Grandes Nomes da CIência

Biografias de cientistas conhecidos ou não tão conhecidos assim. Curiosidades e fatos sobre suas pesquisas, inclusive gente anônima que fez ciência e não recebeu os devidos créditos. Mais »

Livro dos Porquês

A sabedoria e o conhecimento. Isso é Poder! Abra sua mente, aprenda mais sobre questões básicas (e complexas) e tire suas dúvidas, de forma mais didática possível, sem ser aquelas aulas chatas de colégio. Mais »

Grandes Mentiras Religiosas

O mundo não é tão bizarro quanto fazem parecer. Mentiras e enganações para ludibriar as pessoas, lindamente desmontados, de forma a trazer à luz a desonestidade para tentar lhe fazer parar de pensar e simplesmente aceitar o que querem que você pense. Mais »

Caderno dos Professores

Para quem quer ensinar e muitas vezes se pergunta como abordar um tema. Como deixar a aula interessante, como levar conhecimento aos seus alunos por meios que pedagogos lhe odiarão, mas serão amados pelos estudantes. Mais »

 

O Milagre de Lanciano Desmascarado

Assim disse o Senhor: Não tentarás o teu Deus. Mas como aqui não acreditamos nessa baboseira e não temos medo de sermos desafiados, aqui está mais um deleite para vocês. Fomos desafiados por email a fazer um artigo sobre a palhaçada conhecida como Milagre de Lanciano. Caso contrário,  “se este fato fosse comprovadamente verdade, a ciência teria de assumir a veracidade e a seriedade da Igreja Católica, bem como um de seus dogmas mais peculiares, a Eucaristia.”

Isso aquece me sangue e faz meus caninos crescerem de satisfação, ainda mais que o próprio e-mail traz a refutação “(…) basta procurar na internet, existem dezenas de sites católicos que relatam este ocorrido”. Imagino que sim, eles até “provam” que os judeus libertavam prisioneiros na Pessach, mesmo sem apresentar prova alguma.

Senhoras e senhores, este é mais um artigo da série: Grandes Mentiras Religiosas – O (pseudo)Milagre de Lanciano.

Tudo começa em Lanciano, claro, na Itália. Lá, no mosteiro de São Legoziano viviam os “monges de São Basílio”. Durante uma missa, o pão que ia ser consagrado (não havia a hóstia, como conhecemos hoje), no momento do ato da consagração, converteu-se em carne e o vinho em sangue, conforme diz o mito. Imagino o auê que não foi. Milagro di Dio!

Ah, sim… esqueci de dizer que isso aconteceu pelos idos do século VIII da Era Comum, uma época de luzes e com um grande avanço científico, não é mesmo? 😉

O pão-que-virou-carne apresentava, como ainda hoje se pode observar, uma coloração ligeiramente escura, tornado-se rósea se iluminada pelo lado oposto, e tinha uma aparência fibrosa; o Sangue era de cor terrosa (entre amarelo e o ocre), coagulado em cinco fragmentos de formas e tamanhos diferentes. Inicialmente essas relíquias foram conservadas num tabernáculo de marfim e, a partir de 1713, até hoje, passaram a ser guardadas numa custódia de prata, e o Sangue, num cálice de cristal.

Isso é o que se sabe do ocorrido. Só isso, nada mais.

No entanto, desde longa data a Igreja Católica sempre precisou de relíquias, de algo físico e palpável que pudesse ser mostrado à população, de modo que acreditassem no deus deles. Mais tarde, eles fariam de outra forma: a ferro e a fogo, através do poder da infame Inquisição.

O tempo passa, o tempo voa, e as pessoas sensatas se recusam a acreditar em qualquer bobagem só porque lhes disseram que era verdade. E aqui começa a verdadeira mentira. A mentira que a Ciência provou ser verdade o acontecido em Lanciano. O texto publicado pelo Zenit em Português segue abaixo, para depois fazermos considerações.

ROMA, quinta-feira, 5 de maio de 2005 (ZENIT.org).- O doutor Edoardo Linoli afirma a Zenit que sustentou em suas mãos um verdadeiro tecido cardíaco quando analisou anos atrás as relíquias do milagre eucarístico de Lanciano (Itália), o mais antigo dos conhecidos.

O fenômeno se remonta ao século VIII. Em Lanciano, na igreja dedicada a São Legonciano, um monge basiliano que celebrava a missa em rito latino, após a consagração, começou a duvidar da presença real de Cristo sob as sagradas espécies.

Nesse momento, o sacerdote viu como a sagrada hóstia se transformava em carne humana e o vinho em sangue, que posteriormente se coagulou. Na catedral estão custodiadas estas relíquias.

Professor de Anatomia e Histologia Patológica, de Química e Microscopia Clínica, e ex-chefe do Laboratório de Anatomia Patológica no Hospital de Arezzo, o doutor Linoli foi o único que analisou as relíquias do milagre de Lanciano. Seus resultados suscitaram um grande interesse no mundo científico.

Em novembro de 1970, por iniciativa do arcebispo de Lanciano, Dom Pacífico Perantoni, e do ministro provincial dos Conventuais de Abruzzo, contando com a autorização de Roma, os Franciscanos de Lanciano decidiram submeter a exame científico as relíquias.

Encomendou-se a tarefa ao professor Linoli, ajudado pelo professor Ruggero Bertelli –da Universidade de Siena–. Com a maior atenção, o professor Linoli extraiu partes das relíquias e submeteu a análise os restos de «carne e sangue milagrosos». Em 4 de março de 1971 apresentou os resultados.

Evidenciam que a carne e o sangue eram com segurança de natureza humana. A carne era inequivocamente tecido cardíaco, e o sangue era verdadeiro e pertencia ao grupo AB.

Consultado por Zenit, o professor Linoli explicou que, «pelo que diz respeito à carne, encontrei-me na mão com o endocárdio. Portanto não há dúvida alguma de que se trata de tecido cardíaco».

Quanto ao sangue, o cientista sublinhou que «o grupo sanguíneo é o mesmo do homem do Santo Sudário de Turim, e é particular porque tem as características de um homem que nasceu e viveu nas zonas do Oriente Médio».

«O grupo sanguíneo AB dos habitantes do lugar de fato tem uma porcentagem que vai de 0,5 a 1%, enquanto que na Palestina e nas regiões do Oriente Médio é de 14-15%», apontou.

A análise do professor Linoli revelou também que não havia na relíquia substâncias conservantes e que o sangue não podia ter sido extraído de um cadáver, porque se haveria alterado rapidamente.

O informe do professor Linoli foi publicado em «Quaderni Sclavo di diagnostica clinica e di laboratório» (1971, fasc 3, Grafiche Meini, Siena).

Em 1973, o conselho superior da Organização Mundial da Saúde (OMS) nomeou uma comissão científica para verificar as conclusões do médico italiano. Os trabalhos se prolongaram 15 meses com um total de quinhentos exames. As conclusões de todas as investigações confirmaram o que havia sido declarado e publicado na Itália.

O extrato dos trabalhos científicos da comissão médica da OMS foi publicado em dezembro de 1976 em Nova York e em Genebra, confirmando a impossibilidade da ciência de dar uma explicação a este fenômeno.

O professor Linoli participa esta quinta-feira no Congresso sobre os milagres eucarísticos organizado pelo Master em Ciência e Fé do Ateneu Pontifício Regina Apostolorum (Roma), em colaboração com o Instituto São Clemente I Papa e Mártir, com ocasião do Ano Eucarístico que a Igreja universal celebra até outubro.

«Os milagres eucarísticos são fenômenos extraordinários de diferente tipo», explicou o diretor do Congresso, o padre Rafael Pascual LC, em «Rádio Vaticano»: «por exemplo, há a transformação das espécies do pão e do vinho em carne e sangue, a preservação milagrosa das Hóstias consagradas, ou algumas hóstias que vertem sangue».

«Na Itália, há vários lugares onde ocorreram estes milagres eucarísticos –declarou–, mas também os encontramos na França, Alemanha, Holanda, Espanha» e alguns «na América do Norte».

Leram tudo? Ótimo! Vamos à refutação, para depois vocês perguntarem: “Como não percebi isso antes?”

O texto diz que foi encomendado ao Professor Edoardo (o nome na verdade é Oduardo) Linoli que pesquisasse a autenticidade em 1970. Que maravilha! Depois de 39 anos, ninguém mais testou o sangue? Hummm… Por quê? Mas isso não é tão importante. O importante é saber, segundo o texto, Linoli foi ajudado pelo professor Ruggero Bertelli, da Universidade de Siena. Já temos o primeiro erro!

Ruggero Bertelli JAMAIS poderia dar qualquer ajuda na análise. Uai! Por que não? Porque Bertelli não é químico, biólogo, patologista ou médico do SUS. Bertelli é ECONOMISTA! Duvidam? Que ótimo, vocês têm mais que duvidar, mesmo. Não se pode aceitar nada sem provas. E a prova está AQUI. Ainda não acreditam? Tudo bem, que tal uma publicação indexada do próprio Dr. Bertelli? Quantos Ruggero Bertelli lecionam na Universidade de Siena, hein? Por que o crente mente? Por que mente o crente?

O texto, copiado na cara de pau por tudo que é site católico, na íntegra, diz que em 4 de março de 1971 apresentou os resultados. Mas, que resultados? Não vi uma publicação indexada atestando isso. Encontro referências, mas não O artigo. Não foi publicado na Science, Nature etc. Dando uma olhada na Wikipédia em inglês, quase todas as assertativas vêm com a observação Citation needed, indicando que não há fonte que sustente. Interessante, não? Olhando as imagens dos supostos laudos, o que vemos são folhas impressas sem nem um timbre sequer. Nada que uma criança não possa fazer no MS-Word ou qualquer processador de texto. So, what?

O texto menciona que sim, aquilo é carne. Tá, vamos dar um pequeno crédito de confiança. O que isso prova? Que ali tem um pedaço de carne E SÓ! Não prova que um pedaço de pão virou carne e vinho virou sangue. Sobre a ocorrência do dito “milagre” ser um pedaço de carne que se liquefaz e volta a se solidificar, realmente trata-se de um milagre… Um milagre chamado Química! O blog De Rerum Natura trouxe um apanhado muito bom, explicando sobre os chamados “milagres de sangue”, e que podem facilmente ser simulados com solução coloidal de óxido de ferro (III) hidratado. Recomendo a leitura.

A cereja do bolo é a parte onde o texto diz: “Em 1973, o conselho superior da Organização Mundial da Saúde (OMS) nomeou uma comissão científica para verificar as conclusões do médico italiano. Os trabalhos se prolongaram 15 meses com um total de quinhentos exames. As conclusões de todas as investigações confirmaram o que havia sido declarado e publicado na Itália.”

Sabem qual é o nome disso? CANALHICE! Da mesma forma que alegaram que a NASA confirmou o dia perdido por causa da batalha de Josué, arrolaram a OMS com uma história envolvendo um conselho que NON EKZISTE! Fazendo uma busca por esse nome, ou sua alternativa em inglês (Higher Council of the World Health Organization), encontramos isso AQUI… É, pois é. Não encontrou-se NADA! Simplesmente, não existe este conselho superior sei lá das quantas. Mentira da grossa!

