão e sermos felizes por isso…
          A vida se alimenta de vida para continuar viva.

          Se eu me sinto feliz degustando um apetitoso bife acebolado, porque isso se torna imoral? Imoral não é você estar acusando a todos aqui de exploradores, cruéis, sádicos, esfaqueadores, etc?

        17. Pelo visto vc nunca deve ter visto como as grandes empresas matam os animais. Sim, animais são esfaqueados. Apresente qual grande empresa do Brasil não esfaqueia os animais. Vc criar animais para serem esfaqueados, é prejudica-los. A melhor forma de tratar o animal é não prejudica-lo. Temos conhecimento, tecnologia, recursos para não matar animais, e mesmo assim, vc os submete ao processo de serem esfaqueados.

          A vida se alimenta de vida? E o que isso tem haver? Vamos alimentar um pato forçadamente agora para fazer foie gras? Vamos acorrentar um bezerrinho no escuro, deixa-lo anemico, para fazer baby beef? Como agentes morais, nós devemos ter responsabilidade por nossos atos. E nós precisamos parar de justificar violência aos animais. Animais merecem ser livres assim como nós.

          Vc pode se sentir feliz com todo tipo de barbarie aos animais, é imaturidade desconsiderar o sofrimento alheio. Não precisamos cometer essa violencia aos animais. Seja em abatedouros, rodeios, rinhas.

        18. “O que lhe motiva a esfaquear um animal é obter um nutriente. Isso não me motiva a esfaquear um animal”

          Não. O que te motiva é jogar video game, mesmo não sendo essencial uma vez que existem comunidades, como os Amish, que vivem muito bem sem eletrônicos.

          Essa sua imagem é uma falácia, eu não tomo suplemento e nenhum e vivo bem, agora 100% dos veganos tem que suplementar, no mínimo, a B12.

          Ainda estou esperando alguém me apresentar os argumentos racionais para veganos consumirem eletrônicos totalmente boicotáveis, ou vai dizer que toda casa tem que ter TV, Aparelho de som e DVD pra manter os moradores vivos, sem esses recursos as pessoas morreriam? Ou que faz parte da filosofia vegan boicotar isso tudo e vocês não divulgam pra conseguir mais adeptos?

        19. “O que te motiva é jogar video game, mesmo não sendo essencial uma vez que existem comunidades, como os Amish, que vivem muito bem sem eletrônicos.”

          Me mostra se essa comunidade tem um progresso cientifico semelhante a esse:

          http://revistagalileu.globo.com/Revista/Common/0,,EMI266288-17770,00-GAMERS+AJUDAM+A+DESVENDAR+PROTEINA+DA+AIDS.html

          “Essa sua imagem é uma falácia, eu não tomo suplemento e nenhum e vivo bem, agora 100% dos veganos tem que suplementar, no mínimo, a B12.”

          Serio que vc não toma suplemento? Vc come sua comida sem sal? Vc não come farinha de trigo ou farinha de milho?

          “Ainda estou esperando alguém me apresentar os argumentos racionais para veganos consumirem eletrônicos totalmente boicotáveis, ou vai dizer que toda casa tem que ter TV, Aparelho de som e DVD pra manter os moradores vivos, sem esses recursos as pessoas morreriam?”

          Isso é o que mais precisamos para fazer ativismo de rua. E sim, as pessoas possivelmente morreriam. Muitos só se importam com sua alimentação quando viram veganas, eu mesmo vivia comendo carnes processadas como salsicha, linguiça, presunto, mortadela, e abandonando esse habito devido as informações que recebi, certamente diminui minhas chances de desenvolver cancer.

          “Ou que faz parte da filosofia vegan boicotar isso tudo e vocês não divulgam pra conseguir mais adeptos?”

          Interessante essa palavra que vc usou agora. DIVULGAR. Como divulgar o sofrimento animal sem imagens do sofrimento animal?

        20. Já que você vive repetindo os mesmos argumentos já respondidos, me apresenta os argumentos racionais para veganos consumirem eletrônicos totalmente boicotáveis como video games e smartphones.

  37. Foi o que eu disse, releia: “eles precisam fazer consultas quando resolvem aderir ao veganismo e ter dieta planejada”. Nessa dieta, o profissional de saúde que planeja vai mandar eles suplementar, e por isso na população vegetariana a taxa de anemia é baixa. Se todos os onívoros também consultassem nutricionista e planejassem a dieta não haveria onívoros anêmicos também.

  38. O artigo conclui que plantas se defendem! Elas não querem ser comidas! Você tem certeza que sabe ler?
    Diretamente da publicação:

    Plant germination and growth can be influenced by sound, but the ecological significance of these responses is unclear. We asked whether acoustic energy generated by the feeding of insect herbivores was detected by plants. We report that the vibrations caused by insect feeding can elicit chemical defenses. Arabidopsis thaliana (L.) rosettes pre-treated with the vibrations caused by caterpillar feeding had higher levels of glucosinolate and anthocyanin defenses when subsequently fed upon by Pieris rapae (L.) caterpillars than did untreated plants. The plants also discriminated between the vibrations caused by chewing and those caused by wind or insect song. Plants thus respond to herbivore-generated vibrations in a selective and ecologically meaningful way. A vibration signaling pathway would complement the known signaling pathways that rely on volatile, electrical, or phloem-borne signals. We suggest that vibration may represent a new long distance signaling mechanism in plant–insect interactions that contributes to systemic induction of chemical defenses.

    Isso é só a introdução. Se você, cabeça de mexilhão, se prestar pra ler a pesquisa toda, talvez pare de vomitar asneiras nos comentários de blogs alheios.

    TL;DR:

    Palavras do André:
    (…)Os resultados? Bem, Heidi e seus colaboradores descobriram que o agrião produz óleos de mostarda que são levemente tóxicos quando ingerido. Estas toxinas são enviadas a todas as suas folhas para tentar manter os predadores afastados. A pesquisa também revelou que, quando aos agriões perceberam “vibrações de mastigação” de lagartas, eles enviaram toxinas extras para ver se se livraram daquele ser das trevas. Mas a referida plantinha feliz não reagiu quando outras vibrações estavam presentes. A pesquisa foi publicada no periódico Oecologia, (…)

    1. Reação fisico-quimica agora significa senciencia? A tá.. se a maquina biologica das plantas fazem mecanismos para preservar a vida significa necessariamente que não [querem] morrer, que possuem interesses, sentem dores, mesmo se não tiver cerebro, nem nervos, nem mente, nem sistema nervoso central..

      Pelo visto essa gestante aqui que teve morte cerebral e teve o corpo mantido por maquinas tambem [queria] parir, mesmo não tendo mente alguma.

      http://super.abril.com.br/ciencia/nova-morte-446150.shtml

      É impressão minha ou vc vai considerar que esse corpo sem mente tambem é senciente por causa das reações quimicas que ocorreram até o fim da gestação?

      Vc ainda não mostrou onde no artigo conclui que plantas são sencientes. O veganismo baseia no conceito de senciencia para fundamentar seus argumentos, não no mero conceito de vida.

