Crente tosco anti-vaxxer processa escola. Perde e ainda ganha catapora. Valeu, Darwin!

Jovem é um grupo de seres que só farão algo que preste no Universo quando acabarem. Anti-vaxxers são criaturas imbecis. Fanáticos religiosos são criaturas retardadas. Quando junta tudo, temos o supra-sumo da estupidez em níveis galácticos. Um exemplo é um retardado chamado Jerome Kunkel. Esta cavalgadura é jovem, crente fanático, anti-vaxxer e… bem, é crente fanático e anti-vaxxer. Não tem como piorar! (ter, tem, mas aí ele teria que ser o Carlos Bolsonaro). A toupeira se recusou a tomar vacinas, foi suspenso da escola em que estudava e, por causa disso, foi suspenso, ficou putinho e meteu a instituição no pau. Ele perdeu.

Agora, é jovem, crente fanático e anti-vaxxer. Tem como piorar? Claro que tem! Este boçal contraiu catapora.

Continuar lendo “Crente tosco anti-vaxxer processa escola. Perde e ainda ganha catapora. Valeu, Darwin!”

YouTube cassa monetização de anti-vacinas

Você viu essa notícia e comemorou. “EEEEEEEEEE!!!!!! Finalmente o YouTube meteu bronca nesses canais anti-vaxxers do inferno”. Anti-vaxxers (ou anti-vacinas, como queiram) são uma ralé e tem mais. Mas muito mais! Eu também não suporto esta raça criminosa. Mas aí veipo a notícia que o YouTube cassou a monetização desse pessoal e geral comemorou.

Se você é um deles, parabéns, é um idiota e não entendeu ainda como o YouTube age.

Continuar lendo “YouTube cassa monetização de anti-vacinas”

YouTube desmonetizou canais anti-vacina. Sabem o que isso significa?

A rigor, Nada. Mas pessoal ainda acredita na bondade do YouTube. Sim, eles realmente estão removendo as monetizações (e não propaganda) de vídeos que promovem conteúdo anti-vacinação, citando a proibição de material “perigoso e prejudicial”. O Tubo foi lá nas empresas que anunciam em canais de anti-vaxxers para dar aquele toquezinho camarada. Obviamente, você é burro e comprou esta ideia, né? Se comprou, não se preocupe, você não foi o único.

Continuar lendo “YouTube desmonetizou canais anti-vacina. Sabem o que isso significa?”

Brasil prestes a perder título de erradicação do sarampo. Valeu, pessoal!

O SUS é um dos melhores serviços de saúde pública do mundo. Sim, isso o que você leu. O problema do SUS não é ser o SUS, e sim falta de dinheiro. Para isso, o Adib Jatene tinha criado o CPMF, para arrecadar dinheiro de forma a suplantar a verba com saúde pública. O sucesso do CPMF foi o maior problema, já que a imensa grana arrecadada arregalou os olhos o Governo, que usou o montante para tudo, menos pra saúde. Ainda assim, o SUS possui um dos mais bem-sucedidos programas de vacinação se comparado mesmo com países ricos. Daí um bando de energúmenos diz, com informações tiradas da bunda, que vacinas fazem mal. Que as pessoas podem viver sem ser vacinadas (estou cansado de explicar imunidade de rebanho). O resultado é esse: Brasil poderá perder certificado de eliminação do sarampo.

Continuar lendo “Brasil prestes a perder título de erradicação do sarampo. Valeu, pessoal!”

Vacinação atinge pior nível em anos

Saúde não é levada a sério no Brasil, como quase todas as outras coisas. Não estamos falando apenas de ações governamentais, mas o próprio brasileiro médio é tosco, burro e idiota. Com o crescimento de gente iletrada achando que vacinas fazem mais mal que bem, acaba-se não levando as crianças para serem vacinadas e isso acabou num dos piores índices e pessoas vacinadas na campanha de vacinação deste ano.