Sempre a Igreja dependeu dessas lorotas para se mostrar presente. Para um povo tosco e ignorante da Idade Média, é até explicável isso.; O que não é explicável é como no século XXI as pessoas ainda acreditam nestas baboseiras que circulam pela internet, num cópia/cola ad aeternum. Não faz mal, estamos aqui para desvendar estes mitos e expô-los ao que realmente são: mitos.

MITO DETONADO


Capítulo anterior Índice Próximo capítulo

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

  • GusC

    Se na celebração de uma missa bastou um padre duvidar, por um momento, que o pão e o vinho se transformavam no corpo e no sangue de cristo….basta outro padre duvidar para replicarmos o milagre, não?

  • Otavio Marcon

    Caro André…

    1. Percebo pela linguagem que utilizas que, além de absoluta desconhecedor do método científico e da Filosia da Ciência, és também um “leigo” em respeito às pessoas. Sem dúvida que a imaturidade ou falta de segurança sobre o tema colaboram para que precises agredir. Agrides porque não pode sustentar o debate. Lamento, mas talvez a culpa seja da genetica (não vai agora cobrar isto do teu pai e a tua mãe kkkkkk). Mas repito, talvez não consigas ir além disto. Paciêcia.
    2) Deixo a dica de que conheças ao menos o filósofo Karl Popper, considerado um dos maiores nomes do sec. XX. Talvez ajude a abrir tua cabecinha e compreender o que é ciência e quais os seus limites.
    Se estudares, compreenderá que todo o conhecimento científco é provisório por definição. Sabias disto? Mais ainda, sabias que as ciências exatas são dogmáticas? Pois é amigo, as certezas científicas são tigres de papel. O que afirmou Galileu foi modificado por Newton, que por sua vez foi reinterpretado a partir de Einstein, cuja teorização é impatível com aquela de Schredinger e Heisenberg.
    Se o teu critério do que existe é apenas o que a ciência atesta amputastes a maior e a melhor parte da existência e da criação. Aliás, já que tu é tão cientificista então me diga: Quem está errado Heisenberg ou Einstein?

    3. Relativamente a questão central do Milagre, a resposta é a seguinte: A ciência é incapaz de aferir! É realmente um pouco doentio ou dogmático que alguem afirme ou negue uma existencia a partir de uma incapacidade! kkkkkkk
    Percebes como tua lógica é, mais do que frágil, é inexistente.

    4. Tens todo o direito de permanecer outorgando à ciência às certezas que os homens do seculo XVIII outorgavam. Contudo, modernamente os cientistas mesmo afirmam a limitação da ciência, a provisoriedade da sentença científica e a natureza dogmática de sua base. A tua visão de ciência corresponde a visão dos anacronicos positivistas. Então amigo, se queres restringer teu mundo às verdades cientificas, faça-o, mas ao menos faça-o numa perspectiva cientifica de seculo XXI. Não sei se irás alcançar mas de qualquer forma estude porque ai não passaras a vergonha de no seculo 21 defender paradigmas cientificos do seculo 18.
    5. Relativamente a alguem que sequer usa o nome e disse que eu estaria a serviço de um tal jornalista, tenho a dizer o seguinte: Sou gaucho, moro em Porto Alegre e meu nome é Otávio Marcon. Se quiser me procura e vai achar. Sou homem bastane para dizer e assinar meu nome neste blog ou aonde quer que seja, ao contrário de outros que se escondem atrás de pseudonimos. Então meu caro, afirmo para ti, não seja injusto com o referido jornalista porque eu nem sequer o conheço. Muito maldosa tua cabecinha.
    6. Pois é amigos, a tal cientificidade do Sec. XVIII que voces defendem teve de render-se à Lanciano, mais uma vez. Lamento, não fiquem brabinhos!
    Se querem bricar de cietistas, estudem. Vocês tem um longo caminho a percorrer. Bom proveito!

    Administrador André respondeu:

    1. Percebo pela linguagem que utilizas que, além de absoluta desconhecedor do método científico e da Filosia da Ciência, és também um “leigo” em respeito às pessoas.

    Desculpe se minha heterossexualidade o frustrou.

    Sem dúvida que a imaturidade ou falta de segurança sobre o tema colaboram para que precises agredir. Agrides porque não pode sustentar o debate. Lamento, mas talvez a culpa seja da genetica (não vai agora cobrar isto do teu pai e a tua mãe kkkkkk). Mas repito, talvez não consigas ir além disto. Paciêcia.

    Isso não fará o mito do seu bife santo ser mais real.

    Deixo a dica de que conheças ao menos o filósofo Karl Popper, considerado um dos maiores nomes do sec. XX. Talvez ajude a abrir tua cabecinha e compreender o que é ciência e quais os seus limites.

    Deixe-me lembrar que Kuhn defendia que a Ciência tem início quando uma comunidade de pesquisadores em determinado campo alcança consenso em torno de um “paradigma”. Pode me dizer qual comunidade determinou que o bife santo era uma hóstia? Mencionar Popper é falácia do Olha o Avião.

    Se estudares, compreenderá que todo o conhecimento científco é provisório por definição. Sabias disto?

    Não sabia. Me demonstre isso pulando para fora do 50º andar e saia voando pelos seu s próprios meios, provando que a Teoria da Gravidade era provisória.

    Mais ainda, sabias que as ciências exatas são dogmáticas? Pois é amigo, as certezas científicas são tigres de papel.

    Vc deve ter jogado essa pro seu professor de matemática ao dizer que 2 + 2 = 5 e ele riu na sua cara.

    O que afirmou Galileu foi modificado por Newton

    Que eu saiba, os trabalhos de movimentos e trajetórias de corpos ainda estão valendo. Qualquer míssil balístico prova isso.

    que por sua vez foi reinterpretado a partir de Einstein, cuja teorização é impatível com aquela de Schredinger e Heisenberg.

    Enquanto isso, a velocidade c ainda não foi superada. :mrgreen:

    Queira me mostrar que ácidos mais bases NÃO DÃO sais e água.

    Se o teu critério do que existe é apenas o que a ciência atesta amputastes a maior e a melhor parte da existência e da criação.

    E vc é burro o bastante para não saber que ninguém criou nada. Tudo vem de séculos de observação, onde os conhecimentos foram se somando. Mas isso prova que seu vbife santo era um pedaço de pão vagabundo? Acho que não.

    Aliás, já que tu é tão cientificista então me diga: Quem está errado Heisenberg ou Einstein?

    Com relação ao bife santo?

    Relativamente a questão central do Milagre, a resposta é a seguinte: A ciência é incapaz de aferir! É realmente um pouco doentio ou dogmático que alguem afirme ou negue uma existencia a partir de uma incapacidade! kkkkkkk

    Não foi nenhum cientista que disse que aquilo era um pedaço vagabundo de pão que virou bife de quinta categoria. Relativamente, a questão do milagre adreístico é que André fez o Pão de Açúcar erguer-se em 3 dias. Sua incapacidade de provar o contrário lhe torna doentio e dogmático. Então, eu realmente fiz o Pão de Açúcar erguer-se dos mares.

    Dois podem jogar esse blábláblá retórico pseudointelectualista. 😉

    Percebes como tua lógica é, mais do que frágil, é inexistente.

    Não é preciso esforço lógico. religiosos dizem que o bife santo era uma hóstia. Ninguém provou isso, logo não é verdade até que provem suas alegações.

    Tens todo o direito de permanecer outorgando à ciência às certezas que os homens do seculo XVIII outorgavam.

    Assim como retardados como vc outorgam que um livro da Era do Bronze diz verdades, como o Sol ter surgido depois de plantas, que coelhos ruminam, morcegos são aves etc.

    Contudo, modernamente os cientistas mesmo afirmam a limitação da ciência, a provisoriedade da sentença científica e a natureza dogmática de sua base.

    Entendi. O que aconteceu nos EUA recentemente não foi um furacão e sim Dorothy voltando do mundo de Oz.

    A tua visão de ciência corresponde a visão dos anacronicos positivistas. Então amigo, se queres restringer teu mundo às verdades cientificas, faça-o, mas ao menos faça-o numa perspectiva cientifica de seculo XXI.

    Aquela que só afirma coisas depois de análises químicas e físicas? Aquela que não encontrou nenhuma evidência físico-química que o bife santo era um pedaço vagabundo de pão?

    Não sei se irás alcançar mas de qualquer forma estude porque ai não passaras a vergonha de no seculo 21 defender paradigmas cientificos do seculo 18.

    Isso dito por quem acredita em cobras falantes.

    Relativamente a alguem que sequer usa o nome e disse que eu estaria a serviço de um tal jornalista, tenho a dizer o seguinte: Sou gaucho, moro em Porto Alegre e meu nome é Otávio Marcon.

    Tem 3 punhais, mas não tem aquário em casa.

    Se quiser me procura e vai achar.

    Oferecida.

    Sou homem bastane para dizer e assinar meu nome neste blog ou aonde quer que seja, ao contrário de outros que se escondem atrás de pseudonimos.

    Ele é homem suficiente para escrever merda e assinar. Eu admiro isso (a coragem, não a capacidade de falar merda).

    Então meu caro, afirmo para ti, não seja injusto com o referido jornalista porque eu nem sequer o conheço. Muito maldosa tua cabecinha.

    Como coisa que foi eu quem falou isso. Bem, só resta o sapateio quando tenta-se fugir da questão principal: o bife santo era um pedaço de pão? Ninguém responde isso, só ficam tergiversando.

    Pois é amigos, a tal cientificidade do Sec. XVIII que voces defendem teve de render-se à Lanciano, mais uma vez. Lamento, não fiquem brabinhos!

    Mas aposto que vc corre pra farmácia quando está com dor de cabeça. Rezar pro bife santo, ninguém quer.

    Se querem bricar de cietistas, estudem. Vocês tem um longo caminho a percorrer. Bom proveito!

    Ele começa com o simples “cabe ao afirmante o ônus da prova”.

    Vai pela sombra. Estou cansado de gente desviando do assunto. E ele é “o bife santo era um pão adormecido milagroso?”

    GusC respondeu:

    @Otavio Marcon, repetindo, se bastou um padre e uma hóstia para acontecer um milagre, por quê não o replicam? E aí sim, filmando em HD, etc…

    krebys respondeu:

    @Otavio Marcon,

    Percebes como tua lógica é, mais do que frágil, é inexistente.

    E a sua? Se não pode provar a falsidade, então é verdade? Blza..
    Se eu te digo que houve um milagre num centro de candomblé, onde um espírito entrou num corpo e curou o mesmo…
    Vc acredita, vc consegue provar o contrário?
    Se vc aceitar isto, todos podem aceitar seus argumentos, ou seja, sua lógica.
    Se vc não aceitar, então filho, vc deu um tiro no próprio pé.

    Pois é amigos, a tal cientificidade do Sec. XVIII que voces defendem teve de render-se à Lanciano, mais uma vez.

    Hahahahaha na boa, sério?

    Fraquinho demais esse. Já apareceram melhores aqui pra debater. Usar palavras bonitas não torna seu discurso verdade, apenas mostra o quão pequeno é o conhecimento de fanáticos religiosos.