      1. Reação fisico-quimica agora significa senciencia?

        E o que é senciência, seu animal ‘sem ciência’? Por favor, queira explicar aos presentes a diferenciação, em termos dos valores ‘éticos veganos’ (?), entre as reações bioquímicas que ocorrem em neurônios e seus conjuntos, das demais reações bioquímicas em outras células.

        É engraçado ver como esse povo inventa toda uma celeuma em torno do termo e depois tenta, a todo custo, empurrá-lo como fundamento pras suas verdades. É muito conveniente, por sinal: “eu invento a balela e você que corra atrás das refutações.” Onde eu já vi isso, mesmo?

        Pelo visto essa gestante aqui que teve morte cerebral e teve o corpo mantido por maquinas tambem [queria] parir, mesmo não tendo mente alguma.

        E o que tem o orifício anal a ver com a vestimenta masculina?

        O complexo do pombo-enxadrista tem a sintomatologia já bem definida:
        Além de ter a cara de pau de ignorar toda argumentação do Alessandro Bruno sobre a tutela de direitos, não ler o que te passam (você, pelo jeito, nem leu o texto do André!), põe outro espantalho no milharal, mistura alhos com bugalhos e ainda se acha o cara!

        Bem, e o resto que você escreveu é só embuste baseado (você quer?) na tal “ética vegana” da aplicação do conceito de senciência.

        1. Sob a ótica dele, somos moralmente obrigados a ensinar corvos a ler:

          https://ceticismo.net/?s=corvos

          Eu pago para ver um leão ético que decida não matar à própria fome deixando viver um humano. Pago para ver um macaco ético que decida não estuprar uma fêmea fértil. Pago para ver um formigueiro ético que não escravize os insetos da vizinhança.

          Não estou defendendo tortura. Só não sou capaz de enxergar a simetria que ele acha que é real.

        2. O que é senciência? Aqui 2 links que indica onde o termo está definido na literatura cientifica. Invenção? Onde?

          Documento da União Europeia
          pag 20:
          http://www.efsa.europa.eu/en/efsajournal/doc/opinion_ahaw_02_ej45_stunning_report_v2_en1,1.pdf?ssbinary=true

          https://oholocaustoanimal.wordpress.com/2014/12/04/resposta-ao-eu-ciencia-provando-que-os-animais-sao-sencientes/

          Agora me mostra o trecho de algum periodico que se conclui que plantas são sencientes.

        3. Você não entendeu meu comentário.

          “É engraçado ver como esse povo inventa toda uma celeuma em torno do termo e depois tenta, a todo custo, empurrá-lo como fundamento pras suas verdades.”

          Preste atenção: Eu não disse que o termo é invencionice! Eu disse que o veganismo coopta o termo para seus devaneios éticos. E esses devaneios é que são as invencionices, entendeu?

        4. Se vc jogar sal nas pernas de uma rã morta, certamente vc verá uma reação bioquimica, as pernas irão tremer. As reações bioquimicas de seres sencientes, envolve interesse, capacidade de sentir. Se vc acha equivalente jogar sal numa rã morta para jogar sal nos olhos de um cachorro, deixe claro.

          Em “minhas verdades” entendo que animais não devem ser abusados. Se vc tem argumentos racionais para abusarmos de animais, por gentileza apresente.

        5. Se vc jogar sal nas pernas de uma rã morta, certamente vc verá uma reação bioquimica, as pernas irão tremer. As reações bioquimicas de seres sencientes, envolve interesse, capacidade de sentir.

          Não são reações bio-químicas da mesma forma?

        6. Se vc acha equivalente jogar sal numa rã morta para jogar sal nos olhos de um cachorro, deixe claro.

          E nas palavras do andré, é bem isso que você está fazendo:

          “Aqui começa o apelo melodramático. Onde os adeptos da religião vegan apelam pro sentimentalismo tosco, mostrando fotos de bezerrinhos recém-nascidos.”

      2. Você apenas responde – falaciosamente – o que te interessa, ignora as refutações, explicações, enfim, o que não te convém, tenta empurrar guela abaixo uma ladainha de “mimimi exploração mimimi senciência mimimi”.

        Você é chato, cara.

        Releia o texto deste artigo e refute os pontos apresentados, com dados, fatos, publicações e artigos SÉRIOS aí sim terá alguma razão, tente ler a pesquisa publicada sobre a defesa das plantas, (todos sabemos que você nem tentou ler), quem sabe, assim você exercita um pouco suas reações físico-químicas neste cérebro de chinchila que você tem.

        1. Vc quer que eu apresente a refutação de que plantas são sencientes? Ué? Mas cadê o trecho do artigo que conclui que plantas são sencientes? Como se nega alguma coisa sem haver afirmação?

          Se há uma reação bio-quimica numa maquina biologica então ela é senciente? É esse seu raciocínio?

        2. Vejamos:

          Dih Borba -> Carlinhos Ortega • 17 dias atrás
          Quem é vegano, pensa apenas no sofrimento dos animais, este é o motivo e basta.

          Só digo uma coisa: https://ceticismo.net/2014/10/2

          Thiago Melo-> Dih Borba • 16 dias atrás
          Moral da historia: Fazer uma fogueira de plantas é a mesma coisa que fazer uma fogueira de cachorros.

          O artigo concluiu que plantas são sencientes onde?

          Dih Borba -> Thiago Melo • 14 dias atrás
          O artigo conclui que plantas se defendem! Elas não querem ser comidas! Você tem certeza que sabe ler?


          Thiago Melo -> Dih Borba • 14 dias atrás
          Vc ainda não mostrou onde no artigo conclui que plantas são sencientes.


          Dih Borba -> Thiago Melo • 12 dias atrás
          A pesquisa não está aí pra provar que plantas são sencientes (fala sério, você nem leu, cara), eu linkei este artigo quando foi dito: “
          Quem é vegano, pensa apenas no sofrimento dos animais, este é o motivo e basta“, estou te mostrando que plantinhas também sofrem.


          Thiago Melo-> Dih Borba • 21 horas atrás
          Vc quer que eu apresente a refutação de que plantas são sencientes? Ué? Mas cadê o trecho do artigo que conclui que plantas são sencientes? Como se nega alguma coisa sem haver afirmação?


          Ok, ok, você não entendeu nada do que eu disse, NADA! Ou se faz de retardado! Não entendeu NADA do que o Alessandro disse, ou o NestorBendo ou o Márcio S., NADA! Ou se faz de retardado.

          Mas cadê o trecho do artigo que conclui que plantas são sencientes?

          Quantas vezes vou repetir a mesma coisa? E mais: você NÃO LEU, nem o artigo do André (o mínimo que você devia ter feito), nem a pesquisa das plantas, nem quaisquer links dirigidos a você pelos outros comentaristas. É ÓBVIO pelo que você fala. Isso é desonestidade intelectual. Não é um bom debate.

          É esse seu raciocínio?
          O meu raciocínio é esse: que a falta de nutrientes, oriunda do desleixo na alimentação, está deixando esta porqueira dentro da sua caixa craniana BURRA DEMAIS pra debater sobre qualquer coisa.

