Padre italiano cancela concurso de “Miss Freira” por críticas

Os italianos estão mestres em trazer inúmeras pérolas. Pelo visto, acharam pouco terem criado leis malucas. O sacerdote italiano Antonio Rungi, que tinha lançado um concurso na Internet para escolher a freira mais bonita do país, suspendeu momentaneamente a iniciativa ao considerar que havia gerado muita “confusão” e após ter recebido algumas críticas, informa a agência EFE.

Em um comunicado, nosso querido amigo Rungi tinha pedido às religiosas e noviças entre 18 e 40 anos que mandassem fotos para participar de um concurso de beleza, que acabaria “com alguns preconceitos sobre que as meninas menos bonitas se tornam freiras”.

Não, você não leu errado e eu não fumei, injetei, bebi ou enfiei em algum dos meus orifícios nada . O bom cônego realmente queria fazer um concurso de Miss Freira! Conseguem imaginar as castas noivas de Jesus mostrando-se igual a pedaços de carne, perante a cupidez de olhares obscenos? Eu consigo e adoraria ver isso :-D

O bom sacerdote explicou que decidiu cancelar a iniciativa ao considerar que foi “mal interpretada”, pois seu objetivo era só “contar, através da internet, a vida nos conventos e os relatos mais belos da vida das religiosas”. Isto é, daria algo como a biografia da Cicciolina.

O mundo não está maluco, meus caros. Vocês apenas ficam mais tempo sóbrios.

“É uma iniciativa que diminui o papel das freiras consagradas a Deus, às missões, às obras de caridade, e aos mais indefesos”, rezava um comunicado emitido pelo presidente da Associação Cultural de Docentes Católicos, Alberto Giannino.

O padre, que eu imagino que passe a ser cotado pra G Magazine, afirmou que, após ser divulgada a notícia do concurso, recebeu, através de seu blog, “duras injúrias” e ameaças de “ir ao inferno”. Eu duvidaria muito disso, se não fossem os comentários que recebo aqui todos os dias. Ovelhinhas do Senhor parlando e gesticulando e xingando o nobilíssimo padre, porca miséria, cáspite!

Viu só como é triste a vida de blogueiro, reverendo? E olha que o Sabino ainda não aportou nele e nem o idiota do Haddammann sei-lá-do-quê.

O religioso ainda esclareceu que o concurso queria ser uma “provocação” para “chamar a atenção para o mundo das freiras, freqüentemente pouco valorizado”, e sobre “a falta de vocações entre as mulheres italianas”. Em suma, segundo a sacro santa mente do religioso, depois do concurso de miss, a mulherada veria como é bom entregar o corpo pra Igreja (ops!). Rungi assegurou que o “concurso” será retomado somente quando as pessoas entenderem “a bondade da iniciativa” e essa não for mal interpretada.

Em suma: Quando a galinha criar dente…


Fonte: Uol Notícias

3 comentários em “Padre italiano cancela concurso de “Miss Freira” por críticas

  1. Ao menos é um padre que parece gostar da fruta :mrgreen:
    É triste a situação que essas freiras se encontram. Principalmente as que ficam enclausuradas. Considero a clausura uma violência contra a mulher (ainda que tenha sido uma escolha pessoal).

Deixe um comentário, mas lembre-se que ele precisa ser aprovado para aparecer.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s