  • Joseph K

    Interessante como, depois de algum tempo, algumas tosquices parecem voltar à moda; ora é a chuvarada mágica, ora o bife santo ou qualquer outra coisa assim.
    Eu estava -há algum tempo- para fazer o upload do pdf desse “paper” e andava com uma preguiça danada de restaurar o backup de onde ele está hibernando quando, por sorte, vi que alguém já se deu ao trabalho.
    Segue o link para quem tiver curiosidade:

    https://docs.google.com/file/d/0B9kNbgL3NNN1YTdmYzQ0ZTUtNjAxMS00NWI3LTgwOTgtOWMyNzgzOGY4MTNj/edit?hl=en#

    Tenho ciência que não vai adiantar nada pois crentosco que se preze nem vai clicar no link, muito menos tentar entender o que está escrito no “paper”.

    Boa sorte a quem tem paciência e disposição para lidar com esses trolls.

    K.

  • Alexandre Veloso

    Achei esse post ótimo. Os argumentos do texto foram devidamente refutados pelo Tubo de Ensaio e esse pessoal insiste em dizer que o artigo é verdadeiro, que não foi refutado…….Depois somos nós, os crentes, que não enxergam a verdade…..kkkk :mrgreen:

    Mas sinceramente, gostaria de ver o que os “caçadores de mitos” têm a dizer sobre esse milagre de Therese Neumann:
    http://www.aascj.org.br/home/tag/marie-therese-neumann/
    http://www.therealpresence.org/eucharst/mir/portugal_pdf/PORTU2-Neuman.pdf

    Só não vale argumentar pelo silêncio….. 😆

    Administrador André respondeu:

    Não vi onde o Tubo de Ensaio provou que o bife santo era verdadeiro, pois aquilo era uma hóstia antes.

    Alexandre Veloso respondeu:

    @André,

    O que vc na verdade não viu, foi que o seus “arjumentos” foram derrubados um a um, seja na questão do Bertelli ou no artigo indexado que existe e prova a veracidade do milagre.

    Vc tentou dar uma de “expert” cético e caiu do cavalo. Não venha tentar usar dessa falácia ridícula de inversão do ônus da prova. Vc se designou a provar que tudo isso era uma fraude. Pode começar refutando o artigo indexado que vc, na sua arrogância e ignorância, disse que não existia.

    Administrador André respondeu:

    Ainda estou esperando a PROVA que o bife santo era uma hóstia. Não é complicado. Ou é?

    homemcinza respondeu:

    @Alexandre Veloso, Mas sinceramente, gostaria de ver o que os “caçadores de mitos” têm a dizer sobre esse milagre de Therese Neumann:
    http://www.aascj.org.br/home/tag/marie-therese-neumann/
    http://www.therealpresence.org/eucharst/mir/portugal_pdf/PORTU2-Neuman.pdf

    Cabe a quem afirma que isso é verdade, demonstrar. Já viu acontecer na sua frente. Na hora em que aparecem? Porque só vemos fotos e relatos de terceiros? Podem ser várias coisas antes de serem estigmas verdadeiros. estas coisas só fazem sucesso no meio dos crentes.

    E outra, fico pensando: esta é a forma do deus cristão (suponho que seja) mostrar seu poder? Sei que é meio chavão, mas o cara poderia acabar com a fome e a miséria no mundo, aliviar a dor daqueles que não tem como se defender, (isso sim seria um milagre) mas não, ele prefere ficar furando as pessoas nas palmas das mãos pra mostrar seu poder? Que babaquice! Aliás, marcar as pessoas assim, – alguns se marcam na testa – parece mais coisa do Satanás do que um “deus da bondade”. É muito incoerente. Estas pessoas querem atenção, se superestimam demais.
    Como acreditar neste tipo de pessoa que fala estas bobagens:
    http://anjodeluz.org/?p=1342

    Meu primeiro palpite, pois não sou cientista: como muitos estigmatizados são catolicos, religiosos, poderiam muito bem ter infligido a si mesmos estes ferimentos. Eles adoram o auto-flagelo. Isso sem mencionar que poderiam ser fraudes mais toscas ainda. Me lembro que minha mãe contava que um mendigo colocava um pedaço de “bife cru” na perna para fingir que era uma ferida pra pedir dinheiro.

    As modificações de corpo, ja praticadas ha muito tempo, como scarification deixam estes estigmas no chinelo e não tem contém nada de sobrenatural…
    http://en.wikipedia.org/wiki/Scarification

    E por último, há estudos que dizem que os crucificados recebiam os pregos nos pulsos, então esse negócio de prego na palma da mão aí tá meio fail, hein? Quero ver furar o pulso e deixar o sangue jorrar.

    Alexandre Veloso respondeu:

    @homemcinza,

    Muito blá-blá e nada de provar que era falso.
    Próximo !

    Administrador André respondeu:

    A prova é que não apareceu ninguém provando que uma hóstia vira carne de terceira.

    Ou prova ou não se dê o trabalho de voltar.

    Alexandre Veloso respondeu:

    @André,

    Vc é cego ou preciso colar na sua testa ?
    http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/4950729

    Tá aí a prova; que vc sequer disse que existia. Duvidar da veracidade de algo é uma coisa. Se vc afima ser falso, cabe a vc refutar as evidências, demonstrando ser tudo falso.

    Bertellli manda abraços :mrgreen:

    Administrador André respondeu:

    Em qual parte é dito que o bife santo era uma hóstia?

    krebys respondeu:

    @Alexandre Veloso,

    Para de passar vergonha aqui filho…

    Ou vc é um desonesto intelectual, ou é muito BURRO mesmo!

    Alexandre Veloso respondeu:

    @André,

    No artigo indicado. Que tal refuta-lo em vez de tergiversar ? Eu sei que é difícil para vc fazer isso, quando tens o costume de ficar saindo pela tangente.

    E outra: Por que vc não publicou meu comentário no seu pseudo-artigo ( que nem é seu ! É um copia-e-cola daquela comunidade tosca da CDB) sobre o retorno de Jesus ? Cagaço e falta de argumentos ? 😀

    Engraçado como os seguidores desse site adoram venerar o seu lider “infalível”, que vive se cagando quando é encurralado..Se é que ainda se lembra como é ficar com a calça limpa…. 😆

    Ficar banindo e censurando quem te desmente é fácil… Já passar disso…..rs

    Administrador André respondeu:

    No artigo indicado. Que tal refuta-lo em vez de tergiversar ? Eu sei que é difícil para vc fazer isso, quando tens o costume de ficar saindo pela tangente.

    Analisemos: O “milagre” diz que a hóstia virou carne. O artigo faz um exame histológico de carne. Onde está a comprovação do milagre? Por exemplo, eu tenho uma peça de contra-filé na geladeira, levo para um laboratório onde fazem um exame histológico nele. Daí eu falo que isso comprova que era uma torta de morango antes que milagrosamente virou contra-filé para que eu pudesse honrar no dia do churrasco.

    Claro que na sua mente acéfala isso faz sentido.

    E outra: Por que vc não publicou meu comentário no seu pseudo-artigo ( que nem é seu ! É um copia-e-cola daquela comunidade tosca da CDB) sobre o retorno de Jesus ? Cagaço e falta de argumentos ?

    Bem, a sua “resposta” nem é sua e sim do site “Mestre teísta”, usada pelo pessoal de outra comunidade do Orkut. O “cópia/cola” foi publicado com permissão e quanto à sua “resposta” (que tampouco é sua) está sendo refutada. O curioso é que é um malabarismo para dizer que “aquela” geração não é “aquela” geração. Mas será respondida, tenha calma, crentinho. Não tenho pressa.

    Engraçado como os seguidores desse site adoram venerar o seu lider “infalível”, que vive se cagando quando é encurralado..Se é que ainda se lembra como é ficar com a calça limpa…

    Isso dito por alguém que refuta textos alheios usando textos alheios como se fossem de próprio punho.

    Ficar banindo e censurando quem te desmente é fácil… Já passar disso…..rs

    Até parece…

    krebys respondeu:

    @Alexandre Veloso,

    Eu não me chamo de seguidor do site ou do André. Eu leio os artigos e comento quando vejo alguma bizarrice, tipo a sua.
    Eu também não venero o André, pq eu faria isso? Vc está dizendo que ele merece ser venerado? Não da pra te entender caro burrinho.. 😕

    Sinceramente a cada resposta sua, mais eu tenho certeza que ainda estamos longe de evoluir pra uma civilização melhor. Não adianta poucos acordarem pra luz do conhecimento, enquanto ainda existem “ovelhinhas” acreditando em milagres. E o pior, um milagre tosco, sem sentido e barato destes. Se fosse algo interessante pelo menos… ¬¬

    Patético!

    Alexandre Veloso respondeu:

    @André,

    “Analisemos: O “milagre” diz que a hóstia virou carne. O artigo faz um exame histológico de carne. Onde está a comprovação do milagre? Por exemplo, eu tenho uma peça de contra-filé na geladeira, levo para um laboratório onde fazem um exame histológico nele. Daí eu falo que isso comprova que era uma torta de morango antes que milagrosamente virou contra-filé para que eu pudesse honrar no dia do churrasco.

    Claro que na sua mente acéfala isso faz sentido.”

    Analisemos: O artigo “O Milagre de Lanciano Desmascarado” tenta dismitificar o acontecimento,dizendo que tudo aquilo é “falso” e não ocorreu. Diz que não existiu um Bertelli anatomista ( implicando dizer que o texto do milagre comete uma falácia de autoridade), quando na verdade, existe um Bertelli anatomista e de grande prestígio. Diz que não existia nenhum periódico indexado atestando a veracidade do milagre, ainda acusando os católicos de mau caratismo e desonestidade intelectual, quando na verdade, o periódico existe e o autor do presente artigo não reconhece os erros crassos que cometeu e tenta inverter o ônus da prova, ao invés de refutar o periódico indexado( afinal, não foi ele quem disse que ia provar que as evidências eram falsas ? :mrgreen: ).

    Só em sua mente cética vazia, vc acha que refutou alguma coisa e acha que tem condições de chamar os outros de desonestos.

    “Bem, a sua “resposta” nem é sua e sim do site “Mestre teísta”, usada pelo pessoal de outra comunidade do Orkut.

    Céus….mas que detetive astuto ! Pena que eu botei o link de onde extrai o texto, ainda mandando os outros leitores irem conferir o restante do texto lá já que vc bloqueio de me postar o texto inteiro e por motivos “curiosos”( aka falta de argumentos e cagaço), vc ainda não publicou o comentário.

    “O “cópia/cola” foi publicado com permissão”

    Claro, claro…. Tanto que um dos autores veio reclamar a autoria na página…hehehe.

    “quanto à sua “resposta” (que tampouco é sua) está sendo refutada.”

    Bocejo….

    “Mas será respondida, tenha calma, crentinho. Não tenho pressa.”

    Claro, claro… irei até pegar um banquinho já que esperar em pé cansa, caro sofista…..

    “Isso dito por alguém que refuta textos alheios usando textos alheios como se fossem de próprio punho.”

    Quando o próprio CITA A FONTE…rs
    Apelando desse jeito? A coisa tá feia mesmo…. :mrgreen:
    Tadinho….Bateu o desespero. Viu que caiu do cavalo com esse artigo e precisa me atacar de alguma forma para desviar o foco…hehehe

    “Até parece…”

    Vai dizer que não é verdade agora ? rs

    Administrador André respondeu:

    Analisemos: O artigo “O Milagre de Lanciano Desmascarado” tenta dismitificar o acontecimento,dizendo que tudo aquilo é “falso

    Partindo do fato que não há nenhuma prova de uma hóstia que virou carne.

    o periódico existe e o autor do presente artigo não reconhece os erros crassos que cometeu e tenta inverter o ônus da prova, ao invés de refutar o periódico indexado

    O artigo não fala que a hóstia virou carne. O artigo analisou carne. Tem diferença.