          =*

  39. “Veganos não aceitam que gorilas sejam mortos por esses exploradores de minerio”

    E financiam essa exploração do mesmo jeito, imagina se aceitassem!

    “Precisamos do minerio para nós como individuos sobrevivermos, isso é fato.”

    Se você não tiver um smartphone vai morrer? De quê mesmo, só se for de crise de abstinência porque muita gente vive sem telefone.

    “Smartphones são como computadores convencionais. Nele podemos navegar na internet e receber uma chuva de informações sobre como nos manter vivos”

    Sei, e se não tiver esse recurso vocês não aprendem nada? Eu vivi até os 20 e tantos aos sem internet e mesmo assim eu sabia como me manter vivo.

    “Vc acha que portar um celular simples para acionar a policia já é suficiente para nos precaver da morte? ”

    Acho, e porque não seria se muita gente viveu/vive sem telefone.

    “Se prezamos a vida de indivíduos humanos não podemos deixar de usar jogos como forma de nos manter.”

    Sério mesmo que você acha que jogar jogos eletrônicos é a ÚNICA FORMA de nos manter? Como a humanidade sobreviveu por 100 mil anos antes da Internet e dos jogos eletrônicos?

    “Vou lhe indicar onde está na literatura a importancia do uso de jogos/simuladores. Veja o resultado que há quando se aplica jogos para o ensino.”

    Claro, e quando um jovem compra um PS 4 está pensando nisso – Mortal Kombat e todos os jogos são feitos para serem aplicados para o ensino, ninguém joga só por diversão.

    “O suco de cereja está fazendo um papel de salvar vidas tal como os jogos fazem?”

    Não, está trazendo um luxo delicioso, tal qual os jogos eletrônicos

  40. Mudando um pouco de assunto, já que para mim a questão é mais simples: coma um pouco de tudo e seja feliz, alguém poderia me indicar um link, de preferência aqui de vocês (caso haja), sobre a função do limão no combate a problemas gástricos?

    Já li em vários sites que o limão, apesar de ser ácido, em contato com o organismo se torna alcalinizante. Alguém pode confirmar ou desmentir isso?

  41. Mas viu, quem disse que precisamos dos animais para obter B12? Isso é uma falácia.

    LInks indexados provam que não. Vc sabe… aquilo que vocês nunca postam.

    É consequência da noção de higiene da vida moderna não conseguirmos mais obtê-las por nós mesmos, a não ser que comamos alimentos da terra sem higienizá-los.

    Estou esperando os artigos que vc postará provando isso.

    Nada mais natural que nos utilizarmos de outra modernidade para suprir essa carência.

    Bife. Nham nham.

    Para quem se dedica a detonar o veganismo você está fraco de argumentos.

    As dezenas de artigos que eu postei provam que não.

  42. O seu egoísmo, egocentrismo e antropocentrismo foi desmascarado.

    Morar numa selva vc não quer, né?

    O Veganismo é um movimento que pretende libertar os animais do especismo humano.

    Esconde o inseticida no seu armário que ele está aparecendo.

    Descobrimos que é mentira o fato que necessitamos matar outros seres para sobrevivermos.

    Artigos indexados, por favor.

    Não matamos e você deveria também parar de matar, porque matar sem necessidade é errado

    Eu não mato. Já compro meu bife prontinho.

    moral e eticamente errado.

    Refutado no texto que a princesoca não leu.

    Quanto à saude, vai bem obrigada. Me responda: Porque você come pão?? (tem acido folico na farinha)

    Também tem na carne. :D

    porque vc come sal (tem iodo no sal).

    Não como sal.

    Porque pessoas que comem carnes tem anemia, falta de B12 e outras carências?

    Não têm.

    Ué!!! Para seu conhecimento há muitos veganos que não suplementam B12

    Aham.São os que comem hamburguer escondido.

    que em verdade tem mais a ver com capacidade de absorção. Todo animal fabrica B12, inclusive o ser humano. Vá estudar.

    Produz., mas não absorve. Não adianta nada, filhota. Volta pro colégio de onde vc fugiu.

    1. “Morar numa selva vc não quer, né?”

      Certamente não. Pra que mesmo?

      “Esconde o inseticida no seu armário que ele está aparecendo.”

      Vc deve ter confundido com o material de limpeza. Veganos mantem suas casas limpas com tecnicas simples para se livrar de “pragas”.

      “Artigos indexados, por favor.”

      Essa meta-analise mostra a qualidade da proteína vegetal. Acha que proteina animal é melhor que a vegetal?
      http://migre.me/pGXL6
      Pontos importantes desse periodico para serem discutidos são levantados aqui: http://migre.me/pCxyP

      “Refutado no texto que a princesoca não leu.”

      Usar comportamentos de animais para legitimar suas ações? Falacia naturalista.

      “São os que comem hamburguer escondido.”

      Pode haver veganos que não suplementam B12 mas comem alimentos fortificados com B12 sem saber. Tal como aqueles não-veganos que comem varios alimentos fortificados sem saber.

      1. Certamente não. Pra que mesmo?

        Para parar de frescura “oh, pobres animais”. Tudo o que vc tem veio de impacto ambiental. Adoram causas ambientalistas, ms não querem viver no ambiente.

        Vc deve ter confundido com o material de limpeza. Veganos mantem suas casas limpas com tecnicas simples para se livrar de “pragas”.

        Cuticuicuti… cachorrinho bonitinho. IH, UMA APARANHA! CADÊ O CHINELO?”

        Todos os animais são iguais, mas alguns são mais iguais que os outros.

        Essa meta-analise mostra a qualidade da proteína vegetal. Acha que proteina animal é melhor que a vegetal?

        This meta-analysis provides new recommendations for dietary reference values, ie, an EAR (median) and RDA (97.5th percentile) for healthy adults of 105 and 132 mg N x kg(-1) x d(-1) (0.65 and 0.83 g good-quality protein x kg(-1) x d(-1)), respectively.

        Entra num cursinho de inglês.

        Pontos importantes desse periodico para serem discutidos são levantados aqui

        Se desonesto não fosse, vegan não seria. A pesquisa NÃO DIZ ISSO, manézinho. Não importa o que seu pewsquisador de YouTube disse. Entra num cursinho de inglês

        Usar comportamentos de animais para legitimar suas ações? Falacia naturalista.

        Refute.

        Pode haver veganos que não suplementam B12 mas comem alimentos fortificados com B12 sem saber. Tal como aqueles não-veganos que comem varios alimentos fortificados sem saber.

        Eu nunca disse que era antiétco espremer um limão para tomar vtamina C.

        1. “Para parar de frescura “oh, pobres animais”. Tudo o que vc tem veio de impacto ambiental. Adoram causas ambientalistas, ms não querem viver no ambiente.”

          Porque é frescura ser contra o abuso de animais? O que legitima agredir animais com o intuito de se aproveitar deles mesmo?

          “IH, UMA APARANHA! CADÊ O CHINELO?”

          Se essa é uma aranha venenosa se trata de legitima defesa. Tanto quanto vegans poderiam matar humanos se estes ameaçassem sua vida.