Continuar lendo “Vacinação atinge pior nível em anos”

Antes erradicado, Brasil volta a ter casos de sarampo

Sim, amiguinhos. Temos casos de sarampo agora. Como? Graças a refugiados vindo do paraíso bolivariano da Venezuela, que esquerdistas tanto afirmam ser uma maravilha de lugar. É, pois é, as pessoas estão fugindo da felicidade!

A vítima em questão é um bebê venezuelano que veio pro Brasil junto com os pais; você achou ruim? Piora! Há ainda outros sete registros em investigação em Roraima, sendo um de brasileiro. A que devemos isso?

Continuar lendo “Antes erradicado, Brasil volta a ter casos de sarampo”

Por que rir de anti-vaxxer é tão perigoso e como as vacinas funcionam

Com os altos índices de febre amarela e o número absurdo de mortes (uma já é algo inaceitável em pleno século XXI!), volta à cena dois tipos de imbecis: anti-vaxxers e gente que acha anti-vaxxers engraçados. Isso vem de uma compreensão errônea dos dois lados, posto que são duas classes de imbecis que sucumbiram à Teoria da Ferradura ao não saber como vacinas funcionam.

É muito tentador, reconheço, rir de idiotas que não querem se vacinar e se exporem ao risco de morrer de uma doença infecto-contagiosa. A frase “Darwin cuida” bem vem à garganta, mas quando você para 2 segundos para pensar, tendo ciência de como vacinas funcionam, o único comentário é “putz!”. Mas por que eu estou falando isso?

Continuar lendo “Por que rir de anti-vaxxer é tão perigoso e como as vacinas funcionam”

“Vacinas mataram o meu bebê”

Eu sei, vocês virão me xingar. Ainda mais porque não conhecem o conceito de aspas. De qualquer forma, este foi o título de um panfleto que uma mãe imbecil distribuiu colocando em caixas de correio ao longo dos Estados Unidos, é um título chamativo, estridente e com um texto apelativo e aterrorizante!

Aterrorizantemente falso, escrito por uma anti-vaxxer desclassificada (desculpem o pleonasmo), que tem um livro “escrito para educar as crianças sobre os benefícios de ter sarampo”.

Continuar lendo ““Vacinas mataram o meu bebê””

Mamãe tosca vai em cana por se negar a vacinar filho

Existe gente burra, gente estúpida, gente absurdamente idiota, gente com QI de Archeas, gente que elege o Bolsonaro e o pessoal do movimento anti-vacina, só perdendo em retardo mental para criacionistas. Já tem um certo tempo que a Justiça dos Estados Unidos está se tocando a imensa cagadas que estes imbecis fazem (enquanto isso, você prefere bater boca com terraplanista). Esta semana uma mãe tomou na cabeça por ser processada pelo pai do seu filho, porque a imbecil não queria vacinar a criança.

Claro, ela chiou feio, chilicou muito e estou rindo sadicamente aqui. Continuar lendo “Mamãe tosca vai em cana por se negar a vacinar filho”

Cai número de crianças vacinadas em 2016. Evil Darwin compra um bloco maior

Nada como a tendência humana de se auto-destruir, como diria o T-800. O brasileiro não é diferente. Talvez pior, ainda mais que temos a noção que o Brasil é um país que odeia Ciência. Com tanta divulgação de besteiras de Nova Era, como homeopatia, quiropraxia, Reiki e até gente ficando de dancinha no SUS, só podia dar no que deu[1] [2]. Desde 2013, a cobertura de vacinação para doenças como caxumba, sarampo e rubéola vem caindo ano a ano em todo o país. Imunidade de rebanho será algo lembrado pela meia dúzia de pessoas que não contraíram pólio, difteria ou varíola, que do jeito que está, são doenças que voltarão muito em breve. Continuar lendo “Cai número de crianças vacinadas em 2016. Evil Darwin compra um bloco maior”