    Quando o próprio CITA A FONTE…rs

    Citando a fonte usada pelo Mestre Teísta.

    Tadinho….Bateu o desespero. Viu que caiu do cavalo com esse artigo e precisa me atacar de alguma forma para desviar o foco…hehehe

    Estou tão desesperado que estou fingindo que não vi em qual parte do artigo é provado que a carne era uma hóstia, mas como excelente debatedor, vc vai citar textualmente a parte onde é dito isso.

    Alexandre Veloso respondeu:

    @André,

    “Partindo do fato que não há nenhuma prova de uma hóstia que virou carne.”

    Vc não se cansa de usar espantalho ?

    “O artigo não fala que a hóstia virou carne. O artigo analisou carne. Tem diferença.”

    Ué… vc leu ele inteiro para dizer isso ? Mas vc mesmo não disse que não dava para ler o conteúdo ? 😎

    “Citando a fonte usada pelo Mestre Teísta. ”

    O que não configura copy-paste, já que a fonte foi citada. Aliás, cadê o comentário com a resposta naquele artigo ? Não pensa que vai ficar para trás não, ateuzeco fujão…….

    “Estou tão desesperado que estou fingindo que não vi em qual parte do artigo é provado que a carne era uma hóstia, mas como excelente debatedor, vc vai citar textualmente a parte onde é dito isso.”

    Certo…Tanto que no Bertelli vc caiu do cavalo e não quer tocar mais no assunto, assim como não se cansa de usar essa patética inversão do ônus da prova e está fugindo de publicar e dar uma resposta a minha refutação no artigo “Jesus não voltará”…

    Isso porque não está desesperado. Imagina se tivesse….. 😆

    Administrador André respondeu:

    Vc não se cansa de usar espantalho ?

    Entendi. A hóstia virar carne NÃO É o milagre. O milagre é TER carne. Cada mumia egípcia é um milagre, então?

    Ué… vc leu ele inteiro para dizer isso ? Mas vc mesmo não disse que não dava para ler o conteúdo ?

    Eu procurei por uma descrição físico-química de como um punhado de farinha vira carne. Não tinha, logo não há descrição do milagre.

    O que não configura copy-paste, já que a fonte foi citada. Aliás, cadê o comentário com a resposta naquele artigo ? Não pensa que vai ficar para trás não, ateuzeco fujão…….

    O tempo do André equivale a 1000 anos dos crentes toscos.

    Certo…Tanto que no Bertelli vc caiu do cavalo e não quer tocar mais no assunto, assim como não se cansa de usar essa patética inversão do ônus da prova e está fugindo de publicar e dar uma resposta a minha refutação no artigo “Jesus não voltará”…

    Mas a hóstia virou carne? Nah, vc não vai me dar esta resposta. Ligo, não. Fica aí lendo os artigos e esperando a Voz dos Alienados, 😉

    Joseph K respondeu:

    @Alexandre Veloso,
    Seu dia de sorte!
    Você pode ler o paper do linóleo e quotar todos os trechos que provam a existência do milagre!

    http://www.crocko.com/F516DD9AF8174605A9AEDC4405E1277A/Artigo_Linoli_Lanciano.pdf
    Boa sorte, e que Buda te dê amor.

    El Residente respondeu:

    @Alexandre Veloso,

    Vamos lá, sucintamente:

    Quem tem que provar é você. Não tem essa de “prove que não existe”, “prove que é falso”.

    Simples, fácil, mais fácil que isso só se eu contratar a Muzak.

    homemcinza respondeu:

    @Alexandre Veloso, Primeiro, quem afirma que existe um milagre é que deve provar. E não o contrário, zé.

    Quanto ao Milagre de Lanciano:
    Você pode provar que aquilo é um pedaço de carne. OK!
    Mas não pode provar que aquilo era uma hóstia antes de virar carne, compreende, jumento? ou quer que eu desenhe? (leia de novo até entender a lógica)

    Os buracos nas mãos dos estigmatizados serem reais, também não signifca que surgiram “do nada”. Pessoas se matam por religião SEMPRE, então fazer um buraco nas mãos ou rasgar a pele não custa nada, há louco pra tudo. Querem se aparecer, estar mais perto de Deus. Nossa mente é uma caixa de surpresas e é capaz de nos pregar peças.

    E não adianta nada nos mostrarmos que tudo o que vc citou aqui é possivel de ter um explicação racional e natural, você sofre da SINDROME DO MARIDO TRAIDO, aquele que mesmo pegando a esposa com o Ricardão na cama acredita que ela é uma santa e que aquilo deve ter outra explicação. Nada abala a fé na sua esposa. Fé construida em bases ilusórias. Uma muleta psicológica.

    Larga essa bíblia, cara, vai ler outras coisas, deixa de mediocridade. O mundo é bem mais do que vc imagina e a descoberta de fraudes milagrosas é só a ponta do iceberg.

    voix69 respondeu:

    @Alexandre Veloso,

    A questão é:

    Não existe nenhuma prova que sustente a alegação que a carne, antes de ser carne, era uma hóstia. Ponto.

    Se conseguires provar isso…

  • chked2

    chked2
    carloseduardopauluk@yahoo.com.br
    200.146.0.254

    quando vc vai entender q não é só isso que importa?? isso é o que menos importa na verdade..
    se era hóstia, pedra, carne, ou NADA… tanto faz, meu irmãozinho!!!!
    vc acha que refutou o relato do milagre por argumentar que não existe prova da TRANSFORMAÇÃO????
    caso vc tenha esquecido, tem mais uma outra grande parte do milagre que precisa ser refutada, que é
    justamente o caso da permanência do estado do material… cade a refutação disto????

    mas vc só pode ter algum tipo de retardo mental mesmo, sinceramente..
    como já disseram aí atrás, oq vc quer???? um filme em full-hd e 3D provando um fato peculiar de séculos atrás?
    não consegue entender q esta prova que vc está pedindo é impossível de obter??
    agora vc argumentando que algo que é impassível de prova é necessariamente inverídico é o cúmulo da burrice. é o atestado final da sua demência.

    Administrador André respondeu:

    quando vc vai entender q não é só isso que importa?? isso é o que menos importa na verdade..

    O crente diz que Deus existe pois o Milagre de Lanciano ocorreu.

    O crente sustenta que o Mlagre de Lanciano é uma hóstia que vrou carne e sangue durante uma cerimônia.

    O cético diz que o máximo que se tem é umm pedaço de carne e quer alguma evidência que a hóstia VIROU carne.

    O crente diz que isso não é importante, que o importante é o Milagre de Lanciano, que é a hóstia que virou carne, mas não importa se a hóstia virou carne.

    Há como debater assim?

    se era hóstia, pedra, carne, ou NADA… tanto faz, meu irmãozinho!!!!

    Tradução: “não importa o que tem lá. Eu QUERO que seja um milgre e eu QUERO que isso prove que existe um deus.”

    vc acha que refutou o relato do milagre por argumentar que não existe prova da TRANSFORMAÇÃO????

    Sim.

    caso vc tenha esquecido, tem mais uma outra grande parte do milagre que precisa ser refutada, que é
    justamente o caso da permanência do estado do material… cade a refutação disto????

    Chinchorros. Uma prova que deuses incas existem. Mumificação, essa desconhecida.

    mas vc só pode ter algum tipo de retardo mental mesmo, sinceramente..

    Mateus 5:22 — Eu, porém, vos digo que qualquer que, sem motivo, se encolerizar contra seu irmão, será réu de juízo; e qualquer que disser a seu irmão: Raca, será réu do sinédrio; e qualquer que lhe disser: Louco, será réu do fogo do inferno.

    Não esqueça o protetor solar. :mrgreen:

    como já disseram aí atrás, oq vc quer???? um filme em full-hd e 3D provando um fato peculiar de séculos atrás?

    Se não podem provar, não afirmem, ué.

    não consegue entender q esta prova que vc está pedindo é impossível de obter??

    Se não podem provar, não afirmem, ué. [2]

    agora vc argumentando que algo que é impassível de prova é necessariamente inverídico é o cúmulo da burrice. é o atestado final da sua demência.

    Então, se é assim, eu posso dizer que Shiva, Vishnu e Brahma existem e governam o universo, pois é algo que é impassível de prova e afirmar que é inverídico é o cúmulo da burrice. é o atestado final da sua demência. Então, todos os deuses de todas as culturas existem e vcnão poderá afirmar que são falsos. Assim, seu monoteísmo é estilhaçado, seu Jesus não salvou ninguém e sua religião é totalmente desnecessária.

    É tão engraçado ver os religiosos destruírem os preceitos de sua própria religião. :mrgreen:

    E lembre-se: vc não pode me xingar. Seu deus mandou ser meu amiguinho e dar a outra face. Eu posso te meter a porrada, xingar e comer sua namorada (se vc tivesse uma de verdade e não aquela inflável). Ainda assim, vc teria que me amar. :mrgreen:

    voix69 respondeu:

    @chked2,

    “se era hóstia, pedra, carne, ou NADA… tanto faz, meu irmãozinho!!!!
    -“Tanto faz”, não. Se era carne (como você mesmo cita) antes, então não existe milagre nenhum. Pois o milagre não é ter carne lá, o milagre é a transformação.
    Se não se pode provar que era hóstia, resta-lhe somente a fé.

    “vc acha que refutou o relato do milagre por argumentar que não existe prova da TRANSFORMAÇÃO????”

    – Mas ESSE é o ponto fundamental, saber o que era a carne antes da transformação. Alegar que era hóstia não prova nada. Alegação sem provas é falácia.

    El Residente respondeu:

    @chked2,

    Em resumo:

    A prova é que o milagre aconteceu, e o milagre ter acontecido é prova de que ele aconteceu. Eu sei que ele aconteceu porque me falaram que ele aconteceu. Jesus te ama, eu quero ser como Jesus, porque eu sou cristão, então eu vou debater com você fazendo tudo o que ele mandou não fazer. Eu também vou duplicar todo e qualquer tipo de pontuação.

  • Morte

    O bife já empatou com o dilúvio na categoria de assunto que crentosco mais perde a linha….

  • Joseph K

    OK. Sabia que apareceria algum crente que nunca leu a porcaria do artigo e viria aqui escrever asneiras.
    Como o link que passei está com algum problema tomei vergonha e ressuscitei o backup do “paper” para fazer o upload dele pra quem quiser ver o estudo do “milagre”.
    É impressionante como esse artigo descreve minuciosamente o milagre: o sangue canceroso milagrosamente conservado, as imagens das células sanguíneas idênticas ao sangue fresco e… epa, como não tem nada disso?
    A quem tiver tempo a perder, segue o link:

    http://www.crocko.com/F516DD9AF8174605A9AEDC4405E1277A/Artigo_Linoli_Lanciano.pdf

    PS: como nunca usei esses sites de upload não sei quanto tempo o arquivo ficará disponível, assim, quem quiser faça o download o mais rápido possível.