          O pesquisador do video em questão fez um baita de um trabalho ao reunir massiva referencia bibliografica para provar que a dieta vegana é segura e saudavel. Os argumentos estão aqui com as devidas referencias das publicações cientificas:

          Clique para acessar o guia-alimentar.pdf

          “Refute.”

          Ter animais como modelo ético é imaturo. Animais comem animais, ficas estupram pinguins, leões fazem infanticidio. É impressão minha ou vc faz cherry piking?

          “Eu nunca disse que era antiétco espremer um limão para tomar vtamina C.”

          Nossa.. quase pensei que vc fosse um defensor de plantas e frutas.

        2. Se é uma aranha venenosa, ou se é um mosquito da dengue infectado… Onde foi que eu já vi esse argumento…

          Quando eu tentei mostrar a assimetria de comportamento entre humanos e animais que você tenta jogar na cara do nosso anfitrião, você precisava que ela não existisse, distorcendo até mesmo a legislação para cumprir com a sua crença. Agora ela lhe apetece. Conveniente demais pra eu engolir.

          Vai voltar aos mesmos pontos já aniquilados?

          Dr. André, podemos pedir para adiantar o seu veredito? Essezinho aí só quer rodar em círculos. As pipocas estão deliciosas, mas o filme é muito ruim.

        3. Eu não vejo nada racional se basear no comportamento de animais irracionais para justificar suas praticas. Pesquisa falacia naturalista.

        4. A relação intra espécies só diz respeito a nós e é regida por nossas leis, moral e costumes. Porém a nossa relação com outras espécies segue a única lei a que eles se submetem, a lei da selva.

        5. É impressão minha ou isso é argumento para defender comer animais enquanto vivos, alem de estuprar pinguins como as focas fazem?

        6. Pesquise “mozovo”. Foi o que você fez. Quer um óleo de peroba para passar na sua cara?

        7. Se vc vai insistir que os animais não-humanos são um modelo de conduta ética, assista a esse video do Pirula:

        8. As relações são simétricas? Você já mudou o discurso, e eu ganho o quê vendo o Pirulla, hein, bicho piruleta?

        9. Não é questão de falácia naturalista, mas sim do instinto de sobrevivência, que impede que você não procure tratar uma doença, ou morrer de sede ou de fome. Mas de qualquer modo, você estaria “valorizando” mais a sua vida do que a da aranha, o que já seria um “especismo”.

        10. Vc não entendeu o que é especismo. E nessa sua logica, se eu tivesse valorizando mais em salvar a minha vida que a de um negro, mulher, homossexual, estrangeiro, judeu, eu estaria sendo racista, sexista, homofofico, xenofobico, anti-semita. O que não faz o menor sentido.

          E não se explora animais por questões de sobrevivencia. Mas sim para atender caprichos.

        11. Tipo comprar um smartphone, um videogame ou um carro, né? Aposto que você tem os três!

  43. Vocês se baseiam numa doutrina idiota, sem embasamento científico, apelam de fanatismo, apelo à emoção, atacam as pessoas e se acham melhores que os outros.

    Sim, é uma religião. E todas as bobagens que vocês sustentam foram refutadas no artigo, do qual vocês, como bons fanáticos que são, não houve uma linha com comparação por fontes científicas sérias provando que estava errado.

  44. dentro do veganismo existem pessoas que estudam e pessoas que não estudam

    Chama as que estudam para refutar meu texto, linha por linha.

    Como em qualquer outro movimento, seguimento, grupo ou que que queiramos chamar. Tanto é que eu, vegana, li boa parte do seu texto e só não terminei agora

    Deve ter lido só o primeiro parágrafo. Se tanto.

    Mas voltarei a ele e estudarei as informações científicas que você cita.

    Só o fato de vc vir correndo escrever suas bobagens já mostra que não lerá coisa alguma.

    Concordo com muitas observações que fez. Mas discordo da maneira como generaliza os vegans, atribuindo a todos eles uma vivência alienada.

    ZZZZZZzzzzzzzzzzZZZZZzzzzzzz

    Primeiro refute as minhas fontes.

    Discordo, também, de maneira como se refere os religiosos. Não sou religiosa, mas respeito a crença de cada um deles.

    Tem religiões que sacrificam crianças. Imagino que vc respeite isso. Vocês não respeitam nem as pessoas normais que escolhem o que comer, sem deixar a sua doutrinação. Sim, vocês tem uma religião.

    E, como em qualquer meio, há religiosos sábios.

    Não considero ninguém que acredite em cobras falantes como um sábio.

    Nem todos vivem de forma alienada.

    Muito blábláblá. refutação que é bom, nada.

    Assim, como também, nem todos os “não vegans” são bem esclarecidos. Por hora, agradeço pelas referências dadas! Mas confesso não ter apreciado uma postura tão desrespeitosa ao escrever.

    Estou pouco me lixando.

  45. Colega, recomendo que você pesquise primeiro o que é revisão por pares, antes de colocar um comentário desse tipo por aí.

  46. “Enquanto não houver compaixão para com todas as vidas, “carnívoros” sempre tentarão dar desculpas e mais desculpas para não ter que dizer que se alimentam de cadáveres por mera desgustação(?)”.

    Essa é nova para mim, agora estão comendo vegetais crus e ainda vivos.

    1. Estuprar um animal é a mesma coisa que estuprar uma planta?
      Zoodilia é a mesma coisa que dendrofilia para vc?

      E cadaver é o encurtamento da frase carne dada aos vermes.

      1. “Estuprar um animal é a mesma coisa que estuprar uma planta?”
        Zoodilia é a mesma coisa que dendrofilia para vc?”

        Falácia do olha o avião.
        Mostre onde comentei sobre relações sexuais com outras espécies.
        E como @#$%& se estupra uma planta? Pelo ovário da flor? E se não for angiosperma?

        “E cadaver é o encurtamento da frase carne dada aos vermes”.

        ???

        1. Suas palavras: “Essa é nova para mim, agora estão comendo vegetais crus e ainda vivos.”

          Caso vc tenha sido ambiguo com a palavra “comer”, que pode ser usada para se alimentar como tambem para fazer sexo. Vc pelo viso estava surpreso que veganos comem vegetais vivos como se fosse algo ruim.

        2. Sim, me referi a “comer” no sentido de “alimentar-se”. E como cadáver é usado para referir-se a um corpo de um ser vivo que não mais tem vida, plantas mortas também são “cadáveres”, e como veganos costumam comer plantas, para não se alimentar de um “cadáver”, só se for comendo o vegetal vivo, e possivelmente, cru.

        3. Em que documentos podemos encontrar a associação de cadaver com plantas?

          Quem faz sexo com vegetais mortos estaria cometendo necrofilia?

        4. Colega, vou ser mais claro: como cadáver é usado para referir-se a um corpo de um ser vivo que não mais tem vida, plantas mortas também são “cadáveres”. CORPO morto, esse é o ponto.
          Se necrofilia for usada como o ato sexual com um corpo morto, pode ser considerada. Mas qual a relevância disso? Isso me cheira a falácia do olha o avião.

