Carta do prof. João Batista Canalle esclarecendo sobre a vakinha

No dia 14, eu divulguei um craudifundingui promovido pelo comitê organizador da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica. Nele, o pessoal do OBA, coordenado pelo prof. dr. João Batista Canalle, pedia a colaboração para a compra de um planetário digital, a fim de melhorar um pouco o ensino de Astronomia, num pais que ainda vive na Idade Média.

Aquilo realmente mexeu comigo. Eu fiquei bolado, Fiquei irritado. Fiquei puto bagarai. Dinheiro pra Estádio tem. Gente doando dinheiro para político ladrão sentenciado pela Justiça, tem. arrumar uma grana pra melhorar o ensino não tem? Aqui, ó!

Comecei uma cruzada tuiteira. Redes sociais funcionam? Vamos ver…

Continuar lendo “Carta do prof. João Batista Canalle esclarecendo sobre a vakinha”

Hamas está vendendo estátua de Apolo. No mon deles ser mais barato

O filho de Leto estava adormecido, na escuridão. Uma vergonha para quem simboliza o Sol e a luz da Verdade. O irmão de Ártemis estava lá, esquecido, até que o poderoso rei dos Deus ergue-se em toda a sua estatura e ordena. Que o filho de Zeus venha das profundezas e que o Sol brilhe em sua fronte.

E como os deuses são caprichosos, Zeus fez de seu instrumento um simples pescador, que ergueu um dos deuses primordiais do reino de Posseidon e levou-o para casa, sem saber que ali havia 500kg  de cultura e 2000 anos de História.

Continuar lendo “Hamas está vendendo estátua de Apolo. No mon deles ser mais barato”

Ei, moço! Ajuda nóis aí!

Bem, vocês á devem ter visto a novidade ao lado (se ão viram, limpem o cache do seu navegador). É um botão de doação. Por quê? Simples de responder: Por que não? Estamos nessa longa estrada da vida, trazendo informações para vocês, conhecimento e, claro, diversão, pois ninguém é de ferro. Eu podia usar de um lenga-lenga sobre como esse trabalho é custoso, quanto damos sem pedir nada m troca blábláblá. É apenas um botão de doação, contribui quem quiser e, melhor ainda, com quanto quiser. Se acham que o trabalho merece uns caraminguás que você encontrou atrás do sofá ou para impedir que seu marido cachaceiro torre tudo em conhaque dreher (benzo-me), que tal dar dinheiro para alguém que você ame de paixão? Depois, se sobrar, dá o dinheiro pra mim.

Quer uma desculpa melhor? Bem, esse dinheiro é pro ônibus (penso em comprar uma frota deles). Não serve? Pra minha Ferraria? Não, né. Ok, sou professor! Que tal isso?

Pense que vocês estarão ajudando o Divino Espírito Santo, que conseguirei assim retardar o Apocalipse Maia,que ajudarei a Agência Espacial Brasileira a produzir mísseis balísticos, que conseguirei arrumar sacrifícios para Kali ou manterei nossa nação livre da invasão alien no 7 de setembro.

Não há valor mínimo, mas também não há teto máximo (entenderam? Hein? Hein?), bata clicar no botão e dizer quanto quer doar. A transação é segura, pois é pelo Paypal; e mesmo que você não doe nada, pode ter certeza que continuaremos aqui, com artigos do seu interesse, emitindo opiniões que pode não ser tão interessantes assim. E se sua grana não dá para essas extravagâncias, lembrem-se que há maneiras de contribuir, compartilhando os links no Twitter, Facebook, Google Plus ou via e-mail, mesmo. Assim, pelo menos, você ajuda a divulgar o nosso trabalho

Obrigado a todos e mais ma vez um excelente 2014 a todos!

Ciência Brasileira FTW! Neurociência vale menos que homeopatia

Ciência no Brasil é tratada como piada. E de mau gosto. Eu canso de postar notícias aqui e já nem ia mais colocar links pro que eu já escrevi, mas isso tem que ser lembrado e relembrado. Desde a tristeza que aconteceu no Instituto Vital Brasil até a ignomínia do despejo do Instituto de Arqueologia Brasileira, Ciência é tratada como lixo.

A palhaçada agora foi a recusa de financiamento por parte do CNPq para o trabalho da drª Suzana Herculano-Houzel, minha neurocientista favorita.

Continuar lendo “Ciência Brasileira FTW! Neurociência vale menos que homeopatia”

Segundo arcebispo caloteiro, Judiciário não pode se meter com a Igreja

Hoje é Halloween. Samhain soltou as suas hostes, banshees começam a chorar, leprechauns pegaram seus podes e ralaram peito, as sluagh sídhes soam sua malévola gargalhada e os Tuatha de Danann desembainhamos nossas espadas. A Matrix deu uma rabeada mas os os jedis deram um jeito. O Arcebispo de Porto Alegre, Dom Dadeus Grings (piada pronta não tem graça!) foi condenado pelo Tribunal de Justiça de São Paulo a pagar, junto com a Arquidiocese de São João da Boa Vista, R$ 940 mil por causa de uma ação por dano moral. A choradeira começou!

Continuar lendo “Segundo arcebispo caloteiro, Judiciário não pode se meter com a Igreja”