    Márcio respondeu:

    @Joseph K,

    Êitcha!! Quem é vivo sempre aparece! :smile:
    (Na verdade, suspeitei desde o princípio que V.S.ª fosse “ressucitar” bem neste artigo do bife amanhecido trazendo alguma diversão!)

    Márcio respondeu:

    PS.: Aproveitando o ensejo de minha gloriosa presença: Feliz Ano Novo para todos e, em especial, aos donos do blog que não deixo de acompanhar!

    Joseph K respondeu:

    @Márcio,
    Não ressuscita, aquele que nunca morre 😉
    Estou numa de stalker pois não tenho mais paciência (graças a deus) e nem tempo (graças a Zeus) para aturar essas cretinices, ando muito ocupado (ainda bem) e procuro me divertir com coisas que não me irritem tanto (tá, Diablo 3 tá meio ruim, mas vai melhorar, e a expansão do Starcraft 2 é algo que espero “desde o século passado”).
    O pior, tenho certeza, é que, não passa muito tempo, algum crentosco que nunca se deu ao trabalho de ler a “pesquisa” vai aparecer aqui falando merda, de novo.
    Um ponto curioso: os chatólicos (não os crentes no catolicismo, mas os chatos dentro do) NUNCA se dão ao trabalho de linkar NADA ao artigo original. Não é engraçado?
    Ora pois, se o paper é a “prova” porque raios NUNCA apresentam o paper?
    Boa sorte a você, e aos outros, que se dispõe a “dialogar” com esses tipos.

  • Karla

    Entrei no site achando que haveriam provas sobre a não existência desse “milagre”, mas me decepcionei… :sad:

    Administrador André respondeu:

    Conclusão: há carne ali, logo, era uma hóstia.

    voix69 respondeu:

    @Karla,

    HAHAHAHA!!! Tadinha. Me deu dó.
    Alienação…a gente vê por aqui.

    Faz o seguinte:
    Leia o artigo que o Joseph K lincou e me mostra onde tá escrito que a carne, antes de ser carne, era hóstia.
    E não venha com desculpa relacionada com a barreira linguística.

    E só para reforçar a questão:
    Não existe nenhuma prova que sustente a alegação que a carne, antes de ser carne, era uma hóstia. Ponto.

  • lucia markiv

    Fé não é para ser discutida. Fé é para ser vivida! Viva a sua fé, siga o evangelho e e lembre-se do que Jesus falou: “Quem não é contra nós é por nós”. Enquanto alguns evangélicos se pré-ocupam falando mal de seus irmãos católicos, muitas pessoas carecem de um abraço e de uma palavra de Deus. Espíritas fazem caridade e a Umbanda também ajuda o próximo que o procura. E aqueles que se dizem cristãos? Julgam e envergonham a Jesus.

    Para mim não precisa ser verdade ou mentira. A fé se sente no coração e a graça de Deus é gratuita. Milagres acontecem para quem os busca e esperam. Somente Josué e Kalebe entram na terra prometida. Kalebe era da idade de 85 anos; 40 anos em um deserto e não perdeu a sua fé. Viu o milagre acontecer.

    Repito: Fé não é para ser discutida e sim Vivida. Vivam a sua fé e amem o próximo. “Alguém” já disse: Amar o próximo como a si mesmo. Quem será? Você o conhece? Tomara……

    Deus abençoe a todos!

    Administrador André respondeu:

    Fé é para pobres coitados com baixa auto-estima que precisa acreditar em entidades mágicas.

    Baal respondeu:

    @lucia markiv,

    Enquanto alguns evangélicos se pré-ocupam falando mal de seus irmãos católicos, muitas pessoas carecem de um abraço e de uma palavra de Deus

    Vejamos um pouco da “palavra de Deus” :

    Êxodo 32:27- Então ele lhes disse: ASSIM DIZ O SENHOR, O DEUS DE ISRAEL: Cada um ponha a sua espada sobre a coxa; e passai e tornai pelo arraial de porta em porta, e MATE CADA UM A SEU IRMÃO, E CADA UM A SEU AMIGO, E CADA UM A SEU VIZINHO.

    Números 31: 17,18- MATAI, POIS, TODOS OS VARÕES, MESMO OS DE TENRA IDADE, E DEGOLAI AS MULHERES QUE TIVERAM COMÉRCIO COM HOMENS; MAS RESERVAI PARA VÓS AS DONZELAS E TODAS MULHERES VIRGENS.

    Números 25:4- DISSE, POIS, O SENHOR A MOISÉS: Toma todos os cabeças do povo, E ENFORCA-OS AO SENHOR DIANTE DO SOL, para que a grande ira do Senhor se retire de Israel.

    Deuteronômio 20: 16,17- Mas, das cidades destes povos, que o SENHOR TEU DEUS te dá em herança, NÃO PERMITIRÁS QUE ALGUÉM FIQUE VIVO, MAS PASSÁ-LOS-ÁS TODOS AO FIO DA ESPADA: aos heteus, aos amorreus, aos cananeus, aos perizeus, aos heveus, e aos jebuseus; COMO SENHOR TEU DEUS TE ORDENOU;

    Deuteronômio 2:33,34 – E O SENHOR NOSSO DEUS no-lo entregou, e o ferimos a ele, e a seus filhos, e a todo o seu povo.Também naquele tempo lhe tomamos todas as cidades, E FIZEMOS PERECER A TODOS, HOMENS, MULHERES E PEQUENINOS, NÃO DEIXANDO SOBREVIVENTE ALGUM;

    Deuteronômio 32:25- Por fora devastará a espada, e por dentro o pavor, tanto ao mancebo como à virgem, assim a CRIANÇA DE PEITO como ao homem idoso.

    Levíticos 26:28, 29- E VOS CASTIGAREI SETE VEZES MAIS, por causa dos vossos pecados. E COMEREIS A CARNE DE VOSSOS FILHOS E A CARNE DE VOSSAS FILHAS.

    Isaías 13:16- E SUAS CRIANÇAS SERÃO DESPEDAÇADAS PERANTE OS SEUS OLHOS; AS SUAS CASAS SERÃO SAQUEADAS, E AS SUAS MULHERES VIOLADAS.

    Isaías 13:18- E os seus arcos despedaçarão aos mancebos; E NÃO SE COMPADECERÃO DO FRUTO DO VENTRE; OS SEUS OLHOS NÃO POUPARÃO AS CRIANÇAS.

    2Reis 2:24- E, virando-se ele para trás, os viu, e os AMALDIÇOOU EM NOME DO SENHOR. Então duas ursas saíram do bosque, E DESPEDAÇARAM QUARENTA E DOIS DAQUELES MENINOS.

    Ezequiel 9:6- MATAI VELHOS, MANCEBOS E VIRGENS, CRIANCINHAS E MULHERES, ATÉ EXTERMINÁ-LOS.

    Oséias 13:16- seus FILHINHOS SERÃO DESPEDAÇADOS, E AS SUAS MULHERES GRÁVIDAS SERÃO FENDIDAS.

    Mateus 10:34,37- Não penseis que vim trazer paz à terra; NÃO VIM TRAZER PAZ, MAS ESPADA. PORQUE EU VIM PÔR EM DESAVENÇA O HOMEM CONTRA SEU PAI, A FILHA CONTRA SUA MÃE, E A NORA CONTRA SUA SOGRA.

    Para mim não precisa ser verdade ou mentira. A fé se sente no coração e a graça de Deus é gratuita.

    Ou seja, vc não importa se o que vc acredita é verdade ou mentira. Vc acredita numa profunda necessidade de acreditar. E fé por si mesma não prova nada e não faz nada existir.

    Milagres acontecem para quem os busca e esperam. Somente Josué e Kalebe entram na terra prometida. Kalebe era da idade de 85 anos; 40 anos em um deserto e não perdeu a sua fé. Viu o milagre acontecer.

    Milagres não existem. Nunca houve provas e evidências para tais eventos.
    Milhares de pessoas morrem na fila do SUS a espera de um “milagre” do seu deus. Por que será que ele não os atende ? E estamos todos acostumados com falsas curas, falsos milagres e encenações para enganar os crédulos.

    “Alguém” já disse: Amar o próximo como a si mesmo. Quem será? Você o conhece? Tomara……

    E alguém disse:

    Lucas 14:26 — Se alguém vem a mim e não ODIAR a seu pai, e mãe, e mulher, e filhos, e irmãos, e irmãs e ainda a sua própria vida, não pode ser meu discípulo.

    Quem será ? rs
    Será que vc realmente o conhece ?

    Deus abençoe a todos!

    Que Saci Pererê te abençoe.

    JCFerranti respondeu:

    @lucia markiv, Se a fé é para ser vivida, para que se precisa de tantos simbolos para comprovar a existência? Santo Sudário, Calice Sagrado, MIlagre de Lanciano….
    Se o que importa é acreditar, para quê comprovações dessa fé?

    voix69 respondeu:

    @lucia markiv,

    “…Alguém” já disse: Amar o próximo como a si mesmo. Quem será? Você o conhece?”

    Sim, conheço. Zaratustra e Siddhartha Gautama.

  • Everson Maraca

    André , o que poderias falar sobre o milagre de Pierre de Rudder.
    Esta temática possui uma probabilidade de resolução meramente natural, ao contrários do que os católicos acreditam, contudo gostaria de saber se seu ponto de vista e convergente ao que cheguei a concluir.
    Na sua opinião, qual o evento que explica o milagre de Pierre de Rudder?

    O caso em questão:

    http://gallica.bnf.fr/ark:/12148/bpt6k5490633w/f7.image.r=milagres.langPT

    Fontes absolutamente tendenciosas:

    https://padrepauloricardo.org/blog/nobel-frances-respalda-milagres-de-lourdes

    http://www.arautos.org/especial/24116/Os-milagres-de-Lourdes.html

  • Hélio

    Boa tarde. Por acaso, você não usou da mesma ferramenta para combater algo que diz não ser verdade? Indique-me, por favor, qual prova científica ou com qual argumento concreto você comprova que o milagre é falso? Você apenas fez argumentos superficiais sobre o que diz não ser verdade, mas chega longe de provar que é mentira. Francamente, quando encontrei esse blog achei que encontraria provas científicas que comprovassem ser uma farsa, mas encontrei um monte de conversa fiada. Tudo me leva a crer que todo o conteúdo do blog é tão superficial quanto o conhecimento científico de quem o escreveu.
    Posso citar muitos nomes aqui para te provar que a Igreja não nega a ciência, mas basta citar Mendel, que era um monge católico. Este aí produziu conteúdo científico suficientemente maior do que muitos cientistas do século XXI, que tem milhões de ferramentas do que em sua época.
    Sinceramente, ocupe o seu tempo com coisas construtivas e úteis. Te convido a sair da inércia e pesquisar um pouco sobre a história dos santos e mártires, pessoas que deram a sua vida por esta causa (se assim você preferir chamar). Atacar a Igreja Católica é muito fácil. Difícil é ajudar a construí-la.

    Pryderi respondeu:

    Indique-me, por favor, qual prova científica ou com qual argumento concreto você comprova que o milagre é falso?

    Indico. Total falta de evidência. Vi um pedaço de carne e a suposta análise mostra que é um pedaço de carne, não que era uma hóstia antes. É como eu dizer: olha só. Eu estou aqui, mas eu fiquei voando por sobre a cidade. Você terá que provar que não.