  47. Como é mesmo que dizem?

    Ainda bem que esse tipo de pessoa não tem direito a votar contra pesquisas científicas sérias, aqui no Brasil e… OH, WAIT!

    1. Tenho impressão que conheço esse Victtor, eu acho que ele é da minha cidade, pois estou comentando 2 anos depois, e dobrou o numero de imbecis vegans em Joinville…

  48. Belo texto. Infelizmente por mais que se tente explicar todo o processo bioquímico eles teimam em refutar conhecimentos científicos com achismos. Recentemente entrei numa discussao com veganos e meu deus.. joguei minha faculdade de engenharia de alimentos no lixo.
    O mais engraçado eh que lendo os comentários aqui percebo que os argumentos sao seeeeempre os mesmos

        1. Na conclusão do artigo, você leu?

          A carne suÌna, especialmente o lombo suÌno, apresenta benefÌcios
          indiscutÌveis à saúde humana e deve ser mais uma opção nutrio-
          nalmente adequada no cardápio do brasileiro. Em saúde e nutrição é
          necessário compreender que bom senso e variedade são necessários.
          A premissa de se manter uma dieta com reduzido teor de gorduras
          saturadas e colesterol, alto teor de fibras e ácidos graxos monoinsa-
          turados deve ser mantida

        2. Mesmo que a carne suina seja “indiscutivelmente” uma boa fonte para se nutrir, isso ainda não nega que a opção vegana seja adequada para se nutrir. O fato de haver uma opção boa para se nutrir não desqualifica outra.
          O artigo fala que variedade é necessaria, mas isso se pode ter numa dieta vegana. Gordura boa tambem se pode ter numa dieta vegana.

        3. o texto fala que a carne suína DEVE SER uma opção, você sabe a diferença de DEVE SER e PODE SER?

        4. Contanto que venha de artigos científicos publicados em periódicos revisados por pares, como Nature ou Science.

        5. No contexto em que ele fala praticamente o deve e o pode fazem o mesmo sentido, visto que ele classifica essa carne como uma opção. Em momento algum ele classifica essa carne como indispensavel para uma boa saúde, isto é, só se poderia gozar de boa saúde se incluir carne de porco na alimentação.

          E se vc quer o consenso sobre boas opções alimentares para os brasileiros, veja o guia alimentar do ministerio da saúde.

          http://vista-se.com.br/ministerio-da-saude-reconhece-alimentacao-vegana-como-saudavel-e-alerta-sobre-produtos-de-origem-animal/

        6. “No contexto em que ele fala praticamente o deve e o pode fazem o mesmo sentido”

          Você interpreta dessa forma, eu leio que a carne suína DEVE ser uma das coisas que estão na mesa dos brasileiros, como as outras opções.

          “E se vc quer o consenso sobre boas opções alimentares para os brasileiros, veja o guia alimentar do ministerio da saúde.”

          O Guia do MS? Isso não indica que houve um consenso, indica que os políticos do governo federal (claro que são tudo gente boa, né, ninguém do PT está envolvido em escândalo) fizeram acordo com alguém que tinha interesse nisso, é um texto político não científico.

        7. Vc leu a frase inteira? No periodico diz: “deve ser MAIS uma opção nutrionalmente
          adequada no cardápio do brasileiro.”

          Isso não refuta as outras opções nutricionalmente adequadas dentre tantas outras. E se o artigo se proposse a fazer isso, ele não teria refutado as diversas dietas que se podem fazer sem o consumo de porco. No artigo haveria erro metodologico.

          O artigo se propõe a dizer de algo que é nutricionalmente adequado. O porco é uma opção ou não no grupo de dietas nutricionalmente adequadas? Isso é que ele vai buscar responder.

          E o guia do MS certamente é um texto politico refletindo o consenso cientifico.

        8. Mais uma? Claro ninguém vai comer só carne de porco todo dia. É preciso ter uma alimentação variada, com carnes e vegetais e nela é preciso que haja muitos tipos de alimentos, a carne de porcos deve ser um deles.

  49. Caro, seu eu lhe deixasse incosciente e lhe aplicasse um golpe de faca no pescoço, eu seria passivel de ser punido por ter lhe esfaqueado. Nesse exemplo, eu fiz exatamente o que consta na segunda definição que vc deu:

    -“Ferir, golpear com faca”.

    Se eu lhe matasse exatamente do mesmo modo que vc descreveu que se mata animais, certamente que vc entenderia que não lhe tratei com bondade.

    Isso daqui te responde:

    Há alternativas para o que vc acabou de descrever. Estude:
    http://veganagente.consciencia.blog.br/onde-esta-a-ilusao-resposta-a-imagem-produtos-a-base-de-gado/#.VXGFGhzV_GA

        1. comparação inversa também conta? não suporto chamarem a produção dos maravilhosos frangos de padaria de holocausto eles que começaram

      1. Ambos não merecem sofrer abuso. Se vc tem argumentos racionais que justifique tratar um com respeito e outro como objeto/produto/propriedade, favor falar.

    1. Vídeo do youtube, postagens em blogs de pessoas que não são cientistas, juízo de valor/ético moral. É só isso que justifica a sua ideologia.

      Ainda estou esperando alguém me apresentar os argumentos racionais para veganos consumirem eletrônicos totalmente boicotáveis, ou vai dizer que toda casa tem que ter TV, Aparelho de som e DVD pra manter os moradores vivos, sem esses recursos as pessoas morreriam? Ou que faz parte da filosofia vegan boicotar isso tudo e vocês não divulgam pra conseguir mais adeptos?

    2. Ok.
      Presta bem a atenção aqui, sua demência bípede disfarçada de humano, porque não vou falar de novo. Você, aparentemente, ou sabe muuito ou porra nenhuma de falácias, afinal é só o que você usa para responder/encher o saco dos outros. Tu já levou toneladas de contra-argumentos e refutações nestas inutilidades que tu apresenta. Tuas fontes são só de defensores dessa tua religião, digo, do veganismo que, logicamente, nunca poderiam apresentar um mínimo de imparcialidade em qualquer estudo/pesquisa sério, enquanto todos aqui te deram verdadeiras aulas sobre implicações jurídicas penais e civis (Alessandro Bruno, por exemplo), tecnologia, química, biologia, ciência no geral (NestorBendo, Julio Cesar Ferranti, Márcio S. e outros), sobre abate e até sobre economia, entre tantos outros temas, e todos que lhe falaram apresentaram argumentos fundamentados e com fontes fiáveis e imparciais em seus estudos, pesquisas e conclusões. Tipo o que o André diz: “E cadê os links com artigos publicados em periódicos científicos, com revisão de pares?“.
      Você não passa de um merdinha melodramático esquelético. Teu debate e tua argumentação são sujos e desonestos. Tua resposta nada mais é do que uma analogia exagerada/abusiva recheada de melodrama e concatenada com a 3ª Lei da Burrice: “Burro é aquele que causa prejuízo a outro(s) sem obter nenhuma vantagem ou até prejudicando a si mesmo“.
      Quanto às tuas “alternativas” no sitezinho vegan, duas coisas:
      ->simplesmente economicamente inviáveis e
      ->é RÍDICULO, repito, RI-DÍ-CU-LO que vcs queiram alimentar animais carnívoros como cães e gatos com “comida” vegan! Humanos que comam quanto mato quiserem, afinal, somos onívoros, agora, forçar animais carnívoros a seguirem sua religião, é maluquice, é doença, vcs são doentes!

