Laugh Track – A Ciência da Trilha de Risada

O riso é uma expressão praticamente humana. Nos faz nos sentir bem e demonstramos com isso que estamos apreciando determinada situação. Por isso foram criadas as piadas, peças de comédia e isso evoluiu para programas de rádio e TV. O problema é que nem sempre as pessoas achavam engraçado, o que era ruim para programas ao vivo. Com isso foi inventado o laugh track ou trilha de risada. Aquele disco chato de gente rindo, de forma a lhe convencer que um esquete de algum programa de humor sem graça é engraçado. Pior que realmente ajuda a fazer você achar engraçado.

Mas como a laugh track começou? Por que começou? Bem, vamos ao vídeo, pois tem ciência e tecnologia por detrás disso.

Continuar lendo “Laugh Track – A Ciência da Trilha de Risada”

Baleias e golfinhos tem relações sociais complexas e até dialetos

Uma das ideias estúpidas que se tem é que humanos se diferem de outros animais por causa das relações sociais que os primeiros conseguem estabelecer. Só se for xingar muito no Twitter e produzir textão fanfiqueiro no Facebook. Eu nem vou falar dessa vez de vespas, abelhas e outros insetos sociais. Baleias e golfinhos vivem em grupos sociais bem unidos (talvez mais até que você e sua família). Eles mantêm relações complexas, trocam ideias e conseguem até mesmo desenvolver dialetos regionais. Continuar lendo “Baleias e golfinhos tem relações sociais complexas e até dialetos”

Experimento de Conformidade de Asch

O quanto você acha que é responsável pelas suas decisões? Totalmente? Claro, porque ninguém faz a sua cabeça, certo? Olha, tenho más notícias: você é, sim, influenciado por outras pessoas. Mesmo sem saber.

Solomon Asch foi um psicólogo comportamental que estudava a ação de grandes grupos sobre indivíduos, ainda que de forma indireta, bem como os fatores de pressão social. Sendo assim, ele criou o famoso Teste de Asch, que visa estudar como um grupo de pessoas ao nosso redor pode influenciar nossas próprias decisões, mesmo quando temos consciência que é uma decisão errada. Temos vídeo sobre isso? Sim, nós temos vídeos sobre isso!

Continuar lendo “Experimento de Conformidade de Asch”

O que é Efeito Forer

Em 1948, Bertrand Forer deu aos seus alunos um teste. Este teste visava medir o comportamento deles e os alunos tinham que marcar o quanto o texto acertou sobre eles. Quase todos os alunos disseram que o texto tinha muito a ver com eles. Ao solicitar que os alunos trocassem os papéis, eles viram que era o mesmo texto,. Um texto genérico que podia ter tudo a ver com qualquer um, basicamente o motivo da astrologia “funcionar” com as pessoas.

E sim, tem vídeo sobre isso!

Continuar lendo “O que é Efeito Forer”

Os segredos genéticos dos cananeus

Você deve conhecer algo sobre os cananeus, aquele povo que Jeová mandou que os israelitas aniquilassem, já que o deusão achou uma boa ideia dar a terra dos caras pra hebreuzada, com quilômetros e quilômetros de terras vazias. Obviamente, isso e mito, historinha pra boi dormir. Mas o que realmente se sabe do povo que viveu lá pelas bandas da Palestina até a Jordânia?

Agora, Arqueologia e Genética procuram responder a perguntas como “quem diabos, eram aqueles caras?”. Nem me preocupo em responder a coisas tipo “eles foram mesmo massacrados pelos israelitas?”, pois a resposta é óbvia.

Continuar lendo “Os segredos genéticos dos cananeus”

Entrevista mostra que pessoas ainda estão naquela de “tarefa de menino” e “de menina”

Muitos heterossexuais não entenderam como homossexuais funcionam. Não, não estou me referindo a isso, mas aquilo. Não, péra. Aquilo também não. Ah, desisto, a maioria dos héteros não sacam nada sobre homossexuais, por isso saem aquelas perguntas idiotas como “quem entra vestido de noiva na cerimônia de casamento?”