    Você apenas fez argumentos superficiais sobre o que diz não ser verdade, mas chega longe de provar que é mentira.

    Sua opinião, pela qual eu estou cagando, pois não passa de espérneio.

    Posso citar muitos nomes aqui para te provar que a Igreja não nega a ciência, mas basta citar Mendel

    A ICAR NÃO RECONHECEU o milagre de Lanciano. 😀

    Te convido a sair da inércia e pesquisar um pouco sobre a história dos santos e mártires, pessoas que deram a sua vida por esta causa

    Te convido a sair da inércia e pesquisar um pouco sobre a história dos homens-bombas, pessoas que deram a sua vida pelo Islamismo.

    Que tal dessa forma?

    NestorBendo respondeu:

    Inversão do ônus da prova, alguém?

    William S D Borba respondeu:

    Volta e meia alguém cai no erro básico de esquecer o ponto principal deste post: Se antes de se tornar “carne” (seja lá qual tipo de carne), a substância em questão era mesmo uma hóstia. Para isto, não há provas.
    Por exemplo: Eu posso afirmar que, antes de ser um ente humano, eu era um repolhinho que minha mãe plantou na horta do quintal de minha avó. Então, passei do reino vegetal para o animal por simples desejo e muita fé de minha querida mãe. Não posso provar isso, mas você tem de acreditar em mim, ó homem de pouca fé!

  • Márcia

    Fé, católicos são movidos pela fé. E só enxergam aqueles que tem fé. Sorry.

    NestorBendo respondeu:

    Uns fé de mais, outros fé de menos.

  • Geice Leine Scalli Leme de Sou

    Curioso mesmo é que assim como VOCÊ descreve que não há provas da igreja, você também não prova nada! Que Deus te abençoe!!

    Pryderi respondeu:

    Eu tenho fator de cura e ossos de adamantium. Prove o contrário.

    NestorBendo respondeu:

    Pobre criança… Já mostramos por aqui que Rá é o único e verdadeiro deus. Isso aí é só um engodo, criado pela Igreja Chatólica para destruir a verdadeira fé!

    cloverfield respondeu:

    Tolo! Todo o universo que existe é apenas o sonho do Grande Prismo!!
    Você saberia disso se tivesse lido o Enquiridio.

  • júnior

    Li por duas vezes a FAMOSA MENTIRA DA EUCARISTIA , mas ate agora não entendi a onde estar a MENTIRA , o pessoal passou 15 meses estudando e fazendo exames e não disseram que era nada de novidade, eu quero saber cadê a prova que era tudo MENTIRA, teve gente que afiou as unhas , amolou os dentes, cresceu o rabo, poliu os chifres mas não provou nada, quero vê provas científicas provando que é tudo MENTIRA.

    Pryderi respondeu:

    Vamos lá, beeeeeeeeeeeeeeem devagarzinho.

    Dizem que o milagre é que a hóstia virou carne. Dizem que a pesquisa mostra isso. A “pesquisa” mostrou apenas que era um pedaço de carne

    CADÊ A PROVA QUE AQUILO ERA UMA HÓSTIA ANTES, FILHOTA?

    Almeida respondeu:

    Provar que é mentira?

    Primeiramente, ELES teriam que provar que é verdade.
    Segundamente, mostrar que
    Hóstia >>”plim”>> Carne

  • católica

    Homem de pouca fé,Deus te colocou aqui para testar as pessoas que apartir de uma matéria ANTICRISTO,são manipuladas a ter esse teu pensamento.Cuidado meu irmão com o que fala,pois Deus não castiga,mais vc esta se alto condenando.Cada um tem uma opinião,e a minha não mudo simplesmente porque alguém tem um site para denegrir a imagem de Deus.
    Agora repudiam,debocham,mais na hora da dor,do sofrimento e a ele que vcs irão recorrer.Que Deus abençoe quem acredita que ele é a nossa única salvação e abençoe 3 vezes mais quem duvida de sua glóriae de seus milagres.
    Salve Maria,MÃE DE DEUS!!!!!!

    NestorBendo respondeu:

    Voz dos alienados 80 a caminho!

  • Abraao Vieira

    primeiro :http://emdefesadasantafe.blogspot.com.br/2012/06/especial-semana-de-corpus-christi-os_06.html provando que sim existiu um Ruggero Bertelli anatomis ta

    segundo; a combinação de oxido de ferro 3 onde o ferro doa 3 eletrons para o oxigênio ficando assim positivamente carregado mais água a famosa H2O seria basicamente a combinação de ferro oxigênio e hidrogênio sendo que estéticamente isso pode ser pode (talvez ) ser muito parecido com sagnue porém o sangue é

    “O sangue é um tecido líquido que circula pelo sistema vascular sanguíneo dos animais vertebrados e que tem como função a manutenção da vida do organismo. O sangue é constituído, em volume, por 45% de células sanguíneas e 55% de plasma sanguíneo. As células do sangue são de 3 tipos: hemácias (ou eritrócitos, glóbulos vermelhos), leucócitos (ou glóbulos brancos) e plaquetas (ou trombócitos). O plasma, o componente líquido, é formado por 90% de água, 1% de substâncias inorgânicas (como potássio, sódio, ferro, cálcio, …), 7% de proteínas plasmáticas (albumina, imunoglobulinas e fibrinogénio, principalmente) e 1% de substâncias orgânicas não protéicas, resíduos resultantes do metabolismo, hormonas (hormônios). Apresenta dissolvidos gases como oxigénio e dióxido de carbono. Devido à presença da molécula da hemoglobina nas hemácias, nos animais vertebrados o sangue é de cor vermelha. A quantidade total de sangue no Homem representa cerca de 8% de sua massa total.” Wikipédia

    Porém qumicamente falando não se confunde

    Pryderi respondeu:

    A análise tem sangue, mas não prova que era uma hóstia que se transformou por mágica.

    Ou prova? :)

    Abraao Vieira respondeu:

    agora pense… tem sangue tipo ab, a participação popular a favor do milagre foi grande, eles eram testemunhas do milagre, agora pensando além não teria havido essa participação se não houvesse testemunhas sobre o milagre , e também falo do Milagre Eucarístico de Naju, onde o papa foi testemunha. Comprovando de vez os milagres

    Pryderi respondeu:

    1) tem sangue AB. So What?
    2) Participação popular com testemunhas de algo que aconteceu no século VIII?
    3) Papa sendo testemunha é a mesma coisa que dizer que pastor evangélico é testemunha de gente parindo 3 caveirinhas de plástico. Conveniente, não?

    William S D Borba respondeu:

    Os mais antigos escritos sobre o “milagre” datam da segunda metade do século XVI, época em que a Igreja Católica iniciava sua luta contra o protestantismo (a Contra-Reforma) e havia uma acirrada polêmica sobre a transubstanciação eucarística, confirmada como dogma pelo Concílio de Trento, em 1551. Portanto, poderíamos supor que a narrativa do “milagre” e suas “provas” teriam sido maquinadas por volta dessa época.

  • Leandro Rodrigues Dos Santos

    Essa eu devo aos leitores do Tubo, sempre atentos, apesar desse início de ano um tanto vagaroso.

    Os leitores mais antigos devem se lembrar de quando critiquei a Arquidiocese de Nápoles por não permitir testes no recipiente que guarda o suposto sangue de São Januário, que se liquefaz algumas vezes por ano. A mesma crítica, no entanto, não vale aos responsáveis por cuidar das relíquias do milagre eucarístico de Lanciano (também na Itália). Um resuminho da história: no século VIII, um padre celebrava missa e por um momento duvidou que o pão e o vinho realmente se transformassem no corpo e no sangue de Cristo. Diante do padre, o pão se tornou carne humana e o vinho se transformou em sangue, com todas as suas características (segundo a doutrina católica, na Eucaristia o vinho se torna sangue, mas continua tendo aparência de vinho).

    O fato é que as autoridades religiosas têm permitido testes no que sobrou dessa carne e desse sangue, o último deles tendo ocorrido em 1971. Foi a respeito disso que um amigo me mostrou, hoje, um texto de um site de ateístas militantes que se propunha a “desmistificar” o milagre. Desconsiderando o tom raivoso do artigo, atenhamo-nos aos fatos que o autor alega ter em seu favor, e veremos que a consistência dos argumentos é a mesma de um pudim de leite condensado.

    O primeiro envolve a identidade do assistente do professor Oduardo Linoli. “Ruggero Bertelli JAMAIS poderia dar qualquer ajuda na análise. Uai! Por que não? Porque Bertelli não é químico, biólogo, patologista ou médico do SUS. Bertelli é ECONOMISTA!”, diz o texto, que traz links para o currículo de Bertelli, e depois pergunta: “Quantos Ruggero Bertelli lecionam na Universidade de Siena, hein? Por que o crente mente? Por que mente o crente?”

    Bom, acho que o autor do texto se precipitou um pouco. Um leitor do Tubo foi pesquisar e descobriu que o Bertelli economista seria um pré-adolescente na época dos testes em Lanciano. Um comentarista do blog ateu percebeu o fato, e o usou para reforçar sua argumentação de que “a Igreja mente”. Claro… se o Bertelli economista tivesse realmente sido o assistente de Linoli. Mas a verdade parece ser outra: existiu, sim, um Ruggero Bertelli anatomista e professor da Universidade de Siena, ativo (e com prestígio) no fim dos anos 60, como atesta o site da Sociedade Italiana de Anatomia e Histologia. Esta matéria do La Repubblica mostra que Bertelli era professor de Anatomia na Universidade de Siena até 1965, quando passou o bastão ao filho. Então, o primeiro argumento dos céticos foi para o brejo.

    Segue o ateísta: “O texto, copiado na cara de pau por tudo que é site católico, na íntegra, diz que em 4 de março de 1971 apresentou os resultados. Mas, que resultados? Não vi uma publicação indexada atestando isso. Encontro referências, mas não O artigo. Não foi publicado na Science, Nature etc.” De fato, não foi. O próprio texto da agência Zenit que o autor ateísta esculacha dá a referência: “O informe do professor Linoli foi publicado em Quaderni Sclavo di diagnostica clinica e di laboratório (1971, fasc 3, Grafiche Meini, Siena).” Só porque o autor do artigo não o achou online, não significa que o artigo não exista. Ele deveria ter aprendido algo lendo Carl Sagan, não? “Toda hora estou procurando artigos indexados de Física que não encontro. Eles não existem? Claro que sim, só não estão online!”, acrescenta um outro leitor do Tubo. Só pra constar, o artigo de Linoli está indexado, sim.

    Por fim, o autor acusa os católicos de inventarem uma instância da OMS para corroborar as conclusões sobre Lanciano. De fato, não existe órgão na OMS chamado “Conselho Superior”. Mas existem instâncias de governo na organização, e a pesquisa de 1973 pode ter sido encomendada por uma dessas instâncias. Fica a dúvida, mas de qualquer modo, se isso foi a única coisa que sobrou de um artigo raivoso escrito com o propósito de derrubar “cientificamente” o milagre de Lanciano, usar os Mythbusters no fim para dizer “mito detonado” é tirar com a nossa cara.

    Pryderi respondeu:

    O artigo diz textualmente “Fica-se comprovado mediante os ensaios descritos que o presente pedaço de carne foi outrora uma hóstia”?

    SIM OU NÃO?