    3. Quer saber da maior, filhota? Arranquei três árvores pela raiz e aniquilei caramujos e aranhas e escorpiões e gafanhotos ontem mesmo.

      Número de processos recebidos aqui em casa (a síndica do condomínio é ferrenha defensora dos animais, inclusive): 0.

      Número de acusações de crueldade que recebi até agora: 0.

      Number of fucking fucks given: 0.

      Seu problema é falta de uma pia de louça suja para lavar.

    1. Na logica vegan. Todos são animais. E nenhuma animal merece passar por abuso. Discorda? Espero saber os argumentos racionais para apoiarmos o abuso de animais.

  50. Serio que vc se preocupa com agrotoxico nas plantações? Otimo. Poderia começar deixando de financiar a carne visto que imensas quantidades de cereais são produzidas para virar ração. Quem contamina menos o solo? O vegano ou o não-vegano?

    Ministério da agricultura:
    – 30,7 milhões de toneladas de soja são produzidos no Brasil. 23,5 milhões vão para alimentar os animais. http://migre.me/qcxoy

    – Maior parte do milho é para alimentar animais: http://migre.me/qcxrc

    De acordo com o departamento de agricultura dos Estados Unidos:
    “A maior parte do milho que é negociado é usado para alimentação animal; quantidades menores são negociadas para usos industriais e alimentares.”
    http://www.ers.usda.gov/topics/crops/corn/trade.aspx#.UWbCQ7UX-w5

  51. “por isso com o abate controlado – que pode ser mais indolor; por mortes indiretas por envenenamento, asfixia e fogo.”

    Isso é argumento para apoiarmos o abuso de animais?
    Vc coloca mortes que podem ser evitadas com mortes que não podem ser evitadas no mesmo pacote? Espera que com esse argumento eu apoie a pratica de explorar animais para peles tambem?

    “que usam de defensivos agrícolas e na fase da colheita coloca fogo no canavial. Já imaginou quantos animais morrem nesse processo?”

    Sim. E a quantidade é muito menor que aqueles que os não-veganos matam.

    “Vegans usam papel? Então financiam a morte de ecossistemas inteiros devido a monocultura de pinhos:”

    Vamos cada vez mais trocar papeis por eletronicos.

    “Veganos andam de carro? Então financiam a morte e animais queimados:”

    Andam sim. E tambem de onibus. Não vamos pegar ensolação. Nem passar muito tempo na rua correndo o risco de ser assaltado.

    “A lista de coisas boicotáveis que os veganos utilizam que gera a morte de animais é extensa, se eu continuasse podia ficar horas só juntando links.”

    O cara que apoia a tourada fala a mesma coisa. E olhe que ele fala esses motivos para legitimar a tourada. Puro
    tu quoque, tal como vc faz.

    1. Bobagem. Qualquer que seja o abuso de animais vamos fazer coro para estripar da sociedade. Inclusive por meio de leis para proibir. Se acha que matar animais para se aproveitar deles é caracteristica de um povo civilizado, estão vc está no atraso, bem vindo aos novos tempos. Em varios países já se proibiu foie gras, carne de vitelo, vaquejadas, touradas, circos com animais, e vamos continuar fazendo esforços para proibir cada vez mais. Estamos crescendo. E não vamos ficar calados assistindo o abuso de animais.

        1. Vai comparar veganos a Hitler?
          Não vá tão longe.
          Não vamos matar quem apoia o abuso de animais. Vamos só fazer leis para punir o especismo assim deve ter leis para punir o racismo, o sexismo, a homofobia, a eugenia.

          Vá com calma jovem.

        2. Na outra ocasião em que caímos na redução ao hitlerismo, você resignou. Será que o Holocausto foi uma comparação justa, no seu ponto de vista?

          Vá para a política, filho. Mude o mundo! Eu pago para ver!

        3. Hitler também não mandou matar os judeus logo de cara, mas a questão de “superioridade” continua.

        4. Uma moral que evita a barbarie aos animais não-humanos deve ser superior a que permite. Se ambas devem ter peso igual, ainda não fui convencido.

      1. “Se acha que matar animais para se aproveitar deles é caracteristica de um povo civilizado, estão vc está no atraso,”

        Então você tamém está atrasado, afinal “oportunidades de informação e consequentemente minhas chances de sobrevivencia as adversidades.” são uma forma de se aproveitar dos animais.

        1. Suponho que vc deva ser contra a escravidão que as fabricas de chineses fazem com humanos. Se vc entende assim como eu que é imboicotavel consumir os produtos que são produzidos na China, e mesmo assim consome, ao mesmo tempo apoia que isso acabe, deveria entender o ponto.
          É por meio desses eletronicos que vamos disseminar o que esses chineses passam, é por meio desses eletronicos que vamos pressionar a comunidade cientifica a construir robos para nos livrar do fardo de trabalhar em trabalhos massacrantes e insalubres. A internet tem o potencial de mudar o mundo e temos que usa-la para acabar com os problemas sociais. Entenda de uma vez. Somos parte do problema, mas tambem somos parte da solução.

        2. Por isso mesmo eu evito consumir produtos da Apple e de qualquer empresa que está envolvida em escândalo com mão de obra chinesa. Mas, mesmo se não fizesse isso eu nunca sai pregando que é errado utilizar produto chinês e chamando de especistas ou a favor da escravidão quem usa! Quem faz esse tipo de julgamento moral são os veganos!

        3. Estamos cercados de trabalho escravo por todos os lados. Só pra você ter uma ideia de como é difícil controlar a situação:

          http://slaveryfootprint.org/

          Não é errado fazer pessoas trabalharem forçadamente? Porque?

          Isso não significa que seja uma pratica correta, devemos usar esses produtos eletronicos, que são imboicotaveis, para divulgar que isso deve mudar.

          E a proposito, a pecuaria é campeã em trabalho escravo.

        4. “Estamos cercados de trabalho escravo por todos os lados. Só pra você ter uma ideia de como é difícil controlar a situação:”

          Por isso eu falei que EU EVITO. Sempre procuro comprar produtos de empresas nacionais, mas sei que alguma parte pode ser produzida no exterior, só que dou o benefício legal da presunção de inocência a todas empresas – quando é descoberto que uma está envolvida nesta prática eu fujo dos itens dela como o diabo da cruz! Um bom exemplo é os eletrônicos, quando li aquela notícia da ANDA que te passei, no lugar de me conformar que eletrônicos são essenciais como o site diz e você defende, eu nunca mais troquei de celular – o meu aparelho é o mesmo de 2011 e só vou trocar se um dia ele quebrar, não uso pendriver – salvo tudo nas nuvens e se precisar e não tiver internet, peço emprestado, no compro DVD e nem CD entre outros cuidados que não vi nenhum vegano defender, assim como não vejo uma campanha vegan pela economia de papel!