Um grupo de cientistas sociais (sim, eles existem, longe dos babacas que ficam discutindo miséria em apartamento da Vieira Souto) resolveu pesquisar a percepção da população dos EUA sobre como veem.

Continuar lendo “Entrevista mostra que pessoas ainda estão naquela de “tarefa de menino” e “de menina””

Quando o fogo ajudou a espalhar tuberculose. Ou mais ou menos isso

Tuberculose sempre foi um problema sério e responsável pela morte de milhões de pessoas. Contraiu tuberculose, podia encomendar o caixão. Era um destino inexorável, definitivo, usado em várias obras literárias para determinar que aquele personagem ia morrer de qualquer jeito, e a história teria que se dar naquele ponto até seu fim último. Desde Floradas na Serra até o filme do Moulin Rouge (que nada mais é que uma versão da Dama das Camélias).

Tuberculose não é nada recente, pelo contrário, mas como esse ser do Inferno conseguiu sua letalidade? De acordo com alguns pesquisadores, o grande responsável pelo alastramento desse ser do mal é por causa dele, o fogo.

Continuar lendo “Quando o fogo ajudou a espalhar tuberculose. Ou mais ou menos isso”

Projeto monta base de dados sobre diversidade cultural

A Psicohistória, de acordo com a magnífica obra Fundação, de Isaac Asimov, é o ápice de todas as ciências sociais levada ao máximo da matematização. Longe da desculpas tipo “Não sei, sou de Humanas”, a Psicohistória, através de inúmeras equações matemáticas seria capaz de prever o desenrolar de eventos futuros, tomados em grande escala. Ou seja, ela não pode prever o que um indivíduo fará, mas pode descrever como uma sociedade reagirá mediante certos eventos.

Mas, para que isso fosse possível, era preciso vir registrando tudo o que fosse acontecendo, mediante forças sociais que mudaram o mundo. Assim, uma equipe pesquisadores está desenvolvendo um site para ajudar a responder a perguntas de longa data sobre as forças que moldaram a diversidade cultural humana.

Continuar lendo “Projeto monta base de dados sobre diversidade cultural”

Obama quer que você leve seu filho e filha a um laboratório

Os Estados Unidos da América não é um país perfeito e, claro, tem muitos defeitos, como muitas vezes se meter em problemas alheios, normalmente piorando a situação. Mas a despeito de suas loucuras, eles ainda mantém um certo espírito de coletividade (e isso pode ser exagerado, às vezes, mas são outra cultura). Eles têm vários projetos, como o Take Our Daughters and Sons to Work Day. Esta iniciativa estimula que pais e responsáveis levem seus filhos e filhas para um dia de trabalho, para que eles entendam como é um dia do adulto, o esforço que ele tem que fazer para sustentar a família, das responsabilidades e até despertar uma fagulha do que pode ser uma carreira a ser seguida.

Outra coisa que eu admiro é que, diferente do Brasil, eles não têm um ódio patológico pela Ciência em 90% de sua sociedade. Por isso, Obama quer que os pais levem seus filhos a um laboratório.

Continuar lendo “Obama quer que você leve seu filho e filha a um laboratório”

Acampamento viking encontrado próximo a aeroporto na Noruega

Vikings formaram uma civilização fascinante. Ok, que eles saíam saqueando terras alheias, estupravam as mulheres, pegavam escravos etc. Bem, pessoal admira os gregos e romanos, sendo que estes nunca foram bonzinhos. Vikings não perdem em termos de selvageria em nada para outras civilizações, como o que os espanhóis e portugueses andaram aprontando durante o período das grandes navegações ou o alvorecer do império britânico.

Este ano, a Noruega anunciou planos para expandir seu aeroporto de Ørland . Arqueólogos praticamente ficaram salivando pela chance de dar uma escavada no local e dar uma olhada no que poderia ser encontrado ali. E realmente foi, mas bem mais do que esperavam.

Continuar lendo “Acampamento viking encontrado próximo a aeroporto na Noruega”