    E Tubo é uma bosta. Mal aê.

  • Jefferson Oliveira

    Com uma pesquisa muito simples, encontrei esse artigo. Claro que é como jogar pérolas aos porcos, por que ainda vou ter que ler absurdos do tipo: “Ahhh, mas o sangue não tem ferro, ele é anêmico”
    Espero que com todo o “ceticismo” de vocês, consigam encontrar o artigo na internet, por que não é muito difícil. São 22 páginas que respondem ao que vocês quiserem, incluindo também uma conclusão que diz ser milagrosa a sustentação dos tecidos testados por tanto tempo naquela situação.
    Claro, claro, depois que eu encontrei o artigo, mostro aqui no site, desminto a história do Ruggero (que por sinal é um nome extremamente comum na Itália), demonstro que o trabalho é CONCLUSIVO e que conclui pelo milagre e ainda por cima mostro que o trabalho aponta a tipagem AB do sangue (mesmo tipo do sudário de Turim verificado por Mark Guscin em 1999), vai vir a questão com a qual todos que não tem fé terminam a discussão:
    * Foi comprado!
    E é aí onde quero ver o ceticismo dar lugar à ignorância, pois se alegam que eu acredito em algo que não tenho como provar, como provariam que o artigo foi comprado?
    Não vou colar o link do site com o material aqui por que adoro provocar a ira de céticos =D

    Pryderi respondeu:

    Continuo não encontrando a parte em que o sujeito prova que aquilo era uma hóstia transformada. Por favor, me mostre.

    E não, não estou irritado. Estou curioso pela parte em que a transformação foi comprovada. Não que aquilo é sangue. Tipo. Posso provar que estou usando um computador, logo, ele foi feito milagrosamente formado em vulcões das ilhas Fiji por Hefestos. Prove que não. Vejamos o SEU ceticismo. :)

  • Jefferson Oliveira

    Primeira folha do artigo.

    Pryderi respondeu:

    Estou procurando a parte “por causa dos ensaios usando os métodos XYZ, comprovamos que este material era uma hóstia da idade média”, mas não encontrei. pode fazer um grifo, por gentileza?

  • Luiz

    Mas quem terminou a vida louco, foi o seu Nietzsche, ok? Cadê o super homem que ele tanto pregava?

    Márcio S. respondeu:

    Vamos lá, bem devagar!

    Tirando o fato de que a fé prova… bem… que a mente humana é capaz de estabelecer julgamentos sem qualquer coesão com a realidade causal dos fatos, o que mesmo a fé prova?

    R: Nada.

    Fatos não mudam se quem fez a constatação deles foi fulano ou beltrano. Ou seja, seu esperneio não passa de reles ad Hominem. I rest my case, your honor.

    “‘Fé’ significa não querer saber o que é a verdade.” Friedrich Nietzsche

  • Luiz

    Vocês, ateus, acreditam que só existem cientistas ateus, qualquer
    cientista que crê em Deus, não é cientista. Isso, sim, é risível! Além de não conseguirem desmascarar coisa alguma porque, sinceramente, aquela história que vocês contaram das soluções coloidais para argumentar a coloração da carne e do sangue, sinceramente, gostaria de ver um de vocês fabricar sangue do tipo AB, ou de qualquer outro tipo a partir de soluções coloidais, por favor, não falem a respeito dessas soluções, porque, de Química, eu entendo. E tem mais, muitos ateus pediram que se comprovasse que a carne era proveniente de uma hóstia, creio que seja impossível, pois a hóstia converteu-se completamente num pedaço do miocárdio humano. Além do mais, o tecido está, até hoje, como se tivesse sido retirado de uma pessoa viva, ainda hoje. Segundo o dr. Linoli, todas as partículas apesar das diferentes dimensões, possuem a mesma massa. Vocês conseguem explicar isso, senhores?

    Outra questão, Gostaria também que um ateu analisasse friamente e sem ser tendencioso, os milagres de Guadalupe e do Santo Sudário, ambos analisados por cientistas, e não foram encontradas fraudes. O primeiro, analisado por Phillip Serna Callahan, biofísico da Universidade da Flórida, junto com especialistas ATEUS da NASA. Isso, para não mencionar o Santo Sudário cujas pesquisas recentes demonstram que o teste de carbono-14 falhou por causa do incêndio pelo qual a mortalha passou na Idade Média, alterando completamente os resultados do carbono-14. Só que com um detalhe: essa afirmação não foi feita pela Igreja, nem por um cientista cristão, mas pelo cientista russo Dimitri Kuznetsov, ganhador do Prêmio Lênin, o mais importante da Rússia, especialista em testes de carbono-14, e…pasmem! Ateu. Além disso, nenhum ateu conseguiu refazer uma cópia do Santo Sudário, com toda tecnologia do século 21, ora se não conseguem fazer uma simples cópia de algo que vocês, ateus, dizem ser uma “fraude da idade média”, que vocês chamam “Idade das trevas”, em pleno século 21, será que na Idade Média havia mais desenvolvimento tecnológico do que
    hoje?!

    AS MARCAS DOS PREGOS

    Interessante! Vocês criticam os cristãos, chamando-os
    “alienados”, mas não vejo vocês explicando, como, no Santo Sudário, que vocês afirmam ser uma fraude da Idade Média, por que as marcas dos pregos estão no PULSO da imagem do homem, já que a própria Igreja Católica acreditava que os pregos foram colocados nas MÃOS, vide imagens e pinturas renascentistas, primeiro indício de que não se trata de uma fraude; segundo, o cientista ATEU, Dimitri Kuznetsov, ganhador do Prêmio ‘Lênin’, especialista em testes de Carbono-14, afirma categoricamente que o incêndio pelo qual a mortalha passou na Idade Média, alterou completamente o cálculo da datação feito décadas atrás; o próprio cientista Harry Gove, principal responsável pela análise de carbono, posteriormente admitiu que a contaminação de restos de bactérias podia ter falseado os resultados do teste. Engraçado, isso vocês não revelam, não é? O próprio cientista que fez a medição pelo teste de Carbono-14 no Sudário, admitiu poder ter havido falhas em sua datação. E, terceiro, Já que o Santo Sudário é uma fraude da Idade Média, não sei de onde vocês tiraram essa, por que ninguém conseguiu copiar, será que falta tecnologia para os ateus? E tem mais, segundo a ciência, somente uma radiação muito forte poderia ter provocado uma imagem assim, confiram os comentários da cientista Dra. Emanuela Marinelli, ou vocês acreditam, que ironia, utilizar o verbo acreditar, que a Ciência se reduz apenas às naturais?

    Outra coisa, o tipo sanguíneo do Homem do Sudário é o mesmo do milagre de Lanciano, ou seja AB, 95% dos judeus possuem esse tipo sanguineo, logo…!

    OS OLHOS DE MARIA

    Essa eu gostaria que vocês pudessem explicar, quem foi o
    “artista” que pintou a imagem de Nossa Senhora de Guadalupe na tilma do índio Juan Diego, só um detalhe, aqui vai um breve relato dos estudos CIENTÍFICOS, e não vale dizer que o Dr. Phillip Serna Callahan não existe ou tinha apenas quatro anos de idade na época dos testes. Ouviram senhores?

    ———————————————————————————–

    Breve relato retirado do site: http://catolicismo.com.br/

    No dia 7 de maio de 1979 o prof. Phillip Serna Callahan, biofísico da Universidade da Flórida, junto com especialistas da NASA, analisou a imagem. Desejavam verificar se a imagem é uma fotografia. Resultou que não é fotografia, pois não há impressão no tecido. Eles fizeram mais de 40 fotografias infravermelhas para verificar como é a pintura. E constataram que a imagem não está colada ao manto, mas se encontra 3 décimos de milímetro distante da tilma.
    Para os céticos, outra complicação: verificaram que, ao aproximar os olhos a menos de 10 cm da tilma, não se vê a imagem ou as cores dela, mas só as fibras do manto.

    Convém ter em conta que ao longo dos tempos foram pintadas no manto outras figuras. Estas vão se transformando em manchas ou desaparecem. No caso delas, o material e as técnicas utilizadas são fáceis de determinar, o que não acontece com a imagem de Nossa Senhora.

    Os olhos da imagem

    Talvez o que mais intriga os cientistas sobre o manto de Nossa Senhora de Guadalupe são os olhos dela. Com efeito, desde que em 1929 o fotógrafo Alfonso Marcué Gonzalez descobriu uma figura minúscula no olho direito, não cessam de aparecer as surpresas. Devemos primeiro ter em vista que os olhos da imagem são muito pequenos, e as pupilas deles, naturalmente ainda menores. Nessa superfície de apenas 8 milímetros de diâmetro aparecem nada menos de 13 figuras! O cientista José Aste Tonsmann, engenheiro de sistemas da Universidade de Cornell e especialista da IBM no processamento digital de imagens, dá três
    motivos pelos quais essas imagens não podem ser obra humana:

    • Primeiro, porque elas não são visíveis para o olho humano, salvo a figura
    maior, de um espanhol. Ninguém poderia pintar silhuetas tão pequenas;

    • Em segundo lugar, não se consegue averiguar quais materiais foram utilizados
    para formar as figuras. Toda a imagem da Virgem não está pintada, e ninguém
    sabe como foi estampada no manto de Juan Diego;

    • Em terceiro lugar, as treze figuras se repetem nos dois olhos. E o tamanho de
    cada uma delas depende da distância do personagem em relação ao olho esquerdo
    ou direito da Virgem.

    Esse engenheiro ficou seriamente comovido ao descobrir que, assim como os olhos da Virgem refletem as pessoas diante dela, os olhos de uma das figuras refletidas, a do bispo Zumárraga, refletem por sua vez a figura do índio Juan Diego abrindo sua tilma e mostrando a imagem da Virgem. Qual o tamanho desta imagem? Um quarto de mícron, ou seja, um milímetro dividido em quatro milhões de vezes. Quem poderia pintar uma figura de tamanho tão microscópico? Mais ainda, no século XVI…

    Tentativa de apagar o milagre

    Assim como meu conhecido não desejava falar do Santo Sudário, outros não querem
    ouvir falar dessa imagem, que representa para eles problemas insolúveis. O
    anarquista espanhol Luciano Perez era um desses, e no dia 14 de novembro de
    1921 colocou ao lado da imagem um arranjo de flores, dentro do qual havia
    dissimulado uma potente bomba. Ao explodir, tudo o que estava perto ficou
    seriamente danificado. Uma cruz metálica, que ficou dobrada, hoje se conserva
    no templo como testemunha do poder da bomba. Mas… a imagem da Virgem não
    sofreu dano algum.

    E ainda ela está hoje ali, no templo construído em sua honra, assim como uma
    vez esteve Nosso Senhor diante do Apóstolo São Tomé e lhe ordenou colocar sua
    mão no costado aberto pela lança. São Tomé colocou a mão e, verificada a
    realidade, honestamente acreditou na Ressurreição. Terão essa mesma honestidade
    intelectual os incrédulos de hoje? Não sei, porque assim como não há pior cego
    do que o que não quer ver, não há pior ateu do que o que não deseja acreditar.
    Mas, como católicos, devemos rezar também por esse tipo de pessoas, pedindo a
    Nossa Senhora de Guadalupe que lhes dê a graça de serem honestas consigo
    mesmas.