          “E a proposito, a pecuaria é campeã em trabalho escravo.”

          Não se iluda, se tiverem que parar de criar gado, os gigantes do agronegócio vão plantar soja e outros produtos e continurar explorando seus trabalhadores! O problema é a distância do campo pros centros do MS, a falta de fiscalização e a cultura brasileira, não a pecuária.

        5. Se vc entende que veganos defendemo o capitalismo selvagem sugiro que acesse o conscienciablogbr para apurar em detalhes. Vc não viu vegano algum? Foi porque não pesquisou. Sua defesa até um momento atrás era a total abstinencia de eletricidade/eletronicos citando uma comunidade como modelo a ser seguido. Se vc coloca que veganos fazem troca de smartphone de 6 em 6 meses está fazendo um espantalho absurdo.

          A proposito, já que vc faz questão em boicotar empresas que promovem o trabalho escravo e produzem coisas não essenciais para a sua vida, quais são as marcas criadoras de animais que vc é cliente?

  52. “Eles vivem saudáveis até a velhice, são felizes e gostam de seu modo de vida, não está bom?”

    Não. E o onus da prova é seu. Prove que eles tem a mesma capacidade de aprendizado quanto o de sociedades que usam eletronicos. Por onde mesmo que eles acessam os periodicos das bases de dados (scielo, pubmed, medline)? Mostre as contribuições cientificas que eles fazem. Faça um comparativo entre eles e sociedades que usam eletronicos e mostre que o desempenho deles é igual ou superior a sociedades que usam eletronicos.

    “Então, se pra você o progresso científicojustifica o abuso de animais, você deveria defender as pesquisas com cobaias então.”

    Mais uma bobagem que vc fala. Se eu vivesse em uma sociedade que escraviza negros, vc acha que eu deveria me ausentar dela, e viver isolado ao invés de viver nessa sociedade disseminando o fim da escravidão? Ainda que eu tivesse que comprar comida produzida por mão de obra escrava, ainda que eu tivesse que ser atendido por medicos como J.M. Sims, que fazia testes forçados com escravas negras, eu ainda estaria no meio dessa sociedade disseminando que negros devem ser libertos. Vc não faria o mesmo?
    E usar animais não-humanos como modelo humano é fraude. Tem um monte de periodicos para vc refutar se discorda.

    “Eu não preciso de nenhum suplemento. Se nesses alimentos sãofortificados (o que é diferente de tomar um remédio) e por causa de pessoas como você, que tem a alimentação incompleta e todos precisam pagar por isso.”

    Onde vc tirou a definição de que suplemento é remedio? Suplemento proteico é remedio para vc?
    Se vamos falar de “comer” remedio então vejamos aqueles que comem carne. Basta ver os periodicos mostrando os antibioticos, hormonios, carrapaticidas nas carnes:
    http://en.textsave.org/an2b

    “E não deu nenhum argumento pra justificar os veganos não boicotarem coisas dispensáveis que geram a morte de animais.”

    Não sei como vc ainda insiste nessa bobagem de dizer que eletronicos são superfulos. Acho que fica facil perceber o quão isso é essencial quando filmagens são feitas por meio de eletronicos flagrando algum policial corrupto que mata cidadãos. Se eu, vegano, tenho um smartphone para filmar um policial que mata inocentes, seria extremamente util como prova para o tirar de circulação. Agora pense no cenario que eu não tenho smartphone, deixo de documentar uma prova e esse policial acaba por vitimar vc. Eu poderia filmar um flagrante tambem de uma mãe espancando uma criança ou um cachorro. Se vc tiver um smatphone pronto para fazer flagrantes, isso tambem é otimo para mim. Vc poderia flagrar alguem fazendo um mal e usar como prova para o tirar de circulação antes que tal criminoso me vitimize.
    Alem disso smartphone pode ser usado para gravar audio. Audio esse que seria fundamental em algum processo, ou ainda para fins escolares, ajudando enormemente a fazer profissionais mais capacitados.

    “Que tal com fatos científicos e racionais? Sem apelar pra emoções baratas e desonestidade intelectual?”

    Quem tá precisando provar as coisas é vc. Se vc diz que não usar jogos para resolvermos problemas é mais eficiente ou tem mesma eficiencia que usar jogos, prove. O onus da prova é seu. Coloquei lá o fato dos cientistas passarem uma decada tentando resolver um problema, só tendo sucesso após o uso de jogos durante 3 semanas. Prove que há alternativas tão eficientes quanto jogos. E tambem não fuja de responder porque os metodos de resolver o problema sem usar jogos não estavam tendo resultados satisfatorios.

    1. “Não.”

      E quem é vocêprajulgar a vida dos outros? Se viver sem eletrônicos é questão de vida ou morte pra você, não é pra eles -simples assim.

      “Prove que eles tem a mesma capacidade
      de aprendizado quanto o de sociedades que usam eletronicos. Por onde mesmo que eles acessam os periodicos das bases de dados (scielo, pubmed,
      medline)? Mostre as contribuições cientificas que eles fazem. Faça um comparativo entre eles e sociedades que usam eletronicos e mostre que o desempenho deles é igual ou superior a sociedades que usam eletronicos.”

      Claro que tem a mesma capacidade de aprendizado, o cérebro deles é igual o seu. E contribuição científica não é o mesmo que sobrevivência! E mesmo se fosse, qual foi a contribuição que você já deu pra ciência? tem alguma patente registrada no seu nome? Descobriu alguma fórmula matemática nova? Acho que não, mas mesmo assim usa smarthphone e computador.

      “Mais uma bobagem que vc fala. Se eu vivesse em uma sociedade que escraviza negros, vc acha que eu deveria me ausentar dela, e viver isolado ao invés de viver nessa sociedade disseminando o fim da escravidão? Ainda
      que eu tivesse que comprar comida produzida por mão de obra escrava”

      Mais uma vez, eletrônicos não é comida nem necessidade, é luxo!

      “Onde vc tirou a definição de que suplemento é remedio?”

      Remédio são comprimidos ou injeção. Suplemeto são aqueles shakes ou alimentos enriquecidos.

      “Acho que fica facil perceber o quão isso é essencial quando
      filmagens são feitas por meio de eletronicos flagrando algum policial corrupto que mata cidadãos. Se eu, vegano, tenho um smartphone para
      filmar um policial que mata inocentes, seria extremamente util como prova para o tirar de circulação. (…)”

      Situações extremas, você compra seu ceçular esperando que isso aconteça? Mesmo que custe muitas vidas. Já que você gosta ds textos do Robson, procure no Guia de Falácias Carnistas dele a Falácia Número 43, que é a que você está insistinto em usar.

      “Se vc diz que não usar jogos para resolvermos problemas é mais eficiente ou tem mesma eficiencia”

      É mais eficiente, lógico. Assim como ter uma alimentação equilibrada é mais eficiente que tomar suplementos! Mas não é essencial, dá pra viver bem sem jogos e segundo os veganos, sem alimentos de origem animal.

