[REPOST] Por que não comer carne na Sexta-Feira Santa?

bife.jpgO Cristianismo tem muitas coisas legais. Eu adoro Jesus. Quando ele nasce eu ganho presentes, quando morre é feriado e quando ressuscita, eu ganho chocolates. Jesus é um cara bem legal. Tão legal que nunca condena ninguém. Daí, vem um monte de toscos e proíbem que comamos carne. Por quê? Qual o problema?

Isso começou coma frescura da Igreja Católica que as pessoas têm que estar infelizes, já que o deusão está bolado com a humanidade (de novo!) Isso faz sentido?

Continuar lendo “[REPOST] Por que não comer carne na Sexta-Feira Santa?”

Semana Santa, feriados religiosos e a hipocrisia generalizada

Nenhum grupo está livre da hipocrisia. Pelo contrário, ela abunda em todos os grupos sociais. Isso acontece no dia-a-dia, mas nem sempre é visível; é preciso algum evento que intensifique este fenômeno inerentemente humano. Nos próximos dias, teremos um perfeito exemplo disso. Aliás, já estamos: é a Semana Santa. Uma data que eu nunca entendi direito, pois é feriado o dia que Jesus entrou na porrada, Papai do Céu ficou puto da vida com isso, sendo que era preciso isso ou jamais haveria Cristianismo. Jesus volta do reino dos pés juntos, disse “Rá! Pegadinha de Jesus” e andou dando umas perambuladas (mas só os apóstolos o viram. Curioso, não?)

Mas a hipocrisia não é essa. É do pessoal revoltz que chilica por qualquer coisinha. Se veem uma decoração de Natal ficam putinhos, se olham para uma igreja xingam muito no twitter e reclamam até de entrevista de padre. Fica a pergunta: eles não reconhecem a folga desta semana, não é? E a da semana que vem?

Como assim “semana que vem”?

Sílvio Santos, digo, Sexta-feira Santa vem ai! Olê, olê, olá!

Estamos na Semana Santa. Aquela semana cristã onde é ensinado como somos um bando de filhos de Madalena, Jesus foi parar no pau-de-arara e Deus tá puto da vida com todos por causa disso. Curiosamente, se Jesus não tivesse indo pro pelourinho, o Cristianismo não existiria. Em outras palavras, Jesus teve que entrar na porrada e ir pra vala para que sua doutrina existisse, e Deus ainda fica puto com todos por causa disso? Ele deveria nos presentear!

Mas Semana Santa não é só dia de choro e ranger de dentes. Vai ter Dia do Coelhinho (seu eu fosse como tu…), mas antes, temos o almoço de Sexta-Feira da Paixão, que apaixonadamente nos entregamos a muitas iguarias. Mas cuidado com a picanha que é pecado, hein?

Continuar lendo “Sílvio Santos, digo, Sexta-feira Santa vem ai! Olê, olê, olá!”

Calendário com travestis causa frisson no Ceará e político dá piti

E mais uma vez eu estava aqui, sentindo-me feliz que nem filhote de Gallus gallus domesticus em ambiente de rejeitos não aproveitáveis quando me chega a notícia incrível, fantástica e extraordinária: A funkeira Mulher Filé visitou o zoológico de Buenos Aires. Infelizmente, isso não é problema meu e sim do advogado que3 teve que ir tirar ela de lá. Virei a página de meu leitor de RSS e descubro que no Ceará pode não ter disso, não, mas com certeza tem calendário religioso. Isso até nem seria de se estranhar, se não fosse ilustrado com fotos de homossexuais, travestis e bees fazendo referência a obras sacras.

Anotando dia-a-dia as loucuras do mundo, esta é a sua SEXTA INSANA!

Continuar lendo “Calendário com travestis causa frisson no Ceará e político dá piti”

Conheça e aceite o verdadeiro Jesus!

Não basta nos apegarmos a uma religião. Temos que enfrentar a realidade todos os dias e é bom que haja a religiosidade para nos dar sintonia com algo mais alto, como Deus, anjos ou a administradora do cartão de crédito. Para isso, temos que abraçar uma religião, apesar de eu preferir abraçar certas irmãs, mas devo conter meus pensamentos pecaminosos hoje, dia de Sexta-Feira da Paixão, cuja maior paixão é baixar a porrada num carpinteiro desempregado.

Sendo um homem com sólida formação cristã, eu respeito muito qualquer obra ou publicação que explique as religiões para jovens e adolescentes, principalmente se for em literatura palatável, como é o caso das histórias em quadrinhos (HQ). E se você gosta de mangá, por que não pegar um de origem do povo do Sol Nascente? E eu não me responsabilizo pelas obras alheias.

Continuar lendo “Conheça e aceite o verdadeiro Jesus!”

Sexta-feira Santa: Dia do Vegan

Eu nunca entendi direito da proibição (ou "recomendação singela", que se você violar lhe fará ir pro Inferno) de comer carne na Sexta-Feira Santa, também chamada Sexta –Feira da Paixão, mesmo levando em conta que, com certeza, não só Pilatos não tinha paixão nenhuma pelo nazareno maluco beleza, como o Sinédrio e toda a galera que mandou libertar Barrabás. Deveria ser Dia do Barrabás, que foi o único que se deu bem no relato mitológico. Minha estranheza é tanta que até postei sobre isso no ano passado. Como sempre, não há resposta… pelo menos, nenhuma resposta racional.

Continuar lendo “Sexta-feira Santa: Dia do Vegan”