Cristãos ajudam a reconstruir templo de Candomblé destruído por outros cristãos

Voz dos Alienados 99
Seu filho só come as tranqueiras que você compra ao invés de coisas saudáveis? Culpe o YouTube

Eu sou extremamente crítico sobre as merdas que religiosos fazem em nome de sua religião. Mas, de vez em quando, eles acertam. Poderia ser mais pra linha “de vez em sempre”, mas o mundo não é como eu gostaria que fosse, ou eu já teria sido coroado Imperador do Universo. E se religiosos acertam, o mínimo de honestidade que devemos ter é mostrar que não é porque você tem uma religião que tenha que ser um cuzão, como os integrantes de um terreiro candomblecista tiveram o prazer de vivenciar.

A yalorixá Mãe Conceição d’Lissá é a guia espiritual do terreiro de candomblé Kwe Cejá Gbé – A Casa do Criador – em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Ela já passa por maus bocados na região há muito tempo. Só em 2014 seu terreiro foi incendiado. Registrou BO, mas ficou por isso mesmo. Várias vezes seu terreiro recebeu visitas nada cordiais dos seguidores do Príncipe da Paz, do Maravilhoso Conselheiro, do Cordeiro de Deus, aquele que disse amai-vos uns aos outros.

Seria o momento que eu mostraria uma indignação (com razão) sobre como pessoal pode professar uma religião que manda amar o próximo e faz uma merda dessas. Não dessa vez. E isso por causa de outros evangélicos.

A pastora Lusmarina conduz o seu rebanho pela Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil. Luteranos, assim como Batistas e Presbiterianos, são uma classe de cristãos protestantes que eu respeito. Normalmente, não são aquele bando de fanáticos toscos e arruaceiros das Assembleias de Deus da vida. Universal? Nem vou tocar no assunto! Só o fato de para ser um pastor luterano é preciso estudar ao invés de ser bom de lábia e excelente em enganar pessoas humildes, já faz dos luteranos muito superiores (mesmo caso dos batistas e presbiterianos). Ciosa das palavras do Filho do Homem, que disse que seus seguidores seriam a Luz do Mundo, a nobre pastora levou três de seus paroquianos para ajudar a reconstruir o terreiro. Por quê?

Mateus 9:35-36 – Então disse a seus discípulos: Na verdade, a seara é grande, mas os trabalhadores são poucos. Rogai, pois, ao Senhor da seara que mande trabalhadores para a sua seara.

A própria Lusmarina foi a responsável por angariar fundos para ajudar na reconstrução do terreiro em 2014, depois do incêndio. Ganhou de presente o ódio de outros cristãos, inclusive de um desclassificado no YouTube que a xingou de nomes que alguém que segue a religião que professa que os mansos herdarão a Terra não deveria usar.

Prª Lusmarina não se incomoda com isso. Ela tem em mente que ajudar o próximo é mais importante. Que o amor, paz e o perdão é que deve prevalecer por sobre a impoluta raiva que esta ralé de ignorantes destila.

Sim, eu sei que é chocante para vocês descobrir que eu não sou contra a religião como forma das pessoas encontrarem seu lugar no mundo. Meu problema com as religiões é o uso para manobrar e manipular massas, extorquindo de quem não tem e propagando ódio. Se Mãe Conceição acredita em Iemanjá eu estou pouco me importando. Se Prª Lusmarina acredita em um judeu que caminha sobre o mar revolto, eu não dou a mínima. Quando começa a afetar liberdades individuais e gera briga, aí, sim, me incomoda E MUITO.

Então, fica a lição: você tem o direito de ter a religião que quiser. Mas isso não lhe dá o direito de ser um cuzão. Porque, no final das contas, eu até posso estar errado, existir um Inferno e estarei condenado a passar a Eternidade lá. Mas nesse caso, será certo que Lusmarina estará sentada à direita de Deus, enquanto os retardados que gostam de destruir templos dos outros estarão se fodendo comigo nas profundezas, e eu passarei até o fim dos tempos sacaneando estes putos.


Fonte: BBC

Voz dos Alienados 99
Seu filho só come as tranqueiras que você compra ao invés de coisas saudáveis? Culpe o YouTube

Sobre André Carvalho

και γνωσεσθε την αληθειαν και η αληθεια ελευθερωσει υμας

Quer opinar? Ótimo! Mas leia primeiro a nossa Polí­tica de Comentários, para não reclamar depois. Todos os comentários necessitam aprovação para aparecerem. Não gostou? Só lamento!