Duas tumbas de 6000 anos de idade são descobertas na Grã-Bretanha

Um complexo pré-histórico, com dois túmulos com 6000 anos de idade, representa um dos mais antigos monumentos construídos na Grã-Bretanha. Tal complexo foi descoberto por uma equipe liderada pela arqueóloga Helen Wickstead, da Universidade de Kingston University. A Dra. Helen Wickstead e os seus colegas estavam atordoados e satisfeitos por encontrar os túmulos da Era Neolítica, também conhecido como Grande Túmulo, em um sítio arqueológico em Damerham, Hampshire.

Algumas peças, incluindo fragmentos de cerâmica e pedra sílex, bem como algumas ferramentas, já foram recuperados. No verão (de lá), uma equipe de voluntários irá fazer um estudo sistemático do sítio, recuperação e registo dos artefatos que foram trazidos à superfície por lavra.

Nossa querida “Indiana Jones de Saias” (sem chicote, pois aí seria uma dominatrix) disse que mais trabalho poderia ajudar a revelar mais sobre a Era Neolítica, que teve início em cerca de 10 mil anos A.E.C. Ela ainda afirma: “Esperamos que métodos científicos nos permitam registrar estes lugares, antes de serem completamente corroída”. Ainda segundo a Dra. Wickstead “Se pudermos desenterrar, vamos ser capazes de dizer muito mais sobre as pessoas do Neolítico dessa área, e descobrir coisas que ali foram sepultado, que tipo de vida que levavam, e como era o ambiente era como seis mil anos atrás.”

Ela disse que encontrar o sítio foi algo particularmente raro, porque era perto de Cranborne Chase, uma das áreas pré-históricas mais exaustivamente investigadas na Europa. “Eu estava realmente animada. É raro encontrar sítios desse tipo e os túmulos são provavelmente de importância nacional”, disse a Dra. Wickstead. “O que é realmente extraordinário é o local – é uma das mais famosas paisagens pré-históricas, uma meca para pré-historiadores, e você teria pensado que os arqueólogos já teriam passado um pente fino no local.”

A importância do sítio em Damerham surgiu pela primeira vez em 2003, quando English Heritage apontou marcas de corte – o que podia indicar tumbas arqueológicas – através de fotografias aéreas da área. Dra. Wickstead voluntariou para começar ensaios geofísicos da área e foi quando sua equipe estava planejando trabalhar que Martyn Barber, um membro da Damerham Archaeology Project, olhou para o Windows Live Map da área e encontrou um estacionamento onde ele tinha combinado de encontrar os seus colegas e foi quando, atônito, viu outra tumba algumas centenas de metros adiante do primeiro. “Encontrar quaisquer novos monumentos desta data ainda visíveis no terreno é muito pouco usual”, disse a Dra. Wickstead, “Mas encontrar dois deles é fantástico – nós ficamos boquiabertos.”

Os trabalhos sobre o sítio está na sua fase inicial, mas a Dra. Wickstead disse que os túmulos podem conter ossos humanos, enquanto que nas proximidades existem vestígios de algumas marcas na superfície (conhecidas como Cropmark) de algumas marcas circulares bem grandes, as quais foram construídas no mesmo período de outro monumento pré-histórico: Stonehenge, a cerca de 24 quilômetros de distância.

Na Era Neolítica, um ritual fúnebre consistia em deixar que um corpo sofresse decomposição. Alguns dos ossos seriam posteriormente colocados em um túmulo, ou parentes podiam até manter alguns ossos como um talismã. “Não sabemos se esses sítios continham câmaras com ossos neles – alguns túmulos não tinham osso nenhum, ao contrário das sepulturas de hoje. Nós também podemos achar que alguma câmara possa ter sido destruída por lavouras – apenas com a escavação poderíamos saber com certeza”, disse a bela arqueóloga.

Ela ainda disse que sua equipe foram sensíveis às emoções agitado por descobrir restos humanos. “A recuperação de antigos restos humanos é sempre realizada com sensibilidade”. Ela ainda completa dizendo “Sentimos o respeito pelos mortos que nós estudamos, e nós tratamos seus restos com cuidado”.


Fonte: Science Daily

2 comentários em “Duas tumbas de 6000 anos de idade são descobertas na Grã-Bretanha

  1. Dvem ser os túmulos de Caim e Abel, já que Eva está enterrada aos pés do monte Arafat e Adão foi enterrado em Marte pelo Arcanjo Miguel.

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s