      1. “E quem é vocêprajulgar a vida dos outros?”

        Sou alguem que se importa com o que tem comprovação cientifica. Se tais cidadãos acham ou o que deixam de achar o que é melhor não é o caso. Eu quero dados cientificos sobre qual estilo de vida me garante maior quantidade de informação (incluindo a informação essa que é recem produzida pela comunidade cientifica) para que eu possa usar para resguardar minha vida.

        “Claro que tem a mesma capacidade de aprendizado, o cérebro deles é igual o seu.”

        Certamente que são iguais em termos biologicos. A comparação aqui é sobre estilo de vida. Não fuja disso.

        “E contribuição científica não é o mesmo que sobrevivência!”

        A ciencia está toda interligada. Conceitos aparentemente inuteis podem garantir a sobrevivencia de individuos. Vide o caso de quando a humanidade descobriu que podia usar eletricidade, mas não sabia exatamente como.

        “qual foi a contribuição que você já deu pra ciência? tem alguma patente registrada no seu nome? ”

        Até hoje só produzi uma monografia, com o tematica do uso de jogos para a educação. Eu não necessariamente preciso ser um produtor de conhecimento cientifico, posso muito bem ser um consumidor e me beneficiar com o conhecimento adquirido.

        “Descobriu alguma fórmula matemática nova? ”

        Nada impede. Existe algo chamado serendipidade na historia da ciencia. Incriveis descobertas que foram feitas ao “acaso”. Para interpretar um fenomeno tem que está com a mente preparada, e eu quero estar com a mente mais preparada o possivel. Se eu fizer alguma descoberta revolucionaria certamente irei publicar um artigo. Podia ser até uma tecnica para manter a imortalidade.. vai saber.

        “Mais uma vez, eletrônicos não é comida nem necessidade, é luxo!”

        Vc só enrola e não dá a alternativa. Eu pergunto a alternativa e vc me diz que é não usar. Só falta dizer o meio de obter conhecimento fresquinho que irei obter quando tiver num onibus. Vc espera que eu fique olhando para a janela tentando adivinhar o que a comunidade cientifica está produzindo?
        O fato de vc os classificar como superfulo não anula o progresso que temos através deles.

        “procure no Guia de Falácias Carnistas dele a Falácia Número 43, que é a que você está insistinto em usar.”

        Vc está me indicando um texto do Robson? O proprio texto que vc havia me indicado antes sobre os gorilas mortos era do Robson. E ele destacou lá que eletronicos são imboicotaveis. Usar smartphones para filmar é uma das importantes funções que smartphones fazem. E eu estou vivendo em uma cidade violenta, isso facilmente é constatado por noticiarios diarios. Isso pode ser sim considerada uma situação extrema. Tão situação extrema que o porte de arma deve até ser algo discutivel.

        “Assim como ter uma alimentação equilibrada é mais eficiente que tomar suplementos!”

        Se vc entende assim comece então a optar por não ter animais na sua alimentação. A quantidade de energia para produzirmos suplementos para animais é enorme.

        1. “Eu quero dados cientificos sobre qual estilo de vida me garante maior
          quantidade de informação (incluindo a informação essa que é recem
          produzida pela comunidade cientifica) para que eu possa usar para
          resguardar minha vida.”

          Cara, você tá parecendo analfabeto funcional. É claro que quem temmais tecnologia tem mais acesso à educação, eu nunca discordei disso. O que eu estou te falando é que não é preciso tanta informação pra se manter vivo, se fosse preciso mesmo, comunidades isoladas como a dos Amish, os monges do Tibet ou Nômades do Saara não teriam velhos. Eles vivem bem até a idade adulta sem eletrônicos, logo é evidente que os eletrônicos não são item de primeira necessidade pra sobrevivência. E você está se focando na internet, por que os veganos não boicotam a smart TV, a câmera digital, o DVD e tudo isso que gera a morte de milhares de animais que não queriam morrer?

          “E eu estou vivendo em uma cidade violenta, isso facilmente é constatado por noticiarios diarios. Isso pode ser sim considerada uma situação extrema. Tão situação extrema que o porte de arma deve até ser algo
          discutivel.”

          Sério que você compra um telefone pensando em evitar tiroteios? Toda vez que vai sair de casa checa o noticiário pra ver se está havendo algum no lugar onde você vai? Sei não, acho que isso está parecendo mais paranóia que uma situação extrema e, mesmo se for o caso, é um caso muito específico – duvido que todo vegano que compra um smartphone faz isso com essa preocupação.

          “Se vc entende assim comece então a optar por não ter animais na sua alimentação. A quantidade de energia para produzirmos suplementos para
          animais é enorme.”

          Cara eu como o que eu gosto e me faz bem, não fico preocupado com suplemento justamente porque minha dieta é completa. Se tem algum suplemento ou não no alimento, quem tem que se preocupar com isso é quem precisa.

        2. “O que eu estou te falando é que não é preciso tanta informação pra se manter vivo, se fosse preciso mesmo, comunidades isoladas como a dos Amish, os monges do Tibet ou Nômades do Saara não teriam velhos. Eles vivem bem até a idade adulta sem eletrônicos, logo é evidente que os eletrônicos não são item de primeira necessidade pra sobrevivência.”

          Falácia da generalização. Em outras palavras é o mesmo que vc dizer: “O João é ateu e boa pessoa. Por isso, todos os ateus são boas pessoas”.

          A)A realidade deles é bem diferente da nossa.
          B) Vc está desconsiderando um monte de pessoas que morreram antes de chegar a velhice, que poderiam ter sobrevivido se tivessem eletronicos.

          Vamos aplicar sua logica então. Antes de existir os remedios que a medicina produziu por todas essas decadas pessoas chegavam a velhice, logo vamos descartar de produzir remedios.

          Traduzindo em miudos..
          Se X ocorre sem A, logo vamos desconsiderar A.

        3. “A)A realidade deles é bem diferente da nossa.
          B) Vc está
          desconsiderando um monte de pessoas que morreram antes de chegar a
          velhice, que poderiam ter sobrevivido se tivessem eletronicos.”

          A) Então, se querem salvar os animais, os veganos deveriam procurar viver igual eles.
          B) Você não deu nenhuma prova que os eletrônicos salvam vidas, só mostrou que ajudam em pesquisas científicas – mesmo assim, só alguns jogos específicos, o que tem a ver existir jogo pedagógico com se não tiver jogos, a pessoa não aprende a se manter vivo?

          Como já disse, o que salva a vida hoje é a evolução da medicina, o acesso ao saneamento básico e outras mudanças na sociedade. Se alguém aprendeu algo com jogo, ou teve uma notícia que evitou um tiroteio, isso é caso isolado. Os Videogames foram inventados para entretenimento, essa é sua função primordial.

  53. Vc está quase correto. Vc deveria ter falado que sem o uso de smartphone diminui minhas oportunidades de informação e consequentemente minhas chances de sobrevivencia as adversidades.