    ———————————————————————————

    Depois de a Ciência analisar esses objetos e não encontrar
    fraudes, vocês tem a coragem de exigir, aos que creem, falta de fé?

    Se a Igreja Católica quisesse encobrir alguma coisa, não
    permitiria que a Ciência analisasse suas relíquias e, ao contrário do que vocês pensam, no Vaticano, existem vários e excelentes CIENTISTAS.

    Da mesma forma que esses dois milagres autênticos, vocês não conseguiram provar coisa alguma contra o de Lanciano. Me desculpem, mas vocês nunca vão provar a inexistência de Deus.

    Gostaria que me dessem provas que refutem e comprovem que estou equivocado, senhores.

  • Josoé Schmidt Braga

    Blood and heart tissue that shows no sign of decay after 12 centuries? That should be miracle enough.

    Pryderi respondeu:

    Num relicário selado? Então o deus Viracocha é mais foda, por causa das múmias de Atacama.

    Gil Filho respondeu:

    That is what they told us, but no cientific proof about that. No carbon-14 testet yet…

  • Luiz

    Em Lanciano, o sangue apresenta, ainda hoje, as substâncias como: proteínas, sódio, fósforo, potássio, magnésio e outros sais minerais em proporções idênticas às de uma pessoa viva, ainda hoje. Já as referidas múmias não apresentam mais sangue fluídico e já estão completamente ressecadas. Além do mais, o site G1 Ciência e Saúde, de 13/08/2012, afirma: O cientista Pablo Marquet e colegas da Pontifícia Universidade Católica do Chile também não descartam a possibilidade de que o próprio povo Chinchorro tenha mumificado seus mortos. Isso porque, na época em que eles viveram, havia uma maior disponibilidade de água doce e marinha, o que teria resultando em um crescimento populacional e em inovações culturais e tecnológicas suficientemente avançadas para preservar os corpos. Em Lanciano, não houve processo de mumificação, simplesmente a carne está como se tivesse sido retirada de uma pessoa viva. Ou seja, as múmias provavelmente passaram por processo de mumificação, conforme o site G1, já a hóstia convertida não passou por processo algum, nem o relicário é selado, haja vista que passou por estudos científicos.

    Pryderi respondeu:

    As múmias de Andinas também estão com a mesma condição. Puxa, os deuses dos andes são foda.

    A propósito, manda o paper. G1 e merda é a mesma coisa

    Gil Filho respondeu:

    Suas afirmações sobre as substâncias presentes no sangue em lanciano procedem de qual material científico?

    Com base em que que você garante que a “hóstia convertida” não passou por algum processo químico para sua conservação?

    Luiz respondeu:

    Baseado nas análises do Dr. Odouardo Linoli, que não identificou substância alguma que não as do próprio sangue humano. Além disso, não vi também vocês citando base científica alguma para afirmar o contrário, ou seja, que o tecido cardíaco passou por qualquer processo de conservação. Se a Igreja quisesse encobrir qualquer mentira, certamente não faria o mesmo com o sudário e a tilma do índio Juan Diego, cujas análises foram efetuadas por acadêmicos da Universidade da Flórida e por cientistas ateus da NASA. Acredito que o Dr. Linoli e o Dr.Bertelli não colocariam suas carreiras acadêmicas em risco por causa de uma “farsa”, não é, meu caro. Os resultados dos teste que, duraram 15 meses, foram divulgados amplamente pelos cientistas e equipes responsáveis pelos referidos testes. Mas, uma única pergunta, e você, quais documentos e estudos científicos embasam suas afirmações?

    Pryderi respondeu:

    Ué. Mas é exatamente isso, meu pobre retardado: é apenas sangue. Cadê a prova que aquilo era uma hóstia antes? Tá, ok, vai jogar mais texto cópia/cola. Vai conversar lá no site da IURD, vai.

    Gil Filho respondeu:

    Baseado nas análises do Dr. Odouardo Linoli, que não identificou substância alguma que não as do próprio sangue humano.

    Já que se baseou nas análises do Dr. Linoli, por gentileza poste aqui para que possamos também nós verificarmos isso e, quem sabe, chegarmos às mesmas conclusões que as suas.

    Sem o trabalho referenciado em mãos fica o dito pelo não dito. Ou será que você não tem esse trabalho em mãos? Porque se tem e não nos contempla com sua a leitura, está pecando por omissão (que é uma das classificações de pecado segundo o catecismo da ICAR em seu parágrafo 1853, que pode ser lido no seguinte link do vaticano: http://www.vatican.va/archive/cathechism_po/index_new/p3s1cap1_1699-1876_po.html).

    Além disso, não vi também vocês citando base científica alguma para afirmar o contrário, ou seja, que o tecido cardíaco passou por qualquer processo de conservação.

    Primeiro: de onde você tirou a conclusão de que é tecido cardíaco? Por gentileza, poste o link aqui do trabalho que comprove isso.

    Segundo: essa técnica que você está se utilizando em seu discurso chama-se: digressão por inversão do ônus da prova. Por gentileza, vamos nos ater aos fatos, poste o link do trabalho de onde você baseia todas as suas afirmações, para que possamos entender o porquê do seu raciocínio.

    Terceiro: quem recorre à ciência para embasar a fé são os crentes (das diversas denominações religiosas, inclusive a católica). O processo inverso (ciência recorrendo à fé para embasar seus dados) não é verdadeiro, pois feriria a própria definição de ciência em seu âmago (como está bem referenciada, segue esta definição da Wikpédia para sua apreciação: https://pt.wikipedia.org/wiki/Ci%C3%AAncia).

    Se a Igreja quisesse encobrir qualquer mentira, certamente não faria o mesmo com o sudário e a tilma do índio Juan Diego, cujas análises foram efetuadas por acadêmicos da Universidade da Flórida e por cientistas ateus da NASA.

    Como já disse, esse espaço é para a discussão do suposto milagre de lanciano e não outros. Caso não tenha espaço específico neste site, peça para o moderador colocar para que possamos analisar essas histórias. Se já tiver e quiser minha opinião, cole o link aqui que vou lá e comento também.

    Quando falar em trabalhos acadêmicos/científicos, poste o link para que possamos ler os referidos trabalhos. Por praxe a ciência se utiliza de meios de comunicação próprios que passa pelo crivo de toda a comunidade científica internacional para a validação de algo. Não tente se utilizar da credibilidade de alguns institutos para embasar sua crença sem a devida referência do trabalho científico em questão. Isso não contribui em nada nem para o desenvolvimento da ciência e nem para o desenvolvimento de uma fé esclarecida. Pelo contrário, contribui para a amplificação de crendices que se utilizam do dito pelo não dito para se propagarem.

    Acredito que o Dr. Linoli e o Dr.Bertelli não colocariam suas carreiras acadêmicas em risco por causa de uma “farsa”, não é, meu caro.

    Primeiro: Não conheço o trabalho do Dr. Linoli sobre lanciano para dizer se ele pôs em risco sua carreira acadêmica, por gentileza poste aqui.

    Segundo: Com relação ao Dr. Bertelli, de qual estamos falando? Do que estava aposentado pela Universidade de Siena à época dos testes ou o que tinha 11 anos nessa mesma época e que futuramente assumiria a cadeira de Economia na referida Universidade? Por gentileza, esclareça melhor esse tópico e coloque referência para que possamos nos entender sobre quem estamos falando.

    Terceiro: O fato de você acreditar ou deixar de acreditar em algo, não muda absolutamente nada os fatos. Aliás, a única coisa que se evidencia pela utilização da palavra ACREDITAR é que as chances são altas de que você CRÊ no suposto milagre e tenta justificar sua fé através da ciência.

    Os resultados dos teste que, duraram 15 meses, foram divulgados amplamente pelos cientistas e equipes responsáveis pelos referidos testes.

    Qual a referência da informação de que os testes duraram 15 meses? Esse trabalho foi amplamente divulgado? Por que será que é tão difícil de encontrar mesmo hoje com a Internet?

    Mas, uma única pergunta, e você, quais documentos e estudos científicos embasam suas afirmações?

    Quem está tentando fazer afirmação aqui é você! E o pior: sem nenhuma base crível.

    Eu estou tentando entender como é que você chega a uma conclusão sem ao menos mostrar uma simples publicação científica da qual retira os argumentos para criar seus textos.

    Quer acreditar, creia no que quiser! Mas não tente se utilizar da ciência para justificar sua crença.

    Quando disser algo em nome da ciência, poste o link do trabalho ao qual você teve acesso para não cair em descrédito através de afirmações que carecem de bases sólidas.

    Com relação ao suposto milagre de lanciano, pelo que foi dito nesse site até aqui, continua sendo mais um mito que as pessoas escolhem acreditar que é verdade, que foi estudado pela ciência, para justificar sua necessidade de algo físico para poderem ainda ter fé em algo tão estranho quanto a transubstanciação.

    Esse conceito de transusbstanciação poderia ser facilmente provado hoje pela ciência através de teste de DNA, bastando para isso uma amostra da hóstia depois de consagrada. Por que será que a ICAR não cede uma amostra para estudos? Isso esclareceria a mente dos fiéis e não os colocaria em saia justa tentando justificar supostas transubstanciações medievais, como esse caso de lanciano.

    Esse conceito de transubstanciação foi firmado pelo Concílio de Trento em 1551 (fonte: http://www.montfort.org.br/old/documentos/trento.html) pela ICAR. Se realmente acreditassem nesse conceito atualmente, era só formar uma comissão independente de cientistas, dar uma amostra de hóstia pós-consagração e colher uma amostra de DNA humano dessa hóstia consagrada, simples. A fé estaria comprovada cientificamente. E os pobres ateus teriam que dobrar seus joelhos. Agora adivinha porque não fazem isso… Elementar meu caro Watson! No máximo conseguiriam estrair amostra de DNA do trigo. Ou seja, apelariam para um truqe bem conhecido de retórica justificando que o trigo é algo incidental, mas o que está ali é o corpo do salvador, mesmo não sendo possível a extração de DNA.

    A ICAR não adotou o conceito de consubstanciação (definição: http://dicionarioportugues.org/pt/consubstanciacao), que seria algo bem mais aceitável do ponto de vista científico (não plenamente, mas teríamos um cenário melhor para tentativas de se justificar a fé pela ciência).

  • Sandra Valéria

    Quanta bobagem dita aqui!!!! Fundamentos fracos e não convincente. Antigamente não havia necessidade de selos em atestados. Isso foi publicado na época e esse sangue e carne continuam intactos guardados numa Custódia de Prata.
    Um sangue e tecido humano, jamais se conservariam por tanto tempo. Se deterioraram e mudavam sua consistência .

    Frágil este dito “desmascaramento”!!!!

    Muito mais forte e consistente o “milagre”…..parece até que vocês são inimigos de Deus e da fé!!!!!

    Pryderi respondeu:

    Não, não. O Milagre é a hóstia virar carne. Carne conservada temos em várias múmias, naturais ou artificiais.

    Vamos lá, crentinho, me prova que aquele bife santo era uma hóstia.

    NestorBendo respondeu:

    Para quem sequer leu todos os comentários, você é muito temerária. Além disso, você mesma pôs “milagre” entre aspas. Não digo mais nada.

    Eu SOU inimigo do seu deusinho escroto e da sua fé inútil. São um atraso de vida para a nossa sociedade.